ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

EDITORIAL

ARTIGO ORIGINAL

Avaliação de 40 ritidoplastias realizadas no Hospital Federal do Andaraí segundo duas técnicas distintas: smasplastia cervicofacial mediante sutura de vetores e retalho subSMAS

Diego Vigna Carneiro
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):161-168

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A ritidoplastia se tornou uma das cirurgias estéticas mais realizadas no mundo. Alguns preferem uma abordagem mais conservadora e outros defendem que, para obter resultados mais duradouros e efetivos, necessitam de intervenções agressivas. O objetivo é comparar resultados de 40 ritidoplastias realizadas no Hospital Federal do Andaraí ao longo de 22 meses, utilizando duas técnicas distintas, smasplastia mediante sutura de vetores e retalho subSMAS. MÉTODOS: Trata-se de um estudo descritivo em que 20 pacientes foram submetidas à smasplastia e outras 20 à retalho subSMAS. Um avaliador observou sob o ponto de vista estético algumas variáveis em regiões específicas da face e classificou a melhora baseado em fotografias pré-operatórias e 6 meses após o procedimento. A observação da ficha de coleta de dados possibilitou quantificar as complicações nas duas técnicas separadamente. RESULTADOS: As duas técnicas demonstraram resultados semelhantes sob o ponto de vista estético com o objetivo de rejuvenescimento facial, melhora da flacidez cervical e definição da transição face/pescoço. Em especial, o retalho proporcionou melhores resultados na atenuação no sulco nasogeniano. Houve um caso de hematoma em cada técnica. Houve uma lesão nervosa na smasplastia. Não houve lesão do nervo facial, nem infecção. Edema superior a 3 meses foi mais prevalente naquelas submetidas ao retalho. CONCLUSÕES: Os dois métodos possuem vantagens e desvantagens e o melhor resultado depende do grau de envelhecimento do esqueleto facial, da perda de apoio de tecidos frouxos em áreas críticas como a região malar e próxima ao sulco labiomandibular, da característica de pele no pré-operatório e da experiência do cirurgião na técnica empregada.

Palavras-chave: Ritidoplastia; Rejuvenescimento; Envelhecimento da pele; Retalhos cirúrgicos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Rhytidectomy has become one of the most performed aesthetic surgeries in the world. Some surgeons prefer a more conservative approach, and others maintain that aggressive interventions are required to obtain results that are more durable and effective. This study aimed to compare the results of 40 rhytidectomies performed using either of two techniques, namely superficial musculoaponeurotic system (SMAS)-plasty according to vector suturing and the sub-SMAS flap approach, at the Federal Hospital of Andaraí over 22 months. METHODS: This is a descriptive study that included 20 patients who underwent SMAS-plasty and 20 patients who received a sub-SMAS flap. An assessor identified some variables in specific regions of the face from an aesthetic point of view, and he rated improvements based on photographs obtained before and 6 months after operation. The data collected allowed to quantify complications of both techniques separately. RESULTS: From an aesthetic point of view, the two techniques showed similar results in terms of facial rejuvenation, improvement of cervical flaccidity, and definition of face/neck transition. The flap provided better results regarding the attenuation in the nasogenian sulcus. A case of hematoma occurred in each technique. Nerve injury occurred in the SMAS-plasty group. However, neither facial nerve injury nor infection occurred in both groups . Edema for >3 months was more prevalent in the sub-SMAS flap group. CONCLUSIONS: The two methods have advantages and disadvantages, and the best result depended on the degree of aging of the facial skeleton, the loss of supporting tissues in critical areas such as the malar region and next to the labiomandibular fold, the preoperative characteristic of the skin, and the surgeon's experience in the technique.

Keywords: Rhytidoplasty; Rejuvenation; Skin aging; Surgical flaps.

 

Piriformeplastia associada à rinoplastia aberta

Renato Sivieri de Souza; Alessandra de Mattia Rocha; Ricardo Baroudi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):169-173

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A respiração bucal ou mista desde a infância, por fatores alérgicos que causam hipertrofia de cornetos e adenoides ou desvio septal traumático no parto ou por traumas na primeira infância, provoca incorreto desenvolvimento da face com o palato ogival, crescimento excessivo da crista maxilar, alterações na arcada dentária e hipomaxilismo, por falta de aeração dos seios paranasais. O septo com limitado espaço para de crescer empurra o arcabouço osteocartilaginoso cranialmente, originando a giba nasal com desvios do septo, comprometendo a respiração nasal. MÉTODO: A piriformeplastia mediante incisão no sulco gengivolabial permite amplo acesso à crista maxilar e ao palato ogival. A crista maxilar é desgastada com broca e o palato é modelado ou pode ter sua cúpula removida subperiostealmente. RESULTADOS: A rinoplastia aberta facilita a abordagem e a fixação dos enxertos alargadores para tratar as alterações da válvula interna e prevenir retrações cicatriciais ao nível da gaiola cartilaginosa, além dos enxertos estruturais na columela para projeção e evitar retração cicatricial neste nível. A abordagem aberta permite também a simetrização das estruturas nasais, que possibilita o tratamento das laterorrinias num tempo único e a correção da válvula nasal externa por meio dos enxertos específicos. A piriformeplastia permite ainda a abordagem mais abrangente das alterações nasais estéticas e funcionais. CONCLUSÃO: A rinoplastia aberta é por nós preferida dada a facilidade de fixação dos enxertos, bem como dos enxertos alargadores para tratamento das alterações da válvula interna com o objetivo de prevenir futuros problemas respiratórios.

Palavras-chave: Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Rinoplastia; Seio piriforme.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Mouth or mixed breathing since childhood that is due to allergy factors causing turbinate hypertrophy and adenoids, or traumatic septal deviation at childbirth or first trauma in childhood leads to the impairment of facial development, including ogival palate, excessive growth of the maxillary crest, changes in the dental arch, and small jawbone. Mouth or mixed breathing may be due to the lack of aeration of the paranasal sinuses. A septum with limited space for growing pushes the osteocartilaginous framework cranially, originating from the nasal hump with septal deviations and gibbus. Consequently, this hampers nasal breathing. METHOD: Pyriform plasty by incision in the gingivolabial sulcus allows broad access to the maxillary crest and ogival palate. The maxillary crest is worn out with a drill, and the palate is modeled or may have its dome subperiosteally removed. RESULTS: Open rhinoplasty facilitates the approach and fixation of graft reamers to treat changes in the internal valve and prevents scar reactions at the level of the cage cartilage grafts and structure of the columella to project and prevent a cartilaginous scar retraction at this level. The open approach also enables the symmetrization of nasal structures, which allows the treatment of bent nose at a single time, and correction of nasal valve by using external grafts. Moreover, pyriform plasty is a more comprehensive approach to nasal aesthetic and functional nasal alterations. CONCLUSION: Our preferred techniques are open rhinoplasty, given the ease of graft fixation, and use of reamer grafts to treat changes in the internal valve to prevent future respiratory problems.

Keywords: Reconstructive surgical procedures; Rhinoplasty; Pyriform sinus.

 

Reconstrução nasal total: uso da "técnica em sanduíche" durante a residência

Renato Franz Matta Ramos; Leonardo Spencer; Paula Girelli; Karina Meneguzzi; Alessandra Martinelli; Carlos Oscar Uebel
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):174-180

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Um dos locais mais comuns para o surgimento de câncer de pele é o nariz e, devido à sua distinta estruturação em três dimensões, a reconstrução do suporte da ponta nasal apresenta-se como um desafio para os cirurgiões plásticos. MÉTODOS: Este artigo apresenta uma das opções de reconstrução nasal total utilizando como recursos o retalho frontal bilateral e o enxerto de cartilagem auricular bilateral em bloco. Apresentamos um relato do uso da "técnica em sanduíche", constituída por dois retalhos frontais intercalados pelas cartilagens auriculares. Enquanto o primeiro retalho origina o novo teto das fossas nasais, a cartilagem configura o formato tridimensional e garante o suporte da nova estrutura nasal. O segundo retalho fica, então, responsável pela cobertura exterior. RESULTADOS: Neste caso comprovou-se tanto a mínima morbidade da área doadora quanto a excelente perfusão dos retalhos autonomizados, o que se considerou um resultado amplamente satisfatório. CONCLUSÕES: Embora a reconstrução nasal total seja um procedimento infrequente na vida do cirurgião plástico, a técnica aqui descrita mostra-se como uma opção atraente para estes casos.

