ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 20 de 459 resultado(s)

Busca por : Mamoplastia, Ex-obeso, Cirurgia plástica

Variação da técnica em

Márcio Pifano Soares Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(4):248-253 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: O autor apresenta uma variação da técnica em "L" preconizada por Ariê/Pitanguy para redução de volume e correção das ptoses mamárias. Método: O trabalho analisa 172 pacientes operadas utilizando a variação tática proposta pelo autor, no período compreendido entre janeiro de 1997 e abril de 2007. Resultados: A idade das pacientes situou-se entre 16 e 60 anos, o volume mamário ressecado foi entre 80 a 600g e apresenta uma casuística de 4,1% de complicações. Conclusão: O autor acredita que esta variação técnica proporciona um bom resultado do ponto de vista estético, com cicatriz bastante reduzida. Baseado em uma experiência de 10 anos, tem utilizado esta manobra tática em 60% dos casos de mamaplastia redutora e/ou mastopexia.

Palavras-chave: Mamoplastia/métodos. Mama/cirurgia. Cirurgia plástica/métodos.

 

ABSTRACT

Introduction: The author presents a variation of the "L" technique preconized by Ariê/Pitanguy for reduction of volume and mammary ptosis correction. Method: This study analyses 172 patients operated by the tactic variation shown by the author, in the period between January of 1997 and April of 2007. Results: The patients age was between 16 and 60 years old. The volume resection of tissue was 80 through 600g. A rate of 4.1% of complication was found. Conclusion: This paper describes that the technique variation had led to a good aesthetic result, with a very short scar. The author, based on an experience of ten years, has used this technique in 60% of all cases of mammary reduction and mastopexy.

Keywords: Mammaplasty/methods. Breast/surgery. Surgery, plastic/methods.

 

Conduta Pessoal em Mamaplastia Redutora

Evaldo A. D'Assumpção
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(3):131-141 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

O autor mostra sua evolução no tratamento das hipertrofias mamárias, propondo um programa de duas técnicas para esse desiderato. Para as grandes hipertrofias com ptose e flacidez, onde haverá pouca possibilidade de retração cutânea, indica uma cirurgia em T invertido, por ele estabelecida a partir da técnica de Skoog. Para hipertrofias médias e pequenas, onde a pele tenha boa elasticidade, indica uma cirurgia com cicatriz final em L, porém com amplas ressecções subcutâneas, proporcionando reduções satisfatórias, sem a cicatriz medial mais visível. Apresenta detalhes e resultados das duas técnicas, tomando como referência seus últimos 200 casos operados.

Palavras-chave: Mamoplastia, métodos. Mama, cirurgia. Cirurgia plástica

 

ABSTRACT

The author presents his evolution in the treatment of breast hypertrophy, proposing a program of two techniques for this desideratum. For the great hypertrophies with ptosis and flacity, where there will be little possibility of cutaneous retraction, he indicates a surgery in inverted T, described by him from the Skoog technique. And, for medium and small hypertrophies, where the skin has a good elasticity, he indicates a surgery with final scar in L, however with wide subcutaneous resections, providing satisfactory reductions, without the more visible medial scar. He presents his two techniques, and results, based in the last 200 patients operated.

Keywords: Mammaplasty, methods. Breast, surgery. Surgery, plastic

 

Abordagem do segmento superior do corpo em pacientes ex-obesos com cirurgia única: toracobraquio-mamoplastia

Isaac Rocha Furtado; Russen Moreira Conrado; José Dalvo Maia Neto
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(1):18-23 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO Os pacientes ex-obesos necessitam de uma abordagem complexa, diante do grande excesso de pele decorrente da perda ponderal. Em alguns casos, muitas cirurgias plásticas são necessárias, não havendo uma padronização na associação destas cirurgias. No segmento superior do corpo, a região dos braços, a lateral do tórax e as mamas normalmente são acometidas, principalmente nas mulheres. Diversas técnicas foram desenvolvidas com o objetivo de alcançar resultados melhores e com cicatrizes mais escondidas. Algumas técnicas podem ser associadas, sendo realizadas em um único tempo cirúrgico. Quando a equipe é bem estruturada, o tempo cirúrgico é reduzido, significando mais segurança para o paciente. MÉTODO: Os autores apresentam uma técnica que oferece padronização no tratamento do ex-obeso, que é realizada em tempo único: a Mamoplastia (pela técnica de Pitanguy ou com aposição de prótese mamária), a Toracoplastia (com a retirada do excesso de pele na lateral do tórax) e a Braquioplastia (realizada com um desenho retilíneo na parte mais inferior dos braços). RESULTADOS: Os sete casos foram avaliados quanto ao tempo cirúrgico, à localização das cicatrizes, à forma final e à simetria. Entre as complicações, houve deiscências parciais (14%) e cicatrizes hipertróficas (14%). O resultado estético foi satisfatório para os pacientes em 84% dos casos, sendo que a qualidade da cicatrização do paciente, queloide ou cicatrizes hipercrômicas, foi a maior causa de insatisfação. CONCLUSÃO: A utilização da técnica de Toracobraquio-mamoplastia em um único tempo se mostrou efetiva no tratamento do ex-obeso, oferecendo mais uma opção, diante das outras cirurgias que estes pacientes normalmente necessitam.

Palavras-chave: Mamoplastia; Braquioplastia; Toracoplastia; Cirurgia plástica em ex-obeso.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION Ex-obese patients require a complex surgical approach because of the large amount of excess skin due to their massive weight loss. In some cases, several plastic surgeries are needed, and there is no existing standard in the coordination of these surgeries. In the upper segment of the body, the arms, side of the thorax, and breasts are usually affected, mainly in women. Several techniques have been developed with the aim of achieving better results with better hidden scars. Some techniques may be associated, being carried out in a single surgical procedure. A well-structured surgical team leads to a reduced surgical time, which means higher safety for the patient. METHOD: We present a technique for standardization in the treatment of ex-obese patients that is performed in a single step, comprising mammoplasty (according to Pitanguy's technique or with placement of breast prosthesis), thoracoplasty (with the removal of excess skin on the side of the chest), and brachioplasty (performed with a rectilinear drawing at the lowest part of the arms). RESULTS: Seven cases were evaluated in terms of surgical time, location of the scars, and final shape and symmetry. The complications included partial dehiscence (14%) and hypertrophic scars (14%). The aesthetic result was satisfactory for 84% of the patients; on the other hand, the quality of cicatrization, keloid, and hypertrophic scars were the major causes of dissatisfaction. CONCLUSION: The use of the thoracobrachio-mammoplasty technique in a single surgical time was effective in the treatment of ex-obese patients, offering yet another option among other surgeries that these patients usually need.

