ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Access the full edition in FlipBook format. 'Click here'

EDITORIAL

ORIGINAL ARTICLE

Study of the prevalence of morphological varieties of cleft lip and palate in a tertiary medical center

JOSÉ FERNANDO POLANSKI; BRUNO SATY KLIEMANN; EMANUELLY FREYHARDT; RITA DE CASSIA TONOCCHI; RENATO DA SILVA FREITAS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):389-393

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: To verify the prevalence, in a specialized medical center, of the different morphological varieties of orofacial clefts and classify them with details of the affected anatomical structures.
Methods: Observational, cross-sectional, retrospective study, based on a review of medical records of children born between 1989 and 2014 who had some kind of cleft lip and/or palate. The type of cleft was analyzed regarding the incisive foramen. Besides, details on the involvement of the lip, dental arch, nasal filter, soft palate, and/or hard palate and uvula were also collected.
Results: 1078 medical records of patients with cleft lip and palate were analyzed. When comparing genders, in females, there was a predominance of post-foramen cleft (16.7%), while in males, trans-foramen was more prevalent (25.2%). Separating the cleft as unilateral or bilateral, unilateral ones appeared in more than 75% of patients. Regarding the pre, post, and trans-foramen position, the first two appeared similarly, about 30% each, while the trans-foramen appeared in about 40%. As for the side, the unilateral slits on the left were predominant in both sexes (62% of the unilateral ones). Regarding the anatomical details of the structures involved, the most common injuries were those that involved from the lip to the soft palate.
Conclusion: The most prevalent type of cleft was unilateral trans-foramen. In the female gender, the post-foramen cleft, and in the male, the transformation was the most frequent. Unilateral fissures were more common than bilateral fissures, and when unilateral, there was a predominance of lesions on the left.

Keywords: Cleft Palate; Child; Cleft lip; Craniofacial abnormalities; Surgery, Plastic

 

RESUMO

Introdução: Verificar a prevalência, num centro médico especializado, das diferentes variedades morfológicas de fissuras orofaciais e classificá-las com detalhes das estruturas anatômicas acometidas.
Métodos: Estudo observacional, transversal, retrospectivo, baseado em revisão de prontuários de crianças nascidas entre os anos de 1989 e 2014, que apresentassem algum tipo de fissura de lábio e/ou palato. Foi analisado o tipo de fissura, tendo por referência o forame incisivo. Além disso, detalhes sobre o acometimento do lábio, arcada dentária, filtro nasal, palato mole e/ou palato duro e úvula também foram coletados.
Resultados: Foram analisados 1078 prontuários de pacientes com fissura lábio palatina. Comparando entre os sexos, no feminino houve predomínio da fissura pós-forame (16,7%), enquanto que no masculino a transforame foi mais prevalente (25,2%). Separando as fendas como uni ou bilaterais, as unilaterais apareceram em mais de 75% dos pacientes. Em relação a posição pré, pós e transforame, as duas primeiras apareceram de forma semelhante, cerca de 30% cada, enquanto a transforame apareceu em cerca de 40%. Quanto ao lado, as fendas unilaterais à esquerda tiveram predomínio em ambos os sexos (62% das unilaterais). Sobre o detalhamento anatômico das estruturas envolvidas, as lesões mais comuns foram aquelas que envolveram desde o lábio até o palato mole.
Conclusão: O tipo de fissura mais prevalente foi a transforame unilateral. No sexo feminino a fissura pós-forame e no masculino a transforame foram as de maior ocorrência. As fissuras unilaterais foram mais comuns do que as bilaterais e quando unilaterais houve um predomínio de lesões à esquerda.

Palavras-chave: Fissura palatina; Criança; Fenda labial; Anormalidades craniofaciais; Cirurgia plástica

 

Non-syndromic craniosynostosis: a retrospective analysis

PAULO VÍCTOR CUNHA COSTA; MURILO SGARBI SECANHO; LEON CLERES PENIDO PINHEIRO; MARCELO HANATO SANTOS; ARISTIDES AUGUSTO PALHARES; PEDRO TADAO HAMAMOTO-FILHO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):394-401

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Craniosynostoses are defined as premature fusions of one or more cranial sutures. They can be classified according to the sutures involved, correlated malformations and genetic alterations, and maybe syndromic or not. Its incidence is estimated at 1: 2,000-2,500 live births, with only 8% being syndromic. There are multiple surgical options for the correction of these malformations, and early referral to specialized centers for the treatment of these patients is necessary for a better therapeutic indication. The diagnosis is based on physical examination and computed tomography. The surgical treatment brings significant aesthetic and social improvements to patients. The objective is to analyze retrospectively patient data who underwent surgery to correct craniosynostosis at HC of UNESP-Botucatu.
Methods: Retrospective analysis of the medical records of patients who underwent surgical correction of craniosynostosis between 2012 and 2017.
Results: The prevalence of scaphocephaly and trigonocephaly was the same (38.5%). The mean age of the approach was 24 months; the mean surgical time was 3h48min, lower in scaphocephaly, 2h50min. All patients received blood transfusions in the perioperative period, with a mean percentage of 24.9% in relation to the preoperative blood volume. They underwent postoperative in a pediatric ICU. There were no deaths or complications, and the results were considered good by the team and family.
Conclusion: Open surgical treatment of non-syndromic craniosynostosis is a safe procedure. Plastic surgery teams can achieve results comparable to those described in the literature, with low complication rates, good aesthetic results when performed correctly and with a multidisciplinary approach.

Keywords: Craniosynostoses; Surgery, Plastic; Craniofacial abnormalities; Blood transfusion; Skull.

 

RESUMO

Introdução: Craniossinostoses são definidas como fusões prematuras de uma ou mais suturas cranianas. Podem ser classificadas de acordo com as suturas envolvidas, malformações correlacionadas e alterações genéticas, podendo ser sindrômicas ou não. Sua incidência estimada em 1:2.000-2.500 nascidos vivos, sendo apenas 8% sindrômicas. Existem múltiplas opções cirúrgicas para a correção destas malformações, e o encaminhamento precoce para centros especializados no tratamento destes doentes é necessário para uma melhor indicação terapêutica. O diagnóstico é pautado no exame físico e tomografia computadorizada. O tratamento cirúrgico traz melhoras significativas estéticas e no convívio social dos pacientes. O objetivo é analisar os dados, retrospectivamente, dos pacientes submetidos à cirurgia para correção de craniossinostoses, no HC da UNESP-Botucatu.
Métodos: Análise retrospectiva dos prontuários de pacientes submetidos à correção cirúrgica de craniossinostoses entre 2012 e 2017.
Resultados: A prevalência de escafocefalia e trigonocefalia foi igual (38,5%), idade média de abordagem de 24 meses, o tempo cirúrgico médio foi de 3h48min, sendo menor nas escafocefalias, 2h50min. Todos os pacientes receberam transfusão de sangue no perioperatório com média percentual em relação ao volume sanguíneo pré-operatório de 24,9% e fizeram pós-operatório em UTI pediátrica. Não houve óbitos ou complicações, e os resultados tidos como bom pela equipe e familiares.
Conclusão: O tratamento cirúrgico aberto das craniossinostoses não sindrômicas é um procedimento seguro. As equipes de cirurgia plástica conseguem alcançar resultados equiparáveis aos descritos na literatura, com baixas taxas de complicações, bom resultado estético, quando executado de maneira adequada, e com abordagem multidisciplinar.