Palavras-chave: Retalhos cirúrgicos; Nariz/cirurgia; Neoplasias nasais; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: One of the most common sites of skin cancer is the nose, and because of its distinct three-dimensional structure, reconstruction of the nasal tip support is challenging for plastic surgeons. METHODS: This article presents an alternative option for total nasal reconstruction using the bilateral frontal flap and the block bilateral auricular cartilage graft. We present an account of the use of the "sandwich technique", consisting of two frontal flaps interspersed by auricular cartilage. While the first flap gives rise to the new roof of the nasal fossa, the cartilage configures the three-dimensional shape and provides support for the new nasal structure. The second flap is then responsible for the outer coverage. RESULTS: In this case, both the minimal morbidity of the donor area and excellent perfusion of the autonomized flaps were verified, leading to a largely satisfactory result. CONCLUSIONS: Although total nasal reconstruction is an infrequent procedure in the career of a plastic surgeon, the technique described here is a viable option for these cases.

Keywords: Surgical flaps; Nose/surgery; Nasal tumors; Reconstructive surgical procedures.

 

Tratamento de fratura de assoalho orbital com cartilagem conchal

Waldemar Chaves Nascimento Brandao Penna; Isabel Camilo de Oliveira; David Santiago Ordonez Arízaga; Marco túlio Ribeiro Peixoto Ferreira; Márcio Henrique Lima Resende; Gustavo Moreira Costa de Souza; Sérgio Moreira da Costa; Klaus Rodrigues de Oliveira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):181-189

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A reconstrução dos defeitos no assoalho orbital após fraturas constitui um desafio ao cirurgião plástico, pois além da expectativa estética e reconstrutora do paciente, cabe o tratamento de possíveis complicações funcionais, como diplopia e parestesias faciais. O objetivo é demonstrar uma série de casos utilizando cartilagem auricular conchal para reposição volumétrica orbital e estrutural do assoalho. MÉTODOS: Foram avaliados 24 pacientes, operados pelo autor deste trabalho no período de 2013 a 2016, por motivo de fraturas de assoalho orbital pura (blow-out) ou impura (conjugadas a lesões de margem orbital, como zigoma e maxila). A técnica de estruturação do assoalho utilizou enxerto cartilaginoso autólogo conchal em todos os casos. Os pacientes foram catalogados quanto à presença de queixas pré-operatórias, como parestesia e diplopia, e sintomas, como enoftalmia, assim como resultados pós-operatórios. RESULTADOS: A presença de lesões concomitantes como fratura de complexo zigomático e fratura maxilar pode influenciar no sucesso da reconstrução, assim como as fraturas com maior área de descontinuidade no assoalho orbital. Poucos pacientes apresentaram queixas pós-operatórias e somente dois casos (9,2%) necessitaram de nova abordagem cirúrgica. CONCLUSÃO: A cartilagem conchal auricular autóloga é um material adequado à reconstrução de defeitos no assoalho orbital pós-fratura, apresentando como vantagens a fácil obtenção, baixa morbidade, cicatriz inconspícua, excelente adaptação ao formato do assoalho da órbita e consequente reposição volumétrica.

Palavras-chave: Órbita; Fraturas orbitárias; Implantes orbitários.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The reconstruction of defects in the orbital floor after fractures poses a challenge to the plastic surgeon because besides the patient's aesthetic and reconstructive expectations, possible functional complications such as diplopia and facial paresthesia must be treated. This study aimed at reporting a series of cases in which conchal auricular cartilage was used for volumetric orbital and structural replacement of the floor. METHODS: Twenty-four patients, with surgery performed by the author, between 2013 and 2016, for pure (blow-out) or impure (conjugated to orbital margin injuries, such as zygoma and maxilla) orbital floor fractures, were evaluated. The repair technique involved autologous conchal cartilage graft in all cases. Patients were classified for the presence of preoperative complaints, including paresthesia and diplopia, and symptoms such as enophthalmia, as well as postoperative outcomes. RESULTS: The existence of concomitant lesions, such as zygomatic complex and maxillary fracture, as well as fractures with greater discontinuity in the orbital floor, may influence the success of reconstruction. Few patients exhibited postoperative complaints and only two (9.2%) required a new surgical approach. CONCLUSION: Autologous conchal auricular cartilage is a suitable material for reconstruction of defects in the post-fracture orbital floor, possessing various advantages, including ease of attainment, low morbidity, inconspicuous scar, and excellent adaptation to the shape of the orbital floor and consequent volumetric replacement.

Keywords: Orbit; Orbital fractures; Orbital implants.

 

Tratamento da orelha em abano, novas e simples táticas

Ataliba Ronan Horta de Almeida; Leandro Ramalho Chaves Isobe; Marcos Salles Dias Pinto; André Villani Correa Mafr
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):190-193

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A orelha de abano é uma deformidade congênita frequente que pode gerar implicações psicológicas desde a infância. Várias táticas cirúrgicas são descritas para correção deste defeito, no entanto, intercorrências frequentemente observadas pela equipe eram a presença de relevos abruptos da cruz posterior da anti-hélice e as recidivas parciais do defeito. O objetivo deste trabalho é demonstrar uma tática cirúrgica que minimiza essas intercorrências. MÉTODOS: Foram realizadas 65 otoplastias no Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte, MG, no período entre 1995 e 2015. Utilizou-se um instrumento cirúrgico elaborado pela equipe de cirurgia plástica, semelhante a uma pinça hemostática de 16 cm. Todos os pacientes foram operados sob anestesia local e sedação assistida por anestesista em ambiente hospitalar. RESULTADOS: A correção do defeito congênito foi alcançada em todos os casos com o uso de um método comum, mas que cursou com a proposição de táticas novas e simples visando facilitar o ato cirúrgico e adquirir os resultados que foram naturais e satisfatórios. CONCLUSÃO: As táticas propostas para a cirurgia de otoplastia em abano são simples, de fácil realização, agilizaram o tempo operatório e utilizaram materiais simples, de baixo custo e de fácil aquisição. Também foram alcançados resultados estéticos satisfatórios sem se observar os estigmas decorrentes da quebra da cartilagem auricular.

Palavras-chave: Orelha/anormalidades; Orelha/cirurgia; Terapêutica; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Protruding ears represent a common congenital deformity that can generate psychological implications from childhood. Several surgical techniques have been described to correct this defect; however, clinicians frequently observe the intercurrence of abrupt relief of the posterior crus of the anti-helix and a partial relapse of the original defect. The objective of this study was to demonstrate a surgical technique that minimizes these complications. METHODS: Sixty-five otoplasties were performed at Mater Dei Hospital, Belo Horizonte, MG, between 1995 and 2015. A surgical instrument similar to a 16-cm hemostatic forceps was developed by the plastic surgery team. All patients were operated under local anesthesia and sedation, under the supervision of an anesthesiologist in a hospital setting. RESULTS: Correction of the congenital defect was achieved in all cases using a common method that was performed using a simple, novel technique that facilitates surgery and obtains natural and satisfactory results. CONCLUSION: The proposed techniques for otoplasty of protruding ears are simple, faster, and require easily obtainable and affordable materials. Satisfactory esthetic results were also achieved without observing the stigmas arising from atrial cartilage rupture.

Keywords: Ear/abnormalities; Ear/surgery; Therapeutics; Reconstructive surgical procedures.

 

Análise crítica do protocolo de tratamento da ferida operatória complicada após esternotomia para cirurgia cardíaca

Samuel Terra Gallafrio; Thomaz Tourinho Menezes; Franklin Monaco Filho; Daniel Mamere Alvarez; Tania Mara Varejão Strabelli; Fabio Biscegli Jatene; Rolf Gemperli
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):194-201

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: As complicações de ferida operatória após esternotomia para acessos cirúrgicos para procedimentos cardiovasculares variam desde pequenas deiscências até mediastinite e osteomielite do esterno. Mediastinite e osteomielite do esterno associam-se a alto risco, alta morbidade e altas taxas de mortalidade, além de altas taxas de recidiva. O tratamento nos casos de maior gravidade envolvem internação hospitalar prolongada. A utilização de antibióticos por tempo prolongado, durante a internação, e após a alta, tem impacto importante no custo global do tratamento. Mais recentemente, uma opção de tratamento envolve o amplo debridamento cirúrgico da ferida em centro cirúrgico, preparo do leito da ferida com terapia por pressão negativa, seguida do fechamento da ferida com retalhos miocutâneos ou fasciocutâneos. Aparentemente, essa estratégia traz vantagens como a melhora na qualidade de vida do paciente, menor manipulação e menor incômodo ao doente, menos sobrecarga para os profissionais de saúde envolvidos nos cuidados, menor taxa de recidiva infecciosa e, assim, redução da morbidade do tratamento como um todo. MÉTODOS: O presente estudo tem por objetivo realizar levantamento dos pacientes vítimas dessa grave complicação que tenham sido tratados segundo protocolo desenvolvido e aprimorado no Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (InCor - HCFMUSP), e que tenham sido operados por um mesmo cirurgião plástico, a fim de analisar o perfil epidemiológico, e eventual indicador de pior prognóstico dentre os exames colhidos habitualmente desses pacientes. Foram avaliados, retrospectivamente, os prontuários dos pacientes atendidos no InCor - HCFMUSP vítimas de infecção de esternotomia durante o ano de 2014. As variáveis analisadas foram comorbidades, intervalo entre abordagens cirúrgicas, valores de Proteína C Reativa (PCR), procedimento empregado no fechamento da ferida, complicações do tratamento, entre outros. RESULTADOS: Os dados são essencialmente descritivos e de caráter epidemiológico: observa-se a incidência de ao menos uma comorbidade em 84% dos pacientes; média de 2,5 procedimentos cirúrgicos por paciente, variando de 1 a 7 procedimentos; queda nos níveis de PCR em 75% dos pacientes já após o primeiro procedimento cirúrgico e mortalidade de 17%, entre outros dados. CONCLUSÃO: Os dados analisados nos permitem concluir que o método padronizado adotado trouxe impacto na redução da mortalidade global dos pacientes, além da redução de recidiva e reinternações. Identificamos, ainda, indicadores de pior prognóstico como PCR e leucograma no momento do diagnóstico e indicação da aplicação do protocolo.