Keywords: Mammoplasty; Brachioplasty; Thoracoplasty; Plastic surgery in ex-obese.

 

Sistematização e conduta do serviço de cirurgia plástica do hospital geral de goiânia em mamoplastia pós perda ponderal nos últimos dez anos

Roberto Kaluf; Wander Alves Mendes; Waldivino Guimarães Filho; Bruno Granieri de Oliveira Araújo; Yuri Augusto Vieira Borges; Larissa Ribeiro Teixeira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(4):544-548 - Artigo de Revisão

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Com o aumento dos índices de obesidade populacional ocorreu um crescimento do número de pacientes ex-obesos, e de cirurgias plásticas nesta população. OBJETIVOS: Apresentar a sistematização e conduta adotada nos pacientes submetidos a mamoplastia, após grande perda ponderal, operados no Hospital Geral de Goiânia (HGG) nos últimos 10 anos, bem como avaliar os resultados obtidos. Método: Foi realizado um estudo retrospectivo dos casos de mamoplastia após grande perda ponderal, operados no Serviço de Cirurgia Plástica do HGG, de janeiro de 2002 a dezembro de 2011. As pacientes foram analisadas individualmente no pré-operatório e submetidas à classificação de Kaluf, para dismorfias mamárias após grande emagrecimento. A técnica operatória variou em função da classificação do tipo de mama. RESULTADOS: A casuística totalizou 73 pacientes, do sexo feminino, com faixa etária média de 44 anos, e perda ponderal média de 48 Kg. Em 41 pacientes (56,16%) foi utilizada a técnica com inclusão de próteses, e em 32 (43,83%) optou-se por não incluir os implantes de silicone. As complicações ocorreram em oito pacientes (10,95%), sendo um caso de hematoma (1,36%), dois casos de sofrimento parcial do complexo aréolo-mamilar (2,73%), cinco casos de pequenas deiscências de sutura ou retardo de cicatrização (6,84%) e um caso de ptose de mama no pós-operatório imediato (1,36%). CONCLUSÃO: Devido à grande variação de dismorfismos em pacientes emagrecidos, em especial as alterações mamárias, notamos que se torna necessário o estabelecimento de protocolos e rotinas para avaliações e tratamentos eficazes, com a menor morbimortalidade possível, associados aos melhores resultados estéticos.

Palavras-chave: Mamoplastia, Ex-obeso, Cirurgia plástica

 

ABSTRACT

BACKGROUND: With the increase of the population obesity indices occurred a growth of the numbers of ex-obese patients and aesthetic/reconstructive plastic surgery in this population. Objectives: To present a systematic approach adopted in patients undergoing breast surgery after massive weight loss at Hospital Geral de Goiânia (HGG) in the last 10 years, and assess the results. METHOD: We conducted a retrospective study of cases of breast surgery after massive weight loss in the Department of Plastic Surgery of HGG, from January 2002 to December 2011. The patients were individually analyzed preoperatively and submitted to the classification of Kaluf to breast dysmorphism after major weight loss. The operative technique varied depending on the classification of the type of breast. RESULTS: The sample totaled 73 female patients, with mean age of 44 years and mean weight loss of 48 kg. In 41 patients (56.16%) was used the technique with inclusion of prostheses and in 32 (43.83 %) chose to not include silicone implants. Complications occurred in eight patients (10.95%), one case of hematoma (1.36%), two cases of suffering partial nipple-areola complex (2.73%), five cases of small suture dehiscence or delayed healing (6.84%) and one case of breast ptosis in the immediate postoperative period (1.36%). CONCLUSION: Due to the wide range of dimorphisms in emaciated patients, in particular changes in their breasts, we note that it is necessary to establish protocols and routines for effective assessment and treatment, with the least possible morbidity, associated with better cosmetic results.

Keywords: Mammoplasty, Ex-obese, Plastic surgery

 

Análise retrospectiva da casuística pessoal em mamoplastia redutora utilizando a técnica de pedículo inferior em suas diferentes indicações

Leonardo Dalo de Oliveira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(3):321-327 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Cirurgia de redução de mama tem sido amplamente discutida a partir dos princípios de suas diferentes técnicas utilizadas neste processo. A busca da estética associada a procedimentos cirúrgicos que causem menos cicatrizes inestéticas tem promovido a busca de métodos alternativos de mama redução. O objetivo do presente estudo é realizar uma revisão bibliográfica desta técnica, apresentar minha casuística particular em mamoplastia redutora utilizando a técnica de pedículo inferior comparada à literatura mundial. MÉTODOS: Descreve a abordagem cirúrgica do estudo com 60 pacientes relatando a experiência e os resultados da mamoplastia redutora pela técnica de pedículo inferior. As pacientes foram acompanhadas no consultório a cada 15, 30, 60 dias, 3 meses, 6 meses e 1 ano. RESULTADOS: No pós-operatório algumas complicações sem repercussão no resultado final: perda parcial de sensibilidade do complexo aréolo-papilar, necrose parcial de aréola, hematomas, necrose gordurosa, deiscência de sutura. CONCLUSÕES: A utilização da técnica de mamoplastia redutora com pedículo inferior areolado na minha casuística pessoal mostrou estar próxima da literatura mundial quanto às complicações e resultado estético. A técnica apresenta adequada manutenção da sensibilidade e vascularização do complexo aréolo-mamilar e baixos índices de complicações, podendo ser também empregada em mamas de médias hipertrofias e nas mastopexias e associada a prótese de silicone.

Palavras-chave: Mamoplastia; Cirurgia plástica; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Breast reduction surgery has been widely discussed, as different techniques are used to perform this procedure. The pursuit for aesthetics combined with surgical procedures that cause less unsightly scars promoted the development of alternative methods for breast reduction. The aim of this study was to conduct a bibliographic review of this technique, and present a personal casuistry regarding reduction mammoplasty using the inferior pedicle technique and compare it with those in the existing literature. METHODS: This study describes the surgical approach used in 60 patients, their experience, and the results obtained with reduction mammoplasty performed with the inferior pedicle technique. The patients were followed up in outpatient settings at 15, 30, and 60 days; 3 months; 6 months; and 1 year. RESULTS: Some complications occurred in the postoperative period but did not impair the final results. These include partial loss of sensitivity of the nipple-areolar complex, partial necrosis of the areola, hematomas, fat necrosis, and suture dehiscence. CONCLUSIONS: The results obtained by using the inferior areolar complex in reduction mammoplasty proved, in my personal casuistry, to be similar to those found in the existing literature, with regard to complications and aesthetic outcomes. With this technique, the sensitivity and vascularization of the nipple-areola complex can be properly maintained, thus resulting in low complication rates. Moreover, it can also be used in medium-breast hypertrophy, mastopexy procedures, and silicone implant placement.