Palavras-chave: Craniossinostoses; Cirurgia plástica; Anormalidades craniofaciais; Transfusão de sangue; Crânio

 

Cultural adaptation of the questionnaire on skin rejuvenation outcome evaluation (Skin Rejuvenation Outcome Evaluation - SROE)

EDUARDO ANTONIO TORRES FURLANI; DIEGO BOMFIM SABOIA; MARIA LAURA MIRANDA DA COSTA
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):402-407

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: The use of quality of life (QOL) questionnaires has been shown to be very useful in the sense of giving greater objectivity to the treatment outcomes evaluation. The internationalization of these instruments, in turn, allows for inter-population comparison but requires a specific methodology in order not to cause distortions due to flaws in translation or cultural differences. The SROE questionnaire (Skin Rejuvenation Outcome Evaluation), in English, is a simple application tool, with objective questions with a good application for this purpose. The questionnaire has already been tested for its reliability, validity, and responsiveness.
Methods: Translation and cultural adaptation to the Portuguese language was carried out, according to the methodology proposed by Beaton et al. (2000), in which there are five stages: stage 1 - translation using two native Portuguese-speaking translators; stage 2 - making a synthesis version; stage 3 - reverse translation by two native Englishspeaking translators; stage 4 - review by an evaluation committee; and, stage 5 - application to a population of 20 people.
Results: The questionnaire was successfully translated and adapted, without problems of understanding for the final population.
Conclusion: Considering the applied methodology, we conclude that the SROE questionnaire's translation is suitable for use in Brazilian Portuguese.

Keywords: Rejuvenation; Surveys and questionnaires; Skin; Translational medical research; Outcome assessment (health care).

 

RESUMO

Introdução: O emprego de questionários de qualidade de vida (QV) tem se mostrado muito útil no sentido de dar maior objetividade à avaliação de resultados de tratamentos. A internacionalização desses instrumentos, por sua vez, permite a comparação interpopulacional, mas requer uma metodologia específica, a fim de não causar distorções devido a falhas na tradução ou a diferenças culturais. O questionário SROE (Skin Rejuvenation Outcome Evaluation), de língua inglesa, é uma ferramenta de simples aplicação, com perguntas objetivas com boa aplicação para esse fim. O questionário já foi testado em relação à sua confiabilidade, validade e capacidade de resposta.
Métodos: Realizada tradução e adaptação cultural para a língua portuguesa, segundo a metodologia proposta por Beaton et al. (2000), na qual existem 5 estágios: estágio 1 - tradução por meio de dois tradutores nativos de língua portuguesa; estágio 2 - confecção de versão de síntese; estágio 3 - tradução reversa por dois tradutores nativos de língua inglesa; estágio 4 - revisão por um comitê avaliador; e, estágio 5 - aplicação a uma população de 20 pessoas.
Resultados: O questionário foi traduzido e adaptado com sucesso, sem problemas de compreensão para a população final.
Conclusão: Considerando a metodologia aplicada, concluímos que a tradução do questionário SROE é adequada para utilização em língua portuguesa do Brasil.

Palavras-chave: Rejuvenescimento; Inquéritos e questionários; Pele; Pesquisa médica translacional; Avaliação de processos e resultados (cuidados de saúde)

 

Cephalic vein transposition for head and neck microsurgical reconstruction: anatomical study in cadavers

RONEY GONÇALVES FECHINE FEITOSA; PEDRO NORTON GONÇALVES DIAS; ANDRÉ DE CASTRO LINHARES; FLAVIA MODELLI VIANNA WAISBERG; AN WAN CHING; JOSÉ DE ARIMATÉIA MENDES; LYDIA MASAKO FERREIRA
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):408-411

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Cephalic vein transposition is an interesting alternative as a donor vein in head and neck cancer reconstruction in patients with a cervical radiotherapy history. This work aims to evaluate the cephalic vein anatomical characteristics in cadavers.
Methods: Six cephalic veins from three cadavers were dissected. The veins were sectioned in the medial part of the arm and transposed to the neck over the clavicles.
Results: The veins had an average length of 18.75 ± 1.84 cm and several tributaries with a variation of 7-9. The diameter coincided in both veins of each corpse. The anatomical parameter used to identify them (deltopectoral groove) proved reliable, allowing predictable dissection.
Conclusion: The cephalic vein has constant characteristics and is easy to locate, being an option relevant to the reconstructive plastic surgeon's therapeutic arsenal.

Keywords: Head and neck neoplasms; Reconstructive surgical procedures; Microsurgery; Autologous transplantation; Radiotherapy.

 

RESUMO

Introdução: A transposição de veia cefálica é uma alternativa interessante como veia doadora na reconstrução oncológica de cabeça e pescoço em pacientes com história de radioterapia cervical. O objetivo do trabalho é avaliar as características anatômicas da veia cefálica em cadáveres.
Métodos: Foram dissecadas seis veias cefálicas de três cadáveres. As veias foram seccionadas na parte medial do braço e transpostas até o pescoço por cima das clavículas.
Resultados: As veias apresentaram média de comprimento de 18,75±1,84cm e número de tributárias com variação de 7-9. O diâmetro coincidiu em ambas as veias de cada cadáver. O parâmetro anatômico usado para identificá-las (sulco deltopeitoral) se mostrou confiável, possibilitando uma dissecação previsível.
Conclusão: A veia cefálica tem características constantes e fácil localização, sendo uma opção relevante ao arsenal terapêutico do cirurgião plástico reconstrutor.

Palavras-chave: Neoplasias de cabeça e pescoço; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Microcirurgia; Transplante autólogo; Radioterapia

 

Distant flap transfer with the vascular pedicle section in second stage

RODRIGO PIMENTA SIZENANDO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):412-419

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Occasionally, there is no possibility of covering a wound with local grafts or flaps. This study aimed to evaluate the capacity of the distant flap transfer with the vascular pedicle section in second stage to cover the region that suffered substance loss.
Methods: Five patients with substance loss, with no reconstruction option using grafts or local flaps, had their wounds covered by distant flap transfer with the vascular pedicle section in second stage.
Results: The transferred flaps were useful in covering the wounds.
Conclusion: distant flap transfer with the vascular pedicle section in second stage is a simple and effective procedure. Every plastic surgeon must master that.

Keywords: Multiple trauma; Wounds and injuries; Plastic surgery; Wound closure techniques; Autologous transplantation.

 

RESUMO

Introdução: Ocasionalmente não há possibilidade de se cobrir uma ferida com enxertos ou retalhos locais. O objetivo deste trabalho foi avaliar a resolutividade da transferência de retalho à distância com secção do pedículo vascular em segundo tempo para cobertura de região que sofreu perda de substância.
Métodos: Cinco pacientes com perda de substância, sem opção de reconstrução com enxertos ou retalhos locais, tiveram suas feridas cobertas por retalhos transferidos à distância, com secção dos pedículos vasculares em segundo tempo.
Resultados: Os retalhos transferidos foram eficazes na cobertura das feridas.
Conclusão: A transferência de retalho à distância com secção do pedículo vascular em segundo tempo é procedimento simples e eficaz, que deve ser dominado por todo cirurgião plástico.

