ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 20 de 276 resultado(s)

Busca por : Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Clitóris; Vulva

RECONSTRUÇÃO MAMÁRIA IMEDIATA APÓS CIRURGIA CONSERVADORA DO CÂNCER DE MAMA

Genês Lopes de Almeida Júnior, Jefferson Lessa Soares de Macedo, Sérgio Zerbini Borges, Adriana de Oliveira Souza, Fernando Antônio de Miranda Henriques, Carolina de Miranda Henriques Suschino, Liliane Cristina Cúgula Gomes, Cláudia Cristina Duarte de Carvalho
Rev. Bras. Cir. Plást. 2007;22(1):10-18 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: O tratamento cirúrgico conservador do câncer de mama pode levar a deformidades de difícil resolução cirúrgica, se não houver a reparação imediata. Método: O trabalho compreendeu 18 pacientes com câncer de mama, submetidos a cirurgia conservadora e reconstrução mamária imediata, no período de junho de 2002 a junho de 2006. Resultados: O tumor mais freqüente foi o carcinoma ductal e a principal localização foi em quadrantes superiores. As mamas foram reconstruídas utilizando-se técnicas de mastoplastias e retalhos em ilha (plugflap). Os resultados foram considerados satisfatórios, em conseqüência de detalhada programação cirúrgica e sintonia entre as equipes da cirurgia plástica e da mastologia.

Palavras-chave: Neoplasias mamárias. Mamoplastia. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos

 

ABSTRACT

Introduction: The conservative surgery of breast cancer in some cases can induce to deformities of difficult surgery solution, if it is not made immediate breast reconstruction. Method: This paper included 18 patients operated from breast cancer that underwent immediate breast reconstruction, between June of 2002 and June of 2006. Results: The tumor more frequent was ductal carcinoma and the main location was uppers quadrants. The breasts were reconstructed using mammaplasty techniques and breast island flaps (plug-flap). The results were considered satisfactory, due to the detailed surgery program in which worked the plastic team in agreement with the mastologists one.

Keywords: Breast neoplasms. Mammaplasty. Reconstructive surgical procedures

 

Emprego dos pontos de adesão nas reconstruções mamárias com TRAM mais tela sintética

Rosely Moraes Gonçalves de Moura; Francisco José Fontenele Bezerra
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(3):153-157 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: O retalho miocutâneo transverso do reto abdominal (TRAM) constitui-se a opção cirúrgica de eleição nas reconstruções mamárias com tecidos autógenos, porém o seroma na área doadora do retalho ainda apresenta-se como uma complicação freqüente. Método: Neste estudo prospectivo de 20 pacientes com câncer de mama (T1 e T2) submetidas a reconstrução com TRAM mais tela cirúrgica sintética não-absorvível (polipropileno), os autores avaliaram a eficácia dos pontos de adesão na eliminação do seroma quando empregados no retalho cutâneo abdominal. Conclusão: Concluiu-se ser esse método uma maneira efetiva de eliminar a formação de seroma e excluir a necessidade de dreno de sucção abdominal.

Palavras-chave: Retalhos cirúrgicos. Seroma. Mamoplastia. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

Introduction: The TRAM flap in breast reconstruction is the best surgery technique when using autogenous tissue although the seroma's formation at abdominal donor site area still remains a problem to be solved. Methods: In this prospective study, 20 patients with T1 to T2 breast cancer were submitted to immediate breast reconstruction with TRAM flap plus prolene mesh at abdominal donor site area. The authors had evaluated the quilting suture's efficiency to prevent seroma after breast reconstruction and the role of suction drainage when combined with quilting sutures to prevent seroma's formation at donor site area.

Keywords: Surgical flaps. Seroma. Mammaplasty. Reconstructive surgical procedures.

 

TRATAMENTO CIRÚRGICO DOS DÉFICITS FUNCIONAIS CAUSADOS PELO BLEFAROCALÁSIO E PELA PTOSE PALPEBRAL SENIL

Tatiana Martins Caloi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2007;22(2):81-88 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Método: Este trabalho avaliou 25 pacientes com queixas de redução do campo visual e peso palpebral, encaminhados para tratamento cirúrgico especializado. A idade média da população foi de 65,4 anos, verificando-se alta incidência de morbidades associadas (88%), como hipertensão arterial, cardiopatia, diabetes melitus, glaucoma e catarata. As cirurgias realizadas foram a blefaroplastia superior isolada ou associada à blefaroplastia inferior com o uso da cantopexia ou retalho tarsal, em casos de flacidez tarsal importante. A ptose de supercílios foi corrigida pela suspensão com fios ou com ressecção direta de pele superciliar. A ptose palpebral senil foi tratada com a plicatura da aponeurose do músculo levantador da pálpebra superior. Os pacientes foram fotografados, examinados e submetidos a um questionário no pré e no pós-operatório de seis meses, avaliando-se as queixas funcionais iniciais. Resultados: Houve melhora estatisticamente significante para as queixas de peso palpebral/frontal (92% para 12%) e diminuição do campo visual (100% para 4%), não havendo diferenças em relação ao lacrimejamento e cefaléia no pré e pós-operatório de seis meses. A incidência de complicações precoces foi de 12% e, das tardias, 8%, sendo necessária a reintervenção cirúrgica em dois casos. Este trabalho tem como objetivo mostrar a alta incidência de alterações funcionais associadas ao blefarocalásio e à ptose palpebral senil. Conclusão: Destaca-se a importância do diagnóstico preciso e do tratamento correto destas morbidades, e dos benefícios da cirurgia reparadora no alívio dos sintomas relacionados ao envelhecimento da região órbito-palpebral.