Keywords: Mammoplasty; Plastic surgery; Reconstructive surgical procedures.

 

Mamoplastia redutora pela técnica de pedículo inferior: estudo descritivo

Elson Taveira Adorno Filho; Kleder Gomes de Almeida; Alcides Martins Arruda; Aline Souza Kracik; Gustavo de Sousa Marques Oliveira; Gabriel Rahal Costa; Liva Helena Ferreira Tuluche
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):525-530 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A mamoplastia redutora utilizando pedículo inferior incluindo complexo aréolopapilar é muito utilizada na América do Norte, mas pouco difundida no Brasil. Sua principal vantagem é a utilização em grandes ptoses mamárias, mantendo a sensibilidade da aréola. OBJETIVO: O objetivo é descrever as características pré e pós-operatórias de pacientes submetidos a mamoplastia redutora pela técnica do pedículo inferior areolado na Santa Casa de Campo Grande - MS em 2013. MÉTODO: Entrevista, exame físico e dados de prontuário das pacientes operadas por esta técnica nessa instituição no ano de 2013. RESULTADOS: Foram avaliadas 40 pacientes, sendo que a idade variou de 21 a 68 anos, com média de 40,62 anos. As comorbidades relatadas foram hipertensão arterial sistêmica, diabetes, retocolite ulcerativa, hérnia de disco e distúrbio de ansiedade. O peso médio de tecido mamário ressecado foi 600,6g na mama direita e 609,6g na mama esquerda. Dentre as queixas pré-operatória, a mais comum foi a lombalgia, seguida por dor nos ombros. As mais frequentes complicações no pós-operatório recente foram a deiscência do ponto médio da vertente (10%) e o hematoma (5%).O tipo de Anestesia predominante foi a anestesia geral. Todas as pacientes apresentaram displasias benignas da mama nos histopatológicos de pós-operatórios. CONCLUSÃO: A técnica do pedículo inferior areolado mostrou-se adequada para o tratamento de grandes hipertrofias e ptoses mamárias.

Palavras-chave: Mama; Cirurgia plástica; Mamoplastia redutora; Irrigação sanguínea.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Reduction mammaplasty with the inferior pedicle nipple-areolar technique is widely used in North America but not in Brazil. Its main advantage lies in maintaining the sensitivity of the areola in large mammary ptoses. To describe the preoperative and postoperative characteristics of patients who underwent reduction mammaplasty with the inferior pedicle nipple-areolar technique at the Santa Casa de Campo Grande - MS in 2013. METHOD: We performed interview, physical examination, and review of medical records of patients operated by using this technique at this institution in 2013. RESULTS: Forty patients were evaluated. Their ages ranged from 21 to 68 years, with a mean of 40.62 years. The comorbidities reported were hypertension, diabetes, ulcerative colitis, disc herniation, and anxiety disorder. The average weight of resected tissue was 600.6 g from the right breast and 609.6 g from the left breast. The most common presurgery complaint was low back pain, followed by shoulder pain. The most frequent complications in the early postoperative phase were dehiscence of the mid-point of the strand (10%) and hematoma (5%). The predominant type of anesthesia was general anesthesia. All patients showed benign breast dysplasia in the postoperative histopathological examination. CONCLUSION: The inferior pedicle nipple-areolar technique was adequate for the treatment of major hypertrophies and mammary ptoses.

Keywords: Breast cancer; Plastic surgery; Reduction mammaplasty; Blood irrigation.

 

Tratamento cirúrgico da ptose mamária

JOSÉ HUMBERTO CAMPOS; LAURO EDUARDO VIANA CAMPOS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.3):22-24 - Artigos

PDF Português

RESUMO

Introdução: Atualmente a mamoplastia vem ocupando posição de destaque dentro da cirurgia plástica, tanto pelo elevado número de operações quanto pela constante evolução de suas técnicas, dentre as quais estão as cirurgias para correção da ptose mamária ou mastopexias. Diversas são as causas que podem precipitar e levar à queda dos seios, tendo como principais: o envelhecimento, a gravidez e o rápido emagrecimento. Tais processos interferem diretamente nos meios de sustentação da pele e acabam gerando a descida do mamilo, além do sulco submamário, caracterizando a ptose e gerando grande insatisfação estética feminina, já que esta sofre grande pressão por parte de uma sociedade de culto à beleza e, principalmente, pelos seios representarem o símbolo máximo de feminilidade para a mulher. E dentro desse contexto é que as cirurgias de mastopexia tem crescido, a fim de corrigir os defeitos estéticos da queda, flacidez de pele e baixa projeção da mama; e, recriar a forma, simetria e posição correta das mamas, devolvendo-lhes a harmonia e beleza novamente.
Objetivos: Descrever os tratamentos cirúrgicos mais utilizados para correção da ptose mamária.
Método: Revisão sistemática da literatura acerca dos tratamentos para correção da ptose mamária, por parte de dois autores, de forma independente (LEVC e JHOC), utilizando as bases de dados LILACS, SciELO e Medline, entre os meses de março a outubro de 2013, onde foram incluídos trabalhos publicados entre 2002 e 2012, nos idiomas inglês e português e tendo sido excluídos trabalhos em que a correção da ptose fosse realizada em paciente cujas particularidades físicas fossem suficientes para imprimir ampla mudança na técnica cirúrgica.
Resultados: Os tratamentos cirúrgicos mais utilizados encontrados foram: a técnica periareolar, utilizada na correção de pequenas ptoses em mamas de menor tamanho e gerando cicatrizes mínimas; a técnica com cicatriz vertical, para ptoses de grau intermediário em mamas mais volumosas e gerando cicatriz em forma de "I"; as técnicas com cicatriz em T e em L, a primeira para ptoses de grau intermediário a severo em mamas com maior volume e deixando cicatriz mais evidente, e a segunda com a mesma indicação e menor cicatriz; e, por fim, as cirurgias que associam a mastopexia à colocação de prótese de silicone, gerando menor retirada de pele e aumento de projeção mamária.
Conclusão: As principais técnicas para correção da ptose mamária são: a técnica periareolar, para pequenas ptoses; a técnica vertical, para ptoses de grau intermediário; a técnica em L e em T para ptoses maiores; e, também a associação dessas técnicas com a colocação de próteses mamárias, a fim de evitar e/ou reduzir a retirada de pele e ao mesmo tempo gerar aumento de volume dos seios.