Palavras-chave: Traumatismo múltiplo; Ferimentos e lesões; Cirurgia plástica; Técnicas de fechamento de ferimentos; Transplante autólogo

 

Epidemiological study of burns at the Hospital of Clinics, Federal University of the Triângulo Mineiro

ANDERSON JOSÉ GONÇALVES; MARCO TULIO RODRIGUES DA CUNHA; JOSÉ FERNANDES DOS SANTOS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):420-426

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Burns are a serious public health problem. Knowledge of the main epidemiological data of affected patients is paramount for preventing and establishing the best clinical treatment for these individuals. The objective was to survey the epidemiological profile of burns, the main mechanisms involved, treatments, and outcomes of these cases at the Hospital de Clínicas da UFTM.
Methods: This is a retrospective and cross-sectional study of hospitalizations for burns at HC-UFTM from January 2015 to December 2019. Gender, age, depth of burns, location, etiology, use of opioids, hospitalization duration, outcome (hospital discharge or death), and extent of burned areas (EBA%).
Results: This study was composed of 138 patients, divided into three groups: group 1 (G1), 39 patients; group 2 (G2), 89 participants, of which 5 died; and group 3 (G3), 10 participants, 4 of whom died. As for the trauma mechanism, the most common was scald (17.39%), followed by thermal burn (13.76%), alcohol (8.69%), and electric burns (5.79%).
Conclusion: There was a higher prevalence of second-degree burns in male patients. The most prevalent mechanism of trauma was scald, and the EBA had an average of 23.9%. The face and neck were the most affected segments, and 61.59% of the patients required opioids during hospitalization. Regarding the outcome, 91.30% of patients were discharged from the hospital, and 6.52% died, with most cases in G2.

Keywords: Burns; Epidemiology; Plastic surgery; Public health systems; Multiple traumas.

 

RESUMO

Introdução: As queimaduras são um grave problema de saúde pública. O conhecimento dos principais dados epidemiológicos dos pacientes acometidos é de suma importância para a prevenção e instituição do melhor tratamento clínico a esses indivíduos. Objetivou-se realizar um levantamento sobre o perfil epidemiológico das queimaduras, os principais mecanismos envolvidos, tratamentos e desfechos destes casos no Hospital de Clínicas da UFTM.
Métodos: Trata-se de um estudo retrospectivo e transversal, das internações por queimadura no HC- UFTM, de janeiro de 2015 a dezembro de 2019. Foram avaliados: gênero, idade, profundidade das queimaduras, localização, etiologia, utilização de opioides, tempo de internação hospitalar, desfecho (alta hospitalar ou óbito) e extensão das áreas queimadas (SCQ%).
Resultados: Este estudo foi composto por 138 pacientes, divididos em 3 grupos: grupo 1 (G1), 39 pacientes; o grupo 2 (G2), 89 participantes, dos quais 5 foram a óbito; e o grupo 3 (G3), 10 participantes, sendo que 4 vieram a óbito. Quanto ao mecanismo do trauma, o mais comum foi por escaldadura (17,39%), seguida pela queimadura térmica (13,76%), pelo álcool (8,69%) e queimaduras elétricas (5,79%).
Conclusão: Houve uma maior prevalência de queimaduras de segundo grau em pacientes do gênero masculino. O mecanismo de trauma mais prevalente foi escaldadura e a SQC teve média de 23,9%. A face e o pescoço foram os segmentos mais acometidos e 61,59% dos pacientes necessitaram com uso de opioides na internação. Com relação ao desfecho, 91,30% dos pacientes receberam alta hospitalar e 6,52% vieram a óbito, com a maioria dos casos no G2.

Palavras-chave: Queimaduras; Epidemiologia; Cirurgia plástica; Sistemas públicos de saúde; Traumatismo múltiplo

 

En bloc explant of silicone breast prostheses and quality of life and evolution of ASIA syndrome symptoms

RICARDO EUSTACHIO DE MIRANDA
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):427-431

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: ASIA syndrome is the abbreviation for the adjuvant-induced autoimmune syndrome, a syndrome that encompasses autoimmune diseases triggered by silicone and other substances. Evidence shows the association of silicone breast implant with ASIA syndrome. The silicone prosthesis explant is an essential resource in treating ASIA syndrome; however, there are few studies analyzing the improvement in symptoms and the quality of life that surgery can provide.
Methods: Fifteen patients with ASIA syndrome who underwent breast implant prosthesis and reconstruction with mastopexy were analyzed. During the 12-month followup, they were assessed for symptom evolution and, through the Breast-Q® questionnaire, for quality of life.
Results: The most common symptoms, such as myalgia, arthralgia, chronic fatigue, dry skin, and hair, were improved in more than 80% of patients operated on after 12 months of followup. There was an improvement in the quality of life after the surgical procedure when compared to the preoperative.
Conclusion: Breast prosthesis explants in patients with ASIA syndrome seem to be associated with improved quality of life and decreased symptoms related to the syndrome.

Keywords: Autoimmune diseases; Breast diseases; Mammoplasty; Breast implant; Quality of life; Outcome measures reported by the patient.

 

RESUMO

Introdução: A síndrome ASIA é a abreviação em inglês de síndrome autoimune induzida por adjuvantes, síndrome que engloba doenças autoimunes desencadeadas por silicone e outras substâncias. Evidências mostram a associação da inclusão de prótese de mama de silicone com a síndrome ASIA. O explante de prótese de silicone é um recurso importante no tratamento da síndrome ASIA, porém há poucos estudos analisando a melhora dos sintomas e da qualidade de vida que a cirurgia pode proporcionar.
Métodos: Foram analisadas 15 pacientes com síndrome ASIA submetidas à explante da prótese de mama e reconstrução com mastopexia. Durante o acompanhamento de 12 meses foram avaliadas quanto à evolução dos sintomas e, através do questionário Breast- Q®, da qualidade de vida.
Resultados: Os sintomas mais comuns como mialgia, artralgia, fadiga crônica, pele e cabelos secos tiveram melhora em mais de 80% das pacientes operadas ao final de 12 meses de acompanhamento. Houve melhora na qualidade de vida após o procedimento cirúrgico quando comparado com o pré-operatório.
Conclusão: O explante de prótese de mama em pacientes com síndrome ASIA parece estar associado à melhora da qualidade de vida e diminuição dos sintomas relacionados à síndrome.

