ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

EDITORIAL

ARTIGO ORIGINAL

Distracção osteogênica mandibular: experiência do INTO-RJ

Pablo Maricevich; Ricardo Lopes da Cruz; Nivaldo Alonso; Renato da Silva Freitas; Gabriel Duarte Basílio; André Braune; Edmar Soares Lessa; Mayra Joan Marins da Costa; Leizi Regina Barreto Silva
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):475-485

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O desenvolvimento das técnicas de distracção do esqueleto craniofacial representou um grande avanço na prática da cirurgia cranio-facial. A distracção é uma técnica menos invasiva, mais rápida e com uma morbidade aparentemente menor comparada com as técnicas tradicionais de reconstrução craniofacial. No ano de 2013, o serviço de Cirurgia Crânio Maxilo Facial do INTO realizou uma série de casos de distracção mandibular. Este trabalho objetiva apresentar nossa experiência. MÉTODOS: De janeiro a março de 2013, sete pacientes realizaram cirurgia de distracção mandibular. Todos os pacientes operados apresentavam hipoplasia mandibular uni ou bilateral em decorrência de anquilose de ATM ou microssomia craniofacial. Em alguns pacientes com anquilose de ATM foi realizada também a ressecção do bloco anquilótico no mesmo tempo da distracção. RESULTADOS: No pós-operatório houve melhora de todas as funções estomatognáticas, ganho de peso, decanulação da paciente traqueostomizada e melhora na qualidade do sono. Houve melhora nos perfis faciais, as laterognatias foram amenizadas e a abertura oral aumentou na maioria dos pacientes. A abertura oral aumentou de maneira mais significativa naqueles pacientes onde a cirurgia de anquilose foi realizada em conjunto com a distracção. A complicação mais comum foi dor à ativação, relato de cinco pacientes (71%). CONCLUSÃO: A distracção osteogênica da mandíbula é uma boa alternativa para o tratamento das hipoplasias mandibulares, muitas vezes sendo a primeira indicação em algumas situações clínicas. Aparentemente tem morbidade menor do que as reconstruções clássicas de mandíbula e possui o bônus de alongar também os tecidos moles.

Palavras-chave: Distracção osteogênica; Distracção; Hipoplasia mandibular; Mandíbula; Anquilose; Anquilose de ATM.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The introduction of distraction of the craniofacial skeleton represented a great advancement in the practice of craniofacial surgery. Distraction is a less invasive technique that is faster and with an apparently lower morbidity than the traditional craniofacial reconstruction techniques. In 2013, the craniomaxillofacial surgery service of the Institute of Traumatology and Orthopaedics performed a series of mandibular distraction surgeries. In this article, we aim to present our experience. METHODS: From January to March 2013, seven patients underwent mandibular distraction surgery. All patients exhibited unilateral or bilateral mandibular hypoplasia due to ankylosis of the temporomandibular joint (TMJ), or craniofacial microsomia. In some patients with ankylosis of the TMJ, resection of the anlylotic block was also performed concomitantly with the distraction. RESULTS: Postoperative improvement was noted in all the stomatognathic functions: weight gain, decannulation of a tracheostomized patient, and improved quality of sleep. There was an improvement in facial profiles: the laterognathism was eased and the mouth opening increased in most patients. The mouth opening increased more significantly in patients in whom ankylosis surgery was done in conjunction with the distraction. The most common complication was pain upon distraction, reported by five patients (71%). CONCLUSION: Mandibular distraction osteogenesis is a good alternative for the treatment of mandibular hypoplasia, often being the first indication in some clinical situations. It apparently has a lower morbidity than the classic mandible reconstructions and has the added benefit of also lengthening the soft tissues.

Keywords: Distraction osteogenesis; Distraction; Mandibular hypoplasia; Mandible; Ankylosis; TMJ ankylosis.

 

Tratamento da bolsa malar e festoons

Adilson Branco Farrapeira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):486-489

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A alteração da região do malar, em muitos casos, é de difícil solução. O envelhecimento traz grande variação de deformidade na região. Neste sentido o objetivo do trabalho foi apresentar que procedimentos cirúrgicos com simplicidade e pouca agressividade têm demonstrado um bom resultado e rápida recuperação. MÉTODO: Desenha-se uma figura em forma de canoa ou elíptica margeando a bolsa malar ou da dobra de pele. Em seguida realiza-se a incisão até o plano do subcutâneo. Retira-se a pele e logo após realiza-se a sutura. RESULTADO: Os pacientes operados pelo método direto evoluíram de maneira convincente e com cicatrizes muito pouco visíveis. CONCLUSÃO: é uma maneira direta e que traz resultado bastante favorável e rápida recuperação. A indicação esta relacionada ao bom senso do cirurgião, a idade do paciente e a flacidez existente.

Palavras-chave: Pálpebra; Blefaroplastia; Festoon; Bolsa malar.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Changes to the malar region are, in many cases, difficult to resolve. The ageing process causes great variation and deformity of this region. Therefore, the aim of this study was to describe a simple and less aggressive surgical procedure that has demonstrated good results and quick recovery. METHOD: A canoe-shaped or elliptical-shaped line is drawn bordering the malar mound or the skin fold. The skin is incised down to the subcutaneous plane. The excess skin is removed and a suture is then performed immediately. RESULT: The patients undergoing this direct surgical method showed a favorable postoperative course, and the scars were not very visible. CONCLUSION: This direct procedure provides a favorable result and quick recovery. Indications depend on surgical judgment, age of the patient, and degree of skin flaccidity.

Keywords: Eyelid; Blepharoplasty; Festoon; Malar mound.

 

Refinamento da técnica de Mustardé para o tratamento das orelhas proeminentes

Rodrigo Gouvea Rosique; Marina Junqueira Ferreira Rosique
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):490-496

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Tradicionalmente, múltiplas anomalias podem causar as orelhas proeminentes e foram desenvolvidas técnicas específicas para o tratamento de cada deformidade. Neste trabalho, testou-se uma abordagem única para alcançar resultados favoráveis. MÉTODO: Foram avaliados, retrospectivamente, os pacientes submetidos a otoplastia bilateral entre junho de 2010 e Dezembro de 2012, divididos em dois grupos: Grupo 1 - técnica convencional de Mustardé e Grupo 2 - Refinamento da técnica de Mustardé. Para comparação foram coletados os dados referentes às complicações precoces, tardias, à necessidade de reoperação e ao grau de satisfação do paciente. A análise estatística foi realizada através do teste exato de Fisher. RESULTADOS: No Grupo 1 foram incluídos 9 pacientes tratados com a técnica tradicional de Mustardé. Houve um caso de extrusão de pontos (11,11%). Sete pacientes ficaram muito satisfeitos, um satisfeito e um insatisfeito por correção insuficiente, sendo reoperado. No Grupo 2 foram incluídos 19 pacientes submetidos a uma variação da técnica de Mustardé com 3 suturas no terço médio da orelha, rotacionando posteriormente o vértice da antélice. Houve um caso de infecção bilateral (5,26%). Dezessete pacientes ficaram muito satisfeitos, um satisfeito e outro insatisfeito por correção insuficiente, sendo reoperado. Não houve diferença estatística entre os grupos. CONCLUSÃO: A identificação da alteração básica relacionada com orelhas proeminentes permite uma abordagem única, de fácil aprendizado e execução, com resultados de aparência natural e elevado grau de satisfação do paciente.

Palavras-chave: Orelha Externa / Anormalidades; Cirurgia Plástica; Avaliação resultados; Complicações pós-operatórias.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Traditionally, multiple abnormalities can cause prominent ears, and specific techniques have been developed for the treatment of each abnormality. In this study, we tested a single approach aimed at achieving satisfactory outcomes. METHOD: Patients submitted to bilateral otoplasty, between June 2010 and December 2012, were retrospectively evaluated and divided into two groups: group 1 - patients submitted to the conventional Mustardé technique and group 2 - those who underwent the modified Mustardé technique. For comparison, we collected data relating to early and late complications, requirement for a new surgery, and degree of patient satisfaction. Statistical analysis was performed with Fisher's exact test. RESULTS: Group 1 included nine patients treated with the conventional Mustardé technique. A case of suture extrusion (11.11%) was observed. Seven patients reported to be very satisfied, one satisfied, and one dissatisfied because of insufficient correction and a subsequent need for a second surgery. Group 2 included 19 patients submitted to the modified Mustardé technique, which involved three sutures in the middle third of the ear and the posterior rotation of the vertex of the antihelix. One case of bilateral infection (5.26%) was observed. Seventeen patients reported to be very satisfied, one satisfied, and another dissatisfied because of insufficient correction, thus needing to undergo a second surgery. No statistical difference was observed between the two groups. CONCLUSION: The identification of the basic abnormality associated with prominent ears allows performing a single approach that is easy to learn and implement, in addition to providing good outcome (i.e., natural appearance) and a high degree of patient satisfaction.