Palavras-chave: Mama; Mamoplastia; Cirurgia Plástica; Implante Mamário

 

Mamoplastia ligamentar

João Evaristo Puzzi Bono
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(3):192-199 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: Este trabalho apresenta a possibilidade de tratamento cirúrgico das alterações de posicionamento mamário nos sentidos ântero-posterior, crânio-caudal e látero-medial. Método: A técnica utilizada baseia-se na correção das estruturas ligamentares que são a base da fixação, sustentação e estática de todo o conjunto mamário, ou seja, a cápsula mamária (ligamento de Giraldés) e seus prolongamentos (ligamentos de Cooper). Para o tratamento das estruturas ligamentares e aréolas é realizado primariamente a ressecção do excesso de pele areolar, peri-areolar e infra-areolar, nas porções epidérmicas e parcialmente dérmicas, baseado no excedente de pele preexistente nestas regiões, associado ao excedente provocado após o reposicionamento adequado das estruturas ligamentares. Conclusão: Esta técnica é pouco traumática aos tecidos mamários glandulares e gordurosos, não acarreta alterações funcionais e/ou sensitivas, tem baixa complexidade, facilidade e rapidez na execução, podendo ser realizada ambulatorialmente, com anestesia local associada à sedação, aliada a resultados estéticos satisfatórios.

Palavras-chave: Mama/cirurgia. Mamoplastia. Mastopexia. Cirurgia plástica/métodos.

 

ABSTRACT

Introduction: The purpose of this paper is to present a technique for the surgical treatment of the changes in breast positioning, either in the anteroposterior, cephalocaudal or mediolateral directions. Methods: This surgical technique mainly consists of strengthening the ligaments, including the breast capsule (Giraldés's ligament) and its attachments (Cooper's ligaments), which are responsible for supporting and suspending the breast. For that purpose, it is necessary to resect the excess areolar, periareolar and infraerolar skin, both on epidermic and partially dermic levels, as observed before surgery. After the proper repositioning of the ligaments, we then proceed to the resection of the remaining measured excess of skin in these areas. Conclusion: This technique is less traumatic to the mammary gland and the fat tissue, and produces good aesthetic results with no functional or sensibility changes. It can be easily and quickly performed, even in ambulatory surgery, using local anesthesia and sedation.

Keywords: Breast/surgery. Mammaplasty. Mastopexy. Surgery, plastic/methods.

 

Mastoplastia em L - Chiari: variações táticas

Roberto Luiz Sodré
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(3):315-320 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

A cirurgia plástica das mamas para correção de hipertrofia e ptose mamárias tem evoluído ao longo do tempo, buscando resultados seguros e estéticos, com cicatrizes cada vez mais reduzidas. A mastoplastia em L na técnica de Chiari Júnior engloba tais objetivos, com mínimas complicações. A experiência iniciada em 1997 levou o autor a aprimorar os resultados e assim utilizar táticas apropriadas para montagem do tecido mamário nos casos de redução e pexia. Desta forma, consegue-se obter mamas com melhor projeção e consistência mais firme, satisfazendo o desejo do cirurgião e da paciente.

Palavras-chave: Mamoplastia. Cirurgia plástica. Mama/cirurgia.

 

ABSTRACT

The mammary plastic surgery for correction of hipertrophic and ptotic breasts has evolved, searching resulted safe and aesthetic, with reduced scars each time more. The Chiari L-shaped mammaplasty get such objectives with minimum complications. The experience initiated in 1997 in the technique of Chiari Jr. has vained to continue and to improve the results and use tatics to suture glandular tissue in cases of reduction and pexy. So get better projection and firmer consistency, satisfying the desire of the surgeon and the patient.

Keywords: Mammaplasty. Surgery, plastic. Breast/surgery.

 

Mamoplastia redutora com pedículo medial: modificação na técnica de Skoog

Lenise Maria Spadoni Pacheco, Antonio Trindade Pacheco, Katia Torres Batista
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(3):321-327 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

Introdução: A mamoplastia redutora oferece a solução para correção de problemas funcionais e estéticos ocasionados por mamas volumosas e/ou ptosadas. As técnicas apresentadas na literatura têm diferentes opções de pedículos vasculares, visando principamente a manutenção da sensibilidade do complexo aréolo-papilar. Objetivo: Relatar a experiência com a mamoplastia redutora de pedículo medial, uma modificação na técnica de Skoog com o uso do pedículo lateral. Método: Descreveu-se a técnica e avaliou-se os resultados de 87 casos operados, quanto a idade, grau de hipertrofia mamária, satisfação das pacientes, e complicações. Resultados: No período de 2001 a 2006, foram operados 87 pacientes do sexo feminino, com idade entre 19 e 68 anos, devido a ptose, hipertrofia, gigantomastia e/ou assimetria. Foram anotadas 23 intercorrências e 62 pacientes demonstraram-se satisfeitas com o procedimento cirúrgico. Conclusão: Pode-se constatar que o pedículo areolar medial foi adequado para a realização da mamoplastia e elevação da aréola, tanto quanto o pedículo lateral, como foi descrito na térnica de Skoog. Embora tenham sido observadas complicações quanto a cicatrizes, foi possível resultados satisfatórios em 62% dos casos e redução dos sintomas em 80% dos casos.

Palavras-chave: Mamoplastia. Cirurgia plástica. Mama/cirurgia.

 

ABSTRACT

Introduction: Mammaplasty reduction offers a solution to correct aesthetic and functional problems caused by large breasts and/or ptosis. The techniques have described different options for vascular pedicle for to keep the sensitivity of the papillary-areolar complex. Objective: We describe the experience with the medial pedicle reduction mammaplasty as Skoog modified technique. Methods: We evaluates the results of 87 operated cases, in age, breast hypertrophy, satisfaction, and complications. Results: Between 2001 to 2006, we operated 87 female patients, aged 19 to 68 years due to ptosis, hypertrophy, large breasts or asymmetry. We recorded 23 complications and 62 patients were satisfied with the surgical procedure. Conclusion: It is evident that the medial areolar pedicle was adequate to perform the mammaplasty and areola lifting, as much as the lateral pedicle as described by Skoog. Although it has seen complications as the scars was possible we observed satisfactory results in 62% and reduction of symptoms in 80% of cases.