Palavras-chave: Doenças autoimunes; Doenças mamárias; Mamoplastia; Implante mamário; Qualidade de vida; Medidas de resultados relatados pelo paciente

 

Understanding of medical students regarding the clinical scope of the plastic surgery specialty

Pedro Freire Guerra Boldrin; Júlia Alves Nascimento Rodrigues; Laíne Ribeiro Antonelli; Maria Luísa Peres Vilela; Giovana Alcino Carneiro; Paulo Paula Piccolo
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):432-435

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Plastic surgery is popularly known for its performance in body aesthetics. Besides, it includes burns, microsurgery, hand and craniomaxillofacial surgery. Due to the diversity of medical specialties, many of the procedures in which plastic surgeons are trained are also performed by other specialists, which may justify the population's lack of knowledge regarding the rich plastic work. The objective is to understand the Brazilian medical students' comprehension of the plastic surgery clinical scope.
Methods: Cross-sectional study, applying an online questionnaire with Google Docs platform using the inclusion criteria of being a medical student and over eighteen years old. It consisted of twelve clinical cases sent to participants through social networks. At the end of 99 days after the link's release, the questionnaire was closed, and the answers were counted with Windows Excel.
Results: Sample composed of 423 participants, with a female majority and an average age of 22.23 years, with a higher prevalence of the third year of the academic clinical cycle. It was noticed that students are familiar with plastic surgeons' actions in the aesthetic field, breast reconstruction after carcinoma, and reparative treatment of burns. Academics poorly indicated the treatment of fractures in the craniomaxillofacial complex and the palmar tendons' laceration approach.
Conclusion: Students have a good understanding of the role of plastic surgeons in the aesthetic field.

Keywords: Medical students; Plastic surgery; Understanding; Medicine; Knowledge

 

RESUMO

Introdução: A cirurgia plástica é popularmente conhecida pela atuação na estética corporal. Além disso, engloba queimaduras, microcirurgia, cirurgia de mão e craniomaxilofacial. Devido à diversidade de especialidades médicas, muitos dos procedimentos em que os cirurgiões plásticos são capacitados, são também realizados por outros especialistas, o que pode justificar o desconhecimento da população em relação à rica atuação plástica. O objetivo é compreender o entendimento dos estudantes brasileiros de medicina sobre a abrangência clínica da cirurgia plástica.
Métodos: Estudo transversal, com aplicação de questionário online pela plataforma Google Docs com critérios de inclusão ser estudante de medicina e possuir mais de dezoito anos. Composto por doze casos clínicos, enviado aos participantes por meio das redes sociais. Ao final de 99 dias com o link sendo divulgado, o questionário foi encerrado e as respostas contabilizadas com Windows Excel.
Resultados: Amostra composta por 423 participantes, sendo maioria feminina e média de 22,23 anos, com maior prevalência do terceiro ano pertencente ao ciclo clínico acadêmico. Percebeu-se que os estudantes estão familiarizados com a ação dos cirurgiões plásticos no campo estético, reconstrução mamária após carcinoma e tratamento reparador de queimaduras. Já o tratamento de fraturas no complexo craniomaxilofacial e a abordagem da laceração dos tendões palmares foi pouco indicada pelos acadêmicos.
Conclusão: Os estudantes apresentam um entendimento satisfatório da atuação dos cirurgiões plásticos no campo estético.

Palavras-chave: Estudantes de medicina; Cirurgia plástica; Compreensão; Medicina; Conhecimento

 

Use of digital mobile applications and their integration in plastic surgery

VINICIUS JULIO CAMARGO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):436-442

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: In the environment of new digital health technologies, many paradigms are being broken, and the opening to obtain further knowledge allows the plastic surgeon to use them in their professional practice. This article aims to analyze the use of digital mobile applications by patients and professionals. The purpose is to understand the importance and recognition of this type of technology to provide more quality and safety in medical care, specifically for elective care in the plastic surgery specialty.
Methods: Two analysis were carried out, in parallel, in a retrospective and descriptive manner: 1) of the conversations carried out through a mobile instant messaging application on the communication channel for monitoring patients undergoing surgery in a private plastic surgery clinic; (2) of the use of digital technologies in plastic surgery, through the analysis of the responses to a research questionnaire sent to professionals in this specialty.
Results: In the sample obtained (n = 61), the monthly average of 122 conversations in the postoperative period was recorded. In a satisfaction survey, patients found it useful to communicate through a mobile application directly with the clinic. Only 4.1% of the professionals who participated in the research had their own clinic application.
Conclusion: The perception of the importance of technology in patient care, the need to meet the population's requirements, and the possibility of providing more comprehensive monitoring reliably offer the basis for validating new technology resources and mobile applications with specific resources in plastic surgery care.

Keywords: Mobile applications; Technology; Plastic surgery; Appointment scheduling; Patient safety.

 

RESUMO

Introdução: No ambiente de novas tecnologias digitais em saúde, muitos paradigmas estão sendo rompidos e a abertura para obter novos conhecimentos permite ao cirurgião plástico usá-las na sua prática profissional. O presente artigo propõe-se a analisar a utilização de aplicativos digitais móveis, por pacientes e profissionais, visando entender a importância e o reconhecimento desse tipo de tecnologia no sentido de proporcionar maior qualidade e segurança nos atendimentos médicos, especificamente para atendimentos eletivos da especialidade cirurgia plástica.
Métodos: Foram realizadas duas análises, em paralelo, de maneira retrospectiva e descritiva: 1) das conversas realizadas através de um aplicativo móvel de mensagens instantâneas no canal de comunicação destinado ao acompanhamento de pacientes submetidos a cirurgias em uma clínica privada de cirurgia plástica; (2) da utilização de tecnologias digitais em cirurgia plástica, através da análise das respostas de um questionário de pesquisa enviado aos profissionais dessa especialidade.
Resultados: Na amostra obtida (n=61), registrou-se a média mensal de 122 conversas no pós-operatório. Em pesquisa de satisfação, os pacientes consideraram útil ter um meio de comunicação através de aplicativo de celular diretamente com a clínica. Somente 4,1% dos profissionais que participaram da pesquisa dispunham de um aplicativo próprio da sua clínica.
Conclusão: A percepção da importância da tecnologia na assistência dos pacientes, a necessidade de atender os requerimentos da população e a possibilidade de proporcionar um acompanhamento mais abrangente, de forma confiável, fornecem embasamento para validar novos recursos de tecnologia, aplicativos móveis com recursos específicos no atendimento de cirurgia plástica.

Palavras-chave: Descritores: Aplicativos móveis; Tecnologia; Cirurgia plástica; Agendamento de consultas; Segurança do paciente

 

IDEAS AND INNOVATION

Evaluation of the effectiveness of a modified liposuction protective device: an experimental study in swine

LUIZ ROBERTO REIS ARAÚJO; MARCELO DE PAULA LOUREIRO; BRUNO HIRT; GABRIELA SGRANCE CRUZ; LUIGIA MARIA NARDI SANTOS; MATEUS HERCULANO BONIFÁCIO SANTOS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):443-448

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Liposuction is one of the most common procedures in the plastic surgery specialty. In the 2018 ISAPS survey, it was the second most performed surgery worldwide. Due to the repetitive movements typical of the surgery, significant friction is generated at the site, and the consequences are skin burns that can leave unsightly scars and dyschromias. This study aims to create a skin protective device prototype from an old model, which serves this purpose, and to observe its functionality and its effects on the pigskin. The tests were carried out on dead animals without suffering provided by the Veterinary Medicine sector at Universidade Positivo. Three incisions were made in the animal's abdomen to pass the liposuction cannula and another three for the insertion and use of the prototype to compare it with the model device. The established time for liposuction movements was twenty minutes, performed with the 5mm cannula directly in contact with the skin and inside the prototype. The prototype's ergonomics, ease of insertion, and good locking on the skin with different tractions were evaluated. Observation and evaluation of the skin were performed after procedures and incisions' measurements (cm). The cutaneous liposuction protective device prototype presented easy handling and a more efficient skin locking mechanism than the model used. The skin incision for using the prototype was slightly larger, and the skin showed no burning signs.