Keywords: External ear/abnormalities; Plastic surgery; Results evaluation; Postoperative complications.

 

Melanoma Cutâneo: aspectos clínicos, epidemiológicos e anatomopatológicos de um centro de formação em Belo Horizonte

Izabella Costa Araujo; Clênio Martins de Souza Coelho; Gustavo Augusto Matos Saliba; Patrícia Cordeiro Lana; Augusto César de Melo Almeida; Nárlei Amarante Pereira; Rebeca Paohwa Liu da Fonseca; Aloísio Ferreira da Silva Filho
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):497-503

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O melanoma cutâneo maligno (MCM) constitui cerca de 5% dos tumores cutâneos malignos e apresenta crescente incidência e alta letalidade. O objetivo deste estudo é rever as características clínicas, epidemiológicas e anatomopatológicas do MCM em pacientes tratados nos serviços de Cirurgia Plástica e Anatomia Patológica de um hospital geral. MÉTODO: Dados de 45 pacientes, correspondendo a 47 lesões, tratados entre 2011 e 2013, foram revisados. Estudou-se: gênero e idade dos pacientes, localização e características histopatológicas das lesões. RESULTADOS: Vinte e quatro pacientes eram do gênero masculino e 21 do feminino. A média de idade à consulta foi de 61,9 anos. Vinte e quatro neoplasias localizaram-se nas extremidades, 14 acometeram o tronco e nove a face. Quanto ao diagnóstico histológico, 34,0% dos tumores consistiu-se em melanoma in situ e 66,0% em melanoma invasor. Neste grupo, 14 lesões correspondiam ao tipo nodular, 12 ao extensivo superficial, três ao acral lentiginoso e dois ao lentigo maligno. A biópsia de linfonodo sentinela foi realizada em 14 melanomas invasores, com positividade em quatro procedimentos. Dentre as linfadenectomias realizadas, quatro mostraram-se positivas para metástase. No momento do diagnóstico, quatro pacientes apresentavam metástase em trânsito e três com metástase linfonodal. Recidiva tumoral local foi verificada em dois casos. Em relação ao estadiamento, 14 pacientes encontravam-se no estádio 0, 11 no I, 10 no II e 10 no III. CONCLUSÃO: Os dados deste estudo corroboram os achados da literatura. O diagnóstico e tratamento cirúrgico precoce permanecem o melhor caminho para o aumento da sobrevida.

Palavras-chave: Melanoma; Melanoma maligno; Epidemiologia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Malignant cutaneous melanoma (MCM) comprises nearly 5% of all malignant cutaneous tumors and shows increasing incidence and a high mortality. The objective of this study is to review the clinical, epidemiological, and anatomopathological characteristics of MCM in patients treated at the plastic surgery and pathological anatomy services of a general hospital. METHOD: Data corresponding to 47 lesions from 45 patients treated between 2011 and 2013 were reviewed. We analyzed the sex and age of patients, as well as the site and histopathological characteristics of the lesions. RESULTS: A total of 24 patients were men and 21 were women. Their average age at the medical appointment was 61.9 years. Twenty-four neoplasias were in the extremities, 14 in the torso, and 9 in the face. Concerning histological diagnosis, 34.0% of the tumors were in situ melanoma and 66.0% were invasive melanoma. In the latter group, 14 lesions corresponded to the nodular melanoma type, 12 to the superficial spreading, three to the acral lentiginous, and two to the malignant lentigo melanoma type. Sentinel node biopsy was performed in 14 invasive melanomas, with 4 being positive. Among the lymphadenectomies performed, four were positive for metastasis. At diagnosis, four patients showed in-transit metastasis, whereas three patients had lymph node metastasis. Local tumor relapse was observed in two cases. Concerning tumor staging, 14 patients were in stage 0, 11 in stage I, 10 in stage II, and 10 in stage III. CONCLUSION: The data from this study support the findings described in the literature. Early diagnosis and surgical treatment remain the best way to increase survival.

Keywords: Melanoma; Malignant melanoma; Epidemiology.

 

Análise do Tratamento do Carcinoma Basocelular

Eduardo Wiethorn Rodrigues; Morghana Ribeiro Moreira; Patrícia Battisti Menegazzo
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):504-510

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O câncer de pele na população brasileira é a neoplasia mais comum. Localiza-se com mais frequência na face, causando morbidade tanto funcional quanto estética aos pacientes. O tratamento consiste na ressecção oncológica da lesão, preservando a função com a menor deformidade possível. O câncer de pele mais comum é o carcinoma basocelular (CBC), correspondendo entre 70-80% dos casos. MÉTODO: Avaliamos retrospectivamente 73 pacientes com 95 carcinomas basocelulares no período de março de 2010 a maio de 2012. Foram analisados os seguintes critérios: idade, sexo, cor, comorbidades, exposição solar, presença de consulta prévia com dermatologia, localização da lesão, tamanho da lesão, tipo clínico, tipo histológico, tipo de reconstrução, complicações cirúrgicas, margem cirúrgicas, conduta na margem cirúrgica comprometida, anatomopatológico após reintervenção, presença de recidiva e aparecimento de outra lesão primária no mesmo paciente. RESULTADOS: A idade média foi de 60,73 anos. O sexo feminino correspondeu a 56,16%. A Exposição solar foi referida em 73,97% dos casos. O tamanho médio da lesão foi 0,91 cm. O local mais frequente foi a face (71,58%). O retalho local foi utilizado em 54,74% dos casos. O CBC sólido circunscrito foi o mais frequente. As margens comprometidas ocorreram em 8,42% dos casos, demonstrando relação com lesões maiores de 2cm e com o nariz sem significância estatística. CONCLUSÃO: No tratamento do carcinoma basocelular é importante a participação do cirurgião plástico, objetivando a ressecção sob princípios oncológicos, realizando a reparação da área afetada, a manutenção funcional e a menor alteração estética possível.

Palavras-chave: Carcinoma; Terapêutica; Pele; Epidemiologia; Neoplasias cutâneas.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Skin cancer is the most common neoplasm in the Brazilian population. It most frequently presents on the face, causing functional and aesthetic morbidity in patients. Its treatment consists in resection of the lesion while preserving the skin's function with the least possible deformity. The most common skin cancer is basal cell carcinoma (BCC), representing 70-80% of all cases. METHODS: We retrospectively evaluated 73 patients with 95 BCCs from March 2010 to May 2012. The following characteristics were analyzed: age, sex, skin color, comorbidities, sun exposure, prior dermatological consultation, lesion site, lesion size, clinical type, histological type, reconstruction type, surgical complications, surgical margins, management of compromised surgical margins, anatomical pathology after reintervention, recurrence, and appearance of another primary lesion in the same patient. RESULTS: The mean age of the patients was 60.73 years. Female patients accounted for 56.16%. Sun exposure was reported in 73.97% of patients. The mean lesion size was 0.91 cm, and the most common lesion site was the face (71.58%). A local flap was used in 54.74% of cases. Circumscribed solid BCC was the most common type. Compromised margins occurred in 8.42% of cases, demonstrating a relation between lesions >2 cm and the nose but without statistical significance. CONCLUSION: The plastic surgeon plays an important role in the treatment of BCC, aiming to perform resection following oncological principles, repair the affected area, and maintain the skin's functionality with the least possible cosmetic alterations.

Keywords: Carcinoma; Therapy; Skin; Epidemiology; Cutaneous neoplasms.

 

Mastoplastia redutora associada a implante de silicone: quando indico?

Osvaldo Ribeiro Saldanha; Alessandra Grassi Salles; Marcus Castro Ferreira; Francis Llaverias; Luis Humberto Uribe Morelli; Osvaldo Ribeiro Saldanha Filho; Cristianna Bonetto Saldanha
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):511-516

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

Introdução: Insatisfação dos pacientes com resultado de mamoplastia redutora pode ser identificado em alguns casos, especialmente quando apresentam ptose acompanhada de flacidez excessive, estrias, e ainda, componente mamário mais gorduroso que glandular. Nesses tipos de pacientes, é muito difícil conseguir bons resultados por longo período. Implantes mamários de pequeno volume, podem ser colocados no mesmo tempo da mamoplastia redutora com o objetivo de se obter melhor forma, contorno e projeção das mamas, com maior satisfação a longo prazo. MÉTODO: No período de 1997 a 2012, duzentos e sessenta e quatro pacientes com idade entre 27e 55 anos (idade média de 38), foram submetidas à mamoplastia redutora com imediata colocação de implante mamário. RESULTADOS: Foram obtidos resultados satisfatórios, com adequado preenchimento do pólo superior, mamas firmes e reduzida estatística de ptose pós-operatória. Foram identificados dois casos de carcinoma in sito, como achados no anátomo-patológico. CONCLUSÃO: Mastoplastia redutora associada a implantes de silicone é um procedimento seguro para casos selecionados.