Keywords: Mammaplasty. Surgery, plastic. Breast/surgery.

 

Cirurgia plástica pós-gastroplastia: perfil das deficiências nutricionais com implicações na cicatrização

Igor Chaves Gomes Luna; Ernando Luis Ferraz Cavalcanti; Ivo Vieira Salgado; David Silveira Farias de Melo; Ana Luiza Melo C. de Almeida; Rui Manoel R. Pereira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):557-561 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Os cirurgiões plásticos têm recebido em seus consultórios e ambulatórios um número cada vez maior de pacientes com queixa de deformidade do contorno corporal após maciças perdas ponderais secundárias a cirurgias bariátricas. Todavia, em função das restrições alimentares e disabsorções cirúrgicas, são frequentes complicações metabólicas e distúrbios nutricionais no pós-operatório tardio das gastroplastias. O objetivo deste estudo é detectar a prevalência dos principais distúrbios nutricionais relacionados à cicatrização em pacientes de ambulatório especializado em cirurgia plástica do paciente pós-gastroplastia. MÉTODO: é um estudo observacional, transversal e descritivo, em que os pacientes foram avaliados clinicamente e através de protocolo laboratorial. RESULTADOS: foram avaliados 32 pacientes com gastroplastia há pelo menos dois anos e estabilidade ponderal há no mínimo seis meses. Os principais distúrbios detectados foram: anemia (56% dos pacientes), com carências na bioquímica do ferro (31,2%) e da vitamina B12 (25%), bem como deficiências dos íons zinco (18,7%) e cobre (3,1%). Houve carências discretas no perfil proteico e ausência de déficits na bioquímica básica e lipidograma. CONCLUSÃO: é dever do cirurgião plástico conhecer a fundo a prevalência dos principais distúrbios nutricionais relacionados à cicatrização na população de pacientes pós-gastroplastia no sentido de corrigir eventuais carências e prevenir complicações. Sabe-se, contudo, que ainda são necessários mais estudos para correlacionar qualquer deficiência alimentar às intercorrências observadas no pós-operatório deste grupo de pacientes.

Palavras-chave: Gastroplastia; Ex-obeso; Cirurgia bariátrica; Cirurgia plástica.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Plastic surgeons have received in their outpatient clinics an increasing number of patients complaining of body contour defects due to the massive weight loss after a bariatric surgery. However, owing to dietary restrictions and surgical desorption, metabolic complications and nutritional disorders are commonly observed in the late postoperative period after gastroplasty. The aim of this study was to determine the prevalence of major nutritional disorders related to healing in patients at a specialized outpatient plastic surgery clinic who underwent gastroplasty. METHOD: This is an observational, transversal, and descriptive study, in which a laboratory protocol was used to clinically evaluate and assess the patients. RESULTS: Thirty-two patients who underwent gastroplasty at least 2 years previously with weight stability for at least 6 months were evaluated. The major disorders identified included anemia (56% of patients) and deficiency in iron (31.2%), vitamin B12 (25%), zinc ions (18.7%), and copper (3.1%). Mild deficiencies in the protein profile were also observed; however, no deficiencies in basic and lipid biochemistry were noted. CONCLUSION: The plastic surgeon should have an in-depth knowledge about the prevalence of the major nutritional disorders related to healing in postbariatric patients, to allow correction of possible deficiencies and prevention of complications. However, more studies would be required to correlate any dietary deficiency to the complications observed in the postoperative period in this group of patients.

Keywords: Gastroplasty; Ex-obese; Bariatric surgery; Plastic surgery.

 

Correção da hipoplasia de polo inferior da mama

Victor Vieira Orsi; Gustavo Levacov Berlim; Carlos Eduardo Ochoa Tagliari; Diego Ilha Thomasi; Pedro Bilibio Westphalen; João Valter Pires Junior
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(2):260-263 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: As mamas com hipoplasia de polo inferior apresentam aspecto desarmônico, com o sulco inframamário alto, predominância de volume glandular nos quadrantes superiores, e, consequentemente, direcionamento inferior do complexo areolopapilar. É meta desejável, nesses casos, a correção da forma desarmônica das mamas, bem como de eventuais assimetrias, com cicatrizes mínimas ou inconspícuas. O objetivo deste trabalho é apresentar técnica cirúrgica para correção de hipoplasia de polo inferior da mama. MÉTODO: A técnica cirúrgica utilizou retalho interno rodado para reconfigurar a mama e reposicionar o sulco inframamário, tendo como vias de acesso cirúrgico tão somente as cicatrizes por onde se colocam as próteses. RESULTADOS: A técnica descrita foi utilizada em 4 pacientes com hipoplasia de polo inferior de mama, com idades variando entre 19 anos e 27 anos. Os resultados demonstram que a correção da deformidade mamária foi alcançada adequadamente, bem como o reposicionamento do sulco inframamário, sem provocar irregularidades no contorno inferior da mama. CONCLUSÕES: A técnica proposta é uma alternativa adequada para o tratamento de casos selecionados de deformidade mamária com hipoplasia de polo inferior.

Palavras-chave: Mama/cirurgia. Mamoplastia. Cirurgia plástica/métodos.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Breasts with inferior pole hypoplasia have a disharmonious appearance owing to a high inframammary fold and the prevalence of glandular volume in the upper quadrants that results in a lower inclination of the nipple-areola complex. In these patients, the goal is to correct the disharmonious shape of their breasts and possible asymmetries while causing minimal or inconspicuous scars. The aim of this study was to present a surgical technique to correct breast inferior pole hypoplasia. METHODS: The surgical technique involved a rotated internal flap to reshape the breast and relocate the inframammary fold, a result achieved using only the scores where the implants would be positioned as surgical access routes. RESULTS: The procedure described here was used in four patients aged 19-27 years with breast inferior pole hypoplasia. The results demonstrate that the correction of breast deformities was properly achieved, and the inframammary fold was repositioned without any irregularities in the inferior breast contour. CONCLUSIONS: The technique proposed here is a suitable alternative for the treatment of selected cases of breast deformities with hypoplasia of the inferior pole.

Keywords: Breast/surgery. Mammaplasty. Plastic surgery/methods.