Palavras-chave: Mediastinite; Osteomielite; Infecção da ferida cirúrgica; Retalhos cirúrgicos; Tratamento de ferimentos com pressão negativa.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Surgical wound complications after sternotomy in cardiovascular procedures include small dehiscences, mediastinitis, and sternal osteomyelitis. Mediastinitis and sternal osteomyelitis are high-risk complications associated with high rates of morbidity, mortality, and recurrence. Treatment of the most severe cases involves prolonged hospitalization. Moreover, the long-term use of antibiotics during hospitalization and after discharge significantly increases the overall cost of treatment. A recent treatment option involves extensive surgical debridement of the surgical wound, treatment of the wound bed with negative pressure therapy, and closure of the wound with myocutaneous or fasciocutaneous flaps. The advantages of this strategy include improvement of the patient's quality of life, less manipulation and less discomfort for the patient, less burden on staff involved in care, lower rate of infection recurrence, and an overall reduction of treatment morbidity. METHODS: The objective of this study was to conduct a retrospective survey of patients with surgical wound complications who were treated according to a protocol developed and improved by the Heart Institute of the Clinic Hospital of the School of Medicine of the University of São Paulo (Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo-InCor/HC-FM-USP), and who underwent surgery by the same plastic surgeon. The epidemiological profiles and possible indicators of worse prognosis were determined from routine examinations performed on these patients. The medical records of patients treated at InCor/HC-FM-USP who presented with sternotomy infection in 2014 were assessed retrospectively. The analyzed variables included comorbidities, interval between surgical procedures, C-reactive protein (CRP) levels, wound closure procedures, and treatment complications, among others. RESULTS: The data are predominantly descriptive and epidemiological. At least one comorbidity was present in 84% of cases. The mean number of surgical procedures per patient was 2.5, ranging from 1 to 7. The CRP levels decreased in 75% of patients after the first surgical procedure, and the mortality rate was 17%. CONCLUSION: The standardized method adopted significantly decreased the overall mortality and the rates of recurrence and readmission. Indicators of worse prognosis, including CRP levels and the leukogram, were identified at the time of diagnosis and initiation of the treatment protocol.

Keywords: Mediastinitis; Osteomyelitis; Surgical wound infection; Surgical flaps; Wound treatment with negative pressure.

 

Inervação do complexo areolopapilar após mamoplastia redutora: estudo histológico

Jairo Zacche de Sá; Otávio Maximino de Lucena Pessoa; Flávio Augusto de Melo Barbosa Arruda; Daniela Mayumi Takano; Juliana Melo Pereira; Amanda Torres Campos; Rafael Anlicoara; José Lamartine de Andrade Aguiar; Amanda Estelita de Oliveira Rodrigues
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):202-207

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A manobra de liberação dérmica periareolar na mamoplastia promove uma melhor mobilidade do complexo mamilo-aréola (NAC). No entanto, existem dúvidas sobre possíveis danos nos nervos neste tipo de topografia. Este estudo objetiva uma análise quantitativa comparando a densidade dos nervos do fluxo lateral medial, lateral e caudal do NAC. MÉTODOS: Trata-se de um estudo prospectivo. O estudo incluiu 26 pacientes do sexo feminino que foram submetidas à mamoplastia redutora pela técnica clássica de Pitanguy. Os fragmentos da derme coletados dos lados medial, lateral e caudal foram devidamente preparados e submetidos a um estudo histológico para determinar a densidade dos nervos em cada um dos lados estudados. RESULTADOS: Dos 26 pacientes estudados, 42,3% apresentaram maior densidade de nervos no lado lateral; 38,5%, do lado medial e 19,2% do lado caudal. A análise estatística utilizada para avaliar se houve predominância de um lado onde a derme foi seccionada demonstrou que o teste de comparação de proporções não foi significativo (p = 0,304). CONCLUSÃO: A análise comparativa mostrou que não há preponderância de densidade de nervos em qualquer lado da derme periareolar.

Palavras-chave: Mamoplastia; Histologia; Anatomia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The periareolar dermal release maneuver in mammoplasty promotes better mobility of the nipple-areola complex. However, there are doubts on possible nerve damages in this kind of topography. This quantitative analysis compared the nerve branches density from the medial, lateral and caudal side-flow of the nipple-areola complex (NAC). METHODS: This was a prospective study. The study included 26 women who have undergone a mammaplasty reduction using the Pitanguy's classic technique. The dermis fragments collected from the medial, lateral and caudal sides were properly prepared and subjected to a histological study in order to determine the nerve branches density in each studied sides. RESULTS: Of 26 studied patients, 42.3% had a higher nerve branches density in the lateral side; 38.5%, on the medial side and 19.2% on the caudal side. The statistical analysis used to evaluate whether there was a predominance of one side where the dermis has been sectioned showed that the proportion comparison test was not significant (p = 0.304). CONCLUSION: The comparative analysis has shown that there is no preponderance of nerve density in any periareolar dermis side.

Keywords: Mammaplasty; Histology; Anatomy.

 

Avaliação precoce da qualidade de vida e autoestima de pacientes mastectomizadas submetidas ou não à reconstrução mamária

Vanessa Lacerda Alves; Miguel Sabino Neto; Luiz Eduardo Felipe Abla; Carlos Jorge Rocha de Oliveira; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):208-217

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Após o diagnóstico e tratamento do câncer de mama, algumas mulheres passam por alterações físicas, sociais e emocionais que repercutem muitas vezes na qualidade de vida e na autoestima. O objetivo é avaliar a qualidade de vida e autoestima de pacientes mastectomizadas submetidas ou não à reconstrução mamária após um mês de cirurgia. MÉTODOS: A casuística foi composta por 89 pacientes, com idade igual ou superior a 30 anos, submetidas ou não à reconstrução mamária, e oriundas dos ambulatórios de Cirurgia Plástica e Mastologia do Hospital São Paulo e do Hospital Pérola Byington. O grupo 1 (n = 30) composto pelas pacientes mastectomizadas sem reconstrução mamária; o grupo 2 (n = 29) mastectomizadas com reconstrução mamária; e o grupo 3 (n = 30) pacientes sem alterações nas mamas. Para a avaliação da qualidade de vida, foram aplicados os instrumentos validados para uso no Brasil EORTC QLQ-C30 e Escala de Autoestima de Rosenberg UNIFESP/EPM. RESULTADOS: Não foram observadas repercussões na qualidade de vida e autoestima das pacientes submetidas à mastectomia com ou sem a reconstrução mamária após um mês de cirurgia. CONCLUSÃO: Mulheres mastectomizadas com ou sem reconstrução mamária após um mês da cirurgia não apresentaram repercussões na qualidade de vida e na autoestima, quando comparadas entre si, bem como comparadas às mulheres sem história de câncer. É necessário que este tipo de avaliação, por meio dos questionários EORTC QLQ-C30 e QLQ-BR23, seja realizado no momento do diagnóstico do câncer de mama até o momento da pós-reconstrução mamária, com a finalidade de identificar em que fase se instalam as repercussões na qualidade de vida e autoestima.

Palavras-chave: Neoplasias da mama; Autoimagem; Mamoplastia; Mastectomia; Qualidade de vida.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: After diagnosis and treatment of breast cancer, some women go through physical, social, and emotional changes that often have an impact on their quality of life and self-esteem. This study aimed to assess the quality of life and self-esteem of mastectomized patients with or without breast reconstruction a month after surgery. METHODS: The study consisted of 89 patients aged ≥ 30 years with or without breast reconstruction. They were recruited from the Plastic Surgery and Mastology clinic of São Paulo Hospital and Pérola Byington Hospital. Group 1 (n = 30) consisted of mastectomized patients without breast reconstruction; group 2 (n = 29) consisted of mastectomized patients with breast reconstruction; and group 3 (n = 30) consisted of patients without changes in the breasts. The EORTC QLQ-C30 and Rosenberg Self-Esteem Scale UNIFESP/EPM instruments, which are validated in Brazil, were used to assess their quality of life. RESULTS: There were no observed effects in the quality of life and self-esteem of the patients who underwent mastectomy with or without breast reconstruction a month after surgery. CONCLUSION: The women with mastectomy with or without breast reconstruction a month after surgery showed no changes in their quality of life and self-esteem when compared among themselves and to women with no cancer history. It is necessary that this assessment, employing the EORTC QLQ-C30 and QLQ-BR23 questionnaires, be performed from the time of breast cancer diagnosis until after breast reconstruction to identify the stage when the quality of life and self-esteem are affected.