Keywords: Lipectomy; Plastic surgery; Hypertrophic scar; Scar; Burns; Comparative study; Innovation.

 

RESUMO

A lipoaspiração é um dos procedimentos mais comuns na especialidade de cirurgia plástica. No levantamento da ISAPS de 2018 foi a segunda cirurgia mais realizada em todo o mundo. Devido aos movimentos repetitivos próprios da cirurgia, fricção importante é gerada no local e as consequências são queimaduras cutâneas que podem deixar cicatrizes inestéticas e discromias. O objetivo deste estudo é criar um protótipo de um dispositivo protetor da pele, a partir de um modelo antigo, que sirva a esse propósito, e observar sua funcionalidade e os efeitos da sua utilização na pele de suínos. Os testes foram realizados em animais mortos sem sofrimento disponibilizados pelo setor de Medicina Veterinária da Universidade Positivo. Foram feitas três incisões no abdome do animal para passagem da cânula de lipoaspiração e outras três para a inserção e utilização do protótipo, bem como para comparação com o dispositivo modelo. O tempo estabelecido de movimentos de lipoaspiração foi de vinte minutos, realizados com a cânula de 5mm diretamente em contato com a pele e dentro do protótipo. Foi avaliada a ergonomia do protótipo, facilidade de inserção e travamento adequado na pele com diferentes trações. Observação e avaliação da pele após os procedimentos e medição (cm) das incisões foram realizadas. O protótipo do dispositivo protetor cutâneo de lipoaspiração criado apresentou fácil manuseio e mecanismo de travamento na pele mais eficiente quando comparado ao modelo utilizado. A incisão cutânea para uso do protótipo foi ligeiramente maior e a pele não apresentou sinais de queimadura.

Palavras-chave: Lipectomia; Cirurgia plástica; Cicatriz hipertrófica; Cicatriz; Queimaduras; Estudo comparativo; Inovação

 

REVIEW ARTICLE

COVID-19: how to proceed with the practice of plastic surgery in Brazil. What do we know right now?

BEATRIZ LASSANCE BRITO; CESAR ISAAC; DENISE PICCIOLI NEVES; PEDRO GIAVINA-BIANCHI
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):449-465

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

COVID-19 (coronavirus disease, described in 2019) is an infectious disease caused by the severe acute respiratory syndrome coronavirus 2 (SARS-CoV-2). Most confirmed cases are mild or asymptomatic, but the most severe cases can progress to severe pneumonia with respiratory failure and death. In Brazil, there is a scenario of an exponential increase in cases, making it challenging to identify the source of contagion. We cannot yet specify when the peak of the COVID-19 outbreak will occur in our country or when the numbers of new contaminants and deaths will begin to decrease. So, the most important thing is protection against a virus for which all the details about contagion, transmission, and treatment are not known. The pandemic impacted and modified medical care, especially for surgical specialties, where face-to-face care is essential and cannot be replaced entirely by telemedicine. Thus, this review aimed to compile theoretical and practical aspects regarding the pandemic COVID-19 and its impact on plastic surgery activity routine. Protocols are proposed for resuming our routines, analyzing countries' experience at an advanced stage of the pandemic.

Keywords: Coronavirus infections; Surgery, Plastic; Patient safety; Elective surgical procedures; Protective devices; Pandemics.

 

RESUMO

COVID-19 (coronavirus disease, descrito em 2019) é uma doença infecciosa causada pelo coronavírus da síndrome respiratória aguda grave 2 (SARS-CoV-2). A maioria dos casos confirmados é leve ou assintomático, mas os casos mais graves podem evoluir para pneumonia grave com insuficiência respiratória e morte. Atualmente ocorre, no Brasil, um cenário de aumento exponencial de casos, dificultando a identificação da fonte de contágio. Ainda não podemos precisar quando ocorrerá o pico do surto de COVID-19 em nosso país ou quando os números de novos contaminados e óbitos começarão a diminuir. Nesse momento, o mais importante é a proteção contra um vírus do qual não se conhece todos os detalhes sobre contágio, transmissão e tratamento. A pandemia impactou e modificou a assistência médica, principalmente das especialidades cirúrgicas, onde o atendimento presencial é fundamental e não pode ser substituído integralmente pela telemedicina. Assim, o objetivo desta revisão foi compilar aspectos teóricos e práticos referentes à pandemia COVID-19 e seu impacto na rotina da atividade da cirurgia plástica. São propostos protocolos para retomada de nossas rotinas, analisando a experiência de países em fase mais adiantada da pandemia.

Palavras-chave: Infecções por coronavírus; Cirurgia plástica; Segurança do paciente; Procedimentos cirúrgicos eletivos; Equipamentos de proteção; Pandemias

 

Biomechanical phenomena involved in facial trauma: an integrative review

THAIS MACIEL VALENTE; THIAGO MACIEL VALENTE; FRANCISCO DE ASSIS CRESCENCIO VERGETTI; MURILO ALVES TEIXEIRA
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):466-471

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Trauma is defined as an injury that leads to changes in an individual's structure due to the energy exchange between tissues and the environment. Because of its location, the maxillofacial skeleton is commonly affected by trauma. Besides, existing studies that seek to address the theme commonly do so in a fragmented way, focused only on a bone structure. Therefore, the present study was proposed as an attempt to bridge this gap in today's literature.
Methods: The search was performed on the platforms PubMed, LILACS, and Cochrane Library using the descriptors: "biomechanical phenomena," "facial injuries" and "fractures, bone," finding 321 articles. The inclusion criteria were: studies published in the last five years, available in full, in English or Portuguese. After using these filters, 50 studies were found, and after analytical reading of the title and available summary, 44 studies were excluded.
Discussion: The mandible is more vulnerable to lateral than frontal impacts; it was shown that in lateral impacts, the most significant stress force was exerted on structures ipsilateral to the impact. It was also demonstrated that dentition's partial or total absence presented greater stress forces on the condyle. In the orbit, there are mainly edge fractures and globe/floor fractures. The first are fractures that tend to be smaller and anteriorly arranged, whereas those on the floor would be the opposite.
Conclusion: In short, several factors can influence the occurrence of facial trauma; among them are the biomechanical phenomena involved.

Keywords: Biomechanical phenomena; Facial bones; Facial injuries; Bone fractures; Oral surgery.