 

Tratamento de mamas tuberosas com incisões combinadas

Manoel Pereira Silva Neto; Luciana Rodrigues da Cunha Colombo; Diego de Paiva Silva; Paulo Magno Santos Guimarães; Cynthia Ottaiano Rodrigues Almeida; Adriano Peduti Batista; Luiz Humberto Toyoso Chaem; Marco Túlio Rodrigues da Cunha
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(3):421-427 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A deformidade tuberosa da mama é uma rara entidade, descrita por Rees e Aston em 1976. O desenvolvimento mamário encontra-se alterado, com herniação do parênquima pelo complexo areolopapilar, alargamento dessa estrutura e hipoplasia do tecido mamário, principalmente nos quadrantes inferiores. A mama, portanto, adquire um aspecto tubular ao invés do aspecto cônico natural. MÉTODO: No total, 4 pacientes foram submetidas a tratamento cirúrgico em um único tempo, com incisões combinadas: inframamária e periareolar. Detalhes técnicos devem ser individualizados para cada caso, conforme a gravidade e a classificação do tipo de mama tuberosa. RESULTADOS: O procedimento cirúrgico utilizado aborda todos os aspectos da deformidade da mama tuberosa em operação de um estágio. Cirurgia de revisão de cicatriz periareolar não foi necessária em nenhum caso. Em todos os casos, obteve-se resultado estético final aceitável e com satisfação da paciente e do cirurgião. O procedimento adotado não interfere em lactações futuras. CONCLUSÕES: A mama tuberosa representa um verdadeiro desafio terapêutico. A técnica utilizada é muito atraente e mostra resultados confiáveis e reprodutíveis.

Palavras-chave: Mama/cirurgia. Mamoplastia. Cirurgia plástica/métodos.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Tuberous breast deformity is a rare entity, first described by Rees and Aston in 1976. In this condition, breast development is altered, with herniation of the parenchyma through the nipple-areolar complex, enlargement of this structure, and hypoplasia of the breast tissue, especially in the lower quadrants. The breast thus acquires a tubular shape rather than the natural conical look. METHODS: Four patients underwent a single surgical treatment, with combined inframammary and periareolar incisions. Technical details must be individualized for each case depending on the severity and classification type of the tuberous breasts. RESULTS: The surgical procedure used covers all aspects of tuberous breast deformity in a single-stage operation. Revision of periareolar surgery scar was not necessary in any case. In all cases, the final aesthetic result was satisfactory for the patient and the surgeon. The procedure adopted does not interfere with future lactation. CONCLUSIONS: Tuberous breast represents a real therapeutic challenge. The technique reported herein is very attractive and provides reliable and reproducible results.

Keywords: Breast/surgery. Mammaplasty. Plastic surgery/methods.

 

Avaliação de técnica de mastoplastia redutora com cicatriz em

João Batista Portocarrero Costa Sobrinho; Marcelo Lima Portocarrero; Mariana Lima Portocarrero; José Humberto Oliveira Campos
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(4):562-568 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A preocupação com o aspecto das cicatrizes nas mastoplastias levou diversos cirurgiões a explorar técnicas com cicatrizes reduzidas, preferencialmente nas mastopexias não-redutoras. O objetivo deste estudo é avaliar uma técnica de mastoplastia redutora com cicatriz em "L" nas hipertrofias mamárias grau II ou maiores pela classificação de Berrocal Revueltas. MÉTODO: Foi realizado estudo descritivo e retrospectivo, com 70 pacientes submetidas a mastoplastia redutora com cicatriz em "L", entre abril de 2007 e março de 2011. Foram incluídas pacientes portadoras de hipertrofia mamária graus 2, 3 e gigantomastia, pela classificação de Berrocal Revueltas. A técnica cirúrgica preconizou a marcação de pele em dois tempos, no início da cirurgia e no intraoperatório, após formação do novo cone mamário. Foram avaliadas as complicações encontradas. A qualidade dos resultados foi avaliada por 4 membros titulares da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. A análise estatística foi realizada com auxílio do programa SPSS. RESULTADOS: A média de idade das pacientes foi de 32,9 anos e 62,9% apresentavam sobrepeso. A média de peso do tecido ressecado foi de 718,7 g na mama direita, e de 713,5 g na mama esquerda. Foi evidenciada taxa de 1,4% de hematoma, 2,9% de seroma, 1,4% de epidermólise, 1,4% de queloide, 2,9% de cicatriz hipertrófica e 5,7% de excesso de pele, sendo a taxa de reabordagem cirúrgica de 8,6%. Os avaliadores consideraram forma, simetria, ascensão do complexo areolopapilar e cicatriz das mamas muito boa (9 a 10) em 78,6%, 82,1%, 96,4% e 67,9% dos casos, respectivamente. CONCLUSÕES: A mastoplastia redutora com cicatriz em "L" se mostrou eficaz para o tratamento das grandes hipertrofias mamárias.

Palavras-chave: Mamoplastia. Cirurgia plástica. Mama/cirurgia.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Many surgeons have attempted to develop techniques to reduce the scarring resulting from mastoplasty, particularly in cases undergoing nonreducing mastopexy. The aim of this study was to evaluate an L-shaped scar-reducing mastoplasty technique used for grade II or higher mammary hypertrophies, according to the rating system of Berrocal Revueltas. METHODS: We conducted a retrospective study of 70 patients who underwent L-shaped scar-reducing mastoplasty between April 2007 and March 2011. We included patients with Berrocal Revueltas grades II and III breast hypertrophy and gigantomastia. The surgical technique involved marking of the skin both at the beginning of surgery as well as during the surgery after the formation of the new breast cone. We evaluated the complications encountered. The quality of the results was assessed by 4 full members of the Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (Brazilian Society of Plastic Surgery). Statistical analysis was performed using SPSS. RESULTS: The mean patient age was 32.9 years and 62.9% of patients were overweight. The average weight of resected tissue was 718.7 g in the right breast and 713.5 g in the left breast. Among the patients, hematoma (1.4%), seroma (2.9%), epidermolysis (1.4%), keloids (1.4%), hypertrophic scar (2.9%), and excess skin (5.7%) were noted, and the surgical reoperation rate was 8.6%. The evaluators assessed breast shape, breast symmetry, elevation of the nipple-areola complex, and scar appearance, which were considered very good (rating of 9-10) in 78.6%, 82.1%, 96.4%, and 67.9% of cases, respectively. CONCLUSIONS: The L-shaped scar-reducing mastoplasty technique was effective for the treatment of large breast hypertrophy.

Keywords: Mammaplasty. Surgery, plastic. Breast/surgery.

 

Tratamento das gigantomastias

Fernando Sanfelice André; Ana Carolina Chociai
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(4):657-662 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

Apresentamos a conduta adotada para o tratamento de 200 pacientes portadoras de gigantomastia. As técnicas e táticas cirúrgicas utilizadas e os resultados obtidos são discutidos.