Keywords: Neoplasms of the breast; Self-image; Breast augmentation; Mastectomy; Quality of life.

 

Mamoplastia/mastopexia com implante: técnica Lockpocket

César Augusto Daher Ceva Faria; Luciano Gomes Moura; Conrado Miranda de Almeida; Milena Carvalho Almeida Galdino; Gabriel Campelo dos Santos; Diogo Borges Pedroso; Fabrício Tavares Mendonça; José Carlos Daher
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):218-224

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A mamoplastia foi o procedimento em cirurgia plástica mais realizado no Brasil, ficando em segundo lugar no mundo, logo atrás dos Estados Unidos. Existem diversas técnicas para correção de ptose das mamas associado a aumento do volume com implantes mamários. O objetivo é descrever uma variação técnica de mamoplastia com prótese, isolando o implante em um bolsão fechado de tecido fascioglandular (Lockpocket). MÉTODOS: Realizado um estudo prospectivo entre junho de 2013 e junho de 2016 totalizando 43 pacientes que foram submetidos à mamoplastia de aumento com prótese de silicone, isolado do meio externo por um bolsão fechado de tecido fascioglandular, e ressecção de tecido dermoglandular excedente para correção de ptose mamária, sendo realizada análise estatística. RESULTADOS: Das 43 pacientes, a maioria (22 pacientes) apresentaram ptose grau II, segundo a classificação de Regnault. Os volumes de tecido glandular retirado e volume das prótese introduzidos foram semelhantes, sendo observado um total de sete complicações: deiscência parcial (n = 4), assimetria discreta (n = 2) e ptose residual em um caso. CONCLUSÃO: A mamoplastia de aumento com correção de ptose mamária - técnica Lockpocket - é uma boa opção, permitindo a escolha prévia do volume do implante utilizado, isolando-o em uma loja totalmente fechada de tecido fascioglandular, e exérese exata de tecido mamário.

Palavras-chave: Mamoplastia; Implante mamário; Mama.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Mammoplasty is the most commonly performed plastic surgery procedure in Brazil, which is second only to the United States in terms of the number of mammoplasties performed. Several techniques based on increasing volume using breast implants are used to correct breast ptosis. We aimed to describe a technical variation of implant mammoplasty: isolation of the implant in a closed pocket of fascioglandular tissue (Lockpocket). METHODS: This prospective study was carried out between June 2013 and June 2016. Forty-three patients underwent (1) augmentation mammoplasty using a silicone implant that was isolated from the external environment by a closed pocket of fascioglandular tissue, and (2) resection of excess dermoglandular tissue to correct mammary ptosis. Were subsequently analyzed statistically. RESULTS: Of the 43 patients, the majority (22 patients) presented grade II ptosis according to the Regnault classification. The volume of glandular tissue removed was similar to the volume of the prosthesis introduced. A total of seven complications were observed: partial dehiscence (n = 4), discrete asymmetry (n = 2), and residual ptosis (n = 1). CONCLUSION: Augmentation mammoplasty with correction of mammary ptosis (the Lockpocket technique) is a good option because it allows the surgeon to choose in advance the volume of the implant to be used. The method also isolates the implant in a totally closed plane of fascioglandular tissue, and involves the precise removal of breast tissue.

Keywords: Mammoplasty; Breast implant; Breast.

 

Pectus excavatum e assimetrias mamárias: correção com mamoplastia de aumento

Paulo Roberto da Silva Mendes; Daniel Ongaratto Barazzetti; Diego Fernando Villagra Avila; Diego Machado Silvano
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):225-230

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O pectus excavatum é definido com uma depressão aproximando o esterno e as cartilagens costais à coluna vertebral. Existem diversas teorias em relação à etiologia; a mais aceita consiste no crescimento exagerado das cartilagens costais, causando um deslocamento posterior do esterno e consequente depressão. Dentre as formas de tratamento, encontra-se a correção das assimetrias mamárias utilizando próteses mamárias de silicone em pacientes sem sintomas cardiopulmonares, apenas com queixa estética. MÉTODOS: Foram revisados os registros em prontuários e registros fotográficos de oito casos de pacientes femininas com diagnóstico de pectus excavatum operadas em um hospital privado na região Sul do Brasil, que procuravam o serviço com queixas estéticas locais, e não apresentavam queixas cardiorrespiratórias. RESULTADOS: Seis casos foram submetidos somente à inclusão de prótese mamária. Uma paciente havia colocado prótese havia 15 anos, sendo essa substituída por novo implante, no mesmo plano. Outra paciente já havia realizado cirurgia de correção de pectus descrito por Nuss, 10 anos antes, vindo a consulta com queixa de hipomastia e assimetria. O tipo anestésico preferido foi a anestesia geral, em cinco dos casos. O plano de inclusão de prótese na quase totalidade dos casos foi o subglandular. Somente uma paciente apresentou complicação (seroma). CONCLUSÕES: Evidenciamos, na nossa amostra, que a inclusão de prótese mamária em pacientes com pectus excavatum é capaz de trazer resultados estético harmônicos, atenuando e/ou mascarando o defeito torácico, com resultados estéticos satisfatórios para os pacientes.

Palavras-chave: Implantes de mama; Mama; Mamoplastia; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Tórax em funil.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Pectus excavatum is defined as a depression approaching the sternum and costal cartilages to the spine. Several theories explain its etiology, the most accepted of which is the exaggerated growth of the costal cartilages, which causes a posterior displacement of the sternum and consequent depression. The treatment includes correction of breast asymmetries by using silicone breast implants in patients without cardiopulmonary symptoms, only with esthetic complaints. METHODS: We reviewed the medical and photographic records of eight female patients diagnosed as having pectus excavatum, who underwent operation at a private hospital in the southern region of Brazil. These women sought consultation for local esthetic complaints and had no cardiorespiratory complaints. RESULTS: Six patients submitted only for breast prosthesis placement. One patient had a prosthesis implanted 15 years before, which was replaced by a new implant in the same plane. Another patient had undergone pectus repair with Nuss surgery 10 years before, and the patient came to the hospital with a complaint of hypomasty and asymmetry. The preferred anesthesia was general anesthesia in five of the cases. The prosthesis inclusion plane in almost all the cases was subglandular. Only one patient had a complication (seroma). CONCLUSIONS: In our sample, the placement of breast prostheses in the patients with pectus excavatum brought harmonic esthetic results, attenuating and/or masking the chest defect, with satisfactory esthetic results for the patients.

Keywords: Breast implant; Breast; Mammaplasty; Reconstructive surgical procedure; Sunken chest.

 

Avaliação dos parâmetros pressóricos intra-abdominal e pulmonar em pacientes submetidos à abdominoplastia

Jefferson di Lamartine Galdino Amaral; Daniel Augusto dos Santos Soares; Juldasio Galdino de Oliveira Junior; Leonardo Martins Costa Daher; Luciano Gomes Moura; Fernando Cassio de Andrade; Edinei Fabiano Rebonatto; José Carlos Daher
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):231-236

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O abdome é um segmento estético-funcional importante na caracterização do contorno corporal. A confecção da plicatura do reto abdominal pode ocasionar diversos transtornos como o aumento da pressão intra-abdominal e torácica. Assim, este estudo tem como objetivo avaliar os parâmetros de pressão abdominal e pulmonar em pacientes submetidos à abdominoplastia com lipoaspiração. MÉTODOS: Estudo longitudinal prospectivo descritivo. As pacientes foram submetidas à lipoabdominoplastia com lipoaspiração de flancos pelo mesmo cirurgião plástico sênior. A mensuração da pressão intra-abdominal foi feita por meio do uso de um dispositivo acoplado à sonda vesical de demora do paciente e a pressão intratorácica foi aferida por meio do monitor do aparelho de ventilação. As medições foram feitas antes e após a plicatura e durante a posição de Fowler. RESULTADOS: O tempo médio do ato operatório foi de 4 horas e 8 minutos. A pressão intra-abdominal antes e após a plicatura do músculo reto abdominal variou de 2 a 11 cm H2O e 5 a 16 cm H2O, respectivamente. A pressão intratorácica antes e após a plicatura do músculo reto abdominal variou de 13 a 17 cm H2O e 14 a 18 cm H2O, respectivamente. A pressão intra-abdominal em posição de Fowler variou de 6 a 23 cm H2O. A pressão intratorácica em posição de Fowler variou de 15 a 19 cm H2O. Foi observado um caso de deiscência, um caso de seroma e um caso de desconforto respiratório. CONCLUSÃO: Os resultados elucidam que a plicatura do reto abdominal ocasiona o aumento da pressão intra-abdominal e pulmonar sem gerar alterações sistêmicas significativas.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Pressão; Reto do abdome.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The abdomen is an important aesthetic and functional segment in the characterization of body contouring. The plication of the rectus abdominis may cause various problems to the patient such as increased intra-abdominal and thoracic pressure. Thus, this study aims to evaluate abdominal pressure and pulmonary parameters in patients undergoing abdominoplasty with liposuction. METHODS: This is a descriptive longitudinal prospective study. All patients underwent the lipoabdominoplasty with liposuction of flanks by the same senior plastic surgeon. The intra-abdominal pressure was measured by a device attached to indwelling urinary catheter of the patient and intra-thoracic pressure was measured by the ventilation device monitor. Measurements were made before and after plication and in Fowler's position. RESULTS: Mean surgery time was 4 hours and 08 minutes. Intra-abdominal pressure before and after plication of the rectus abdominis ranged from 2 to 11 cm H2O and 5-16 cm H2O, respectively. Intra-thoracic pressure before and after plication of the rectus abdominis ranged from 13 to 17 cm H2O and 14-18 cm H2O respectively. The intra-abdominal pressure in Fowler's position ranged from 6 to 23 cm H2O. The intra-thoracic pressure in Fowler's position ranged from 15 to 19 cm H2O. One case of small dehiscence, one case of seroma and one case of respiratory distress were observed. CONCLUSION: The results demonstrate that plication of the rectus abdominis increases intra-abdominal and pulmonary pressure without generating significant systemic changes.

Keywords: Abdominoplasty; Pressure; Rectus abdominis.

 

Neo-onfaloplastia com enxerto cutâneo

Pedro Celso de Castro Pita; Rafael Anlicoara; Juan Pablo Maricevich; Kelson Kawamura; Priscila da Silva Lopes
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):237-240

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A cicatriz umbilical é decorrente da queda do coto umbilical, que ocorre alguns dias após o nascimento. Sua presença, formato e localização na parede abdominal fornecem ao indivíduo uma conotação estética e sensual. MÉTODOS: Estudo primário, prospectivo, de intervenção. A casuística foi de conveniência, no período de fevereiro de 2006 a junho de 2016, incluindo pacientes de ambos os gêneros, alocados do ambulatório do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (HC-UFPE) e clínica privada. Os critérios de inclusão foram pacientes com indicação de abdominoplastia e que apresentavam um comprometimento da irrigação da pele da região umbilical e periumbilical devido a defeitos herniários da região. O estudo seguiu os critérios de Helsinki e os pacientes assinaram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. RESULTADOS: Foram operados 28 pacientes, sendo observada uma boa integração da pele enxertada, resultando em uma cicatriz umbilical de aparência natural e sem complicações. CONCLUSÕES: A neo-onfaloplastia com enxerto cutâneo é de fácil execução e que, a longo prazo, tem demonstrado um bom resultado estético, principalmente nos retalhos abdominais espessos, demonstrando ser mais uma opção técnica na realização de neo-onfaloplastias.

Palavras-chave: Umbigo; Abdominoplastia; Hérnia umbilical; Abdome; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The umbilical scar is due to the fall of the umbilical stump that occurs a few days after birth. Its presence, shape, and location on the abdominal wall provide the individual with an aesthetic and sensual connotation. METHODS: A primary prospective interventional study. The sample was of convenience, from February 2006 to June 2016, and included patients of both sexes attending the outpatient clinic of the Hospital das Clínicas of the Federal University of Pernambuco (HC-UFPE), a private clinic . The inclusion criteria were patients with abdominoplasty indications presenting with compromised circulation to the skin of the umbilical and periumbilical region caused by hernia defects in this area. The study followed the criteria of Helsinki and the patients signed an Informed Consent Form. RESULTS: Twenty-eight patients underwent surgery and good integration of the grafted skin was observed. This resulted in an umbilical scar with a natural appearance and without complications. CONCLUSIONS: Neoomphaloplasty with a cutaneous graft is easy to perform and, in the long term, has shown to provide good aesthetic results, especially in thick abdominal flaps, thus proving to be an additional technical option for neoomphaloplasty procedures.

Keywords: Navel; Abdominoplasty; Umbilical hernia; Abdomen; Reconstructive surgical procedures.

 

Zetaplastia na retração axilar: técnica e tática para facilitar o aprendizado dos residentes

Mariana Alcantara Rodrigues de Moraes; Roberto Rudge Ramos; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):241-244

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: São apresentados dois casos de retração em região axilar após queimadura em que a correção cirúrgica foi realizada empregando-se zetaplastias múltiplas. Apresentamos uma tática de marcação que visa facilitar o aprendizado desse procedimento pelos residentes de Cirurgia Plástica. MÉTODOS: Dois pacientes com retrações axilares e de membros superiores após queimadura com líquido aquecido foram submetidos à correção cirúrgica empregando-se a zetaplastia múltipla. A tática de planejamento proposta nesse estudo preconiza primeiro a marcação do retalho triangular localizado no ponto médio da retração axilar, o qual irá avançar e cruzar o eixo da cicatriz, e a partir daí o desenho dos retalhos subsequentes com ângulo de 60º entre si. Acreditamos que essa sistematização da marcação facilita o planejamento e aprendizado da plástica em Z. RESULTADOS: Os pacientes apresentaram adequadas amplitude de movimento e recuperação funcional do membro acometido no pós-operatório. Não houve necrose das extremidades dos retalhos, que preconizamos serem cuidadosamente trabalhadas e um pouco arredondadas; e a execução do procedimento foi simples devido à tática de marcação que aplicamos. CONCLUSÃO: A tática de marcação que apresentamos é reprodutível e de fácil aprendizado. A zetaplastia múltipla foi eficaz em restabelecer a amplitude de movimento das áreas com sequela de queimadura tratadas com esse método.

Palavras-chave: Queimaduras; Cicatriz; Retalhos cirúrgicos; Ensino; Axila.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Herein, we present two cases of post-burn retraction of the axillary region, which were subsequently surgically corrected using multiple Z-plasties. We present a marking strategy to facilitate the learning of this procedure by plastic surgery residents. METHODS: Two patients with axillary and upper limb retractions due to burns with hot liquids were surgically treated using multiple Z-plasties. The strategy proposed in this study recommends the marking of the triangular flap located at the midpoint of the axillary retraction, which then advances and crosses the axis of the scar. Then, subsequent flaps are made at an angle of 60º to each other. We believe that this systematization of marking facilitates the planning and learning of Z-plasty. RESULTS: The study patients achieved an adequate range of motion and functional recovery of the affected limb postoperatively. We observed no cases of necrosis of the flap ends, which should be carefully worked and slightly rounded. The execution of the procedure was simple using the suggested marking strategy. CONCLUSION: The presented marking strategy was reproducible and easy to learn. Multiple Z-plasties were effective in restoring the range of motion of the areas affected by burns that were treated using this method.

Keywords: Burns; Scar; Surgical flaps; Teaching; Axilla.

 

Procedimentos no atendimento para queimaduras nas mãos na fase aguda

Andrea Fernandes de Oliveira; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):245-251

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A mão representa 3% da superfície corporal total, porém seu envolvimento em trauma grave, como uma queimadura, pode levar a sequelas funcionais graves. O presente estudo descreve os procedimentos no atendimento de pacientes na fase aguda com queimaduras envolvendo as mãos. MÉTODOS: 122 pacientes com queimaduras térmicas envolvendo uma ou ambas as mãos foram incluídos no estudo, entre agosto de 2011 a julho de 2014. No exame físico inicial, determinou-se a extensão e a profundidade da lesão; as queimaduras profundas e circulares, com sinais e sintomas de perfusão inadequada, tiveram escarotomias realizadas para evitar perda de extremidade. As queimaduras de espessura parcial profunda ou de espessura total no dorso das mãos foram submetidas à excisão tangencial até 5 dias após o trauma; e o enxerto de pele parcial foi realizado em todos os pacientes antes do 15º dia do trauma. RESULTADOS: Os homens representaram a maioria (58% da casuística). Em relação ao agente das queimaduras, os líquidos inflamáveis corresponderam a 46,7% das internações. Em 50,8% dos casos, as queimaduras eram de espessura parcial profunda ou de espessura total e necessitaram de procedimento operatório. Não foi identificada perda de enxerto no grupo. As escarotomias foram realizadas em 12,3% dos pacientes. CONCLUSÃO: A mão queimada necessita de atenção e cuidados locais adequados, juntamente com excisão precoce e enxertia de pele.