 

RESUMO

Introdução: O trauma é definido como um agravo que leva a alterações na estrutura do indivíduo por causa da troca de energia entre os tecidos e o meio. Por causa da sua localização, o esqueleto maxilofacial é comumente acometido por traumas. Além disso, os estudos existentes que buscam abordar a temática comumente a abordam de maneira fragmentada, focada apenas em uma estrutura óssea. Portanto, o presente estudo foi proposto como tentativa de minorar essa lacuna existente na literatura hodierna.
Métodos: A busca foi realizada nas plataformas PubMed, LILACS e Cochrane Library utilizando os descritores: "biomechanical phenomena", "facial injuries" e "fractures, bone", encontrando 321 artigos. Os critérios de inclusão foram: estudos publicados nos últimos 5 anos, disponíveis integralmente, nos idiomas inglês ou português. Após a utilização desses filtros foram encontrados 50 estudos, e após leitura analítica do título e do resumo disponível, foram excluídos 44 estudos.
Discussão: A mandíbula é mais vulnerável aos impactos laterais do que frontais, evidenciou-se que nos impactos laterais a maior força de estresse era exercida em estruturas ipsilaterais ao impacto. Também se demonstrou que a ausência parcial ou total de dentição apresentavam maiores forças de estresse ao côndilo. Na órbita há principalmente fraturas de borda e fraturas de globo/assoalho. A primeira são fraturas que tendem a ser menores e dispostas anteriormente, já as de assoalho, seria o inverso.
Conclusão: Em suma, existem vários fatores que podem influenciar na ocorrência do trauma de face, dentre elas estão os fenômenos biomecânicos envolvidos.

Palavras-chave: Fenômenos biomecânicos; Ossos faciais; Traumatismos faciais; Fraturas ósseas; Cirurgia bucal

 

COVID-19: analysis of the risks of operating during the pandemic. What are the real perioperative complications in asymptomatic patients and how to optimize early diagnosis?

THAÍS DE SOUSA GONÇALVES; BRUNA LAGO CHAVES; LIA PATRUS BANNET; SERGIO CARREIRÃO; FARID HAKME
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):472-478

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Controlling dissemination as well as treating patients infected with the new coronavirus are global challenges. Despite the protocols and guidelines generated by the WHO and the leading medical societies that seek to control the pandemic, there are still few reports in the literature that show complications in the perioperative period of patients, initially asymptomatic, infected by COVID-19. This study aims to offer data to plastic surgeons beyond the scope of aesthetic and reconstructive surgeries.
Methods: A review article was performed after selecting sixteen articles from PubMed. These were analyzed for their type, statistical relevance, number of participants, complications, and reported outcomes.
Results: The mortality rate of patients with COVID-19 undergoing surgical procedures was higher than that estimated in infected patients who did not undergo these procedures. There were also increases in the patient's admission rate to intensive care units and the pulmonary complications rate. The main predictors of mortality were defined, besides the role of chest tomography for the diagnosis of COVID-19 in the perioperative period.
Conclusion: It is essential to understand the risk of operating patients during the pandemic, even if asymptomatic. The increased risk of complications and mortality in elective and emergency surgeries requires disseminating adequate information to both doctors and patients. The objective, therefore, is not to define the medical conduct of surgeons, but to allow analysis in the decision-making process.

Keywords: Coronavirus; Plastic surgery; Postoperative complications; Mortality; Risk; Risk factors.

 

RESUMO

Introdução: O controle da disseminação e o tratamento de pacientes infectados pelo novo coronavírus é um desafio global. Apesar de protocolos e orientações geradas pela OMS e principais sociedades médicas visando o controle da pandemia, ainda são poucos os relatos na literatura que mostram as complicações no perioperatório de pacientes, inicialmente assintomáticos, que foram infectados pela COVID-19. O presente estudo objetiva oferecer dados aos cirurgiões plásticos que extrapolam o âmbito das cirurgias estéticas e reconstrutoras.
Métodos: Foi realizado um artigo de revisão após a seleção de dezesseis artigos do PubMed. Estes foram analisados quanto ao seu tipo, relevância estatística, número de participantes, complicações e desfechos relatados.
Resultados: A taxa de mortalidade de pacientes com COVID-19 submetidos a procedimentos cirúrgicos foi superior do que a estimada em pacientes que não foram submetidos a estes procedimentos. Também foram observados aumento na taxa de admissão de pacientes em unidades de terapia intensiva e na taxa de complicações pulmonares. Os principais fatores preditores de mortalidade foram definidos, assim como o papel da tomografia de tórax para o diagnóstico da COVID-19 no perioperatório.
Conclusão: É essencial entender o risco de operar pacientes durante a pandemia, ainda que assintomáticos. O maior risco de complicações e mortalidade em cirurgias eletivas e emergenciais demanda a disseminação de informações adequadas tanto aos médicos quanto aos pacientes. O objetivo, portanto, não é definir a conduta médica dos cirurgiões, mas possibilitar a ponderação no processo de tomada de decisões.

Palavras-chave: Coronavírus; Cirurgia plástica; Complicações pós-operatórias; Mortalidade; Risco; Fatores de risco

 

CASE REPORT

Management of constricted ear: plastic surgery service approach at the Hospital of Clinics in Porto Alegre, Brazil

EDUARDO MADALOSSO ZANIN; ISABEL CRISTINA STENSMANN; LUCAS VARGAS DALBOSCO; DIEGO DULLIUS; CIRO PAZ PORTINHO; ANTONIO CARLOS PINTO OLIVEIRA; MARCUS VINICIUS MARTINS COLLARES
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):479-482

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: The prevalence of ear malformations reaches 5% when considering the entire world population. Primarily presented in 1975, the constricted ear represents a group of deformities of the upper third of the auricular cartilage with common features. The aesthetic impact and social stigma of these deformities can cause psychological harm to the patient when not corrected.
Methods: We describe below the technique used in the plastic surgery department of the Hospital de Clínicas de Porto Alegre.
Results: Result can be evidenced with 30 days postoperatively.
Conclusion: The described method, cartilage resettlement, is an option for treatment of this deformity with adequate aesthetic result.

Keywords: Multiple trauma; Wounds and injuries; Plastic surgery; Wound closure techniques; Autologous transplantation.

 

RESUMO

Introdução: A prevalência de malformações da orelha chega a 5% quando considerada toda a população mundial. Primariamente descrita em 1975 a orelha constricta representa um grupo de deformidades envolvendo o terço superior da cartilagem auricular com características em comum. O impacto estético e o estigma social dessas deformidades podem levar a danos psicológicos ao paciente quando não corrigidos.
Métodos: Descrevemos a seguir a técnica utilizada no serviço de cirurgia plástica do Hospital de Clínicas de Porto Alegre.
Resultados: O resultado pode ser evidenciado com 30 dias de pós-operatório.
Conclusão: O método descrito, de reacomodação da cartilagem, é uma opção para o tratamento dessa deformidade com adequado resultado estético.

Palavras-chave: Deformidades adquiridas da orelha; Orelha; Cartilagem da orelha; Orelha externa; Otopatias

 

Covid-19 and Plastic Surgery: a case report of complex wound treatment

HENRIQUE OVIDIO CORASPE GONÇALVES; PEDRO SOLER COLTRO; VINÍCIUS GOMES DA SILVEIRA; DIOGO HUMMEL HOHL; GABRIEL MAZIERO ALVES SILVA; JAYME ADRIANO FARINA-JUNIOR
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):483-486

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: The Covid-19 pandemic significantly changed the routine and work of medical specialties. We report the case of a patient treated by Plastic Surgery who contracted the Sars-CoV-2 virus.
Case report: A 66-year-old man with a complex wound on his ankle was treated with surgical debridement and negative pressure therapy, and subsequently underwent cutaneous wound coverage with a partial skin graft. In the immediate postoperative period, a dry cough started. That same day a positive examination of the new coronavirus was confirmed in another patient who was in the same room. Therefore, we requested PCR testing, which was also positive for the presence of Sars-CoV-2. The patient evolved well, being discharged on the 5th postoperative day, after the removal of Brown's dressing, and returning after the recommended isolation period (14 days).
Discussion: The management of patients who need surgical procedures during a viral pandemic must consider the adoption of preventive measures that reduce the possibility of transmission of the virus. As an example, we mention the reduction in hospital stay, the use of therapies that speed up the therapeutic process, the isolation of the patient on confirmed cases, and the use of personal protective equipment.
Conclusion: Despite the infection of this patient by Sars-CoV-2, we emphasize that the Plastic Surgery team must act early during the treatment process. Such actions reduce the possibility of spreading the new coronavirus to other patients and the healthcare team.

Keywords: SARS virus; Plastic surgery; Coronavirus; Wounds and Injuries; Debridement

 

RESUMO

Introdução: A pandemia decorrente da Covid-19 modificou de forma significativa a rotina e o trabalho das especialidades médicas. Relatamos o caso de um paciente tratado pela cirurgia plástica que contraiu o vírus Sars- CoV-2.
Relato de caso: Homem de 66 anos, com ferida complexa em tornozelo, foi tratado com desbridamento cirúrgico e terapia por pressão negativa, sendo posteriormente submetido à cobertura cutânea da ferida com enxerto de pele parcial. No pós-operatório imediato, iniciou quadro de tosse seca, sendo que nesse mesmo dia havia sido confirmado um exame positivo do novo coronavírus em outro paciente que estava no mesmo quarto. Diante disso, solicitamos testagem com PCR que também resultou positiva para presença de Sars-CoV-2. O paciente evoluiu bem, com alta hospitalar no 5º dia de pós-operatório, após a retirada do curativo de Brown, e com retorno após o período de isolamento preconizado (14 dias).
Discussão: O manejo de pacientes que necessitam de procedimentos cirúrgicos em meio a uma pandemia viral deve considerar a adoção de medidas preventivas que reduzam a possibilidade de transmissão do vírus. Como exemplo, citamos a redução do tempo de internação hospitalar, o uso de terapias que aceleram o processo terapêutico, o isolamento do paciente em casos confirmados e o uso de equipamentos de proteção individual.
Conclusão: Apesar da infecção deste paciente pelo Sars-CoV-2, enfatizamos que a equipe de cirurgia plástica deve atuar de maneira precoce durante o processo de tratamento. Tais ações reduzem a possibilidade de disseminação do novo coronavírus para outros pacientes e para equipe de saúde.

Palavras-chave: Vírus da SARS; Cirurgia plástica; Coronavírus; Ferimentos e lesões; Desbridamento

 

Fibroproliferative disorders: report and discussion on keloid management

MARCELUS VINICIUS DE ARAÚJO SANTOS NIGRO; SARA MERLIN MASCHIETTO; RENATA DAMIN; Giovana Landal de Almeida Lobo
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):487-490

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Fibroproliferative disorders are expressed in hypertrophic scars and keloids, the latter being more aggressive and derived from an abnormal healing process. They are multifactorial and relate to physical, chemical, biological, and endogenous agents. They have a genetic predisposition, with a higher incidence in Asian and black people. The therapeutic modalities comprise most of the times: compression of the keloid, cryosurgery, application of silicone plates, surgical excision isolated or followed by radiotherapy, laser application, and intralesional injection of corticosteroids. The study aims to report a considerable keloidtype fibroproliferative disorder with a high therapeutic response and discuss its etiologies and various therapeutic modalities.

Keywords: Keloid; Scar; Plastic surgery; General surgery; Skin

 

RESUMO

Os distúrbios fibroproliferativos expressam-se pelas cicatrizes hipertróficas e pelos queloides, sendo estes últimos mais agressivos e derivados de um processo anormal da cicatrização. São multifatoriais relacionando-se com agentes físicos, químicos, biológicos e endógenos. Apresentam predisposição genética, com incidência maior em orientais e negros. As modalidades terapêuticas compreendem, na maioria das vezes: compressão do queloide, criocirurgia, aplicação de placas de silicone, exérese operatória isolada ou seguida de radioterapia, aplicação de laser e injeção intralesional de corticoesteroides. O objetivo do estudo é relatar um caso de distúrbio fibroproliferativo do tipo queloide de grandes dimensões com alta resposta terapêutica e discutir suas etiologias e diversas modalidades terapêuticas.

Palavras-chave: Queloide; Cicatriz; Cirurgia plástica; Cirurgia geral; Pele

 

Reduction cheiloplasty in bikini: case report

GIAN KARLO ALBERTO VIGO CASTRO; CESAR ANDRÉS BASTOS PLAZA; FERNANDO SÉRGIO MENDES CARNEIRO; GISELA HOBSON PONTES; RONALDO PONTES
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):491-494

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: The lips are the central characteristic in the lower third of the face, being essential for mimicry and facial expression, speech, and swallowing, without forgetting the aesthetic component. The presence of excessive large lips (macroqueilia) represents an occasional but significant challenge in plastic surgery. The technique called "bikini reduction cheiloplasty," described in 2007, unlike the techniques previously described, is focused on reducing lips and restoring their anatomy, providing a more harmonious lip contour.
Case Report: Male patient, 18 years old, black race with a complaint of excessively large lips for whom surgical treatment using the bikini technique was proposed, with a good aesthetic result.
Conclusion: Based on the correct indication and execution, we can conclude that the technique of reducing cheiloplasty in bikini is a safe alternative, easy to perform, and that provides a satisfactory aesthetic result.

Keywords: Face; Ambulatory surgical procedures; Case reports; Mouth; Lip.

 

RESUMO

Introdução: Os lábios são a característica central no terço inferior da face, sendo fundamentais para mímica e expressão facial, fala e deglutição, sem se esquecer do componente estético. A presença de lábios excessivamente grandes (macroqueilia) representa um desafio ocasional, mas significativo na cirurgia plástica. A técnica denominada "queiloplastia redutora em biquíni", descrita em 2007, à diferença das técnicas anteriormente descritas, não está focada apenas na redução de lábios, mas também na restauração da sua anatomia, proporcionando um contorno labial mais harmônico.
Relato de Caso: Paciente do sexo masculino, 18 anos, raça negra com queixa de lábios excessivamente grandes para o qual foi proposto tratamento cirúrgico usando a técnica do biquíni tendo um bom resultado estético.
Conclusão: Baseados na correta indicação e execução, podemos concluir que a técnica de queiloplastia redutora em biquíni é uma alternativa segura, de fácil execução e que proporciona um resultado estético satisfatório.

Palavras-chave: Face; Procedimentos cirúrgicos ambulatórios; Relatos de casos; Boca; Lábio

 

Bernard-Burow flap unilateral with cheek mucosa "cutback" for treatment of lower lip tumor: a case report

SERGIO ANTONIO SALDANHA RODRIGUES; MARCELO MARTINS CASAGRANDE; THALITA EZEQUIEL DE SOUZA; GUSTAVO MOREIRA COSTA DE SOUZA; ARMANDO CHIARI
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):495-499

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Lip cancer corresponds to 25-30% of all oral cancers, with the lower lip being more frequent. Squamous cell carcinoma (SCC) is the most common subtype, with smoking as one of the main risk factors. The report demonstrates a simple and effective technique for SCC's surgical treatment on a smoking patient's lower lip. Even in a defect larger than 50% of the initial lip diameter, the unilateral Bernard-Burow flap proved feasible. The addition of "cutback" in the mucosa and parsimonious dissection by planes may have provided a good aesthetic and functional evolution since it determined tension relief on the sutures. The less complex execution of this reconstruction, compared to other techniques, can guarantee a good alternative to decrease postoperative morbidity in this type of surgery.

Keywords: Face; Lip neoplasms; Squamous cell carcinoma; Smoking; Plastic surgery; Reconstructive surgical procedures

 

RESUMO

O câncer de lábio corresponde a 25-30% de todos os cânceres de boca, sendo mais frequente o de lábio inferior. O carcinoma de células escamosas (CCE) é o subtipo mais incidente, estando o tabagismo como um dos principais fatores de risco. O relato demonstra técnica simples e efetiva para tratamento cirúrgico de CCE no lábio inferior de paciente tabagista. A realização de retalho unilateral de Bernard-Burow, mesmo em defeito maior que 50% do diâmetro inicial do lábio, mostrou-se factível. A adição de "cutback" na mucosa e dissecção parcimoniosa por planos pode ter propiciado uma boa evolução estética e funcional, já que determinou alívio na tensão sobre as suturas. A menor complexidade de execução desta reconstrução, se comparada a outras técnicas, pode garantir uma boa alternativa na tentativa de diminuir a morbidade pós-operatória neste tipo de cirurgia.

Palavras-chave: Face; Neoplasias labiais; Carcinoma de células escamosas; Tabagismo; Cirurgia plástica; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos

 

Augmentation mammoplasty and mastopexy with somersault flap from reverse abdominoplasty

GIOVANNA CALIL VICENTE FRANCO DE SOUZA; CLAUDIO MESSIAS MORAES; DIOGO NASCIMENTO DIAS DE AGUIAR; RODRIGO BAGATTINI CRUZ; LEANDRO TUZUKI CAVALHEIRO; RICARDO PORTELLA PERRONE
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):500-504

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

Introduction: The breasts and abdomen undergo significant morphological changes with massive weight loss. Breast augmentation is one of the most commonly performed procedures in plastic surgery, unlike reverse abdominoplasty, which has been little described. However, in patients with upper abdominal flaccidity who want breast augmentation, breast augmentation through reverse abdominoplasty (AMBRA) makes it possible to improve the breasts and abdominal contour simultaneously. This work aims to describe a case of breast augmentation and mastopexy using a somersault flap from reverse abdominoplasty.
Case Report: Female patient, brown, with a history of massive weight loss and previous mammoplasty and abdominoplasty, evolved with breast ptosis and lipodystrophy in the upper abdomen. She underwent reverse abdominoplasty using an epigastric dermofat flap for breast projection. The patient had a good postoperative evolution, with satisfactory surgical results.
Discussion: Massive weight loss can result in deformities in the breasts and abdomen that require reparative surgery. Breast remodeling is arduous and may require the use of adjacent tissues. Abdominoplasty, in turn, is the most established technique for rejuvenating the trunk; however, when sagging mainly affects the upper abdomen, reverse abdominoplasty becomes an option. In cases where the desire for breast augmentation is associated with excess supraumbilical volume, AMBRA should be considered. Breast augmentation using reverse abdominoplasty proved to be a viable technique in this case, with a satisfactory final result.

Keywords: Breast; Abdomen; Weight loss; Mammoplasty; Abdominoplasty.

 

RESUMO

Introdução: As mamas e o abdômen passam por grandes modificações morfológicas com perdas ponderais maciças. A mamoplastia de aumento é um dos procedimentos mais realizados na cirurgia plástica, ao contrário da abdominoplastia reversa, pouco descrita. Porém, em pacientes com flacidez abdominal superior que desejam o aumento mamário, a mamoplastia de aumento por meio da abdominoplastia reversa (AMBRA) torna possível o aprimoramento das mamas e do contorno abdominal simultaneamente. O objetivo deste trabalho é descrever um caso de mamoplastia de aumento e mastopexia utilizando retalho em cambalhota a partir de abdominoplastia reversa.
Relato de Caso: Paciente do sexo feminino, parda, com história de perda ponderal maciça e com mamoplastia redutora e abdominoplastia prévias, evoluiu com ptose mamária e lipodistrofia em abdômen superior. Foi submetida à abdominoplastia reversa com utilização do retalho dermogorduroso epigástrico para projeção da mama. A paciente apresentou boa evolução pós-operatória, com resultado cirúrgico satisfatório.
Discussão: As perdas ponderais maciças podem resultar em deformidades nas mamas e no abdômen que exigem cirurgias reparadoras. A remodelação mamária é difícil e pode exigir a utilização de tecidos adjacentes. A abdominoplastia, por sua vez, é a técnica mais consagrada para o rejuvenescimento do tronco; entretanto, quando a flacidez atinge principalmente o abdômen superior, a abdominoplastia reversa torna-se uma opção. Em casos em que o desejo de mamoplastia de aumento se associa ao excesso de volume supraumbilical, deve-se considerar a AMBRA. A mamoplastia de aumento por meio da abdominoplastia reversa revelou ser uma técnica viável neste caso, com resultado final satisfatório.

Palavras-chave: Mama; Abdome; Perda de peso; Mamoplastia; Abdominoplastia

 

SPECIAL ARTICLE

Past, present and future using silicone breast implants in Brazil, a 45-year report

ANTONIO ROBERTO BOZOLA
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):505-513

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

ABSTRACT

The author lived with breast implants and tells the story of evolution in his 45 years of experience. It points out the main points of this evolution, the coincidences, and complications over time, and proposes possible future events in the end.

Keywords: Mammoplasty; Breast implants; Postoperative complications; Story; Silicone elastomers; Silicone gels.

 

RESUMO

O autor conviveu com implantes mamários e relata a história da evolução em seus 45 anos de experiência. Aponta os pontos principais dessa evolução, as coincidências e as complicações no transcorrer do tempo, e propõe ao final acontecimentos possíveis no futuro.

Palavras-chave: Mamoplastia; Implantes de mama; Complicações pós-operatórias; História; Elastômeros de silicone; Géis de silicone

 

LETTER TO THE EDITOR

The importance of informed consent in the return of elective surgeries during the COVID-19 pandemic

JEFFERSON LESSA SOARES MACEDO; SIMONE CORREA ROSA; Altino Vieira de Rezende Filho
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):516-517

PDF Portuguese PDF English Text in English Text in Portuguese

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license