Palavras-chave: Mama/cirurgia. Mamoplastia. Cirurgia Plástica.

 

ABSTRACT

We presented our conduct for the treatment of 200 patients with gigantomasty, our techniques, tactical surgeries and results, for this mammary pathology.

Keywords: Breast/surgery. Mammaplasty. Plastic surgery.

 

Mastoplastia com marcação única: uma abordagem pessoal

Salustiano Gomes de Pinho Pessoa, Iana Silva Dias, Lucas Machado Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(4):509-520 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

Introdução: A retirada da mama masculina e feminina para tratamentos diversos é descrita desde a antiguidade. Metas a serem atingidas com a abordagem: 1. Ter o aprendizado fácil e seguro, 2. Ter perda sanguínea mínima, 3. Ser rápida, 4. Minimizar as cicatrizes, 5. Ter resultados reprodutíveis e previsíveis, 6. Permitir que se utilizem diversas técnicas cirúrgicas. Método: Foram realizadas 723 mastoplastias no Serviço de Cirurgia Plástica e Microcirurgia Reconstrutiva do Hospital Universitário Walter Cantídio da Universidade Federal do Ceará e no São Lucas Hospital de Cirurgia e Anestesia, para redução, correção de ptose e aumento com a abordagem pessoal marcação única com régua de pessoa. Resultados: Foram operados 723 pacientes, cuja idade variou de 16 a 65 anos. Todos os pacientes relataram desconforto físico (100%). Oitenta e sete por cento das pacientes se declararam satisfeitas com o resultado pós-operatório. Conclusões: A abordagem descrita atende ao que Freire preconiza. O uso da régua é um parâmetro inicial seguro e constante para as ressecções cutâneas e da glândula mamária, tornando fácil e seguro o procedimento. Infiltração da mama determina perdas sanguíneas mínimas, desta forma diminuindo o tempo cirúrgico. A possibilidade de cálculo do volume mamário prévio e o conhecimento das medidas deixadas, permitindo o cálculo do volume final, são fatores preditivos dos resultados. A abordagem permite que se aplique o conhecimento de diversas técnicas.

Palavras-chave: Mamoplastia. Cirurgia plástica. Mama/cirurgia.

 

ABSTRACT

Introduction: The breast surgeries have been realized for multiple purposes since the antiquity. This paper relates the personal approach to mastoplasties reductions, ptoses and others as well as presents the development of the method from anatomic and geometric analyses. The objectives of the procedure: easy to learn, fast to do, blood less and scarless, with reproductible result. Methods: 723 mamaplaties had been performed at the Serviço de Cirurgia Plástica e Microcirurgia Reconstrutiva do Hospital Universitário Walter Cantídio da Universidade Federal do Ceará and São Lucas Hospital de Cirurgia e Anestesia, to repair gigantomasties, ptoses and other. Introduce the method with single Marcação Única developed in our hospital. In all procedures were used the personal mastoplasty rule. The 87% of the patients were satisfied with the result. Results: The age of the 723 patients ranged 16 to 65 year old. All patients related back pain (100%). Conclusion: The personal management of breast attend the Paulo Freire thought about learn the how to do. The surgery is fast bloodless the resulting scar is related to the relation of the breast content and breast skin cover. The possibility to know the resulting breast volume became the procedure predictive. The possibility to use multiple breast surgical techniques exists.

Keywords: Mammaplasty. Surgery, plastic. Breast/surgery.

 

Avaliação das técnicas de mamoplastia quanto a sua influência tardia na distância do complexo areolopapilar ao sulco inframamário

Alexandre Andrade Souza; Leão Faiwichow; Álvaro de Azevedo Ferreira; Tiago Sarmento Simão; Débora Nassif Pitol; Felipe Rodrigues Máximo
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(4):664-669 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A cirurgia plástica mamária tem como foco adequação do volume, suspensão e forma da mama. Diversas técnicas são utilizadas para redução e mastopexia, com grande atenção ao pedículo responsável pelo suprimento vascular do complexo areolopapilar (CAP). O objetivo deste trabalho é avaliar a técnica e a escolha do pedículo na manutenção da forma do polo inferior da mama no seguimento pós-operatório de 6 meses. MÉTODO: Foi realizada análise prospectiva de 20 pacientes do sexo feminino, totalizando 40 mamas, com índice de massa corporal (IMC) entre 22 e 25 e idade variando de 21 anos a 54 anos, submetidas a mamoplastia (redutora e mastopexia) no Serviço de Cirurgia Plástica e Queimaduras do Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo. Foram empregadas técnicas baseadas em pedículos superior e medial e pedículo tipo I de Liacyr Ribeiro. A distância entre a cicatriz vertical do CAP e o sulco inframamário foi mensurada no pós-operatório imediato e depois de 6 meses, a fim de comparar o efeito de cada pedículo na manutenção da distância vertical. A análise estatística foi feita pelo teste t de Student, considerando significativos valores de P < 0,005. RESULTADOS: Os pedículos utilizados foram superior (n = 16), medial (n = 20) e tipo I de Liacyr Ribeiro (n = 4). A distância da cicatriz vertical (CAP-sulco inframamário), no pós-operatório imediato, variou de 5 cm a 6 cm, com média de 5,6 cm. As medidas pós-operatórias tardias variaram entre 5,5 cm e 8 cm, com média de 6,6 cm. No que se refere às variações na medida da distância CAP-sulco inframamário quando relacionadas às técnicas de pedículo tipo I de Liacyr Ribeiro (P = 0,2048), de pedículo superior (P = 0,0012) e de pedículo medial (P = 0,0057), apenas o pedículo superior apresentou significância quanto ao alargamento dessa distância. CONCLUSÕES: A medida da distância vertical entre a porção mais caudal do CAP e a cicatriz horizontal posicionada no sulco inframamário (CAP-sulco inframamário) pode ser obtida de forma simples, a fim de entender a influência de cada pedículo no resultado tardio das mamoplastias.