Palavras-chave: Mãos; Queimaduras; Lesões; Transplante de pele; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The hand represents 3% of total body surface, but its involvement in severe trauma, such as burns, can lead to serious functional sequelae. The present study describes procedures in the care of patients in the acute phase with burns involving the hands. METHODS: 122 patients with thermal burns involving one or both hands were included in the study between August 2011 and July 2014. On initial physical examination, the extent and depth of the lesions were determined; deep and circular burns, with signs and symptoms of inadequate perfusion, had escharotomies performed to avoid the loss of extremity. Burns of partial deep thickness or full thickness on the back of the hands received tangential excision within 5 days after the trauma; partial skin grafting was performed on all patients before the 15th day of the trauma. RESULTS: Men represented the majority of cases (58%). In relation to the burn agent, flammable liquids caused 46.7% of admissions. In 50.8% of the cases, the burns were of partial deep thickness or of total thickness and required an operative procedure. No graft loss was identified in the group. Escharotomies were performed in 12.3% of the patients. CONCLUSION: The burned hand needs proper local attention and care, along with early excision and skin grafting.

Keywords: Hands; Burns; Injuries; Skin transplantation; Reconstructive surgical procedures.

 

Fita microporosa para fixação de enxertos cutâneos

Augusto César de Melo Almeida; Nárlei Amarante Pereira; Aloísio Ferreira da Silva Filho; Erick Horta Portugal; Rebeca Paohwa Liu da Fonseca; José Carlos Ribeiro Resende Alves
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):252-255

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A fixação do enxerto cutâneo é essencial para sua integração no leito receptor. A literatura apresenta várias técnicas de fixação, porém, o uso da fita de microporosa é pouco relatado. O objetivo é demonstrar e divulgar o uso da fita microporosa na fixação do enxerto cutâneo MÉTODOS: Estudo prospectivo, realizado de janeiro de 2014 a janeiro de 2016. Em 40 pacientes foi utilizada a fita microporosa esterilizada como método isolado para a fixação do enxerto RESULTADOS: Enxertos cutâneos apresentaram resultado satisfatório sem mobilização e, consequentemente, boa integração. CONCLUSÃO: O uso da fita microporosa esterilizada é um excelente método para a fixação de enxertos cutâneos, por ser simples, rápido e seguro.

Palavras-chave: Fita cirúrgica; Transplante de pele; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Fixing a skin graft is essential to its integration in the recipient bed. The literature presents several fixation techniques. However, only few reports on the use of microporous tape are available. This study aims to demonstrate and promote the use of microporous tape in fixing skin grafts. METHODS: A prospective study was performed from January 2014 to January 2016. In 40 patients, a sterilized microporous tape was used as an isolated method to fix skin grafts. RESULTS: The use of skin graft immobilization showed satisfactory results and consequently good integration. CONCLUSION: The use of a sterilized microporous tape is an excellent method for fixing skin grafts because it is easy, fast, and safe to use.

Keywords: Surgical tape; Skin transplantation; Reconstructive surgical procedures.

 

Retalho plantar medial: uma série de casos

Jefferson Lessa Soares de Macedo; Simone Corrêa Rosa; Altino Vieira de Rezende Filho Neto; Adilson Alves da Silva; Alex Corcino Silva de Amorim; Izabelle Montanha Barbosa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):256-261

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A cobertura do pé e especialmente da região do calcâneo são desafios técnicos para o cirurgião devido ao alto grau de especialização dos tecidos envolvidos e à relativa imobilidade dos tecidos próximos. MÉTODOS: No presente estudo, apresentamos nossa experiência com uso do retalho baseado na artéria plantar medial para cobertura de defeitos teciduais no pé, especialmente na região de apoio plantar no calcâneo. Doze retalhos da artéria plantar medial feitos de 2001 a 2013 no Hospital Regional da Asa Norte, Brasília, DF, foram incluídos. RESULTADOS: Dos 12 pacientes, 10 eram homens e dois eram mulheres. As indicações foram perda traumática do coxim do calcâneo em 10 pacientes e dorso do pé em dois casos. Todos os retalhos foram elevados como retalhos pediculados fasciocutâneos baseados na artéria plantar medial. Todos os retalhos cicatrizaram sem maiores complicações, exceto um caso com perda parcial. A área doadora foi coberta com enxerto de pele parcial e houve um caso de perda parcial do enxerto. Os retalhos apresentaram uma sensibilidade protetora levemente inferior ao lado normal. CONCLUSÃO: De acordo com os resultados, o retalho plantar medial é uma boa opção para cobertura do pé, especialmente do calcâneo. A versatilidade do retalho permite a cobertura de defeitos no calcâneo sobre o tendão de Aquiles e apoio plantar, assim como o dorso do pé. A cobertura da região de apoio plantar com pele de textura similar e sensibilidade protetora confere a esse retalho uma grande vantagem sobre outros retalhos para reconstrução dessa região.

Palavras-chave: Calcâneo; Ferimentos e lesões; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Traumatismos do pé.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Reconstructive coverage of foot defects, especially those of the calcaneus region, is a unique technical challenge for the surgeon due to the high degree of specialization of the tissues involved and the relative immobility of the proximal tissues. METHODS: In the present study, we present our experience with the use of the flap based on the medial plantar artery to cover tissue defects in the foot, especially in the region of the calcaneal fat pad. Twelve medial plantar artery flaps constructed from 2001 to 2013 at the As a Norte Regional Hospital, Brasília, DF, were included. RESULTS: Of the 12 patients with the medial plantar artery flaps, 10 were men and 2 were women. The indications were traumatic tissue loss of the plantar fat pad in 10 patients and of the dorsum of the foot in two cases. All flaps were elevated as fasciocutaneous pedicle flaps based on the medial plantar artery. All the flaps healed without major complications, except one case that involved partial loss . The donor area was covered with a partial skin graft and there was one case of partial graft loss. The flap displayed a slightly lower protective sensitivity than the normal side. CONCLUSION: According to the results, the medial plantar flap is a good option for covering traumatic foot defects, especially those affecting the calcaneus. The versatility of the flap allows the coverage of defects of the calcaneus (e.g., the Achilles tendon and plantar fat pad regions), as well as those affecting the dorsum of the foot. The coverage of the plantar fat pad region with skin of similar texture and protective sensitivity confers to the medial plantar flap a large advantage over other flaps for reconstruction of this region.

Keywords: Calcaneus; Wounds and injuries; Reconstructive surgical procedures; Foot trauma.

 

IDÉIAS E INOVAÇÕES

A península na ritidoplastia

Ronaldo Pontes; Gisela Hobson Pontes; Alexandrish Karvendrish Rodríguez Tavárez; Camila Lopes Santos
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):262-267

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A ascensão do pé do cabelo é um estigma frequente e desagradável nas ritidoplastias. Para contornar esse problema, criamos a técnica da Península em meados de 1999. Inicialmente utilizada nas faces secundárias, sua indicação foi ampliada, tornando-se imprescindível nos casos primários de implantação alta do cabelo e naqueles pacientes que necessitariam de grande ressecção de pele. MÉTODOS: O total de ritidoplastias realizadas foi de 7356, tendo sido operados 2512 pacientes utilizando a técnica da Península, no período que cursa entre 1999 e 2016, com idade média de 48 anos, sendo 98% dos pacientes do sexo feminino e 2% do sexo masculino. A técnica apresenta três variantes. RESULTADOS: Os pacientes continuaram, posteriormente, em acompanhamento mensal até a alta ao final de 6 meses. Dentre os resultados, surgiram algumas complicações, comuns a qualquer tipo de cirurgia da face. Na grande maioria dos casos, com a utilização da Península, foi possível a realização de uma boa tração cutânea, com maior correção do terço médio, mantendo a linha de implantação capilar. CONCLUSÃO: Podemos concluir que a técnica da Península é um recurso único, de fácil reprodução, capaz de reduzir a curva de aprendizado em ritidoplastias, uma vez que permite generosa ressecção de pele sem alteração da implantação capilar, atuando de modo a evitar estigmas pós-cirúrgicos e otimizando a qualidade dos resultados e satisfação por parte dos pacientes, com pequeno ônus cicatricial.

Palavras-chave: Ritidoplastia; Remoção; Face; Cabelo.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: High implantation of the hairline by the ear is a frequent, unpleasant stigma in rhytidoplasties. To overcome this problem, we created the Peninsula technique in the mid-1999. Initially used in secondary face liftings, its indication has since been broadened, becoming indispensable in primary cases of high hair implantation and in patients requiring major skin resection. METHODS: The total number of rhytidoplasties performed was 7,356, with 2,512 patients operated using the Peninsula technique from 1999 to 2016. Mean age was 48, 98% were females and 2% males. The technique presents three variants. RESULTS: Patients were monitored on a monthly basis until discharge at the end of six months. Among the results, there were some complications, which are usual in any type of facial surgery. In the great majority of cases, with the use of the Peninsula, it was possible to obtain good skin traction, with the greater correction of the mid third, maintaining the capillary implantation line. CONCLUSION: We can conclude that the Peninsula technique is a unique resource, easily reproducible, capable of reducing the learning curve in rhytidoplasty, as it allows generous skin resection without changing capillary implantation, avoiding post-surgical stigma and optimizing the quality of the results and patient satisfaction, with a little scar burden.

Keywords: Rhytidoplasty; Lifting; Face; Hair.

 

Lifting reverso do seio mamário para tratamento de simastia congênita

Getúlio Duarte Junior; Fábio Coelho Duarte
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):268-271

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A mama está diretamente relacionada com a beleza, autoestima e sexualidade feminina. A simastia é uma alteração inestética mamária, caracterizada pela união das duas mamas na região pré-esternal. O autor demonstra uma técnica cirúrgica para correção de simastia congênita. MÉTODOS: O trabalho relata o caso de uma paciente jovem com história prévia de hipertrofia mamária e simastia, que realizara previamente duas mamoplastias e uma lipoaspiração no seio mamário, sem correção da simastia. O autor realizou a ressecção do excesso de tecido no seio mamário e um lifting reverso dessa região, associado com um retalho em avanço do abdome superior. RESULTADOS: Houve completa resolução da simastia com o tratamento proposto. CONCLUSÃO: O tratamento realizado pelo autor demonstrou ser mais uma alternativa cirúrgica segura no tratamento da simastia.

Palavras-chave: Mama; Mamoplastia; Implante mamário; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Breasts are associated with a feeling of beauty, self-esteem, and female sexuality . Symmastia is a condition, characterized by the confluence of both breasts in the pre-sternal region. The author demonstrates a surgical technique for correction of congenital symmastia. METHODS: This is the case report of a young patient with previous history of breast hypertrophy and symmastia. She had previously undergone two mammoplasties and one liposuction of the breast, without correction of the symmastia . The author performed resection of the excess tissue in the breast and a reverse lifting of this region, with an upper abdominal advancement flap. RESULTS: There was complete resolution of the symmastia. CONCLUSION: The treatment performed by the author is a safe surgical alternative for the treatment of symmastia.

Keywords: Breast; Mammoplasty; Breast implantation; Reconstructive surgical procedures.

 

ARTIGO DE REVISÃO

Análise anatômica da abdominoplastia

Filipe Vidica Teodoro Barcelos; Luiz Eduardo Toledo Avelar; Leonardo Santos Bordoni; Raul Vidica Teodoro Barcelos
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):272-281

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

A abdominoplastia está entre os procedimentos cirúrgicos mais realizados na cirurgia plástica, de forma que muitas variações técnicas têm sido criadas com o objetivo de se reduzirem as complicações e para se obter melhores resultados no contorno abdominal. Nesse contexto, a anatomia da parede abdominal ganha papel de destaque, uma vez que as justificavas em defesa de técnicas, como a abdominoplastia clássica e lipoabdominoplastia, estão atreladas a princípios anatômicos. Isso evidencia a necessidade do domínio da anatomia da região pelo cirurgião plástico, pois, além de entender os motivos de se adotar determinados procedimentos cirúrgicos, o torna mais capacitado de adaptá-los às características anatômicas de cada paciente, além de compreender as alterações morfofuncionais provocadas pela cirurgia. Diante disso, esse trabalho teve o objetivo de buscar na literatura estudos que enfocassem a descrição anatômica da abdominoplastia, tanto clássica quanto de outras variantes, como a lipoabdominoplastia, bem como as explicações anatomofisiopatológicas das principais complicações operatórias inerentes.

Palavras-chave: Anatomia; Abdominoplastia; Lipectomia; Complicações pós-operatórias.

 

ABSTRACT

Abdominoplasty is a common surgical procedure in plastic surgery. Consequently, several technical variations have been created with the aim of reducing complications and obtaining better results in the abdominal contour. The anatomy of the abdominal region plays an important role in this procedure, since arguments in favor of techniques, such as classic abdominoplasty and lipoabdominoplasty are linked to anatomical principles. This highlights the plastic surgeon's need to have a good knowledge of the anatomy of this region. Not only will this knowledge enable plastic surgeons to understand the reasons for adopting certain surgical procedures, but it will also enable them adapt these procedures to the anatomical characteristics of each patient. In addition, this knowledge will help determine the morphological changes caused by surgery. Therefore, this study aimed to identify studies in the literature focusing on the anatomical description of both classical abdominoplasty and other variants, such as lipoabdominoplasty. It also aimed to discover the anatomical and physiopathological explanations for the major inherent surgical complications.

Keywords: Anatomy; Abdominoplasty; Lipectomy; Postoperative complications.

 

RELATO DE CASO

Correção da hipertrofia do lóbulo auricular

Manuel Mário Gomes Faial; Dushane Dominick Pinnock
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):282-286

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A orelha é uma estrutura da face que tem valor estético. As dimensões da orelha e aparência dos seus componentes anatômicos são modificados com a idade, doenças e práticas culturais que podem resultar em uma estética desagradável com o tempo. O lóbulo é um componente anatômico importante da orelha que é bastante influenciado esteticamente por estes fatores. Ele é composto por tecido adiposo e pele e pode sofrer mudanças na sua proporção e flacidez, as quais podem ser melhoradas, por meio procedimentos cirúrgicos, para ficarem esteticamente mais agradáveis, com o intuito de oferecer uma aparência mais proporcional ou jovem. Este trabalho descreve um caso de um paciente de 30 anos que considerou os lóbulos das suas orelhas desproporcionais ao resto da orelha e fez cirurgia para reduzi-los. MÉTODOS: Foi realizado um procedimento cirúrgico simples, de recuperação rápida para reduzir o tamanho dos lóbulos do paciente por marcação e resseção de uma parte de cada lóbulo do paciente. RESULTADOS: Os resultados se mostraram satisfatórios com lóbulos mais proporcionais ao resto das orelhas e melhora da estética do paciente. CONCLUSÃO: A técnica descrita neste trabalho para a redução de lóbulos auriculares hipertrofiados se mostrou eficaz.

Palavras-chave: Orelha/anatomia & histologia; Hipertrofia; Orelha/cirurgia; Ritidoplastia; Cicatriz; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The ear is a structure of the face with important aesthetic value. The dimensions of the ear and the appearance of its anatomical components change with age, disease and cultural practices which can result in an aesthetically unpleasant form over time. The earlobe is an important anatomical part of the ear and is considerably influenced by the factors above. It is made of fatty tissue and skin and can undergo changes in its proportion and flaccidity, which may be improved by surgical procedures to make it more aesthetically pleasing, providing a more proportional or younger appearance. This article reports the case of a 30-year-old patient who considered his earlobes disproportionate in relation to the rest of his ears and underwent surgery to have them reduced. METHODS: A simple and fast recovery surgical procedure was carried out delineating and resecting a part of each of the patient's earlobes. RESULTS: The results proved to be satisfactory as the patient had more proportional earlobes in relation to the rest of his ears achieving aesthetic improvement. CONCLUSION: The technique described in this article to reduce hypertrophied earlobes proved to be efficient.

Keywords: Ear/anatomy & histology; Hypertrophy; Ear/surgery; Rhytidoplasty; Cicatrix; Reconstructive surgical procedures.

 

Rinofima: opção cirúrgica como tratamento

Inara do Carmo Lucchese; Daniel Ongaratto Barazzetti; Diego Fernando Villagra Avila; Gustavo Palmeiro Walter; Arthur Koerich D'Avila
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):287-290

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Rinofima é uma inflamação crônica dos tecidos do nariz, caracterizada por hipertrofia e hiperplasia progressivas das glândulas sebáceas e do tecido conjuntivo. Determina um aspecto de elefantíase nasal, secundária à congestão dos vasos da derme. Sua etiologia está associada, na maioria dos casos, ao uso abusivo de álcool. É considerada por alguns autores como sendo um estágio avançado de acne rosácea. O artigo tem como objetivo relatar um caso de rinofima, tratado cirurgicamente no Serviço de Cirurgia Plástica do Hospital Universitário da Universidade Federal de Santa Catarina com decorticação e eletrocoagulação. MÉTODO: Foi realizado revisão de prontuário e registro fotográfico de um caso de rinofima. RESULTADOS: Paciente foi submetido a tratamento cirúrgico com evolução favorável. CONCLUSÃO: Existem diversos tratamentos para rinofima, sendo que a decorticação e a eletrocoagulação constituem uma excelente opção terapêutica.

Palavras-chave: Rinofima; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Doenças nasais; Nariz.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Rhinophyma is a condition involving chronic inflammation of the nose and is characterized by progressive hypertrophy and hyperplasia of sebaceous glands and connective tissue. Rhinophyma leads to an appearance of nasal elephantiasis, which is caused by the congestion of dermis vessels. Its etiology is mostly associated with alcohol abuse. Rhinophyma is considered by some researchers to be an advanced stage of acne rosacea. Here, we report a case of rhinophyma that was surgically treated with decortication and electrocoagulation at the Plastic Surgery Service of the University Hospital of the Federal University of Santa Catarina. METHODS: A review of medical and photographic records of a case of rhinophyma was conducted. RESULTS: The patient was underwent surgical treatment with favorable outcomes. CONCLUSION: There are several treatments for rhinophyma, with decortication and electrocoagulation being an excellent therapeutic option.

Keywords: Rhinophyma; Surgical reconstructive procedures; Nasal diseases; Nose.

 

Reabsorção óssea associada ao implante de silicone em mentoplastia: relato de caso clínico

Gabriel Cardoso Ramalho; Sérgio Luís de Miranda; Roberto Moreno; Henrique Celestino Lima e Silva; Maria Victoria de Freitas Miranda
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):291-294

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

Durante muitos anos, os implantes de silicone foram utilizados em cirurgias reconstrutivas e estéticas, principalmente em casos em que o perfil facial do paciente apresenta deficiência no terço inferior da face. Este material tem provado ser bem sucedido na maioria dos aspectos, contudo, algumas complicações já foram bem relatadas na literatura, como é o caso das reabsorções ósseas na região de mento mandibular. No presente artigo os autores apresentam dois casos clínicos de reabsorção óssea da cortical anterior do mento, associada ao implante de silicone e discutem a etiologia, as complicações e o plano de tratamento.

Palavras-chave: Mentoplastia; Reabsorção óssea; Silicones.

 

ABSTRACT

For many years, silicone implants were used in reconstructive and esthetic surgeries, especially in cases in which the facial profile of patients presented deficiencies in the inferior third of the face. This material proved to be successful in most aspects. However, several complications were well reported in the literature, as the case of bone reabsorption in the region of the mandibular chin. In this article, the authors present two clinical cases of bone reabsorption from the anterior cortex of the chin associated with silicone implants and discuss the etiology, complications, and treatment plan.

Keywords: Mentoplasty; Bone reabsorption; Silicones.

 

Hiperplasia estromal pseudoangiomatosa: caso raro em menina de 11 anos

Rafael Alves Tumeh; Miguel Sabino Neto; Ana Lúcia Cunha; Mayara Mytzi de Aquino Silva; Henrique Ribeiro de Paula; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):295-298

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

A Hiperplasia Estromal Pseudoangiomatosa (PASH) é uma doença benigna caracterizada pela proliferação excessiva de fibroblastos e miofibroblastos, podendo levar a um crescimento mamário importante. A apresentação é rara, em especial ocasionando necessidade de mastectomia em pacientes jovens. O estudo apresentou o relato de caso raro de uma paciente de 11 anos de idade, com hipertrofia mamária de rápida progressão, com necessidade de mastectomia e posteriormente mamoplastia de aumento para completa reinserção social.

Palavras-chave: Mama; Mamoplastia; Mastectomia; Criança.

 

ABSTRACT

Pseudoangiomatous stromal hyperplasia is a benign disease characterized by excessive proliferation of fibroblasts and myofibroblasts, which can lead to significant breast growth. The presentation is rare, especially among young women and cases requiring mastectomy. This report describes a rare case of an 11-year-old female patient with rapidly progressing mammary hypertrophy, who needed mastectomy and then mammoplasty for complete social integration.

Keywords: Breast; Mammoplasty; Mastectomy; Child

 

Apendicite como complicação em pós-operatório de lipoaspiração

João Márcio Prazeres dos Santos; Natália Júlia da Costa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):299-302

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A demanda por cirurgia plástica estética tem aumentado progressivamente, devido principalmente às novas técnicas cirúrgicas e maior aceitação social. Dentre os procedimentos mais frequentemente realizados estão: cirurgias de mamas (aumento ou redução), lipoaspiração, abdominoplastia e cirurgias faciais. A apendicite aguda é a causa mais comum de abdome agudo e a apendicectomia é uma das cirurgias mais realizadas em todo o mundo. Sua maior incidência ocorre em adultos jovens, no sexo masculino e em indivíduos da raça branca. O objetivo do presente estudo é relatar um caso de apendicite aguda como complicação em pós-operatório de lipoaspiração, ressaltando sua correlação com o procedimento cirúrgico. MÉTODO: Foi realizada pesquisa na base de dados do Medline/PubMed, no período de junho a dezembro de 2015, avaliando todos os artigos publicados que referissem complicações em lipoaspiração, principalmente aqueles casos associados à apendicite. CONCLUSÕES: As complicações pós-cirúrgicas são aflitivas tanto para o paciente quanto para o médico e, devido ao crescimento contínuo do número de cirurgias plásticas, são cada vez mais frequentes, merecendo um estudo mais detalhado e de aplicação prática. A elaboração de um escore preditivo de complicações da cirurgia plástica auxiliaria o cirurgião a definir condutas preventivas, permitindo melhores escolhas e melhor discussão de riscos com o paciente já no pré-operatório.

Palavras-chave: Lipectomia; Complicações pós-operatórias; Apendicite; Apendicectomia; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The demand for aesthetic plastic surgery has increased steadily mainly for the appearance of new surgical techniques and these procedures greater social acceptance. Most frequent procedures are: breast surgery (augmentation or reduction), liposuction, tummy tuck surgery and facial surgery. Acute appendicitis is the most common cause of acute abdomen. The appendectomy constitutes one of the most common surgery performed worldwide. Appendicitis has a high incidence among young white adult men. We report a case of acute appendicitis as a complication after liposuction, emphasizing such complication correlation with the surgical procedure. METHODS: We searched scientific data from June to December 2015 indexed in Medline/PubMed database related to complications in liposuction, especially cases associated with appendicitis. CONCLUSION: Postoperative complications are distressing for both patient and physician. The number of plastic surgeries is still rising and procedures are becoming more frequent, therefore, procedure-related facts should be further study. The development of predictive score of complications in plastic surgery would help surgeons to define preventive measures, take best choices and perform better discussion related to risks of the patient already in the postoperative period.

Keywords: Lipectomy; Postoperative complications; Appendicitis; Appendectomy; Reconstructive surgical procedures.

 

ARTIGO ESPECIAL

Temas controversos em Lipoaspiração: pesquisa de opinião nacional de membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (Update Liposuction Survey / SBCP)

Pericles Vitório Serafim Filho; Ana Claudia Benjamim Burattini; Hernanne Medina; Luciano Ornelas Chaves; Juan Carlos Montana Pedroso; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):303-307

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A lipoaspiração é o segundo procedimento cirúrgico estético mais realizado no mundo. Entretanto, muitas condutas envolvendo a lipoaspiração permanecem controversas. As pesquisas de opinião com especialistas podem elucidar quais áreas encontram-se sem consenso. O objetivo é realizar uma pesquisa de opinião com cirurgiões plásticos membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o Update Liposuction Survey (ULS/SBCP), a fim de esclarecer suas condutas em temas controversos em lipoaspiração. MÉTODOS: Um link para um questionário contendo 11 perguntas envolvendo a lipoaspiração (ULS/SBCP) foi enviado eletronicamente a todos os membros da SBCP. O e-mail foi enviado em três momentos e com a oferta de incentivos para promover maior taxa de resposta. RESULTADOS: Dos 4957 cirurgiões plásticos contatados, 917 responderam, resultando em uma taxa de resposta de 18,5%. Os resultados estão sendo analisados para posterior publicação na íntegra.

Palavras-chave: Lipectomia; Pesquisa; Avaliação de resultados (cuidados de saúde); Inquéritos e questionários; Análise estatística.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Liposuction is the second most commonly performed surgical procedure worldwide. However, many liposuction procedures are controversial. In this context, expert opinion surveys may help elucidate topics lacking consensus. The objective of this survey was to interview plastic surgeons who are members of the Brazilian Society of Plastic Surgery (Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica [SBCP]), the Update Liposuction Survey (ULS/SBCP), to assess their opinions about controversial topics in liposuction. METHODS: A link to a questionnaire containing 11 questions involving liposuction (ULS/SBCP) was sent electronically to all SBCP members. The email was sent in three instances and with the provision of incentives to promote a higher response rate. RESULTS: Of the 4,957 contacted plastic surgeons, 917 responded (response rate, 18.5%). The results are being analyzed for publication in full.

Keywords: Lipectomy; Research; Evaluation of results (health care); Surveys and questionnaires; Statistical analysis.

 

CARTA AO EDITOR

Fatores preditivos para infecção em pacientes queimados

Jefferson Lessa Soares de Macedo; Simone Corrêa Rosa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):308-309

PDF Português PDF Inglês Texto em Português Texto em Inglês

Patrocinadores

Indexadores