Palavras-chave: Mamoplastia redutora; Hipertrofia mamária; Implantes de silicone; Carcinoma in situ; Ptose de mamas.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Patient dissatisfaction with reduction mammoplasty outcomes can occur, especially in cases of ptosis accompanied by excessive flaccidity, striations, and a higher fat than glandular content. In such cases, achieving long-lasting results is very difficult. Small-volume breast implants can be placed during the reduction mammoplasty with the purpose of obtaining better breast shape, contour, and projection as well as greater long-term satisfaction. METHOD: Between 1997 and 2012, 264 patients aged 27-55 years (mean, 38) underwent reduction mammoplasty with immediate placement of breast implants. RESULTS: Satisfactory results were obtained, with adequate filling of the upper pole, increased breast firmness, and statistical reduction in postoperative ptosis. Two cases of carcinoma in situ were identified in the pathological exam. CONCLUSION: Reduction mastoplasty associated with silicone implants is safe for selected cases.

Keywords: Reduction mammoplasty; Breast hypertrophy; Silicone Implants; Carcinoma in situ; Breast ptosis.

 

Perfil e avaliação dos resultados de pacientes submetidas à mamoplastia redutora

Raul Marinho Correa; Leonardo Fiorilli Assunção; Frederico Guilherme Lopes Silveira; Eliane Regina Bueno Ribeiro Garcia
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):517-524

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A hipertrofia mamária é relatada como fonte de sofrimento físico e emocional em mulheres, sendo que diversas técnicas vêm sendo descritas para seu tratamento. OBJETIVO: Demonstrar o perfil e resultados satisfatórios da mamoplastia redutora no tratamento de hipertrofias mamárias pela classificação de Bozola. MÉTODO: Estudo descritivo e retrospectivo, com 94 pacientes submetidas àmamoplastia redutora, entre janeiro de 2011 e outubro de 2013, avaliadas segundo idade, queixa principal, comorbidades, índice de massa corporal (IMC), maternidade prévia, flacidez de pele, contorno e consistência mamária, tumorações, graus de hipertrofia submetidas à mamoplastia com a técnica de Ariê e Peixoto, com pedículo I de Lyacir Ribeiro, e a técnica de Pitanguy. No pós-operatório as pacientes foram avaliadas quanto à satisfação dos resultados observados pela simetria das mamas, tamanho, complicações e sensibilidade do complexo areolopapilar (CAP). RESULTADOS: A média de idade das pacientes foi de 28,5 anos e IMC médio de 27,66. A principal queixa foi de desconforto e quadro doloroso em 73,4%. Média de tecido total ressecado foi de 952,5 g. Foi evidenciado taxa de complicação em 27,6%. O avaliador considerou forma, simetria e sensibilidade do CAP. A satisfação, quanto ao procedimento, foi evidenciada como ótima em 51,1% dos casos, e boa em 35,1%. CONCLUSÃO: As técnicas de Ariê e Peixoto, com pedículo inferior, e de Pitanguy promoveram resultados duradouros com maior prazo de sustentação da mama, além de um polo superior medial desenhado com curvas mais acentuadas.

Palavras-chave: Mamoplastia redutora; Hipertrofia mamária; Complicações; Satisfação.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: In women, breast hypertrophy is a source of physical and emotional pain; several techniques have been described for its treatment. OBJECTIVE: To demonstrate the appearance and satisfactory results obtained with reductive mammoplasty for the treatment of breast hypertrophy according to Bozola's classification. METHOD: This descriptive and retrospective study included 94 patients who underwent reductive mammoplasty between January 2011 and October 2013. The patients were evaluated according to age, chief complaint, comorbidities, body mass index (BMI), history of pregnancy, presence of sagging skin, breast contour and consistency, tumors, and hypertrophy grade. The patients underwent reductive mammoplasty using the technique of Ariê and Peixoto with the type I pedicle of Ribeiro as well as Pitanguy's method. During the postoperative period, patient satisfaction was evaluated according to the outcomes observed and regarding breast symmetry, size, complications, and nipple-areola complex (NAC) sensitivity. RESULTS: The average patient age was 28.5 years and the average BMI was 27.66. The main complaint was discomfort and pain (73.4%). The average weight of resected tissue was 952.5 g. The occurrence of complications was observed in 27.6% of patients. For the evaluation, form, symmetry and NAC sensitivity were considered. The satisfaction rate was great in 51.1% of cases and good in 35.1%. CONCLUSION: The technique of Ariê and Peixoto as well as Pitanguy's method provided long-term results with durable breast support and enabled the design of a medial upper pole with more pronounced contours.

Keywords: Reductive mammoplasty; Breast hypertrophy; Complications; Satisfaction.

 

Mamoplastia redutora pela técnica de pedículo inferior: estudo descritivo

Elson Taveira Adorno Filho; Kleder Gomes de Almeida; Alcides Martins Arruda; Aline Souza Kracik; Gustavo de Sousa Marques Oliveira; Gabriel Rahal Costa; Liva Helena Ferreira Tuluche
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):525-530

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A mamoplastia redutora utilizando pedículo inferior incluindo complexo aréolopapilar é muito utilizada na América do Norte, mas pouco difundida no Brasil. Sua principal vantagem é a utilização em grandes ptoses mamárias, mantendo a sensibilidade da aréola. OBJETIVO: O objetivo é descrever as características pré e pós-operatórias de pacientes submetidos a mamoplastia redutora pela técnica do pedículo inferior areolado na Santa Casa de Campo Grande - MS em 2013. MÉTODO: Entrevista, exame físico e dados de prontuário das pacientes operadas por esta técnica nessa instituição no ano de 2013. RESULTADOS: Foram avaliadas 40 pacientes, sendo que a idade variou de 21 a 68 anos, com média de 40,62 anos. As comorbidades relatadas foram hipertensão arterial sistêmica, diabetes, retocolite ulcerativa, hérnia de disco e distúrbio de ansiedade. O peso médio de tecido mamário ressecado foi 600,6g na mama direita e 609,6g na mama esquerda. Dentre as queixas pré-operatória, a mais comum foi a lombalgia, seguida por dor nos ombros. As mais frequentes complicações no pós-operatório recente foram a deiscência do ponto médio da vertente (10%) e o hematoma (5%).O tipo de Anestesia predominante foi a anestesia geral. Todas as pacientes apresentaram displasias benignas da mama nos histopatológicos de pós-operatórios. CONCLUSÃO: A técnica do pedículo inferior areolado mostrou-se adequada para o tratamento de grandes hipertrofias e ptoses mamárias.

Palavras-chave: Mama; Cirurgia plástica; Mamoplastia redutora; Irrigação sanguínea.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Reduction mammaplasty with the inferior pedicle nipple-areolar technique is widely used in North America but not in Brazil. Its main advantage lies in maintaining the sensitivity of the areola in large mammary ptoses. To describe the preoperative and postoperative characteristics of patients who underwent reduction mammaplasty with the inferior pedicle nipple-areolar technique at the Santa Casa de Campo Grande - MS in 2013. METHOD: We performed interview, physical examination, and review of medical records of patients operated by using this technique at this institution in 2013. RESULTS: Forty patients were evaluated. Their ages ranged from 21 to 68 years, with a mean of 40.62 years. The comorbidities reported were hypertension, diabetes, ulcerative colitis, disc herniation, and anxiety disorder. The average weight of resected tissue was 600.6 g from the right breast and 609.6 g from the left breast. The most common presurgery complaint was low back pain, followed by shoulder pain. The most frequent complications in the early postoperative phase were dehiscence of the mid-point of the strand (10%) and hematoma (5%). The predominant type of anesthesia was general anesthesia. All patients showed benign breast dysplasia in the postoperative histopathological examination. CONCLUSION: The inferior pedicle nipple-areolar technique was adequate for the treatment of major hypertrophies and mammary ptoses.

Keywords: Breast cancer; Plastic surgery; Reduction mammaplasty; Blood irrigation.

 

Reconstrução mamária com TRAM: uma técnica alternativa para o fechamento do defeito abdominal

Marcela Caetano Cammarota; Conrado Miranda de Almeida; César Augusto Daher Ceva Faria; José Carlos Daher; João Pedro Pontes Camara Filho; Bruno Peixoto Esteves; Dhyego Molinari Di Castro Curado; Rafael Quaresma Lima
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):531-537

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O retalho do músculo reto abdominal, descrito por Drever em 1977, foi posteriormente modificado e, desde então, se tornou rapidamente uma importante alternativa para reconstrução da mama. Dentre as complicações do TRAM, citam-se os abaulamentos e hérnias abdominais na área doadora. Este estudo vem propor uma técnica alternativa de reparo do defeito abdominal, com o objetivo de minimizar tais inconvenientes e proporcionar melhores resultados. MÉTODO: O estudo é de caráter retrospectivo, totalizando 120 mulheres submetidas à reconstrução mamária com TRAM com colocação de tela abdominal, e seguimento mínimo de seis meses, entre Maio de 2003 e Novembro de 2012. As pacientes foram divididas em dois grupos: Grupo 1 (53 casos) reconstruídos com tela de polipropileno posicionada entre os folhetos aponeuróticos dos músculos oblíquo externo e interno, e Grupo 2 (67 casos) realizado fechamento da linha arqueada de Douglas e o remanescente inferior da aponeurose do músculo reto abdominal e reforço com tela. RESULTADOS: As pacientes foram avaliadas pelo mesmo cirurgião, obedecendo aos mesmos critérios. Os resultados obtidos foram 18,9% de abaulamentos no grupo 1 e 3% no grupo 2, estatisticamente significativo. Abaulamentos e hérnias no hipogástrio variam de 20% a 44% e 12,5% a 20% respectivamente, quando fechados primariamente. Quando associado a aplicações de telas sintéticas, esses percentuais diminuem para 1,5% a 6%. O aprimoramento técnico e a comparação de resultados têm a finalidade de minimizar tais complicações. CONCLUSÃO: A técnica descrita mostra-se vantajosa, pois permitiu significativa diminuição da complicação mais comum, permitindo satisfação estética e funcional das pacientes.

Palavras-chave: Reconstrução mamária; Retalho transverso do músculo reto abdominal; Reconstrução da parede abdominal; abaulamentos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The transverse rectus abdominis muscle (TRAM) flap, described by Drever in 1977, was subsequently modified and since then, has rapidly become an important alternative for breast reconstructions. However, bulges and abdominal hernias in the donor area are some of the complications arising from the TRAM flap. This study proposes an alternative technique for the repair of the abdominal defect that minimizes complications and provides better results. METHOD: The retrospective included 120 women who underwent breast reconstruction with TRAM with placement of an abdominal mesh between May 2003 and November 2012, with follow-up of at least six months. Patients were divided into two groups: Group 1 (53 cases) underwent reconstruction with polypropylene mesh positioned between the aponeurotic layers of the external and internal oblique muscles and Group 2 (67 cases) underwent closure of the arcuate Douglas' line and the remaining lower aponeurosis of the rectus abdominis muscle and reinforcement with mesh. RESULTS:  The patients were evaluated by the same surgeon, according to the same criteria. The rate of bulging was 18.9% in group 1 and 3% in group 2, a statistically significant difference. Bulges and hernias in the hypogastrium varied from 20% to 44% and 12.5% to 20% respectively, when closed primarily. When synthetic mesh was used, these percentages decreased to 1.5% to 6%. The technical improvement and comparison of results aims to minimize such complications. CONCLUSION: The technique described is advantageous in that, it significantly reduced the occurrence of the most common complication, and increased the aesthetic and functional satisfaction of the patients.

Keywords: Breast reconstruction; Transverse rectus abdominis muscle Flap; Reconstruction of the abdominal wall; Bulging.

 

Avaliação de quatro técnicas de confecção de papila

Marcela Caetano Cammarota; Ognev Meireles Cosac; Jefferson Di Lamartine; Alberto Benedik Neto; Rafael Quaresma de Lima; Conrado Miranda de Almeida; Bruno Peixoto Esteves; Dhyego Molinari Di Castro Curado
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):538-543

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A confecção do complexo areolopapilar representa o estágio final nas reconstruções de mama, e talvez seja o mais difícil deles. Diversas técnicas são descritas, entretanto, a maioria delas não parece atingir a projeção adequada e sofre com a perda dessas com o passar do tempo, levando a um resultado final estético inadequado. O objetivo do trabalho é comparar e avaliar os resultados e eficácia de quatro técnicas cirúrgicas diferentes de confecção de papila, em cirurgias de reconstrução de mama nos últimos 3 anos. MÉTODO: Foram avaliados 64 papilas reconstruídas, utilizando as técnicas de skate flap (n=17), double opposing flap (n=15), "4 pétalas" (n=22) e enxerto de papila contralateral (n=10). Os resultados foram avaliados, a longo prazo, por um examinador cego que classificou os resultados como totalmente satisfatório, satisfatório, parcialmente satisfatório e insatisfatório. RESULTADOS: O enxerto de papila apresentou resultados significativamente melhores que dos outros grupos (p= 0,012). Não houve diferença estatística quando, somente, avaliados os retalhos (excluindo o enxerto de papila)(p=0,102). Já avaliando o resultado da papila confeccionada em função do tipo de reconstrução primária feita, não houve diferença entre os grupos (p=0,563). CONCLUSÃO: O enxerto de papila contralateral se mostrou uma técnica mais efetiva e com melhores resultados. Na impossibilidade do seu uso, não há diferença entre as outras técnicas avaliadas, ficando a sua indicação àquela que se sinta mais familiarizado e capacitado a realizar.

Palavras-chave: Reconstrução da Mama; Reconstrução de Papila; Câncer de Mama; Complicações pós - operatórias.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Reconstruction of the nipple-areola complex represents the final and perhaps most difficult stage in breast reconstruction. Several techniques have been described; however, most of the methods do not seem to achieve adequate projection and are associated with the loss of projection over time, leading to an inadequate final aesthetic result. The objective of this study is to compare and evaluate the results and effectiveness of four different surgical nipple reconstruction techniques in the last 3 years. METHOD: Sixty-four reconstructed nipples were evaluated using the skate flap (n = 17), double-opposing-tab flap (n = 15), four petals (n = 22), and contralateral nipple graft (n = 10) techniques. The results were evaluated in the long term by a blinded examiner who classified the results as fully satisfactory, satisfactory, partially satisfactory, or unsatisfactory. RESULTS: The nipple graft showed significantly better results than the other groups (p = 0.012). There was no statistical difference when only the flaps (excluding the contralateral nipple graft) were evaluated (p = 0.102). However, when evaluating the outcome of nipple reconstruction according to primary reconstruction type, no difference was observed among the groups (p = 0.563). CONCLUSION: The contralateral nipple graft technique proved to be the most efficient method that yielded better results; however, no difference was seen among the other evaluated techniques. Hence, when the contralateral nipple graft technique is not possible, surgeons should select the one with which they are most familiar.

Keywords: Breast Reconstruction; Nipple Reconstruction; Breast Cancer; Post-operative Complications.

 

Reparação da parede abdominal com tela dupla de polipropileno e poliglecaprone pós-retalho TRAM em reconstrução mamária

Evelyne Gabriela Schmaltz Chaves Marques; João Luis Gil Jorge; Camila Zirlis Naif de Andrade; Marcelo Felix da Silva; Jayme Adriano Farina Junior
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):544-549

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A reparação da parede abdominal após reconstrução mamária com retalho TRAM representa um desafio para o cirurgião, ainda sem consenso na literatura em relação à melhor técnica. O objetivo deste estudo foi avaliar a eficiência da tela Ultrapro® em dois planos anatômicos distintos para reparação da parede abdominal pós-retalho TRAM. MÉTODO: Um estudo retrospectivo foi realizado por meio da revisão de prontuários de 24 pacientes submetidas à reconstrução de mama com retalho TRAM pediculado e reparo da área doadora abdominal com tela dupla de polipropileno e poliglecaprone - Ultrapro® pela Divisão de Cirurgia Plástica do HCFMRP-USP. Foram avaliados fatores de risco para hérnias ou abaulamentos abdominais, momento da reconstrução de mama; complicações pós-operatórias, incluindo hérnias ou abaulamentos abdominais, e tempo de seguimento pós-operatório. RESULTADOS: Do total de 24 pacientes com idade média de 51 anos, 10 (41,6%) apresentavam alguma comorbidade. Em 95,8% das pacientes a reconstrução mamária foi tardia e o retalho TRAM foi unipediculado em 58,4% dos casos. As complicações pós-operatórias mais frequentes foram deiscência de sutura (25%) e seroma (21%). Duas pacientes (8,4%) tiveram diagnóstico de hérnia abdominal e três pacientes (12,5%) apresentaram abaulamento abdominal. O tempo de seguimento pós-operatório variou de 5 a 48 meses (média 23,4 meses, DP: 13,28). CONCLUSÃO: O uso da tela híbrida Ultrapro® em dois planos anatômicos demonstrou ser mais uma alternativa para o reparo da parede abdominal pós retalho TRAM em reconstrução mamária, com baixa morbidade da área doadora abdominal e índices de complicações semelhantes aos dados da literatura.

Palavras-chave: Reconstrução mamária; Hérnia abdominal; Tela sintética; Retalho TRAM; Mastectomia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The repair of the abdominal wall after breast reconstruction with a transverse rectus myocutaneous (TRAM) flap is a challenge for the surgeon, and there is still no consensus in the literature about which is the best technique. The objective of this study is to evaluate the efficiency of the Ultrapro® mesh in two different anatomical planes for the repair of the abdominal wall after TRAM flap surgery. METHOD: This is a retrospective study conducted through a medical records review of 24 patients who underwent breast reconstruction with a pedicle TRAM flap, and repair of abdominal donor site with a dual mesh of polypropylene and polyglecaprone - Ultrapro, at the Plastic Surgery Division of the Clinics Hospital of the Medicine Faculty of Ribeirão Preto - University of São Paulo. We evaluated the risk factors for abdominal hernias or bulges, time of breast reconstruction, postoperative complications (including abdominal hernias or bulges), and postoperative follow-up. RESULTS: Of the 24 patients with a mean age of 51 years, 10 (41.6%) had a comorbidity. In 95.8% of the patients, breast reconstruction was late; the TRAM flap was a single pedicle in 58.4% of cases. The most frequent postoperative complications were suture dehiscence (25%) and seroma (21%). Two patients (8.4%) were found to have abdominal hernia, and three patients (12.5%) had abdominal bulging. The postoperative follow-up ranged from 5 to 48 months (average, 23.4 months, SD = 13.28). CONCLUSION: The use of the Ultrapro hybrid mesh at two anatomical planes proved to be an alternative for the repair of the abdominal wall after TRAM flap surgery for breast reconstruction, with low morbidity of the abdominal donor site and complication rates similar to literature data.

Keywords: Breast reconstruction; Abdominal hernia; Synthetic mesh; TRAM flap; Mastectomy.

 

Reconstrução da parede torácica após a ressecção de extensos tumores

Katia Torres Batista; Hugo Jose de Araujo; Eduardo Magalhaes Mammare; Alessandro Amorim Aita; Rogerio Santos Silva
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):550-556

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Nos estágios finais da reconstrução torácica, consequente a exéreses tumorais, são necessários procedimentos complexos e implantes. O que requer cuidados multidisciplinares, com a participação dos cirurgiões torácicos, plástico, radiologista e fisioterapeuta. O objetivo foi descrever as opções de reconstrução torácica após ressecção de neoplasia, realizado no Hospital Sarah Brasília. MÉTODO: Estudo retrospectivo de reconstrução torácica em tempo único, após excisão de tumor, fisioterapia respiratória com ventilação não invasiva e exercícios. RESULTADOS: Entre 2007 a 2012 foram operados 10 pacientes, sete homens e três mulheres; idade 10 a 31 anos; oito apresentavam tumores torácicos metastáticos (osteosarcoma, sinoviosarcoma, Fibrosarcoma epitelioide esclerosante e Rabdomiosarcoma) e dois originários da parede torácica (fibromatose e condrosarcoma). Observou-se boa evolução no pós-operatório imediato, com extubação ao final da cirurgia, retirada do dreno torácico entre 5° e 8° PO. As complicações foram: atelectasia (10%), recorrência tumoral (10%), e óbito em 3 (30%) casos . CONCLUSÃO: Foi possível a reconstrução torácica em tempo único utilizando tela de polipropileno, polimetilmetacrilato e retalhos musculares, com recuperação precoce da função pulmonar e baixo índice de complicações imediatas.

Palavras-chave: Reconstrução torácica; Tumor torácico; Polimetilmetacrilato.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Complex procedures and implants are required in the final stages of chest wall reconstruction after tumor excision. This process requires multidisciplinary care with participation from thoracic and plastic surgeons, a radiologist, and a physical therapist. The goal of this study was to describe the options for chest wall reconstruction after neoplasm resection at Hospital Sarah Brasilia. METHOD: A retrospective study of one-time chest wall reconstruction after tumor excision, respiratory physical therapy with noninvasive ventilation, and exercises was conducted. RESULTS: Between 2007 and 2012, 10 patients underwent surgery (seven men, three women; age range: 10-31 years); eight patients had metastatic thoracic tumors (e.g., osteosarcoma, synovial sarcoma, sclerosing epithelioid fibrosarcoma, and rhabdomyosarcoma) and two had tumors originating from the chest wall (fibromatosis and chondrosarcoma). The outcomes were good after the immediate postoperative period, with extubation occurring at the end of surgery and chest tube removal between the fifth and eighth postoperative day. Three cases (30%) involved complications of atelectasis (10%), tumor recurrence (10%), or death. CONCLUSION: One-time chest wall reconstruction using polypropylene mesh, polymethylmethacrylate, and muscle flaps was possible and was associated with early recovery of pulmonary function and a low rate of immediate complications.

Keywords: Chest wall reconstruction; Thoracic tumor; Polymethylmethacrylate.

 

Cirurgia plástica pós-gastroplastia: perfil das deficiências nutricionais com implicações na cicatrização

Igor Chaves Gomes Luna; Ernando Luis Ferraz Cavalcanti; Ivo Vieira Salgado; David Silveira Farias de Melo; Ana Luiza Melo C. de Almeida; Rui Manoel R. Pereira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):557-561

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Os cirurgiões plásticos têm recebido em seus consultórios e ambulatórios um número cada vez maior de pacientes com queixa de deformidade do contorno corporal após maciças perdas ponderais secundárias a cirurgias bariátricas. Todavia, em função das restrições alimentares e disabsorções cirúrgicas, são frequentes complicações metabólicas e distúrbios nutricionais no pós-operatório tardio das gastroplastias. O objetivo deste estudo é detectar a prevalência dos principais distúrbios nutricionais relacionados à cicatrização em pacientes de ambulatório especializado em cirurgia plástica do paciente pós-gastroplastia. MÉTODO: é um estudo observacional, transversal e descritivo, em que os pacientes foram avaliados clinicamente e através de protocolo laboratorial. RESULTADOS: foram avaliados 32 pacientes com gastroplastia há pelo menos dois anos e estabilidade ponderal há no mínimo seis meses. Os principais distúrbios detectados foram: anemia (56% dos pacientes), com carências na bioquímica do ferro (31,2%) e da vitamina B12 (25%), bem como deficiências dos íons zinco (18,7%) e cobre (3,1%). Houve carências discretas no perfil proteico e ausência de déficits na bioquímica básica e lipidograma. CONCLUSÃO: é dever do cirurgião plástico conhecer a fundo a prevalência dos principais distúrbios nutricionais relacionados à cicatrização na população de pacientes pós-gastroplastia no sentido de corrigir eventuais carências e prevenir complicações. Sabe-se, contudo, que ainda são necessários mais estudos para correlacionar qualquer deficiência alimentar às intercorrências observadas no pós-operatório deste grupo de pacientes.

Palavras-chave: Gastroplastia; Ex-obeso; Cirurgia bariátrica; Cirurgia plástica.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Plastic surgeons have received in their outpatient clinics an increasing number of patients complaining of body contour defects due to the massive weight loss after a bariatric surgery. However, owing to dietary restrictions and surgical desorption, metabolic complications and nutritional disorders are commonly observed in the late postoperative period after gastroplasty. The aim of this study was to determine the prevalence of major nutritional disorders related to healing in patients at a specialized outpatient plastic surgery clinic who underwent gastroplasty. METHOD: This is an observational, transversal, and descriptive study, in which a laboratory protocol was used to clinically evaluate and assess the patients. RESULTS: Thirty-two patients who underwent gastroplasty at least 2 years previously with weight stability for at least 6 months were evaluated. The major disorders identified included anemia (56% of patients) and deficiency in iron (31.2%), vitamin B12 (25%), zinc ions (18.7%), and copper (3.1%). Mild deficiencies in the protein profile were also observed; however, no deficiencies in basic and lipid biochemistry were noted. CONCLUSION: The plastic surgeon should have an in-depth knowledge about the prevalence of the major nutritional disorders related to healing in postbariatric patients, to allow correction of possible deficiencies and prevention of complications. However, more studies would be required to correlate any dietary deficiency to the complications observed in the postoperative period in this group of patients.

Keywords: Gastroplasty; Ex-obese; Bariatric surgery; Plastic surgery.

 

Análise dos custos de pacientes internados na Santa Casa Misericórdia de Campo Grande, tratados com e sem auxílio de oxigenoterapia hiperbárica

Elson Taveira Adorno Filho; Kleder Gomes de Almeida; Gilberto de Carvalho Reis; Gabriel Rahal Costa; Aline Souza Kracik; Liva Helena Ferreira Tuluche; Albert Shiaveto de Souza; Gustavo de Sousa Marques
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):562-566

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: As queimaduras estão entre as principais causas externas de morte no Brasil, geram enormes gastos financeiros e são responsáveis por sequelas físicas, psicológicas e sociais. O Objetivo deste estudo foi comparar os dois grupos de pacientes queimados com e sem tratamento coadjuvante com Oxigenoterapia Hiperbárica, assim como, realizar uma análise dos custos. MÉTODOS: Foi realizado estudo retrospectivo, período de 2011 a 2013, selecionando, 20 pacientes com queimaduras moderadas e graves, internados na Santa Casa de Misericórdia de Campo Grande, tratados com auxílio de OHB (grupo I) e 22 pacientes sem auxílio de OHB (grupo II). RESULTADOS: A maioria dos pacientes pertencia ao sexo masculino, 24 pacientes (57,1%). O agente etiológico mais frequente nos dois grupos foi produtos inflamáveis com 56,6% dos casos. A idade média do grupo I foi de 26,6 e a do grupo II 23,3, predominando a faixa etária entre 13 e 35 anos 50,4% dos pacientes. Custo médio final por paciente do Grupo I foi R$17.292,00, e grupo II R$25.360 (p=0,028). CONCLUSÃO: Concluímos que, no nosso serviço, o grupo de pacientes com queimaduras moderadas e graves tratados com auxílio da Oxigenioterapia Hiperbárica teve um menor número de procedimentos cirúrgicos, como enxertos e desbridamento, e menor tempo de internação, levando a uma economia importante dos gastos hospitalares.

Palavras-chave: Queimado; Tratamento; Hiperbárica.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Burns are among the leading external causes of death in Brazil, generating huge costs and having physical, psychological, and social consequences. The objective of this study was to compare two groups of burn patients, i.e., those with and those without adjuvant treatment with hyperbaric oxygen (HBO) therapy and to perform a cost analysis. METHODS: A retrospective study was carried out between 2011 and 2013, comparing 20 patients with moderate to severe burns who were hospitalized at the Santa Casa de Misericórdia de Campo Grande and treated with HBO (group I) and 22 patients treated without HBO (group II). RESULTS: Most of the patients, i.e., 24 (57.1%), were male. Flammable product was the most frequent etiologic agent in both groups, accounting for 56.6% of the burn cases. The average age of group I patients was of 26.6 years and that of group II was of 23.3 years, with a prevalence (50.4%) of those aged between 13 and 35 years. The average final cost per patient was R$17,292.00 for group I and R$25,360 for group II (p = 0.028). CONCLUSION: We conclude that, in our service, patients presenting moderate and severe burns and treated with HBO therapy underwent a lower number of surgical procedures, e.g., grafts and debridement that allowed reduced hospitalization time and led to significant savings in hospital costs.

Keywords: Burn; Treatment; Hyperbaric.

 

Depressão e bem-estar em individuo idoso com úlcera venosa

Rita de Cássia Pereira; Elizabete Ferreira dos Santos; Maria Aparecida Queiroz; Marcelo Renato Massahud Junior; Maiume Roana Ferreira de Carvalho; Geraldo Magela Salomé
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):567-574

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A úlcera venosa assume grande importância na vida dos pacientes, pois a ocorrência de deformidade causada por este tipo de ferida pode gerar consequência advensas as causais inclui distúrbios psicossocial. Avaliar bem-estar subjetivo e depressão em pessoas idosas com úlcera venosa. MÉTODOS: Estudo clínico, primário, descritivo, analítico e multicêntrico. Participaram 55 indivíduos idosos com úlcera venosa, atendidos no Núcleo de Assistência e Ensino em Enfermagem do Hospital das Clínicas Samuel Libânio, no Ambulatório São João da Universidade do Vale do Sapucaí e nas Unidades Básicas de Saúde da cidade de Pouso Alegre. Foram incluídos pacientes com idade acima de 60 anos, ambos os sexos, índice tornozelo/braço entre 0,8 e 1,0. Os dados foram coletados no período compreendido entre dezembro de 2012 a maio de 2013, após aprovação Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Ciências da Saúde Dr. José Antônio Garcia Coutinho sob parecer 3.090.46. Os instrumentos utilizados foram: dado sócio demográfico, Escala de Depressão Geriátrica em versão reduzida de Yesavage e Escala de Bem-estar Subjetivo. Para análise estatística foi realizado os testes: Qui-Quadrado, t de Student. RESULTADOS: A Maioria, dos indivíduos, era do sexo feminino, 22(40%) tinham entre 60 e 65 anos, 27(49,10%) entre 66 e 70 anos, tinham de 1 a 2 salários mínimos e viúvo. Foram identificados 23 (41,82%) idosos com úlcera venosa nível da depressão leve ou moderada, e 26(47,28%) depressão severa. Relacionado à Escala Bem-estar Subjetivo a maioria dos participantes do estudo apresentaram alteração nos domínios: 43(78,20%), satisfação com a vida, e 40 (72,70%). CONCLUSÃO: Através deste estudo concluímos que os indivíduos que participaram da pesquisa apresentam depressão entre leve a severa e queda na qualidade de vida. Sentem-se infelizes, e insatisfeitos com a vida.

Palavras-chave: Úlcera venosa; Úlcera de perna; Depressão; Qualidade de vida; Idoso.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Venous ulcers play an important role in patients' lives, as the deformities caused by this type of wound can lead to various adverse effects, including psychosocial disorders. OBJECTIVE: To evaluate subjective wellness and depression in elderly patients with venous ulcers. METHODS: This is a primary, descriptive, analytical, and multicenter clinical study involving 55 elderly patients with venous ulcers, undergoing treatment at the Nursing Assistance and Training Center of Clínicas Samuel Libânio Hospital, at the São João Outpatient Clinic of the University of Vale do Sapucaí and at the Primary Healthcare Units of Pouso Alegre city. The study included male and female patients, aged 360 years, and with an ankle-brachial index between 0.8 and 1.0. Data were collected between December 2012 and May 2013, after approval by the research ethics committee of the Faculty of Health Sciences Dr. José Antônio Garcia Coutinho, under recommendation 3.090.46. Sociodemographic data, Yesevage's reduced version of the Geriatric Depression Scale, and the Subjective Wellness Scale were used. Statistical analyses were carried out with the chi-square and Student's t tests. RESULTS: Most of the study participants were female; 22 (40%) of the patients were aged 60-65 years and 27 (49.10%) were aged 66-70 years. Their income ranged between 1 and 2 minimum wages, and most of them are widowers. Twenty-three (41.82%) elderly patients with venous ulcers had mild to moderate depression levels, and 26 (47.28%) showed severe depression. In the Subjective Wellness Scale, most study participants revealed changes in items 43 (satisfaction with life; 78.20%) and 40 (72.70%). CONCLUSION: This study revealed that study participants had mild to severe depression and decreased quality of life.

Keywords: Venous ulcer; Leg ulcer; Depression; Quality of life; Elderly.

 

RELATO DE CASO

Tratamento de ptose palpebral congênita pela técnica de Lester Jones

Tatyanne Ferreira da Silva; Alcides Martins Arruda; Fabio Tacla Saad; Marina Buinain Balbuena; Bruno Barros de Azevedo Coutinho
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):575-577

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A ptose palpebral ou blefaroptose caracteriza-se pela disfunção, ou inabilidade do paciente em realizar a abertura da fenda palpebral de maneira normal. Geralmente é decorrente do acometimento do músculo levantador da pálpebra; a forma congênita ocorre em 60% a 70%. No presente trabalho é descrito um caso de ptose palpebral congênita moderada em uma paciente de nove anos, com boa função do músculo levantador da pálpebra, em olho esquerdo. A paciente foi submetida a tratamento cirúrgico pela técnica de Lester Jones, indicada nos casos de ptose de grau moderado, apresentando um resultado estético e funcional satisfatório.

Palavras-chave: Blefaroptose congênita; Músculo levantador da pálpebra; Lester Jones.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Palpebral ptosis or blepharoptosis is characterized by the dysfunction or inability of the patient to normally open the palpebral fissure. Usually, it is due to the involvement of the eyelid levator muscle. The congenital form occurs in 60%-70% of cases. In this study, we describe a case of moderate congenital palpebral ptosis in a 9-year-old patient who presented with a good eyelid levator muscle function in the left eye. The patient underwent surgical treatment with the Lester Jones technique, as indicated for cases of moderate ptosis, and achieved satisfactory aesthetic and functional results.

Keywords: Congenital Blepharoptosis; Eyelid levator muscle; Lester Jones.

 

Fenômeno de Marcus Gunn recidivado: relato de caso e revisão bibliográfica

José Daniel de Albuquerque Lins Rolim; Diego Antonio Rovaris; Chang Yung Chia
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):578-581

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O fenômeno de Marcus Gunn é uma ptose congênita rara e pouco conhecida, de origem neurogênica, de fisiopatogenia ainda não esclarecida. Os autores relatam um caso de ptose acentuada e recidivada após quatro correções cirúrgicas, e fazem uma breve revisão bibliográfica. RELATO DE CASO: Adulto jovem de 19 anos, sexo masculino, foi submetido a quatro tentativas de correção de ptose palpebral a direita em outros serviços, sem diagnóstico da origem da ptose congênita. O paciente apresentava abertura palpebral do olho direito ao abrir a boca, ao lateralizar o olhar para o lado ipse-lateral, e ao fechamento do olho contra-lateral. A última cirurgia foi realizada 2 anos antes, com posicionamento e fixação de fitas de silicone. O paciente não apresentava nenhum déficit neurológico ou visual. Foi submetido à cirurgia para remoção das fitas de silicone anteriormente posicionadas, confecção de enxertos em fita de técido fibroconectivo da fáscia lata do membro inferior direito, miectomia do musculo elevador da pálpebra ptosada, fixação dos enxertos da fáscia lata na borda superior do tarso com tração e fixação ao musculo frontal ipsilateral. Evoluiu com movimentos sincrônicos das pálpebras bilateralmente, e sem recidiva do ptose até o presente momento.

Palavras-chave: Marcus-Gunn; Ptose palpebral; Fixação frontal.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Marcus Gunn syndrome is a rare and little known congenital ptosis of neurogenic origin. Its physiopathological mechanism has not been clarified. The authors report a case of pronounced ptosis that relapsed after four surgical corrections, along with a brief literature review. CASE REPORT: A 19-year-old young adult underwent four surgical corrections of the right palpebral ptosis in other services, without a definite diagnosis of the origin of the congenital ptosis. The patient showed eyelid opening in the right eye on opening the mouth, when the eye is lateralized to the ipsilateral side, and with contralateral eye closure. The last surgery was performed 2 years prior, during which silicone bands were placed and fixated. The patient did not present any visual or neurological deficit. He underwent surgery in order to remove the silicone bands that were previously placed, to prepare the strip grafts made of fibrous connective tissue from the fascia lata of the right inferior limb, and to perform myectomy of the levator muscle of the palpebral ptosis, fixation of the fascia lata grafts at the upper edge of the tarsus with traction and fixation to the ipsilateral frontal muscle. The patient progressed with synchronic movements of the eyelids bilaterally, and without relapse of the ptosis until the present date.

Keywords: Marcus-Gunn; Palpebral ptosis; Frontal fixation.

 

Reimplante de pé em criança: relato de caso

Marina Buainain Balbuena; Kleder Gomes de Almeida; Paulete Yuri Nukariya Gomes de Almeida; Bruno Barros de Azevedo Coutinho; Tatyanne Ferreira da Silva; Fábio Tacla Saad
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):582-586

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: As indicações de reimplante de membros inferiores em crianças são ainda controversas na literatura e, comparadas com os reimplantes de membros superiores, são mais seletivas. Os reimplantes de membro inferior são menos frequentes por várias razões, haja vista que os traumas que provocam amputações ao nível do membro inferior geralmente são de alta energia cinética e provocam grave lesão tecidual, além da associação frequente de lesões de outros órgãos que contraindicam o procedimento. Associada à frequência de complicações graves no pós-operatório e os resultados medíocres de alguns casos, muitos cirurgiões se sentem desencorajados a reimplantar estes segmentos. Existem poucos relatos de reimplantes de membros inferiores com sucesso funcional na literatura. Relato de caso: Paciente E.S.S., sexo feminino, quatro anos de idade, vítima de atropelamento por trem em julho de 1997, que resultou em esmagamento do terço inferior da perna esquerda e amputação ao nível do tornozelo esquerdo. A paciente deu entrada na emergência da Santa Casa de Campo Grande-MS, apresentando boas condições gerais, sendo indicado o reimplante do membro amputado. Foi então transferida à sala de operação (S.O), e após oito horas de isquemia foi reimplantado o pé esquerdo. CONCLUSÃO: Fica claro que em casos selecionados, como o da paciente acima, o reimplante microcirúrgico é uma opção válida e extremamente valiosa, não só do ponto de vista funcional, mas estético.

Palavras-chave: Reimplante de membros; Microcirurgia; Reimplante em crianças.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The indications for lower limb replantation in children are still controversial in the literature. Furthermore, they are more selective than those for upper limb replantation. Replantations of lower limbs are less frequent for various reasons, including that the traumas leading to amputations at the lower limb level are usually high-kinetic-energy injuries and involve severe tissue damage, in addition to their frequent association with other organ damage that discourage the use of the procedure. Because of the association with frequent serious postoperative complications and unsatisfactory outcomes in some cases, many surgeons feel discouraged to replant these segments. There are few literature reports on lower limb replantations with functional success. CASE REPORT: Patient E.S.S. is a 4-year-old girl who was run over by a train in July 1997. The accident resulted in the crushing of the lower third of her left leg and the amputation of her left ankle. She was admitted to the emergency room of Santa Casa de Campo Grande-MS, in good overall condition. Replantation of the amputated limb was recommended. She was then transferred to the operating room, and her left foot was replanted after 8 h of ischemia. CONCLUSION: Clearly, in selected cases, such as the patient reported here, microsurgical replantation is a valid and extremely valuable option, both from a functional and an aesthetic point of view.

Keywords: Limb replantation; Microsurgery; Replantation in children.

 

Tratamento de ferida com uso de sutura elástica

Eduardo Luiz Nigri dos Santos; Ricardo Araujo de Oliveira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):587-588

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Feridas extensas sempre foram um desafio para seu fechamento, buscamos mostrar uma técnica que visa um tratamento com resolutividade mais rápida e com uma área de melhor qualidade. RELATO DO CASO: paciente submetida à amputação aberta, após atropelamento, do membro inferior esquerdo, terço médio da coxa apresentando extensa ferida. Tratamos com a confecção de uma sutura elástica que permaneceu por sete dias, sendo então realizada a sutura para fechamento total da ferida, obtendo um coto de boa qualidade.

Palavras-chave: Sutura tensionada; Fechamento elástico.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Suturing of extensive wounds has always been challenging. Therefore, we present a technique for wound closure that results in faster resolution and better aesthetic quality. CASE REPORT: A patient underwent open amputation of the left lower limb, with the middle third of the thigh exhibiting an extensive wound, after being hit by a vehicle. We treated the wound with an elastic suture that remained for 7 days. Subsequently, sutures were administered in order to completely close the wound, obtaining a good-quality stump.

Keywords: Tensioned sutures; Elastic closure.

 

IDÉIAS E INOVAÇÕES

Inversão da porção lateral do músculo orbicular para tratamento das rítides perioculares (pés-de-galinha)

Manoel Alves Vidal; José Antônio Sanches; Eduardo Mendes da Silveira Junior; Auro Marcos Levy de Andrade Filho; Bruno Peres Vidal
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):589-593

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A cirurgia plástica, sempre em busca de resultados cada vez mais expressivo, vem associando às técnicas já consagradas aos novos tempos intraoperatórios. Este trabalho descreve uma técnica cirúrgica para ser associada às ritidoplastias baseada na ressecção da porção lateral do músculo orbicular, seguida pela enxertia do próprio músculo, porém invertido, sobre a área ressecada. MÉTODO: Em um período de 5 anos, foram realizadas 54 ritidoplastias associadas a técnica descrita. RESULTADOS: O seguimento no pós-operatório tardio (5 anos) mostrou-se satisfatório com permanente desaparecimento das ritides perioculares por neutralizar as forças exercidas pelo músculo nesta área. Não houve insatisfação por parte dos pacientes. Logo, trata-se de um procedimento com excelentes resultados na resolução das ritides perioculares e na elevação da porção caudal da sobrancelha em relação a orbita. CONCLUSÃO: A técnica descrita gera resultados permanentes e satisfatórios.

Palavras-chave: Músculo orbicular; Rugas, Facelift; Ritidoplastia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION:In the continued search for increasingly expressive results, plastic surgeons are combining established techniques with new intraoperative times. This article describes a surgical technique associated with rhytidoplasties based on the resection of the lateral portion of the orbicularis oculi muscle, followed by grafting the muscle itself, however inverted, on the resected area. METHOD: In a 5-year period, 54 rhytidoplasties associated with the described technique were performed. RESULTS: The follow-up in the late postoperative period (5 years) was satisfactory, with the permanent disappearance of periocular rhytides due to the neutralization of the forces exerted by the muscle in this area. There was no dissatisfaction on the part of the patients. Consequently, the procedure had excellent results in the resolution of periocular rhytides and in lifting the caudal part of the eyebrow in relation to the orbit. CONCLUSION: The technique described generates permanent and satisfactory results.

Keywords: Orbicularis oculi muscle; Wrinkles; Facelift; Periocular rhytides; Rhytidoplasty.

 

Uso do retalho toracodorsal para tratamento de hidradenite supurativa

Thaís Gomes Casali; Rui Lopes Filho; Jose Mauro de Oliveira Squarisi; Julia Loyola Ferreira; Henrique Dal Fior Figueiredo; Diogo Petroni Caiado Fleury; Fernanda Zanatta Freitas Santos; Paulo Henrique Santos Laia
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):594-598

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A hidradenite é uma doença cutânea crônica, que acomete as regiões que abrigam as glândulas apócrinas. Tem uma prevalência estimada de 1% da população, com predileção pelo sexo feminino. MÉTODO:LMN, 48 anos, sexo feminino. Ao exame, a paciente apresentava nodulações palpáveis, coalescentes, dolorosas e uma área de fibrose e retração cicatricial circunjacente em ambas as axilas, principalmente em axila esquerda. Submetida a exérese ampla das lesões em axila e região torácica esquerda, sendo necessária a realização de um retalho fasciocutâneo de rotação, habitualmente usado em pacientes submetidas à quadrantectomia lateral. RESULTADOS: Obteve-se um resultado estético satisfatório associado à preservação dos movimentos. CONCLUSÃO:Apesar de existirem poucos casos relatando o uso do retalho fasciocutâneo toracodorsal lateral, essa técnica mostrou ser excelente alternativa na reconstrução axilar, devido à facilidade de ressecção, boa cobertura da área receptora além de um resultado estético satisfatório.

Palavras-chave: Hidradenite; Glândulas sudoríparas; Mastectomia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION:Hidradenitis suppurativa is a chronic skin disease that affects the regions harboring the apocrine sweat glands. It has an estimated prevalence of 1% of the population and a preference for the female sex.  METHOD: LMN, a 48-year-old female patient, presented, on examination, palpable, coalescent, painful nodules and a circumjacent area of fibrosis and scar retraction in both axillae, mainly in the left axilla. She was subjected to wide excision of the lesions at the axilla and left thoracic region, with a need for a rotational fasciocutaneous flap, usually used in patients who undergo lateral quadrantectomy. RESULTS: A satisfactory aesthetic result was attained, together with the preservation of movements. CONCLUSION: Although there are few reported cases of the use of the lateral thoracodorsal fasciocutaneous flap, this technique is an excellent alternative in axillary reconstruction, owing to the ease of resection, good coverage of the receiving area, and the satisfactory aesthetic result.

Keywords: Hidradenitis suppurativa; Sweat glands; Mastectomy.

 

ARTIGO DE REVISÃO

Compreendendo a psicopatologia do transtorno dismórfico corporal de pacientes de cirurgia plástica: resumo da literatura

Maria José Azevedo de Brito; Fábio Xerfan Nahas; Táki Athanássios Cordás; Gabriel de Almeida Arruda Felix; Miguel Sabino Neto; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):599-608

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Indivíduos com Transtorno Dismórfico Corporal (TDC) buscam a cirurgia estética para corrigir um defeito percebido. A prevalência de TDC entre pacientes de cirurgia plástica varia de 6% a 24%, podendo chegar a 53%. Recentemente, estudos foram realizados para identificar a fisiopatologia dos sintomas de TDC através de neuroimagem, assim como a relação entre TDC e outros transtornos (por exemplo, transtorno obsessivo-compulsivo, anorexia nervosa, ansiedade social, e transtorno de somatização), e para distinguir convicções delirantes de não-delirantes como uma expressão de um único transtorno mental com diferentes níveis de gravidade. Entretanto, estudos retrospectivos sugerem que pacientes com TDC não se beneficiam com cirurgia plástica. O objetivo deste artigo foi fornecer uma visão geral da pesquisa atual sobre TDC e identificar características psicopatológicas do TDC em pacientes de cirurgia plástica. MÉTODO: Realizou-se uma busca nas bases de dados PubMed e Embase cruzando as palavas-chave "cirurgia plástica" "cirurgia estética" e "transtorno dismórfico corporal". RESULTADOS: A prevalência de TDC é alta entre pacientes de cirurgia plástica. Não há estudos prospectivos sobre o impacto da cirurgia plástica em pacientes com TDC. CONCLUSÃO: TDC precisa ser adequadamente identificado na seleção de pacientes para cirurgia plástica a fim de otimizar a gestão de atendimento e a qualidade de vida de pacientes com TDC.

Palavras-chave: Cirurgia plástica; Transtornos dismórficos corporais; Imagem corporal; Transtornos de personalidade.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Individuals with Body Dysmorphic Disorder (BDD) may seek cosmetic surgery to correct a perceived defect. BDD prevalences ranging from 6% to 24% and up to 53% have been reported among cosmetic surgery patients. Recent studies have been conducted to identify the pathophysiology of BDD symptoms using neuroimaging, as well as the relationship of BDD to other disorders (e.g., obsessive-compulsive disorder, anorexia nervosa, social anxiety, and somatization disorder), and means to distinguish delusional from non-delusional beliefs as an expression of a single mental disorder at different severity levels. Retrospective studies have however suggested that BDD patients do not benefit from cosmetic surgery. This paper aimed at providing an overview of the current research on BDD and identifying psychopathological characteristics of BDD in cosmetic surgery patients. METHODS: The PubMed and Embase databases were searched by crossing the keywords "plastic surgery", "aesthetic surgery" and "body dysmorphic disorder". RESULTS: The prevalence of BDD was high among cosmetic surgery patients. No prospective studies were found on the impact of cosmetic surgery on BDD patients. CONCLUSION: BDD needs to be adequately assessed during patient selection for cosmetic surgery to optimize the quality of care provided and the quality of life of patients with BDD.

Keywords: Plastic surgery, Body dysmorphic disorders, Body image, Personality disorders.

 

Nutrição funcional no pós-operatório de cirurgia plástica: enfoque na prevenção de seroma e fibrose

Camile Laís Rocha; Vandressa Bueno de Paula
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):609-624

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Com base na grande variedade de possíveis sequelas e intercorrências de cirurgias estéticas e no papel da nutrição no processo de recuperação dessas, percebe-se a necessidade de práticas terapêuticas que garantam eficácia do resultado estético final. MÉTODO: O presente estudo caracteriza-se como uma revisão não sistemática que associou possíveis nutrientes, compostos bioativos e fitoterápicos que previnam ou amenizem seroma e fibrose no pós operatório. Para tanto, foram utilizados artigos de revistas científicas do meio eletrônico, legislações nacionais e livros didáticos, publicados entre os anos de 2002 e 2012. RESULTADOS: Demonstrou-se que as principais causas de seroma e fibrose são cicatrização alterada, inflamação, estresse oxidativo e edema. Dessa forma, foi elaborado um guia prático com os nutrientes, compostos bioativos e fitoterápicos que podem ser utilizados a fim de prevenir, controlar ou amenizar as complicações no pós-cirúrgico de procedimentos estéticos. CONCLUSÃO: Salientou-se que para o tratamento das condições abordadas é fundamental que haja um trabalho multiprofissional, enfatizando um acompanhamento médico, nutricional e fisioterápico que abranja as alterações conhecidas na fisiopatologia de seroma e fibrose.

Palavras-chave: Seroma; Fibrose; Nutrição; Alimento funcional; Fitoterapia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Based on the wide range of possible consequences and complications of plastic surgery and the role of nutrition in the recovery process of these, we see the need for therapeutic practices to ensure effectiveness of the final aesthetic result. METHOD: This study is characterized as a non-systematic review of the possible associated nutrients, bioactive compounds and herbal medicines to prevent seroma and fibrosis. Thus, we used scientific journal articles from electronic media, national laws and textbooks published between 2002 and 2012. RESULTS: We demonstrated that the main causes of seroma and fibrosis are changed healing, inflammation, oxidative stress and edema. Thus, we designed a practical guide with nutrients, bioactive compounds and herbal medicines that can be used to prevent, control or mitigate the complications after plastic surgery. CONCLUSION: It was emphasized that for the treatment of covered conditions is essential that there is a multidisciplinary approach, emphasizing a medical, nutritional and therapeutic monitoring covering the known changes in the pathophysiology of seroma and fibrosis.

Keywords: Seroma; Fibrosis; Nutrition; Functional food; Phytotherapy.

 

Patrocinadores

Indexadores