Palavras-chave: Mamoplastia. Mama/cirurgia. Cirurgia plástica/métodos.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Breast cosmetic surgery has focused on the correction of breast volume, suspension, and shape. In most of the breast reduction and mastopexy techniques currently in use, the vascular pedicles responsible for the blood supply to the nipple areolar complex (NAC) are of particular importance. The objective of the present study was to evaluate the results obtained with different techniques and pedicle choices with regard to the maintenance of lower breast pole shape during a postoperative 6-month follow-up period. METHODS: A total of 20 female patients (40 breasts) with a body mass index (BMI) ranging from 22 to 25 and ages between 21 and 54 years who underwent breast lift and reduction surgery at the Plastic Surgery and Burns Department of Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo were retrospectively analyzed. The superior medial pedicle and Liacyr Ribeiro type I pedicle techniques for mammary reduction were used. The distance between the vertical scar of the NAC and the inframammary crease was measured in the immediate postoperative period and after 6 months to compare the effect of each pedicle on vertical distance maintenance. Statistical analyses were performed by Student's t test, and P values < 0.005 were considered statistically significant. RESULTS: The pedicles used were superior (n = 16), medial (n = 20), and Liacyr Ribeiro type I (n = 4). The vertical scar (NAC-inframammary crease) measured between 5 cm and 6 cm (mean = 5.6 cm) during the immediate postoperative period, while later postoperative measurements ranged between 5.5 cm and 8 cm (mean = 6.6 cm). The differences in the NAC-inframammary crease distance between the Liacyr Ribeiro type I pedicle (P = 0.2048), superior pedicle (P = 0.0012), and medial pedicle (P = 0.0057) based surgeries only reached statistical significance in the superior pedicle surgery with respect to an increase in this measurement. CONCLUSIONS: Measurement of the vertical distance between the most caudal portion of the NAC and the inframammary crease scar is simple and might contribute to our understanding of the effect of different pedicle techniques on the long-term results of mammaplasty.

Keywords: Mammaplasty. Breast/surgery. Plastic surgery/methods.

 

Tratamento conservador em infecção de prótese mamária: relato de caso

PEDRO ANTONIO CORDOVA ROCHA; CARLOS HENRIQUE DOS REIS CONTE; RAFAEL CORDEIRO PUHL; IGOR LUCIANO ROCHA FAILLACE; EWALDO BOLIVAR DE SOUZA PINTO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.1):90-92 - 35ª Jornada Sul Brasileira de Cirurgia Plástica

PDF Português

RESUMO

A mamoplastia de aumento teve um crescimento de 64% no número de procedimentos realizados desde o ano 2000, tornando-se um dos procedimentos cirúrgicos estéticos mais realizados no mundo. Dentre as complicações pós-operatórias, as mais comumente relatadas são infecção, hematoma e contratura capsular. A infecção pós-operatória é uma complicação pouco comum no implante de prótese mamária, ocorrendo em cerca de 2% nos casos estéticos. Este trabalho tem como objetivo relatar o caso de uma paciente que evoluiu com infecção de prótese mamária em pós-operatório precoce, sendo submetida a tratamento conservador com sucesso sem necessidade de intervenção cirúrgica.

Palavras-chave: Implante mamário; Infecção; Cirurgia plástica; Mamoplastia

 

ABSTRACT

Breast augmentation has increased 64% since 2000, and became one of the most common surgical procedures in the world. The most common postoperative complication are infection, bruise and capsular contraction. The postoperative infection is uncommon, and occurs in 2% of cosmetic surgeries. This case reports a successful nonsurgical treatment of breast implant infection.

Keywords: Infection; Breast implants; Plastic surgery

 

Mastopexia com retalhos cruzados: uma opção para correção da ptose mamária

LEILANE DROPPA APPEL; RAFAEL RESTON VIANA; EMELYN ALTHOFF FERNANDES; JÚLIO CESAR MAGRI; DAYSON LUIZ NICOLAU DOS SANTOS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.1):101-103 - 35ª Jornada Sul Brasileira de Cirurgia Plástica

PDF Português

RESUMO

Introdução: O tratamento das ptoses mamárias visa readequar o conteúdo mamário no seu continente restaurando seu padrão jovial. A técnica dos retalhos cruzados reposiciona o parênquima por meio do entrecruzamento e fixação dos retalhos reformulando o cone mamário.
Objetivo: O trabalho tem como objetivo descrever a técnica dos retalhos cruzados como uma opção de mastopexia.
Método: Essa técnica foi utilizada em pacientes com ptose pura ou ptose associada a pequenas hipertrofias.
Resultados: As complicações foram as mesmas observadas em outras técnicas de mastopexia.
Discussão: A correção das ptoses mamárias é mais efetiva quando realizada com transposição do parênquima do polo inferior para o polo superior realocando o conteúdo mamário, assim como demostrado na técnica dos retalhos cruzados.
Conclusão: A técnica de mastopexia com retalhos cruzados é de fácil reprodução e representa mais uma opção de mastopexia que se bem indicada traz excelentes resultados em curto e médio prazo.

Palavras-chave: Mama; Mamoplastia; Retalhos cirúrgicos; Cirurgia plástica; Técnicas

 

ABSTRACT

Introduction: The treatment of breast ptosis aims to re-adjust the breast content in your continent restoring its youthful pattern. The cross-flaps technique repositions the parenchyma through intercrossing and fixation of the flaps by reshaping the mammary cone.
Objective: The objective of this is to describe the technique of cross-flapping as a mastopexy option.
Method: This technique was used in patients with pure ptosis or ptosis associated with small hypertrophies.
Results: The complications were the same as those observed in other mastopexy techniques. Discussion: Correction of breast ptosis is more effective when performed with transposition of the parenchyma from the lower pole to the upper pole by relocating the mammary contents as demonstrated in the cross-flap technique.
Conclusions: The mastopexy technique with crossed flaps is easy to reproduce and represents one more option of mastopexy that if well indicated brings excellent results in the short and medium term.

Keywords: Breast; Mammaplasty; Surgical flaps; Plastic surgery; Technical aspects

 

Mamoplastia com montagem multiplanar centrípeta baseada na proporção áurea

Osvaldo João Pereira Filho; Jorge Bins Ely
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.1):150-152 - Membro Superior e Inferior

PDF Português

RESUMO

O propósito desse estudo é planejar a mastopexia e a redução mamária baseado na proporção divina, representada pela letra phi, com a montagem multiplanar centrípeta convergente em múltiplas camadas. Essa estratégia baseia-se na constância do sulco submamário, orienta-se pelos ramos de um triângulo com vértice no umbigo abrindo-se em direção à articulação acrômio-clavicular. Esse triângulo funciona como um ponto de fuga que orienta a ressecção horizontal e vertical da mama, bem como a montagem convergente. A estratégia foi investigada em 265 pacientes (n = 530 mamas). A média de idade dos pacientes foi de 36 anos. O período do segmento pós-operatório variou de 6 meses a 3 anos.

Palavras-chave: Mamoplastia; Reconstrução Mamária; Cirurgia Plástica; Proporção Áurea

 

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons