ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

EDITORIAL

ARTIGO ORIGINAL

Protocolo de prevenção de tromboembolismo venoso no Instituto Ivo Pitanguy: eficácia e segurança em 1.351 pacientes

Rita A. Paiva; Jihed Chadraqui; Barbara B. Machado; Natale F. Gontijo de Amorim; Hazel Fischdick; Ivo Pitanguy
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):3-9

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Eventos tromboembólicos causam grande preocupação, em decorrência das altas taxas de morbidade e mortalidade existentes e da possibilidade de apresentação clínica com sintomas escassos e, muitas vezes, inespecíficos. A prevenção é a maneira mais eficaz de lidar com esse tipo de evento, que, uma vez estabelecido, pode levar rapidamente à morte. MÉTODO: Foi realizado estudo retrospectivo, no período entre maio de 2009 e maio de 2010, com pacientes submetidos a cirurgia plástica no Instituto Ivo Pitanguy. Todos os pacientes foram submetidos ao protocolo de prevenção de tromboembolismo venoso, após serem avaliados quanto aos fatores predisponentes e de risco. A soma desses fatores gerou uma pontuação, que determinou a profilaxia a ser adotada. RESULTADOS: Foram avaliados 1.351 pacientes durante o período de um ano. Não houve incidência de tromboembolismo venoso. Foram observados 16 casos de hematoma, 9 (56,25%) deles ocorreram após profilaxia com heparina e 7 (43,75%) sem o uso de quimioprofilaxia. CONCLUSÕES: O protocolo para prevenção de tromboembolismo venoso no Instituto Ivo Pitanguy foi eficaz, sem ocorrência de eventos tromboembólicos e com incidência de hematomas abaixo da encontrada na literatura médica.

Palavras-chave: Tromboembolia venosa/prevenção & controle. Trombose venosa/prevenção & controle. Cirurgia plástica.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Thromboembolic events are a serious concern due to the high rates of morbidity and mortality as well as the possibility of existing disease presenting with scarce and often nonspecific symptoms. Prevention is the most effective management method for this kind of event, which can quickly lead to death once it occurs. METHODS: A retrospective study was conducted between May 2009 and May 2010 on patients undergoing plastic surgery at the Ivo Pitanguy Institute. All patients underwent the protocol for the prevention of venous thromboembolism after being assessed for risk factors. These factors were summed to generate a score, which determined the prophylaxis to be implemented. RESULTS: During one year, 1351 patients were assessed. There was no incidence of venous thromboembolism. There were 16 cases of hematoma, 9 (56.25%) of which occurred after heparin prophylaxis and 7 (43.75%) of which occurred without the use of prophylaxis. CONCLUSIONS: The protocol for the prevention of venous thromboembolism at the Ivo Pitanguy Institute was effective, with no occurrence of VTE cases and the incidence of hematomas remained below that found in the medical literature.

Keywords: Venous thromboembolism. Venous thrombosis/prevention & control. Plastic surgery.

 

Perfil do cirurgião plástico paranaense

Luiz Roberto Reis de Araújo; André Auersvald; Marco Aurélio Gamborgi; Renato da Silva Freitas
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):10-19

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Esta pesquisa tem por objetivo traçar o perfil do cirurgião plástico do estado do Paraná. É um projeto inicial que não tem a pretensão de indicar respostas, mas sim de entender o que pensa, quais os anseios e objetivos na profissão e como atua o profissional dessa especialidade. MÉTODO: Foi idealizada uma pesquisa com 37 perguntas de múltipla escolha, em sua maioria com foco no mercado de trabalho. Ela foi enviada por e-mail aos 263 membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - Regional Paraná (SBCP-PR), sob forma de um link que dava acesso ao questionário. O link também estava disponível no website da SBCP-PR, com um banner em sua página inicial. O tempo médio para preenchimento do questionário variou de 3 minutos a 5 minutos. RESULTADOS: O índice de resposta foi de 40,5%. A maioria dos entrevistados atua apenas em uma cidade, e mais da metade atende apenas convênios e particulares. Metade dos participantes considera o mercado extremamente competitivo e procura várias alternativas para se manter, entre elas: aumentar parcelamento, baixar preços e atuar em outros locais. Uma parcela significativa acredita ter perdido mais de 30 pacientes por preço no último ano e faz, em média, 10 a 20 cirurgias mensais. A maioria dos participantes não opera com auxiliar cirurgião plástico, pois consideram que aumenta o custo ou que instrumentadoras podem fazer a mesma função. A maioria dos participantes acredita que o número de residentes formados no estado é excessivo. CONCLUSÕES: O cirurgião plástico no Paraná está muito preocupado com o mercado de trabalho e procura alternativas para se manter competitivo.

Palavras-chave: Mercado de trabalho. Cirurgia plástica. Prática profissional. Marketing de Serviços de Saúde.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: In the present study, we aimed to outline the overall practice profile of plastic surgeons in the state of Paraná. It represents an initial project that aimed not to provide generalizations but to understand how plastic surgeons think and their professional aspirations, goals, and performance. METHODS: A survey was conducted using a questionnaire consisting of 37 multiple-choice questions, mostly focusing on the current job market for plastic surgeons. The link to the online questionnaire was e-mailed to 263 members of the Brazilian Society of Plastic Surgery-Regional Paraná (SBCP-PR), which was also accessible via the SBCP-PR website, through a banner on its home page. The overall time to complete the questionnaire ranged from 3 to 5 minutes. RESULTS: The response rate was 40.5%. Most interviewees operated only in one city, and more than half provided services only through health-care insurance plans and private practice. Half of the participants considered the market as extremely competitive and searched for several alternatives for self-maintenance, including increasing installment payment terms, lowering prices, and working at other locations. A significant proportion of the respondents believed that they lost more than 30 patients owing to pricing in the previous year and performed 10-20 surgeries per month on average. Most of the surgeons did not operate with an auxiliary plastic surgeon because this would increase their operational cost or because technologists could perform this function. Most participants believe that the number of trained residents in the state of Paraná is excessive. CONCLUSIONS: In Paraná, plastic surgeons are concerned about the job market and therefore search for alternatives to remain competitive.

Keywords: Job market. Surgery, plastic. Professional practice. Marketing of Health Services.

 

Avaliação dos programas de residência médica em Cirurgia Plástica no Distrito Federal

Katia Torres Batista; Lenise Maria Spadoni pacheco; Lucio Marques da Silva
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):20-28

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A residência médica é um passo importante no treinamento dos médicos residentes de Cirurgia Plástica no Brasil; entretanto, são poucos os estudos que avaliam os programas de residência sob o ponto de vista qualitativo. Assim, este artigo objetiva realizar pesquisa qualitativa dos programas de residência médica dos serviços credenciados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica no Distrito Federal. MÉTODO: Foi realizado estudo transversal, com a aplicação de questionário individual estruturado, autoaplicado aos residentes em treinamento nos serviços credenciados do Distrito Federal, no ano de 2012. RESULTADOS: Dezoito médicos residentes, com idade entre 25 anos e 52 anos, 13 (72,2%) homens e 5 (27,8%) mulheres, concordaram em participar da pesquisa. Desses, 61,1% relataram que o hospital dispunha de serviços complementares necessários ao atendimento ininterrupto dos pacientes e aos requisitos mínimos do programa, 66,7% consideraram que o acervo bibliográfico era parcialmente adequado ou inadequado, e 72,2% referiram ter 2 ou mais horas de reuniões científicas semanais. A participação em 5 a 10 cirurgias por semana foi reportada por 88,8% dos participantes; a maioria dos residentes afirmou participar de até 4 horas/semana como cirurgião e de 11 a 20 horas/semana como auxiliar. A maioria (66,7%) dos residentes já havia realizado apresentações em eventos científicos e 72,2% não tinham artigos publicados na Revista Brasileira de Cirurgia Plástica. Com relação à carga horária do programa de residência, 80% eram destinados a atividades em ambulatório, enfermaria e centro cirúrgico e 20%, a atividades teóricas. Dentre as sugestões de melhoria dos programas de residência médica, foram apontados, principalmente, a necessidade de aumentar a abrangência e o intercâmbio entre os serviços e o incentivo à produção científica. CONCLUSÕES: A percepção dos residentes em cirurgia plástica dos serviços credenciados do Distrito Federal foi positiva no que se refere a grade curricular do programa, estrutura para atendimento e desempenho da preceptoria. Quanto aos pontos negativos, foram apontados abrangência e distribuição da grade curricular, falta de atendimento de emergência, menor treinamento em procedimentos de natureza reparadora e reduzido em estágios de outras áreas, além de acervo bibliográfico insatisfatório e pouco incentivo à pesquisa. Dentre as sugestões de melhoria dos programas de residência médica, foram apontados, principalmente, a necessidade de aumentar a abrangência e o intercâmbio entre os serviços e o incentivo à produção científica.

Palavras-chave: Cirurgia plástica. Ensino. Educação. Educação médica. Internato e residência.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The residency period is an important step in the medical training of plastic surgeons in Brazil. However, there are few qualitative studies about the existing residency programs. Thus, the aim of this study was to conduct a qualitative research of the medical residency programs of the accredited services of the Brazilian Society of Plastic Surgery in Distrito Federal. METHODS: This cross-sectional study was performed through individual structured questionnaires, which were self-administered by residents training in the accredited services of Distrito Federal, in 2012. RESULTS: Eighteen residents (age range, 25-52 years; 13 [72.2%] men and 5 [27.8%] women) agreed to participate. Of them, 61.1% reported that the hospital had complementary services necessary to meet patients' continuous care and the minimum requirements of the program, 66.7% thought that the bibliographic archive was only partially adequate or inadequate, and 72.2% reported to participate in 2 or more hours of weekly scientific meetings. Participation in 5 to 10 surgeries per week was reported by 88.8% of participants. Most residents said that they participate for up to 4 hours/week as a surgeon and 11-20 hours/week as an assistant. Most (66.7%) of residents had made presentations at scientific meetings, and 72.2% had no articles published in the Brazilian Journal of Plastic Surgery. With respect to the workload of the residency program, 80% were assigned to outpatient, infirmary, and surgical center activities, and 20% were assigned to theoretical activities. Among the suggestions mentioned to improve the medical residency programs were the need to increase the scope and the interchange between services, as well as the encouragement of scientific research output. CONCLUSIONS: The perception of plastic surgery residents in the accredited services of Distrito Federal, about the curriculum, program structure and teaching performance, was positive. The negative aspects mentioned were the range and distribution of the curriculum, lack of emergency care, inadequate training in reconstructive procedures, and compact training in other areas, as well as an unsatisfactory bibliographic archive and lack of incentive for researchers. Among the suggestions especially mentioned for the improvement of the medical residency programs were the need to increase the scope and the exchange between services, as well as the encouragement of scientific research output.

Keywords: Plastic surgery. Teaching. Education. Education, medical. Internship and residency.

 

Nautilus: craniotomia dinâmica - nova técnica cirúrgica e resultados preliminares

Vera Lucia Noccm Cardim; Alessandra dos Santos Silva; Rolf Lucas Salomons; Rodrigo Faria do Valle Dornelles; Adriano de Lima e Silva; José orlofe de Souza Blom; Nelci Zanon Colange
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):29-35

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Considerando-se que as craniossinostoses são afecções basicamente suturais, o fato de o cérebro estar aprisionado em um compartimento fechado, que não possui a complacência necessária para acompanhar seu crescimento, se constitui no desafio principal de seu tratamento. O objetivo do tratamento é restabelecer a complacência da sutura estenótica e corrigir a deformidade craniana compensatória. Este trabalho propõe a associação de osteotomía helicoide à distração osteogênica proporcionada pelo uso das molas distratoras para remodelar defeitos craniofaciais causados por craniossinostoses. MÉTODO: Entre julho de 2010 e julho de 2012, foram tratados 10 pacientes portadores de craniossinostoses, sendo 5 oxicefalias, 3 escafocefalias, 1 turricefalia e 1 trigonocefalia. O tratamento consistiu na aplicação de molas de Lauritzen, para corrigir a deformidade primária da craniossinostose, com a associação de craniotomia helicoide em forma de Nautilus nos sítios de deformação secundária do crânio, sem descolamento dural. RESULTADOS: Foi observada resolução da deformidade craniana e remissão dos sinais clínicos de hipertensão intracraniana. Nenhum paciente apresentou complicações, como fístula liquórica, infecção local, seroma ou hematoma. CONCLUSÕES: A associação da osteotomia helicoide com a distração ou contração promovida pelas molas permitiu remodelar ativamente o crânio, facilitando a acomodação do conteúdo cerebral no continente craniano. Clinical trials.gov Identifier: NCT01672619.

Palavras-chave: Craniossinostoses. Osteogênese por distração. Craniotomia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Considering that craniosynostosis is a suture-related condition, the main challenge for its treatment is the fact that the brain is located in a closed compartment that does not have the required adaptability to accommodate its growth. The goal of treatment is to restore stenotic suture adaptability and correct the compensatory cranial deformity. This paper proposes the combined use of spiral osteotomy with distraction osteogenesis by the use of distracting springs to remodel craniofacial defects caused by craniosynostosis. METHODS: Between July 2010 and July 2012, 10 patients with craniosynostosis were treated: 5 with oxycephaly, 3 with scaphocephaly, 1 with turricephaly, and 1 with trigonocephaly. The treatment consisted of the application of Lauritzen springs to correct the primary craniosynostosis defect in combination with a nautilus-shaped spiral craniotomy at the secondary deformation sites without dural detachment. RESULTS: Resolution of cranial deformity and remission of the clinical signs of intracranial hypertension were observed. None of the patients had complications such as cerebrospinal fluid fistula, local infection, seroma, or hematoma. CONCLUSIONS: The combined use of spiral osteotomy with spring-mediated distraction or contraction enables active reshaping of the skull and facilitates accommodation of the brain by the cranial cavity. (clinicaltrials.gov identifier: NCT01672619)

Keywords: Craniosynostoses. Osteogenesis, distraction. Craniotomy.

 

Cantopexia e reforço tarsal com retalho de periosteo

Vera Lucia Noccm Cardim; Khaled Bazzi; Alessandra dos Santos Silva; Mariana Gomes e Silva; Fernanda Martins dos Santos; Rolf Lucas Salomons; Adriano de Lima e Silva; Rodrigo de Faria Valle Dornelles
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):36-40

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A pouca resistência dos tecidos palpebrais quando submetidos ao poder retrátil dos planos cicatriciais predispõe a resultados cirúrgicos indesejáveis. Dentre as técnicas mais resolutivas destacam-se as que utilizam retalhos de periósteo. O presente artigo tem por objetivo apresentar uma técnica de cantopexia e reconstituição tarsoligamentar com retalho de periósteo, a fim de obter um reforço consistente e definitivo do tarso e sua continuidade tecidual à face interna da parede lateral da órbita. MÉTODO: No período de julho de 2009 a dezembro de 2012, foram operados pacientes candidatos à realização de cantopexia com rotação de retalho do arcus marginalis sobre o tarso inferior. Foram avaliados os resultados estéticos e funcionais, bem como a presença de complicações. RESULTADOS: Foram realizadas 84 cantopexias e reforço tarsal com retalho de periósteo, em 49 pacientes. Não foram observadas complicações, como hematoma, infecção ou necrose. Remissão total dos sinais pré-operatórios foi verificada em 45 (91,8%) pacientes e 4 (8,2%) apresentaram remissão parcial em pelo menos um dos lados, relacionada à prévia paresia orbicular. CONCLUSÕES: A cantopexia com reforço tarsal com retalho de periósteo proporciona boa reconstituição tarsoligamentar, com posicionamento adequado do canto externo e bom contato da pálpebra com o bulbo ocular.

Palavras-chave: Blefaroplastia. Ectrópio/cirurgia. Pálpebras/cirurgia. Periósteo/cirurgia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The low resistance of the palpebral tissues to the retractable forces of postoperative scarring can predispose patients to undesirable surgical outcomes. Among the more effective techniques for solving this issue are the periosteal flaps. This report aims to present a technique for canthopexy and tarsal reconstitution using a periosteal flap to obtain a consistent and definitive reinforcement of the tarsal ligament and its continuity to the inner face of the sidewall of the orbit. METHODS: From July 2009 to December 2012, 49 patients underwent canthopexy with flap rotation of the arcus marginalis of the inferior tarsus. The functional and aesthetic results were evaluated together with the presence of complications. RESULTS: Eighty-four cantopexies and tarsal reinforcements using a periosteal flap were performed in 49 patients. No complications such as hematoma, infection, or necrosis were observed. Complete remission of the preoperative signals was observed in 45 (91.8%) patients, while the other 4 (8.2%) showed partial remission on at least one of the sides related to prior ocularis paralysis. CONCLUSIONS: Canthopexy reinforced by a tarsal periosteal flap provides good tarsal ligament reconstitution with appropriate positioning of the outer corner and good contact of the eyelid with the ocular globe.

Keywords: Blepharoplasty. Ectropion/surgery. Eyelids/surgery. Periosteum/surgery.

 

Influência do envelhecimento na qualidade da pele de mulheres brancas: o papel do colágeno, da densidade de material elástico e da vascularização

Morgana Cláudia Aparecida Bergamo Ortolan; Maria de Lourdes Pessole Biondo-simões; Eloína do Rocio Valenga Baroni; André Auersvald; Luiz Augusto Auersvald; Mário Rodrigues Montemor Netto; Rachel Biondo-Simões
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):41-48

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O objetivo deste estudo é avaliar a influência do envelhecimento na qualidade da pele de mulheres brancas, analisando o colágeno, as fibras elásticas e a vascularização. MÉTODO: Foi realizada análise histológica e morfométrica de 218 retalhos pré-auriculares de mulheres brancas, que se submeteram a cirurgia estética facial. Foram utilizados o imunomarcador AntiCD 34, que evidencia os vasos sanguíneos, a coloração de Weigert, para visibilização das fibras elásticas, e a coloração de Picrosirius Ultrared, para analisar e quantificar os colágenos I, III e total. Os dados foram analisados de acordo com a faixa etárias das doadoras: < 40 anos, 40 anos a 49 anos, 50 anos a 59 anos, 60 anos a 69 anos, e > 70 anos. RESULTADOS: Foi observada fragmentação e desorganização das fibras de colágeno, especialmente acima de 60 anos. Não houve diferenças significantes entre a idade e a espessura da derme e da epiderme, porém foi identificada relação com as porcentagens de colágeno I, III e total (P < 0,001). Houve aumento da densidade de fibras elásticas com a progressão da idade (P < 0,001). Comparando-se as peles das pacientes de faixas etárias vizinhas, com diferença de uma década entre elas, não houve diferença significativa na quantidade de material elástico dessas peles; porém, ao se comparar aquelas com diferença de 2 ou mais décadas nas faixas etárias, o aumento foi significante (P < 0,05). A diferença do número de vasos não foi significante (P = 0,112). CONCLUSÕES: O envelhecimento promoveu redução do colágeno, degradação e fragmentação das fibras, e aumento da densidade de material elástico desorganizado, e não influenciou no número de vasos sanguíneos da derme.

Palavras-chave: Pele. Colágeno. Envelhecimento da pele. Vasos sanguíneos. Tecido elástico.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: In the present study, we aimed to evaluate the influence of aging on the skin quality of white-skinned women by assessing collagen levels, elastic material density, and vascularization. METHODS: Histological and morphometric analyses were performed on 218 preauricular skin fragments from white-skinned women who underwent facial cosmetic surgery. Anti-CD34 was used to identify the blood vessels, Weigert's staining was used to visualize elastic fibers, and Picro-sirius Ultra Red staining was employed for analyzing and quantifying the expression of type I, III, and total collagen. Data were analyzed according to the following donor age groups: < 40, 40-49, 50-59, 60-69, and > 70 years. RESULTS: Fragmentation and disorganization of collagen fibers were observed in certain samples, particularly in samples from patients aged > 60 years. Significant differences between age and the thickness of the dermis and epidermis were not detected. However, a relationship was identified between age and the percentages of type I, III, and total collagen, and an increase of elastic fibers density was associated with age progression (P < 0.001). The comparison of the skin of patients with a decade difference in age did not reveal a significant difference in the elastic material quality; however, when the age difference was of 2 decades or more, there was a significant difference in elastic fibers (P < 0.05). The difference in the number of blood vessels between the groups was not significant (P = 0.112). CONCLUSIONS: Aging promoted collagen reduction, fiber degradation and fragmentation, and increased disorganized elastic material density; however, it did not affect the number of dermal blood vessels.

Keywords: Skin. Collagen. Skin aging. Blood vessels. Elastic tissue.

 

Análise da lipoenxertia estruturada na redefinição do contorno facial

Marco Túlio Junqueira Amarante
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):49-54

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A enxertia de gordura como preenchimento no rejuvenescimento e melhoria do contorno facial vem sendo usada por alguns autores e demonstra um potencial excelente como método de escolha para essa finalidade, uma vez que tem como premissa o princípio básico de corrigir as deformidades com o tecido mais semelhante possível. O objetivo deste trabalho foi avaliar clinicamente a eficiência da enxertia de gordura estruturada na redefinição do contorno facial. MÉTODO: Foi realizada análise retrospectiva de 39 pacientes submetidos a lipoenxertia estruturada para a redefinição do contorno facial, entre 2002 e 2012. A seleção de pacientes incluiu correção de deformidades, assimetrias, harmonização do contorno e aumento da projeção óssea, mas excluiu o rejuvenescimento per se. A avaliação do resultado clínico foi realizada pelo paciente e pelo cirurgião, com auxílio de documentação fotográfica pré e pós-operatória. O resultado clínico foi classificado pelo paciente e cirurgião, empregando escala que variava de 1 a 3: (1) o objetivo não foi alcançado de forma alguma; (2) o objetivo foi alcançado parcialmente; ou (3) o objetivo foi alcançado totalmente. Foi realizado, também, levantamento de prontuários para obtenção dos seguintes dados: idade, alteração ponderal, volume enxertado por área, número de sessões de enxertia realizadas, história de tabagismo e complicações. RESULTADOS: As médias das avaliações do cirurgião e paciente foram, respectivamente, 2,6 ± 0,6 e 2,7 ± 0,5, havendo correlação estatisticamente significante (P < 0,0001). Não foi encontrada relação significativa entre as avaliações e idade, alteração ponderal, volume de enxertia ou tabagismo, com uma única exceção. CONCLUSÕES: A lipoenxertia estruturada demonstrou ser eficiente adjuvante na redefinição do contorno facial e sua eficiência não foi prejudicada por idade, alteração ponderal ou tabagismo. O volume a ser enxertado deve ser adequado às necessidades específicas de cada área.

Palavras-chave: Tecido adiposo/cirurgia. Transplante. Lipectomia. Injeções subcutâneas.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Fat grafting as a filling method for the rejuvenation and enhancement of facial contours was demonstrated by some authors to be an excellent alternative method for redefining facial contours, based on the premise that the donor tissue used in the correction of the deformities has similar characteristics as the recipient tissue. The objective of the present study was to clinically evaluate the efficiency of structured fat grafting when redefining facial contours. METHODS: A retrospective evaluation was performed in 39 patients who underwent structured fat grafting to redefine their facial contours between 2002 and 2012. The patients selected included those who underwent corrections of deformities, asymmetrical features, contour smoothing, and increased bone projection. Patients who underwent facial contour rejuvenation were excluded. The clinical outcome assessment was performed by the patient and surgeon, with the aid of preoperative and postoperative photographic documentation. The clinical outcome was rated by the patient and surgeon, using a scale ranging from 1 to 3, defined as follows: 1, the objective has not been achieved in any way; 2, the objective was partially achieved; or 3, the objective was fully achieved. In addition, a survey was conducted using the patients' medical charts to obtain the following data: age, weight change, volume grafted by area, number of grafting sessions performed, history of smoking, and complications. RESULTS: The mean surgeon and patient assessment scores were 2.6 ± 0.6 and 2.7 ± 0.5, respectively, with a statistically significant correlation (P < 0.0001). No significant relationship was found between the assessments and age, weight change, graft volume, or smoking habit, with the exception of the cheekbone area. CONCLUSIONS: Structured fat grafting proved to be an efficient adjuvant technique for redefining facial contours, and its efficiency was not affected by age, weight change, or smoking habit. However, the fat volume to be grafted should be adequate for the specific needs of each area.

Keywords: Adipose tissue/surgery. Transplantation. Lipectomy. Injections subcutaneous.

 

Pontos de adesão nas ritidoplastias: estudo comparativo

Marco Willians Baena Destro; Cristina Destro; Ricardo Baroudi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):55-58

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Os hematomas constituem uma das complicações mais frequentes no pós-operatório imediato de ritidoplastias. O objetivo deste estudo é avaliar a eficácia do emprego de pontos de adesão na prevenção de hematomas em ritidoplastias. MÉTODO: Foram avaliados, retrospectivamente, 2 grupos constituídos por 88 pacientes submetidos a ritidoplastia. Os pacientes do grupo 1 não receberam pontos de adesão, que foram aplicados em todos os pacientes do grupo 2. RESULTADOS: No grupo 1, foram observados 5 (5,7%) hematomas extensos, que foram tratados cirurgicamente, e 12 (13,6%) hematomas de pequeno porte, solucionados com punção local. No grupo 2, não foi verificado nenhum hematoma que necessitasse limpeza cirúrgica. Foram observados 5 (5,68%) casos com pequenas coleções hemáticas, solucionados com punção local, e 4 (4,54%) seromas. CONCLUSÕES: Durante ritidoplastias, a aplicação de 12 a 15 pontos de adesão nas áreas dissecadas, bilateralmente, proporcionou melhor recuperação no período pós-operatório, com ausência de hematomas que exigissem limpeza cirúrgica.

Palavras-chave: Ritidoplastia/métodos. Face/cirurgia. Hematoma/prevenção & controle.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Hematomas are one of the most frequent complications in the immediate postoperative period following rhytidoplasty. In the present study, we aimed to assess the efficacy of using adhesion stitches to prevent the development of hematomas following rhytidoplasty. METHODS: We performed a retrospective assessment of 2 groups of 88 patients who underwent rhytidoplasty. Adhesion stitches were applied to all patients in group 2, but not to those in group 1. RESULTS: Five patients (5.7%) in group 1 developed massive hematomas that were treated surgically and 12 patients (13.6%) developed small hematomas that were resolved by local puncture. The patients in group 2 did not develop any hematoma that required surgical evacuation. Five patients (5.68%) developed small hematomas that were resolved by local puncture and 4 patients (4.54%) developed seromas. CONCLUSIONS: During rhytidoplasty, the bilateral application of 12-15 adhesion stitches in the dissected areas prevented the development of hematomas that required surgical evacuation, thus improving postoperative recovery.

Keywords: Rhytidoplasty/methods. Face/surgery. Hematoma/prevention & control.

 

Reconstruções mamárias: estudo retrospectivo de 10 anos

Ognev Meireles Cosac; João Pedro Pontes Camara Filho; Ana Paula Galvão de Souza Honorato de Barros; Marina de Souza Borgatto; Bruno Peixoto Esteves; Dhyego Molinari Di Castro Curado; Diogo Borges Pedroso; Ricardo Cintra Júnior
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):59-64

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O câncer de mama é um dos principais problemas de saúde do mundo e sua incidência vem aumentando gradativamente. A mastectomia e as terapias adjuvantes contribuem para o desenvolvimento de complicações físicas e transtornos psicológicos. Na tentativa de reduzir os sentimentos negativos, melhorar a autoestima e suprir a falta da mama, pode-se optar pela reconstrução cirúrgica. O objetivo deste estudo foi analisar os casos de reconstrução mamária pós-mastectomia por câncer de mama, realizados em um período de 10 anos, na clínica privada do autor principal. MÉTODO: Foi realizada revisão dos prontuários de pacientes submetidas a reconstrução mamária, no período de janeiro de 2002 a dezembro de 2011. RESULTADOS: No período analisado, foram realizadas 428 reconstruções mamárias em pacientes mastectomizadas por câncer de mama. A média de idade das pacientes foi de 52,77 anos. Quanto ao tipo de reconstrução, 134 procedimentos foram realizados com retalho do músculo reto abdominal (TRAM), 105 com técnicas conservadoras, 87 com retalho do músculo grande dorsal (RGD), 76 com próteses e 26 secundárias. Previamente a outubro de 2007, a porcentagem de cirurgias bilaterais, somando-se TRAM e RGD, era de 30%; a partir desse período, a porcentagem passou para 84%. A taxa de complicações foi de 33,41%. CONCLUSÕES: As técnicas de reconstrução mamária são alternativas seguras, com taxas de complicação aceitáveis. A presença de fatores de risco resultou em maior taxa de complicações e evidenciou-se aumento da incidência de cirurgias bilaterais nos últimos anos, fato atribuído ao aumento das mastectomias profiláticas na mama contralateral ao tumor, o que pode reduzir o risco da neoplasia e facilitar a simetrização mamária.

Palavras-chave: Mamoplastia. Mama/cirurgia. Neoplasias da mama. Retalhos cirúrgicos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Breast cancer is a major global health problem with a gradually increasing incidence. Mastectomy and adjuvant therapies may result in physical complications and psychological disorders that lead several women to consider surgical reconstruction in order to reduce negative feelings, improve self-esteem, and be provided with a new breast. The aim of this study is to analyze a series of breast reconstruction procedures performed over a period of 10 years in the first author's private clinic in patients who underwent mastectomy for breast cancer removal. METHODS: We analyzed the medical records of patients who underwent breast reconstruction between January 2002 and December 2011. RESULTS: In the period considered, 428 breast reconstruction procedures were performed in patients who underwent mastectomy for breast cancer removal. The average patient age was 52.77 years. With regard to the type of reconstruction, 134 procedures were performed using the rectus abdominis muscle flap (TRAM); 105, using conservative techniques; 87, using the latissimus dorsi muscle flap (LDMF); 76, using prostheses; and 26, in secondary procedures. Before October 2007, the percentage of bilateral surgeries, including the use of TRAM and LDMF, was 30%. After October 2007, this percentage increased to 84%. The complication rate was 33.41%. CONCLUSIONS: Breast reconstruction procedures are safe with limited complications that increase according to the presence of risk factors. The increased incidence of bilateral surgeries performed during recent years was attributed to the increased incidence of prophylactic mastectomy performed on the contralateral breast to reduce the risk of cancer and facilitate mammary symmetrization.

Keywords: Mammaplasty. Breast/surgery. Breast neoplasms. Surgical flaps.

 

Retalho toracodorsal desepitelizado: um novo conceito para a reconstrução autóloga da mama

Marwan Abboud; Dibo Saad; Ricardo Baroudi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):65-71

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A associação de retalho muscular toracodorsal com uma extensão fasciocutânea resulta em um amplo retalho, que permite recobrir o defeito cutâneo residual da mastectomia. O objetivo deste estudo é compartilhar 11 anos de experiência com um novo conceito em reconstrução autóloga da mama, utilizando um retalho cutâneo toracodorsal desepitelizado pediculado com músculo grande dorsal como vetor. MÉTODO: Foi realizado um estudo retrospectivo com 247 pacientes operadas de 1999 a 2009. Os parâmetros de interesse incluíram idade, índice de massa corporal, história de tabagismo, radioterapia e quimioterapia, tamanho da mama, dimensões do retalho, tempo cirúrgico, expansão do tecido mamário e índice de complicações. O desenho do retalho toracodorsal em formato de elipse se estende da região da linha dorsal média até a linha inframamária média, com largura máxima na linha axilar média. A extensão fasciocutânea desepitelizada é colocada dissecada juntamente com o músculo grande dorsal como seu veículo e pedículo responsável pelo suprimento sanguíneo, que são levados em monobloco até a área de pele da nova neomama previamente dissecada. O formato e a projeção da mama são restaurados gradualmente como uma expansão de tecido. RESULTADOS: Reconstruções imediata e tardia da mama foram realizadas em 14,5% e 85,5% das pacientes, respectivamente. A reconstrução bilateral da mama foi realizada em 8,9% das pacientes. Nenhuma das pacientes submetidas a radioterapia mamária (76,7%) recebeu implantes para reconstrução. O tempo cirúrgico médio foi de 2 horas e 20 minutos. A expansão da pele mamária não irradiada foi realizada em um período de 3 meses, enquanto a expansão da pele irradiada levou um período médio de 5 meses após a reconstrução tardia. A taxa de complicações foi de 11,3%. Não houve perda total do retalho. A taxa de seroma foi de 7% após a remoção dos drenos. O tempo de hospitalização médio foi de 3 dias. Foi realizado remodelamento da mama contralateral em 92% dos casos e enxerto de gordura em 14% das pacientes. Em um período médio de acompanhamento de 4 anos, a taxa de satisfação das pacientes foi elevada. CONCLUSÕES: O retalho toracodorsal é uma opção cirúrgica segura e confiável para a reconstrução autóloga da mama. As principais vantagens são a obtenção de grandes volumes de mama contornando o uso de material protético, evitando-se a aparência de retalho na mama reconstruída, obtendo-se expansão tecidual e, ao mesmo tempo, garantindo morbidade aceitável no sítio doador.

Palavras-chave: Mama/cirurgia. Mamoplastia/métodos. Retalhos cirúrgicos.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: The association the thoracodorsal muscular flap with a thoracic fascio-cutaneous extension results in a large flap, that allowed to cover the mastectomy residual skin defect. The purpose of this study is to share 11 year experience with a new concept in autologous breast reconstruction using a deepithelialized thoracodorsal skin flap pedicle with the latissimus dorsi muscle as vector. METHODS: A retrospective study of 247 operated patients from 1999 to 2009 was performed. Parameters of interest included age, body mass index, smoking, radiation and chemotherapy histories, breast size, flap dimensions, operative time, breast tissue expansion and complication rates. The thoracodorsal flap design under an ellipse shape extends from near the mid dorsal line extended up to the mid-infra-mammary line with maximal width at the mid axillary line. The deepithelialized fascio-cutaneous extension is lumped together with the latissimus dorsi as its vehicle and blood supply pedicle, together are brought to the neo-mammary previous dissected skin area. Gradual as a tissue expansion the breast shape and projection are restored. RESULTS: Immediate and delayed breast reconstructions were done in 14.5% and 85.5%, respectively. Bilateral breast reconstruction was done in 9% of the patients. Implants were not used for reconstruction purposes in any of the 77% of the patients received breast radiotherapy. The average operative time was 2 hours and 20 minutes. Expansion of non irradiated breast skin occurred over a three months period, whereas that of irradiated skin took an average of five months following delayed reconstruction. The complication rate was 11.4%. No total flap loss was reported. The seroma rate was 7% after the drains had been removed. The mean hospital stay was 3 days. Contra lateral breast remodeling was performed in 92% of the cases and fat grafting in 14% of the cases. With an average follow-up of 4 years, patient satisfaction was rated high by the patients. CONCLUSIONS: The thoracodorsal flap is a safe and reliable surgical option for autologous breast reconstruction. Its main advantages achieving large breast volumes circumventing the use of prosthetic material, avoiding the patch look on the reconstructive breast, achieving tissue expansion, while insuring acceptable donor site morbidity.

Keywords: Breast/surgery. Mammaplasty/methods. Surgical flaps.

 

Aperfeiçoando a mensuração do volume mamário na reconstrução imediata com expansores permanentes

Ronaldo Webster; Daniel Pinheiro Machado; Adriana Milani; Pedro Bins Ely
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):72-77

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A determinação precisa do volume mamário pode melhorar o resultado dos procedimentos de reconstrução. O objetivo deste estudo é correlacionar a mensuração pré-operatória do volume mamário utilizando o método de conchas plásticas e a aplicação intraoperatória do princípio de Arquimedes para a avaliação volumétrica das mamas, em pacientes submetidas a reconstrução mamária imediata utilizando expansores permanentes, portadoras de mamas de pequeno volume e grau ptótico leve. MÉTODO: Dez pacientes foram incluídas em um estudo retrospectivo não-randomizado. O volume da mama foi mensurado, no pré-operatório, com conchas plásticas com volumes predeterminados e, no período intra-operatório, com o método de Arquimedes. Expansor apropriado permanente foi selecionado e inserido de maneira retromuscular. A equipe classificou a simetria da mama como pobre, boa ou muito boa. RESULTADOS: As diferenças entre as medidas pré e intraoperatórias foram estatisticamente significantes (P < 0,01, teste t de Student). Os valores pré-operatórios foram subestimados em 70% dos casos e foram 15% menores que os valores intraoperatórios. CONCLUSÕES: A avaliação do volume da mama em procedimentos de reconstrução imediata utilizando expansores permanentes pode ser aperfeiçoada pela combinação de diferentes técnicas de mensuração pré e intraoperatórias, levando a resultados mais previsíveis. O método de conchas plásticas de volume preestabelecido tende a subestimar o volume ressecado da mama quando comparado aos valores obtidos com método de mensuração intraoperatória utilizando o princípio de Arquimedes.

Palavras-chave: Mama. Mamoplastia. Implantes de mama. Procedimentos cirúrgicos recons-trutivos. Cirurgia plástica.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: The accurate determination of breast volume improves the outcome of reconstructive procedures. The aim of the present study is to correlate the preoperative measurement of breast volume using the plastic shells method with the intraoperative application of the Archimedes principle to assess breast volume in immediate breast reconstruction using permanent expanders in patients having breasts with a small volume and mild ptosis grade. METHODS: Ten patients were enrolled in this retrospective nonrandomized study. Breast volume was measured preoperatively using fixed-volume plastic shells and intraoperatively using the Archimedes method. An appropriate permanent expander was selected and inserted in a retromuscular position. The team classified breast symmetry as poor, good, or very good. RESULTS: Differences between pre- and intraoperative measurements were statistically significant (P < 0.01, Student's t-test). Preoperative values were lower than intraoperative values by 15% in 70% of the cases. CONCLUSIONS: Breast volume assessment in immediate reconstruction procedures with permanent expanders can be improved and yield more predictable results by the combined use of different pre- and intraoperative measuring techniques. The method that uses fixed-volume plastic shells tends to underestimate the resected breast volume compared to the intraoperative method that uses the Archimedes principle.

Keywords: Breast. Mammaplasty. Breast implants. Reconstructive surgical procedures. Surgery, plastic.

 

Reconstrução mamária com implante expansor definitivo: experiência pessoal

Claudia Francisco Oliveira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):78-84

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Com o advento da técnica de mastectomia conservadora de pele (skin-sparing mastectomy), em que muitas vezes há impossibilidade de implante de prótese com volume final definitivo, sob risco de deiscência e extrusão posterior da mesma, surge a situação ideal para se optar pela introdução de um implante expansor definitivo. Este artigo demonstra a utilização do implante expansor definitivo, suas indicações, incisão cutânea, segurança, vantagens e complicações. MÉTODO: Trinta implantes expansores definitivos (estilo 150) foram utilizados em 27 mulheres submetidas a mastectomia, no período de março de 1998 a março de 2012. RESULTADOS: Vinte e nove reconstruções foram imediatas pós-mastectomia com economia de pele e apenas uma foi tardia pós-mastectomia tipo Halstead. Os índices de complicação encontrados foram baixos: seromas (20%), deslocamento da válvula (13,3%), dor no local da válvula (10%), contratura capsular pós-radioterapia (3,3%), infecção (3,3%) e extrusão tardia (3,3%). Não houve complicações como hematomas, necroses cutâneas e extrusões precoces, bem como necessidade de cirurgias para reposicionar o expansor. CONCLUSÕES: O baixo índice de complicações e a facilidade de realização da técnica são fatores importantes para a decisão de sua utilização, apesar do custo ainda elevado. A adequada indicação e a incisão cutânea sistematizada, combinadas a uma variedade de formatos e volumes dos expansores definitivos, permitiram resultado estético satisfatório, num único estágio cirúrgico.

Palavras-chave: Neoplasias da mama. Mastectomia. Mamoplastia. Dispositivos para expansão de tecidos. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos/métodos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: With the impossibility of prosthetic implantation with a definitive final volume due to dehiscence and posterior extrusion risks, the development of skin-sparing mastectomy provides an ideal condition for the use of a definitive expander implant. Therefore, this study aimed to demonstrate the use of a definitive expander implant and discuss its indications, cutaneous incision, and safety, as well as its advantages and complications. METHODS: Thirty 150 definitive expander implants were used in 27 women who underwent mastectomy between March 1998 and March 2012. RESULTS: Twenty-nine reconstructions were performed immediately after skin-sparing mastectomy and only 1 was performed after a late Halstead mastectomy. The complication rate was low, with seroma being the most frequent (20%), followed by valve dislocation (13.3%), pain in valve location (10%), post-radiotherapy capsular contracture (3.3%), infection (3.3%), and late extrusion (3.3%). No complications such as hematomas, cutaneous incision, and early extrusion were encountered, and none of the cases required surgical repositioning of the expander implant. CONCLUSIONS: Despite its high cost, the use of a definitive expander implant may be considered as a potential breast reconstruction modality because it is associated with low complication rates and is easy to use. In our study, the appropriate indications and systematized cutaneous incisions, combined with the various definitive expander implant shapes and volumes, led to the satisfactory aesthetic results of the breast reconstruction in a single surgical stage.

Keywords: Breast neoplasms. Mastectomy. Mammaplasty. Tissue expansion devices. Reconstructive surgical procedures/methods.

 

Complicações em reconstrução mamária total em pacientes mastectomizadas por câncer de mama: análise comparativa de longo prazo quanto a influência de técnica, tempo de cirurgia, momento da reconstrução e tratamento adjuvante

Francisco Claro Jr.; Daniela Vieira da Costa; Adivânia de Souza Pinheiro; Aarão Mendes Pinto-Neto
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):85-91

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Algumas técnicas de reconstrução total de mama, independentemente de sua complexidade, apresentam complicações específicas, com diferentes graus de morbidade. Com base nessas informações, o objetivo deste estudo foi identificar as complicações mais frequentes apresentadas pelas principais técnicas de reconstrução mamária e compará-las a relevantes variáveis independentes. MÉTODO: Estudo observacional tipo coorte transversal, realizado por meio de revisão de prontuários médicos de pacientes que tiveram suas mamas totalmente reconstruídas após mastectomia por câncer de mama, no período de janeiro de 2007 a dezembro de 2009, com tempo mínimo de seguimento pós-operatório de 3 anos. Os dados coletados, como momento da intervenção, técnicas de reconstrução, tempo de cirurgia e tratamento adjuvante, foram estatisticamente relacionados à presença de complicações. RESULTADOS: Das 48 reconstruções mamárias totais analisadas, a técnica com expansor seguido pela troca por implante mamário foi a que apresentou menor prevalência de complicação em relação às outras técnicas (16,7%; P < 0,000). Algumas técnicas apresentaram complicações específicas. O tempo cirúrgico do retalho transverso do músculo reto abdominal (TRAM; 363,57 ± 59,91 minutos) foi significativamente maior que das técnicas com materiais aloplásticos (155,71 ± 38,02 minutos; P = 0,01), mas semelhante ao do grande dorsal (309,69 ± 77,66 minutos). O tempo de cirurgia, o momento da intervenção cirúrgica e o tipo de tratamento adjuvante não apresentaram relação com a incidência de complicações. CONCLUSÕES: Cada técnica empregada tem sua indicação, contraindicação e complicação e a aplicação de cada técnica deve ser individualizada, baseando-se em características individuais da paciente, a fim de se obter um melhor resultado, evitando complicações a curto e longo prazos.

Palavras-chave: Mama/cirurgia. Implante mamário. Mamoplastia/complicações. Complicações pós-operatórias.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Some techniques for total reconstruction of the breast, regardless of complexity, present specific complications, with varying degrees of morbidity. Therefore, the aim of this study was to identify the most frequent complications of the main techniques used for breast reconstruction, and to compare these complications to the relevant independent variables. METHODS: This cross-sectional observational study was conducted by reviewing the medical records of patients who had their breasts completely rebuilt after a mastectomy due to breast cancer from January 2007 to December 2009, with a minimum postoperative follow-up of 3 years. The data collected, such as the timing of the intervention, reconstruction techniques, operative time, and adjuvant treatment, were statistically related to the presence of complications. RESULTS: Of the 48 total breast reconstructions analyzed, the technique in which expanders were used followed by replacement with implants showed the lowest prevalence of complications (16.7%, P < 0.000). Some techniques showed specific complications. The operative time for transplantation of transverse rectus abdominis musculocutaneous flap (363.57 ± 59.91 min) was significantly higher than that required for techniques using alloplastic materials (155.71 ± 38.02 min, P = 0.01), but similar to that for the latissimus dorsi flap (309.69 ± 77.66 min). The operative time, timing of surgical intervention, and type of adjuvant treatment did not correlate with the incidence of complications. CONCLUSIONS: Each technique has its indications, contraindications, and complications. The application of each technique should be individualized on the basis of the individual characteristics of the patient to obtain better results, avoiding short- and long-term complications.

Keywords: Breast/surgery. Breast implantation. Mammaplasty/complications. Postoperative complications.

 

Reconstrução mamária de resgate: a importância dos retalhos miocutâneos

Ognev Meireles Cosac; João Pedro Pontes Camara Filho; Marcela Caetano Cammarota; Jefferson Di Lamartine; José Carlos Daher; Marina de Souza Borgatto; Bruno Peixoto Esteves; Dhyego Molinari Di Castro Curado
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):92-99

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A reconstrução mamária pode apresentar um resultado estético insatisfatório ou complicações que comprometam o resultado final. Nesses casos, pode-se realizar a reconstrução mamária de resgate, que é definida como uma revisão completa de uma reconstrução prévia, em caso de resultado insatisfatório ou falha da primeira reconstrução. Este trabalho tem como objetivo reportar a experiência dos autores na realização da reconstrução mamária de resgate pós-mastectomia por câncer de mama. MÉTODO: Estudo retrospectivo de prontuários de pacientes submetidas a reconstrução mamária de resgate, no período de março de 2002 a março de 2012. RESULTADOS: Foram identificados 57 casos de reconstrução mamária de resgate. Com relação à cirurgia inicial, 20 foram realizadas com próteses, 16 com retalho miocutâneo do músculo reto abdominal (TRAM), 11 com expansores, 6 cirurgias conservadoras e 4 com retalho miocutâneo do músculo grande dorsal (RGD). A principal causa de falha das reconstruções foi por motivos estéticos, seguida de necrose, contratura capsular e infecção e/ou exposição de implantes. A reconstrução de resgate foi realizada em 27 pacientes com emprego de RGD (P < 0,0001), em 16, com TRAM, e em 14, com material aloplástico. Em 57,9% dos casos, o cirurgião que realizou a reconstrução de resgate não foi o cirurgião da reconstrução inicial. CONCLUSÕES: A maioria das cirurgias que apresentaram resultados insatisfatórios foi realizada com materiais aloplásticos, sendo a principal causa o aspecto estético deficiente. As reconstruções de resgate foram realizadas principalmente com retalhos miocutâneos e por profissionais diferentes da primeira cirurgia. Os retalhos miocutâneos apresentam boa aplicabilidade nas reconstruções de resgate, por fornecerem tecido sadio e bem vascularizado a uma área manipulada previamente.

Palavras-chave: Mamoplastia/complicações. Mama/cirurgia. Neoplasias da mama. Retalhos cirúrgicos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Breast reconstruction can present an unsatisfactory aesthetic result or complications that could compromise the final result. In such cases, surgeons can perform salvage breast reconstruction, which is defined as a complete revision of a previous reconstruction in the case of failure or an unsatisfactory result from the first reconstruction. This study aims to report the authors' experience in performing salvage breast reconstruction after mastectomy for breast cancer. METHODS: This was a retrospective study of medical records of patients who underwent salvage breast reconstruction from March 2002 to March 2012. RESULTS: We identified 57 cases of salvage breast reconstruction. Twenty initial surgeries were performed with prostheses, 16 with transverse rectus abdominis myocutaneous flaps (TRAMs), 11 with expanders, 4 with conservative methods, and 6 with myocutaneous latissimus dorsi muscle flaps (LDMFs). The main cause of reconstruction failure was aesthetic, followed by necrosis, capsular contracture, and implant infection and/or exposure. Salvage reconstruction was performed using LDMF in 27 patients (P < 0.0001), TRAM in 16, and alloplastic material in 14 patients. In 57.9% of cases, the surgeon who performed the salvage reconstruction did not perform the initial reconstruction. CONCLUSIONS: Most surgeries that had unsatisfactory results, mainly because of poor aesthetics, were performed using alloplastic materials. Salvage reconstructions were performed primarily using myocutaneous flaps by professionals other than those who performed the initial surgery. These flaps have good applicability in salvage reconstructions because they provide healthy and well-vascularized tissue in a previously operated area.

Keywords: Mammaplasty/complications. Breast/surgery. Breast neoplasms. Surgical flaps.

 

Impacto da reconstrução mamária na qualidade de vida de pacientes mastectomizadas atendidas no Serviço de Cirurgia Plástica do Hospital Universitário Walter Cantídio

Carolina Garzon Paredes; salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Diego Tomaz Teles Peixoto; Dayanne Nogueira de Amorim; Jéssica Silveira Araújo; Paulo Roberto Araujo Barreto
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):100-104

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A reconstrução mamária tem por objetivo restabelecer a estética corporal e melhorar a autoimagem da paciente, restaurando o volume perdido e assegurando simetria com a mama contralateral. O objetivo deste trabalho é verificar a qualidade de vida de pacientes mastectomizadas e submetidas a reconstrução mamária imediata ou tardia, abordando os domínios físico, psicológico e social. MÉTODO: Foram estudadas 27 pacientes submetidas a reconstrução mamária no Hospital Universitário Walter Cantídio, entre agosto de 2007 e agosto de 2012. Foi realizado um estudo transversal, com avaliação da qualidade de vida por meio da aplicação do questionário World Health Organization Quality of life (WHOQOL) abreviado. RESULTADOS: As pacientes entrevistadas avaliaram positivamente sua qualidade de vida, com atribuição da nota 4 (boa) por 41% e 5 (muita boa) por 33% das entrevistadas à pergunta "Como você avaliaria sua qualidade de vida?". Dentre as pacientes entrevistadas, 81% foram submetidas a reconstrução imediata e a maioria delas (45%) atribuiu nota 4 (boa) à pergunta "Como você avaliaria sua qualidade de vida?". Por outro lado, 60% das pacientes submetidas a reconstrução tardia atribuíram nota 5 (muito boa) a essa pergunta. CONCLUSÕES: Os resultados demonstram que a reconstrução mamária possibilita à mulher mastectomizada incorporar ao tratamento do câncer de mama conceitos de qualidade de vida, trazendo benefícios físicos, psicológicos e sociais.

Palavras-chave: Qualidade de vida. Mamoplastia. Autoimagem. Mastectomia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The aim of breast reconstruction is to restore body contour and improve the patient's self-image by replacing the volume loss and ensuring proper symmetry with the contralateral breast. This study evaluated the quality of life and physical, psychological, and social aspects of patients who underwent mastectomy and immediate or delayed breast reconstruction. METHODS: Twenty-seven patients underwent breast reconstruction at Walter Cantídio University Hospital between August 2007 and August 2012. The World Health Organization Quality of Life survey was used to conduct a cross-sectional study to evaluate patient quality of life. RESULTS: The patients positively evaluated their quality of life. A score of 4 (good) and 5 (very good) was assigned by 41% and 33% of women, respectively, to the question "How would you rate your quality of life?" Among the patients, 81% underwent immediate reconstruction and most (45%) assigned a score of 4 (good) to the question "How would you evaluate your quality of life?" A total of 60% of patients who underwent delayed reconstruction attributed a score of 5 (very good) to this question. CONCLUSIONS: These results demonstrate that breast reconstruction after mastectomy results in good or very good quality of life and is associated with physical, psychological, and social benefits.

Keywords: Quality of life. Mammaplasty. Self concept. Mastectomy.

 

Aumento mamário por meio da incisão da abdominoplastia: estudo prospectivo de 100 casos

Gal Moreira Dini; Jean Milani; Luciana Gianini Albuquerque; Mario Farinazzo de Oliveira; Ivan Dunshee de Abranches Oliveira Santos Filho; Lauren Klas Iurk; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):105-113

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A gravidez e a obesidade causam distensão da parede abdominal e também produzem mudanças na forma e no tamanho das mamas. Assim, não é incomum a necessidade de melhoria estética da área abdominal, coincidindo com o desejo de aumento de mama. A mamoplastia utilizando a mesma incisão da abdominoplastia foi descrita pela primeira vez em 1976. Em decorrência da falta de estudos prospectivos empregando essa abordagem, os autores realizaram uma série de dermolipectomias usando a incisão abdominal para inserir o par de implantes mamários de silicone gel. MÉTODO: Cem pacientes consecutivas foram selecionadas, com média de idade de 33 ± 2 anos. A abdominoplastia clássica foi realizada e, em seguida, confeccionados 2 túneis sobre os hipocondrios direito e esquerdo. Após colocação dos implantes, foi realizada reconstrução do sulco mamário com pontos simples usando fios absorvíveis, fixando o subcutâneo à aponeurose. RESULTADOS: Não houve nenhuma das seguintes complicações: trombose venosa profunda, complicações cardiorrespiratórias ou anestésicas, necrose de pele, sangramento visível, e hematoma ou infecção detectáveis clinicamente. O volume dos implantes variou de 280 ml a 450 ml (mediana de 350 ml). O tempo médio de operação foi de 116 minutos. Em nenhum caso foi necessária reoperação. O período de acompanhamento mínimo foi de 9 meses e máximo, de 84 meses (média de 36 meses). CONCLUSÕES: A técnica de aumento mamário por meio da incisão da abdominoplastia se mostrou confiável e simples, constituindo uma nova opção para a cirurgia mamária sem cicatriz nas mamas.

Palavras-chave: Cirurgia plástica. Mamoplastia. Implante mamário. Mama/cirurgia. Abdome/cirurgia. Abdominoplastia. Lipectomia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Pregnancy and obesity cause distension of the abdominal wall and produce changes in the shape and size of the breasts. Thus, the need of aesthetic improvement of the abdominal area is not uncommon, coinciding with the desire for breast augmentation. Performing mammoplasty via the abdominoplasty incision approach was first described in 1976. Because of the lack of prospective studies using this approach, we performed a series of dermolipectomy procedures using the abdominal incision to insert a pair of silicone gel breast implants. METHODS: In total, 100 consecutive patients were selected, with a mean age of 33 ± 2 years. Classic abdominoplasty was performed, and 2 tunnels were then made in the right and left hypochondria. After implant placement, the mammary fold was reconstructed using simple sutures with absorbable threads to attach the subcutaneous tissue to the aponeurosis. RESULTS: None of the following complications were observed: deep-vein thrombosis, cardiorespiratory or anesthetic complications, skin necrosis, visible bleeding, hematoma, or clinically detectable infection. The volume of the implants ranged from 280 to 450 mL (median, 350 mL). The mean operation time was 116 minutes. Reoperation was not necessary in any of the cases. The monitoring period ranged from 9 to 84 months (mean, 36 months). CONCLUSIONS: Breast augmentation via the abdominoplasty incision approach was demonstrated to be a reliable and simple technique, providing a new, scar-free alternative to mammary surgical procedures.

Keywords: Plastic surgery. Mammaplasty. Breast implantation. Breast/surgery. Abdomen/surgery. Abdominoplasty. Lipectomy.

 

Neo-onfaloplastia no decurso das abdominoplastias em ancora em pacientes pos-cirurgia bariatrica

Brenda Artuzi Reno; Aline Mizukami; Ivana Leme de Calaes; Juliana Gulelmo Staut; Bruno Marino Claro; Ricardo Baroudi; Paulo Kharmandayan; Marco Antonio de Camargo Bueno
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):114-118

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: As grandes perdas ponderais pós-cirurgia bariátrica resultam, nos ex-obesos mórbidos, em grande flacidez cutânea nas áreas mais volumosas, com maiores depósitos adiposos nos membros, nas diversas regiões do tronco e, particularmente, na parede anterior do abdome. A abdominoplastia em âncora, também chamada tipo T invertido, tem sido o procedimento de eleição pelos especialistas, com ressecção concomitante do umbigo, seguida da neoumbilicoplastia no ato operatório. O objetivo do presente estudo é descrever nossa experiência com a técnica de neo-onfaloplastia no decurso das abdominoplastias em âncora em pacientes pós-cirurgia bariátrica, que consiste, basicamente, na utilização de 2 retalhos cutâneos, bilateralmente posicionados nas bordas da pele incisada, que, suturados à fáscia, determinam a umbilicação de aspecto natural. MÉTODO: Entre março de 2011 e junho de 2012, foram operados, pela Disciplina de Cirurgia Plástica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de Campinas, 50 pacientes submetidos a cirurgia bariátrica prévia, com estabilização do peso corpóreo por, no mínimo, 6 meses. RESULTADOS: Nos 50 pacientes operados, o neoumbigo ficou posicionado no local estabelecido pré-operatoriamente, apresentando características semelhantes às de indivíduos sem histórico de cirurgia abdominal prévia. Não ocorreram deiscência, necrose, estenose, alargamento das linhas de sutura no neoumbigo ou seromas nessa série de casos. CONCLUSÕES: A neo-onfaloplastia com emprego de 2 retalhos cutâneos e padronização de seu posicionamento na parede abdominal, distante 16 cm a 18 cm do apêndice xifoide, permitiu resultado estético compatível com o aspecto natural da cicatriz umbilical. Essa abordagem técnica é de fácil e rápida execução.

Palavras-chave: Umbigo/cirurgia. Abdome/cirurgia. Cirurgia bariátrica. Cirurgia plástica/métodos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: In formerly morbidly obese individuals, major weight loss after bariatric surgery leads to the development of extensive areas of sagging skin with large fat deposits that mainly affect the limbs, several regions of the trunk, and the anterior abdominal wall in particular. The gold standard procedure, anchor-line abdominoplasty (also known as inverted T), is performed with the simultaneous removal of the navel followed by neo-umbilicoplasty during surgery. In the present report, we describe our experience with neo-omphaloplasty in anchor-line abdominoplasty performed in patients who previously underwent bariatric surgery. The neo-omphaloplasty mainly consists of 2 skin flaps bilaterally positioned at the extremities of the skin incision, facilitating a natural appearance of the navel after they are sutured to the fascia. METHODS: From March 2011 to June 2012, 50 patients, who previously underwent bariatric surgery and had stable body weight for at least 6 months, were operated on at the Plastic Surgery Service of the Clinics Hospital of the Faculty of Medicine of the University of Campinas. RESULTS: In the 50 patients, the neo-umbilicus was positioned at a location that was preoperatively established, and these patients exhibited characteristics similar to individuals who had not undergone abdominal surgeries. There was no evidence of dehiscence, necrosis, stenosis, suture line enlargement in the neo-umbilicus, or seroma formation in this cohort. CONCLUSIONS: When neo-omphaloplasty is performed using 2 skin flaps conventionally positioned in the abdominal wall, at a distance varying between 16 and 18 cm from the xiphoid process, the aesthetic outcomes are similar to the natural appearance of the navel. This technical approach is quick and easy to implement.

Keywords: Umbilicus/surgery. Abdomen/surgery. Bariatric surgery. Surgery, plastic/methods.

 

Reconstrução anatômica da cicatriz umbilical

Alfredo Donnabella
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):119-123

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A ausência da cicatriz umbilical causa alteração importante na forma do abdome, tornando-se, desse modo, imprescindível na anatomia do mesmo. Sua reconstrução deve seguir seus aspectos anatômicos, conferindo aspecto natural ao final do tratamento. A nova cicatriz umbilical deve ter boa forma, bom posicionamento, não apresentar cicatriz estigmatizante, estenose ou alargamentos, e ter aspecto natural. MÉTODO: Foram operados 162 pacientes submetidos previamente a gastroplastia aberta para tratamento de obesidade mórbida e 2 pacientes submetidos a cirurgia videolaparoscópica. Foram utilizados 2 retalhos retangulares paralelos, medindo 2 cm x 1,5 cm, que foram suturados entre si e fixados à aponeurose dos músculos reto abdominais. Os retalhos apresentavam a transição com a pele em forma curvilínea. A fixação dos retalhos foi realizada com 2 pontos paralelos, que atingiam a derme do retalho de um lado, a derme do retalho do lado oposto e a aponeurose. Desse modo, foi obtida a união dos 2 retalhos, comprimindo-se levemente a porção distal dos mesmos. Em seguida, foi realizada aproximação do tecido gorduroso ao redor da nova cicatriz umbilical. RESULTADOS: Com a técnica apresentada, obteve-se a formação de todas as unidades anatômicas (mamelão, sulco e rodete), além de profundidade adequada em todas as cicatrizes umbilicais reconstruídas. Não foi observado nenhum caso de estenose umbilical, cicatriz hipertrófica ou queloide nas novas cicatrizes umbilicais. CONCLUSÕES: A técnica apresentada para reconstrução da cicatriz umbilical, respeitando as unidades anatômicas, proporciona forma bem natural e, com o passar do tempo, ocorre uma sobra de pele em sua porção superior, conferindo graciosidade à mesma.

Palavras-chave: Umbigo/cirurgia.Abdome/cirurgia.Cirurgiabariátrica.Cirurgiaplástica/métodos.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: The absence of the umbilicus causes significant changes in the appearance of the abdomen, thus making it an essential part of anatomy. The reconstruction procedures should account of the anatomical position to ensure a natural appearance after treatment. The new umbilicus should have a good shape and appropriate position, but should not have an unaesthetic appearance, stenosis, or enlargement. METHODS: This study included 162 patients who previously underwent open gastroplasty for the treatment of morbid obesity and 2 patients who underwent laparoscopic surgery. We used 2 parallel rectangular flaps measuring 2 × 1.5 cm that were sutured together and fixed to the aponeurosis of the rectus abdominis muscles. The flaps exhibited a curvilinear-shaped skin transition. The attachment flaps were created with 2 parallel points that reached the dermis on both sides of the flap and aponeurosis. Thus, the union of 2 flaps was obtained, which were slightly compressed at their distal portion. Thereafter, the fat tissue around the new umbilicus was approximated. RESULTS: The technique described produced all anatomical units including a base, groove, and impeller as well as adequate depth of the umbilical scar in all cases. There were no cases of umbilical stenosis, hypertrophic scars, or keloid scars in the new umbilici. CONCLUSIONS: This technique for the reconstruction of the umbilicus takes into account the anatomical units and provides a very natural appearance, eventually resulting in a slight excess of skin in the upper portion, thus giving a graceful appearance.

Keywords: Umbilicus/surgery. Abdomen/surgery. Bariatric surgery. Surgery, plastic/methods.

 

Laserlipolise com diodo 980 nm: experiencia com 400 casos

Rodrigo de Faria Valle Dornelles; Adriano de Lima e Silva; Juarez Missel; Patrício Centuriôn
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):124-129

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A técnica de lipoaspiração recebeu várias contribuições desde sua primeira descrição, como modificações nas cânulas, variação na concentração da solução de infiltração e uso de aparelhos com tecnologias variadas. A utilização de aparelhos com tecnologia laser vem contribuir com o procedimento por meio da lipólise e com o estímulo de retração cutânea. Neste artigo é apresentada a experiência dos autores com a laserlipólise em 400 pacientes, no intervalo de 5 anos, sendo discutidos aspectos dos princípios da tecnologia e sua ação sobre os tecidos. MÉTODO: Estudo realizado entre julho de 2007 e julho de 2012, que incluiu 400 pacientes submetidos a procedimento de laserlipólise. Os procedimentos foram realizados seguindo protocolo original, com infiltração de soro gelado, passagem da cânula com fibra óptica para a condução da energia laser visando à laserlipólise, retração cutânea e, por último, lipoaspiração convencional. RESULTADOS: O período de internação variou de cirurgia em regime ambulatorial a pernoite. Cerca de 45% (180/400 pacientes) dos pacientes evoluíram com equimoses mínimas, com acometimento de 2% ou mais da superfície corporal comprometida. Os casos de hematoma, seroma e deiscência totalizaram 9% (36/400 pacientes). Em nenhum caso foi constatada queimadura por lesão térmica na pele. CONCLUSÕES: O procedimento de laserlipólise realizado com a técnica descrita demonstrou segurança e reprodutibilidade.

Palavras-chave: Lasers. Lipólise. Gordura subcutânea. Tecido conjuntivo.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Liposuction has undergone several improvements since its first description, including changes in the cannulas, variation in the concentration of the infiltrating solution, and the use of different devices and technologies. The use of laser technology devices for lipolysis and stimulation of skin retraction has contributed to the procedure. This article presents the authors' experience with laser lipolysis in 400 patients, within a 5-year period, and discusses the principles of the technology and its effect on tissues. METHODS: This is a study performed between July 2007 and July 2012 and included 400 patients who underwent laser lipolysis. All procedures were performed following the original protocol - infiltration of cold saline, passage of the cannula with an optic fiber for conducting the energy needed for laser lipolysis, skin retraction, and finally, conventional liposuction. RESULTS: Hospitalization type ranged from outpatient to overnight surgery. Approximately 45% (180 of 400) of patients had minimal bruising, with involvement of 2% or more of the affected body surface. Hematoma, seroma, and dehiscence occurred in a total of 9% (36 of 400) of patients. We did not find any case of thermal burn of the skin. CONCLUSIONS: Laser lipolysis performed according to the described technique was safe and reproducible.

Keywords: Lasers. Lipolysis. Subcutaneous fat. Connective tissues.

 

Sindactilia pós-queimadura da mão

Luiz Mário Bonfatti Ribeiro; Vicente Scopel de Morais; Flávio Amoretti Fachlnelli
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):130-132

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A sindactilia por queimadura é uma sequela grave e incapacitante, e limita a função preensora da mão. Na maioria dos casos, é decorrente de má orientação cicatricial na fase aguda da queimadura. O objetivo deste artigo é descrever sistematização técnica adotada em nossa instituição, estabelecendo parâmetros de normalidade a serem buscados e técnicas cirúrgicas que auxiliem no tratamento. MÉTODO: No período de janeiro de 2009 a dezembro de 2012, 150 pacientes portadores de sindactilia decorrente de queimadura da mão foram submetidos a cirurgia reparadora. Em todos os pacientes, foram adotadas 4 etapas cirúrgicas: confecção do retalho dorsal; liberação da sindactilia; migração e sutura do retalho dorsal para sua nova posição interdigital; enxertia dos gaps com pele total, preenchendo os espaços remanescentes. RESULTADOS: Em 100% dos casos houve total sobrevivência dos retalhos, com perda parcial de enxerto em 20 pacientes e nenhum caso de infecção local. Em todos os pacientes dessa série foi observada recuperação da função da mão, com capacidade de preensão e de abdução digital restauradas. CONCLUSÕES: A sindactilia pós-queimadura é uma deformidade extremamente limitante ao paciente. O emprego de técnicas básicas de retalhos e enxertos proporcionou sucesso no tratamento, com restauração da função da mão, comprometida pela lesão.

Palavras-chave: Queimaduras/complicações. Queimaduras/reabilitação. Mãos. Sindactilia/cirurgia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Syndactyly caused by burns to the hand is a severe and disabling sequel that limits hand function. In most cases, it results from poor scar orientation during the acute phase of the burn. This article describes the systematic technique adopted by our institution to treat this sequel, and establishes normal parameters to be investigated and surgical techniques. METHODS: Between January 2009 and December 2012, 150 patients with syndactyly caused by burns to the hand underwent reconstructive surgery. The following 4 surgical steps were used to treat all patients: preparation of the dorsal flap; syndactyly release; migration and suturing of the flap to its new position; and skin graft to fill the remaining spaces. RESULTS: There was graft survival in 100% of cases. Partial graft loss occurred 20 cases, and there were no cases of local infection. All patients recovered their hand function, including the ability to hold, and digital abduction. CONCLUSIONS: Syndactyly after burns is extremely limiting to the patient. The use of basic techniques of flaps and grafts results in successful treatment, restoring hand function compromised by the injury.

Keywords: Burns/complications. Burns/rehabilitation. Hand. Syndactyly/surgery.

 

Uso da ferramenta Pressure Ulcer Scale for Healing para avaliar a cicatrização de úlcera crónica de perna

Patrícia Ferreira do Espírito Santo; Sérgio Aguinaldo de Almeida; Maiko Moura Silveira; Geraldo Magela Salomé; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):133-141

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O objetivo deste estudo é descrever a evolução da cicatrização de úlcera crônica de perna, utilizando o instrumento Pressure Ulcer Scale for Healing (PUSH). MÉTODO: Os dados foram coletados no período de julho de 2010 a maio de 2011. A inclusão dos pacientes no estudo obedeceu à ordem de chegada. A lesão foi avaliada semanalmente, sendo aplicada a escala PUSH. RESULTADOS: Foram incluídos no estudo 15 (30%) pacientes diabéticos com pé ulcerado e 35 (70%) pacientes com úlcera venosa. No início da coleta dos dados, a média do comprimento e da largura foi de 9,26, caracterizando que a lesão mensurava de 12,1 cm2 a 24 cm2. Com 9 meses de tratamento, a úlcera apresentou média de comprimento e de largura de 2,04, caracterizando que a lesão mensurava de 0,3 cm2 a 0,6 cm2. Com relação à quantidade do exsudato, no início da coleta de dados a média foi de 1,71, caracterizando que a lesão apresentava quantidade moderada e, 9 meses após o início do tratamento, houve redução do exsudato, com média de 0,14, significando ausência de exsudato. Aos 9 meses de tratamento, 19 (38%) pacientes apresentavam úlcera fechada; 17 (34%), úlceras com tecido de granulação; e 14 (28%), tecido epitelizado. CONCLUSÕES: O instrumento PUSH possibilitou acompanhar o processo de cicatrização da lesão por meio da avaliação de comprimento versus largura, quantidade do exsudato e tipo de tecido existente na ferida, favorecendo, assim, a escolha da cobertura ideal para cada fase da cicatrização.

Palavras-chave: Úlcera da perna. Pé diabético. Úlcera varicosa. Cicatrização. Avaliação em enfermagem.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: In the present study, we aimed to describe the evolution of the healing of chronic leg ulcers using the Pressure Ulcer Scale for Healing (PUSH) tool. METHODS: The data were collected from July 2010 to May 2011. The inclusion of patients in the study followed the order of arrival. The lesion was evaluated weekly according to the PUSH tool. RESULTS: The study included 15 (30%) patients with diabetes and foot ulcers and 35 (70%) patients with venous ulcers. At the beginning of the data collection process, the average ulcer length and width were 9.26 cm2 (range, 12.1-24.0 cm2). At 9 months of treatment, the average ulcer length and width was 2.04 cm2 (range, 0.3-0.6 cm2). At the beginning of the study, the average amount of exudate was 1.71 (moderate amount), whereas at 9 months after the beginning of treatment, the average amount of exudate was 0.14 (absence of exudate). At 9 months of treatment, 19 (38%) patients had closed ulcers, 17 (34%) had ulcers with granulation tissue, and 14 (28%) had ulcers with epithelialized tissue. CONCLUSIONS: Use of the PUSH tool enabled monitoring of the ulcer healing process through the evaluation of length vs. width, exudate amount, and type of tissue present in the wound, thus favoring the selection of the correct dressing for each stage of wound healing.

Keywords: Leg ulcer. Diabetic foot. Varicose ulcer. Wound healing. Nursing assessment.

 

Avaliação da qualidade de vida em pacientes com diabetes mellitus e pé ulcerado

Sérgio Aguinaldo de Almeida; Maiko Moura Silveira; Patrícia Ferreira do Espírito Santo; Rita de Cássia Pereira; Geraldo Magela Salomé
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):142-146

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O pé diabético é uma das mais devastadoras complicações crônicas do diabetes mellitus, em função do grande número de casos que evoluem para amputação. O objetivo deste estudo é avaliar a qualidade de vida de pessoas diabéticas com pé ulcerado comparativamente às pessoas diabéticas sem úlceras. MÉTODO: Realizado estudo analítico, transversal, controlado e comparativo, com pacientes atendidos em 2 centros de tratamento de feridas de São Paulo. Foram selecionadas 50 pessoas para compor o grupo controle, com diabetes mellitus sem pé ulcerado, e 50 para o grupo estudo, composto de pacientes diabéticos com pé ulcerado. O instrumento usado para avaliar a qualidade de vida foi o questionário Short Form-36 Health Survey (SF-36). A inclusão dos pacientes no estudo obedeceu à ordem de chegada. RESULTADOS: Na avaliação dos pacientes do grupo controle, o escore médio do SF-36 foi 69,38 ± 21,90 e do grupo estudo, 30,34 ± 14,45 (P < 0,001). A média dos escores em todos os domínios do SF-36 do grupo estudo foi mais baixa em relação ao grupo controle (P < 0,001). CONCLUSÕES: Os pacientes diabéticos com pé ulcerado apresentam alterações na qualidade de vida, repercutindo nos domínios físico, social e psicoemocional.

Palavras-chave: Qualidade de vida. Diabetes mellitus. Úlcera. Úlcera do pé.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Diabetic foot is considered as one of the most devastating chronic complications of diabetes mellitus due to the large number of cases that eventually require amputation. In the present study, we aimed to assess the quality of life of patients with diabetes and foot ulcers compared to that of patients with diabetes but without foot ulcers. METHODS: An analytical, cross-sectional, controlled, and comparative study of patients who visited 2 wound clinics in São Paulo was performed. Fifty patients with diabetes mellitus but without foot ulcers were selected as the control group and 50 patients with diabetes and foot ulcers were selected as the study group. The Short Form-36 Health Survey (SF-36) questionnaire was used to assess the quality of life. Patients were included consecutively in the same order that they visited the clinic. RESULTS: The mean SF-36 score was 69.38 ± 21.90 in the control group and 30.34 ± 14.45 in the study group (P < 0.001). Mean scores across all SF-36 domains were lower in the study group than in the control group (P < 0.001). CONCLUSIONS: Patients with diabetes and foot ulcers experience changes in the quality of life in the physical, social, and psychoemotional domains.

Keywords: Quality of life. Diabetes mellitus. Ulcer. Foot ulcer.

 

Reabilitação na paralisia parcial do plexo braquial

Katia Torres Batista; Hugo José de Araújo
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):175-179

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

Muitas transferências musculares têm sido defendidas para restaurar os movimentos do membro superior após paralisia grave do plexo braquial. A paralisia dos músculos deltoide e supraespinal pode ser tratada por meio de transferência do músculo trapézio. A paralisia dos músculos extensores de punho, mão e dedos, quando o nervo mediano está preservado, pode ser corrigida com emprego dos músculos pronador redondo, flexor ulnar do carpo e palmar longo. Os autores descrevem um caso de reabilitação de paciente portador de lesão parcial antiga do plexo braquial à direita, de predomínio em tronco superior, principalmente da raiz de C6 e de fascículo posterior. Foi evidenciada fraqueza dos músculos deltoide e extensores do punho e dos dedos, sem antecedentes de reparo microcirúrgico do plexo braquial. Foi realizada, inicialmente, cirurgia de transferência tendínea para ganho de extensão de punho, mão e dedos e, após um ano, transferência do músculo trapézio, para estabilização do ombro. O sucesso na transferência para tratamento de paralisia do plexo braquial requereu especialização do cirurgião, motivação do paciente e programa de reabilitação.

Palavras-chave: Plexo braquial/lesões. Músculo esquelético/fisiopatologia. Músculo esquelético/transplante.

 

ABSTRACT

A variety of muscle transfer techniques have been proposed to restore motion of the upper extremities following severe brachial plexus palsy. Paralysis of the deltoid and supraspinatus muscles can be treated with transfer of the trapezius muscle. Paralysis of the wrist, hand, and digital extensor muscles can be corrected using the pronator teres, flexor carpi ulnaris, and palmaris longus muscles if the median nerve is preserved. Here we describe the rehabilitation of a patient with an old partial injury to the right brachial plexus that primarily involved the upper trunk from the C6 root to the posterior cord. Weakness of the deltoid muscle, wrist, and digital extensor muscles was observed. Microsurgical repair of the brachial plexus had not been performed. Tendon transfer surgery was performed to improve wrist, hand, and digital extension. One year later, transfer of the trapezius muscle was performed to stabilize the shoulder. The success of muscle transfer in the treatment of the brachial plexus palsy required the surgeon's specialization, the patient's motivation, and a rehabilitation program.

Keywords: Brachial plexus/injuries. Muscle, skeletal/physiopathology. Muscle, skeletal/ transplantation.

 

ARTIGO DE REVISÃO

Uso da estereofotogrametria nas deformidades craniofaciais: revisão sistemática

Pedro Ribeiro Soares de Ladeira; Endrigo Oliveira Bastos; Jaqueline Vaz Vanini; Nivaldo Alonso
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):147-155

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

O desenvolvimento de modelos tridimensionais digitais da face foi uma das formas de contornar as limitações dos métodos tradicionais de avaliação de tecidos moles. Para tanto, o método com maior aplicabilidade clínica atualmente é a estereofotogrametria digital. Esta revisão sistemática objetiva abordar o uso dessa técnica em anormalidades craniofaciais, com foco em sua aplicação prática. Foram realizadas buscas sobre o tema nas bases de dados Medline, Cochrane Library, LILACS e SciELO. A partir de critérios de inclusão preestabelecidos, 19 artigos foram selecionados. Extraíram-se dados sobre: sistemas utilizados, ano de publicação, doenças abordadas, pontos de referência usados para cada doença, vantagens e desvantagens da estereofotogrametria por sistema utilizado e qualidade dos artigos. O sistema 3dMD® foi o equipamento empregado em 11 artigos. O ano de publicação mais frequente foi 2010, com 6 trabalhos. Doze estudos abordaram fissuras labiopalatinas e 17 trabalhos utilizaram pontos de referência antropométricos. O caráter não-invasivo, a rápida aquisição de imagens e a acurácia foram as vantagens referidas em 70% dos artigos que aplicaram o sistema 3dMD®. A desvantagem desse mesmo equipamento apontada com maior frequência foi o alto custo. Doze artigos possuíam bom nível de evidência científica. A estereofotogrametria digital é uma tecnologia capaz de aperfeiçoar o modo de avaliação dos tratamentos e quantificação das deformidades craniofaciais. Entretanto, há necessidade de realização de mais estudos com acompanhamento a longo prazo e associação de maior variedade de sistemas.

Palavras-chave: Fotogrametria. Anormalidades craniofaciais. Imagem tridimensional. Fotografia. Revisão.

 

ABSTRACT

Three-dimensional digital models of the face were developed to circumvent the limitations of the traditional assessment of soft tissue. Currently, a method reported to have a high clinical applicability is digital stereophotogrammetry. This systematic review aims to address the use of this technique in evaluating craniofacial abnormalities, with a focus on its practical application. The subject was searched in the Medline, Cochrane Library, LILACS, and SciELO databases. From preestablished inclusion criteria, 19 articles were selected. The data extracted were as follows: systems used, year of publication, diseases addressed, reference points used for each disease, advantages and disadvantages of the stereophotogrammetry system used, and quality of articles. The 3dMD® system was used in 11 articles. The most common publication year was 2010, with 6 studies. Twelve studies addressed cleft lip and palate, and 17 studies used anthropometric landmarks. Noninvasiveness, fast image acquisition, and accuracy were the advantages mentioned in 70% of the articles that used the 3dMD® system. The most frequently mentioned disadvantage of such equipment was the high cost. Twelve items had good level of scientific evidence. Digital stereophotogrammetry is a technology aimed to improve the evaluation of treatments and quantification of craniofacial deformities. However, there is a need for more studies with long-term monitoring and on the association of a wider variety of systems.

Keywords: Photogrammetry. Craniofacial abnormalities. Imaging, three-dimensional. Photography. Review.

 

ARTIGO ESPECIAL

Megassessoes de unidades foliculares e fatores de crescimento plaquetario

Carlos Oscar Uebel; Pedro Djacir Escobar Martins; Jorge Augusto Moojen da Silveira; Anajara Gazzalle
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):156-164

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

Queda de cabelo, sej a parcial ou completa, é causa de preocupação significativa para homens e mulheres, que a veem como um sinal inestético e visível de envelhecimento. Avanços e refinamentos das técnicas culminaram na introdução de megassessões de microenxertos e minienxertos. Essa técnica se tornou amplamente aceita como um procedimento simples e seguro, que recria as linhas randômicas naturais do cabelo. Os folículos pilosos foram retirados da área cervical posterior, onde 500 a 1.500 unidades foliculares podem ser obtidas. A área calva foi implantada através de incisões de lâmina nº 11. Após o procedimento, gaze umedecida em solução salina foi aplicada sobre a área implantada por 24 horas. Os pontos foram removidos no 7º dia de pós-operatório. O resultado final foi obtido 8 meses a 12 meses após o procedimento, em homens, e 12 meses a 14 meses, em mulheres. Nos pacientes em que um segundo procedimento foi necessário, este foi realizado 1 ano após o transplante inicial. A qualidade e a força do cabelo transplantado permanecem em alguns pacientes por tempo indeterminado, em decorrência de características particulares, como alta qualidade histológica da área doadora, hereditariedade, hormônios e envelhecimento. A cirurgia de transplante capilar demonstra que o uso de fatores de crescimento plaquetário autólogo pode melhorar a densidade capilar. Esse processo oferece uma nova perspectiva ao transplante capilar, representando uma contribuição importante para a cirurgia de implante com megassessões de unidades foliculares.

Palavras-chave: Folículo piloso/transplante. Couro cabeludo/cirurgia. Alopecia/cirurgia.

 

ABSTRACT

Hair loss, whether partial or complete, is a cause of significant concern to both men and women, and is viewed as unaesthetic and a visible sign of aging. Advances and refinements in hair restoration techniques have culminated in the introduction of micrograft and minigraft megasessions. This technique has become widely accepted as a simple and safe procedure that recreates natural random-pattern hairlines. The hair follicles are harvested from the posterior cervical area, where 500 to 1500 follicular units can be obtained. Implantation in the bald area is performed via punctiform incisions using the No. 11 blade. After the procedure, gauze moistened in saline solution is applied over the implanted area for 24 hours. The stitches are removed on the 7th postoperative day. The final result is visible after 8 to 12 months in men and after 12 to 14 months in women. If an additional procedure is necessary, this can be performed 1 year after the initial transplantation. The quality and strength of the implanted hair persists for an indefinite period in some patients because of 1 the following particular characteristics: high histological quality of the donor area, heredity, hormones, or aging. This article also addresses the role of platelet-rich plasma growth factors in surgical treatment of male and female pattern baldness. The results of hair transplant surgery suggest that the use of autologous platelet growth factors improves capillary density. This offers a new perspective on hair transplantation and is an important contribution to implantation surgery with follicular unit megasessions.

Keywords: Hair follicle/transplantation. Scalp/surgery. Alopecia/surgery.

 

RELATO DE CASO

Polipose palpebral por hidrocistoma écrino

Mario Jorge Frassy Feijó; Hermes Willer Olinda Sant'Ana; Francisco Odílio de Melo e Dias; Ivo Viera Salgado Filho; Alexandre Câmara Alencar Barros
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):165-167

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

Os hidrocistomas écrinos são lesões raras, císticas e benignas, que resultam em deformidades nas regiões palpebrais bilateralmente. Vários tratamentos são citados na literatura, porém nenhum deles é considerado padrão de referência. Deve-se somar as impressões obtidas à avaliação clínica e aos recursos disponíveis. Paciente de 73 anos, feminino, apresentando tumorações em regiões palpebrais bilaterais, de crescimento lento, com obstrução parcial do campo de visão e ectrópio. Foi submetida a dois procedimentos cirúrgicos para ressecção, em 2007 e em 2008. Apresentou melhora significativa do contorno palpebral bilateral, com boa simetria entre as regiões. O exame histopatológico concluiu: hidrocistoma écrino. O tratamento cirúrgico para a polipose palpebral bilateral relacionada ao hidrocistoma écrino mostrou-se uma modalidade que pode apresentar bons resultados estéticos e funcionais, sendo reprodutível, e sem causar maiores morbidades pós-operatórias ao paciente.

Palavras-chave: Cirurgia plástica/métodos. Face/cirurgia. Pálpebras/cirurgia. Hidrocistoma.

 

ABSTRACT

Eccrine hidrocystomas are rare lesions, cysts, or benign tumors, which lead to bilateral deformities in the eyelid areas. Several treatments are described in the literature. However, none of them has been established as the gold standard. Hence, it becomes necessary to consider the contribution of different opinions and available resources to clinical evaluation. A 73-year-old female patient presented with slow-growing tumors on both eyelids, which consequently led to partial visual field obstruction and ectropion. She underwent 2 surgical resections, one in 2007 and the other in 2008. As a result, she showed significant improvement of the bilateral eyelid contours and satisfactory symmetry between the areas. Histopathological diagnosis indicated eccrine hidrocystoma. The surgical treatment of bilateral eyelid polyposis associated with eccrine hidrocystoma proved to be a reproducible procedure that may ensure satisfactory aesthetic and functional results, without causing major postoperative morbidities to the patient.

Keywords: Plastic surgery/methods. Face/surgery. Eyelids/surgery. Hidrocystoma.

 

Reconstrução do lábio inferior pela técnica de Karapandzic

Daniel Melo de Azevedo; Elisa Nagassaki; Alexandre Sanfurgo de Carvalho; Kepler Alessandro Secco Lafayette; Eugênio Gonzalez Cação; Heraldo Carlos Borges Inforzato; Osvaldo Ribeiro Saldanha; Ewaldo Bolívar de Souza Pinto
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):168-171

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

Lesões labiais extensas sempre representaram um desafio para a cirurgia plástica. Não existe técnica ideal para reconstrução labial. Neste artigo são relatados os casos de 2 pacientes que apresentavam grandes defeitos no lábio inferior, acometendo 80% e 60% da superfície dessa estrutura, após traumatismo lacerocontuso e ressecção de tumor epidermoide, respectivamente. Esses pacientes foram submetidos a reconstrução labial pela técnica de Karapandzic1, descrita em 1974. No primeiro caso, o resultado foi considerado desfavorável, em decorrência da presença de deiscência. No segundo caso, foi obtido bom resultado estético e funcional, sem sofrimento dos retalhos ou hematomas. A técnica de Karapandzic constitui uma opção de fácil execução e reprodutível, apresentando bons resultados estéticos e funcionais.

Palavras-chave: Lábio/cirurgia. Retalhos cirúrgicos. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

Reconstruction of extensive labral lesions has always been a challenge for plastic surgeons. Thus far, an optimal lip reconstruction technique has not yet been established. This report includes 2 cases of large lower lip defects, affecting 80% and 60% of the surface structure that resulted from laceration/contusion trauma and epidermal tumor resection, respectively. The patients underwent lip reconstruction using the Karapandzic technique, which was first described in 1974. In the first case, the result was considered unfavorable because of dehiscence. In the second case, good functional and aesthetic results were obtained without from the patchwork or bruises. The Karapandzic technique is easy to perform and may be considered a reproducible option for lip reconstruction with good functional and aesthetic results.

Keywords: Lip/surgery. Surgical flaps. Reconstructive surgical procedures.

 

Sarcoma pleomórfico em úlcera de Marjolin

Gerson de Mattos Ritz Filho; Maria Roberta Cardoso Martins
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):172-174

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

Úlcera de Marjolin é uma transformação maligna em tecido cutâneo cronicamente inflamado ou traumatizado, que ocorre especialmente após queimaduras. O carcinoma de células escamosas é o tipo histológico mais encontrado nas úlceras de Marjolin, seguido de carcinoma basocelular e melanoma maligno. Sarcomas em úlcera de Marjolin são raros, correspondendo a aproximadamente 5% dessas degenerações malignas. Neste artigo é descrito o caso de paciente do sexo feminino, vítima de queimadura há 42 anos, com grande ulceração em dorso. A biópsia dessa ulceração evidenciou sarcoma pleomórfico de alto grau em úlcera de Marjolin. A paciente foi submetida a ressecção da ulceração e enxerto de pele no local, seguidos de radioterapia e quimioterapia adjuvantes. Em 3 anos de seguimento, a paciente não apresentou recidiva da neoplasia. Úlceras de Marjolin são neoplasias malignas de comportamento agressivo, com alto índice de metástases regionais. A importância de seu entendimento está na necessidade de prevenção das mesmas, com o tratamento adequado dos pacientes queimados, evitando-se a cicatrização por segunda intenção. Sarcomas em úlcera de Marjolin são considerados raros, com poucos casos relatados na literatura, o que demonstra a importância deste relato.

Palavras-chave: Queimaduras. Sarcoma. Úlcera cutânea.

 

ABSTRACT

Marjolin's ulcer is a malignant transformation of traumatized or chronically inflamed cutaneous tissue that occurs after burns. The most common histological type of carcinoma found in Marjolin's ulcers is squamous cell carcinoma, followed by basal cell carcinoma and malignant melanoma. Sarcomas in Marjolin's ulcers are rare, representing approximately 5% of these malignant degenerations. In this report, we describe the case of a female patient who was burned 42 years prior, with a large ulceration on her back. Biopsy of the ulceration showed a high-grade pleomorphic sarcoma in the Marjolin's ulcer. The patient underwent resection of the ulceration and a skin graft followed by radiation therapy and adjuvant chemotherapy. In 3 years of follow-up, the patient had no tumor recurrence. Marjolin's ulcers are aggressive and have a high rate of regional metastases. It is important that clinicians develop an understanding of their prevention by properly treating burns. Sarcomas in Marjolin's ulcers are rare and few cases have been reported in the literature, which demonstrates the importance of this report.

Keywords: Burns. Sarcoma. Skin ulcer.

 

Patrocinadores

Indexadores