Palavras-chave: Blefaroplastia. Blefaroptose. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos

 

ABSTRACT

Method: This paper analyzes 25 patients with visual field impairment and palpebral heaviness caused by blepharochalasis and senile ptosis sent for specialized surgical treatment. The mean age of this population was 65,4 years and a high incidence of associated morbidities such as arterial hypertension, diabetes mellitus, cardiopathy, glaucoma and cataract was found in this group (88%). Isolated upper lid blepharoplasty or upper and lower lid surgery were the most common surgical procedures done, associated with canthopexy or tarsal strip when needed. Brow ptosis was corrected with sutures or direct upper eyebrow skin resection. Senile ptosis was treated by levator aponeurosis plication. Photographic documentation, clinical examination and a questionaire were done pre-operatively and 6 months after surgery, analyzing initial functional complaints. Statistical analyses showed significance of initial complaints of palpebral heaviness (92% before and 12% after surgery), decreased visual field (100% before and 4% after surgery). Results: There was no difference in tearing complaints and headache frequency before and after surgery. The incidence of early complications was 12% and of late complications was 8%. Two patients were reoperated. This paper shows a high incidence of functional impairment due to blepharochalasis and senile ptosis in an elderly population. Conclusion: It highlights the importance of good clinical examination for correct diagnosis and treatment of this morbidity and the benefits of ophthalmic plastic surgery for the relief of symptoms related to orbital and palpebral aging.

Keywords: Blefaroplasty, Blefaroptosys, Surgical reconstructive procedures

 

Avaliação de parâmetros antropométricos nasais após queiloplastia primária pela técnica de Mohler

Renato Salazar Somensi; André Pecci Giancolli; Fabrício Lucena de Almeida; Daniely Farias Bento; Cesar Augusto Raposo-do-Amaral; Celso Luiz Buzzo; Cass io Eduardo Raposodo-Amaral
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(1):14-21 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Os esforços para obtenção de melhores resultados da região nasal de pacientes fissurados são contínuos, portanto é necessário o correto diagnóstico das alterações da anatomia nasal sofrida com o decorrer do tempo após uma intervenção cirúrgica. Os objetivos do presente estudo foram: 1) avaliar o porcentual de assimetria do nariz de pacientes portadores de fissura labiopalatina unilateral completa e incompleta submetidos a queiloplastia primária com a técnica de Mohler, no pós-operatório imediato (T1) e após um ano da cirurgia (T2); e 2) comparar o porcentual de assimetria nasal em ambos os períodos pós-operatórios com os mesmos índices obtidos em crianças não-portadoras de fissura labiopalatina. MÉTODO: No período de março de 2007 a dezembro de 2010, 27 pacientes portadores de fissura labiopalatina unilateral foram submetidos a queiloplastia primária. Foram obtidas medidas de área, altura, largura, altura em ¼ medial da largura e altura da base narinar identificados na fotografia em duas dimensões por meio do programa Adobe Photoshop CS5 Extended®. Foi utilizado o teste de ANOVA para comparação estatística entre os valores da assimetria nasal no pós-operatório imediato e um ano após a cirurgia. RESULTADOS: Foram obtidos índices porcentuais de assimetria nasal entre os pacientes fissurados e o grupo controle, demonstrando diferença estatística em todas as variáveis quando comparado ao grupo controle, exceto quanto à altura da base narinar. CONCLUSÕES: Os resultados obtidos demonstraram melhora da simetria nasal, porém tendência a recidiva do resultado obtido em T1. Os pacientes com fissura completa são mais suscetíveis à recidiva em relação à posição do nariz.

Palavras-chave: Fissura palatina. Fenda labial. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Efforts to obtain the best possible results in the nasal region of cleft patients are an ongoing process; it is therefore essential to correctly diagnose any changes in the nasal anatomy of cleft palate patients that occur over time and after surgical intervention. The aims of the present study were: (1) to evaluate the percentage of nose asymmetry in patients with either complete or incomplete unilateral cleft lip and palate who underwent primary cleft lip repair with the Mohler technique, both in the immediate postoperative period (T1) and after 1 year (T2); and (2) to compare the percentage of nasal asymmetry in both postoperative periods using the same indexes in children without cleft lip and palate. METHODS: During the period from March 2007 to December 2010, 27 patients with unilateral cleft lip and palate were submitted to primary cleft lip repair. Measurements of area, height, height at ¼ of the medial width, and height of the base of the nose were obtained from two-dimensional photos by using Adobe Photoshop CS5 Extended®. Statistical comparison of the values obtained for nasal asymmetry in the immediate postoperative period and 1 year after surgery was performed with ANOVA. RESULTS: Percentile indexes of nasal asymmetry for cleft patients showed statistical differences in all variables when compared to controls, with the exception being the base of the nose. CONCLUSIONS: The results we obtained showed an improvement in nasal symmetry, although there was a tendency to relapse from the result obtained in T1. Patients with complete cleft were more susceptible to relapse with regard to the position of the nose.

Keywords: Cleft palate. Cleft lip. Reconstructive surgical procedures.

 

Tratamento Cirúrgico do Lindefema de Genitália Externa com Preservação da Pele Póstero-Lateral do Períneo e Escroto dara a Reconstrução

José Humberto Cardoso Resende, Andy Luis Ern, João Antonio Botelho Correia, Jaime Alfar da Paz
Rev. Bras. Cir. Plást. 2006;21(4):217-226 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: O linfedema de genitália externa é uma condição rara e debilitante que pode causar dor, deformação e dificuldades do ponto de vista miccional e sexual. O tratamento cirúrgico tem se mostrado efetivo em pacientes com linfedema crônico, em que as alterações patológicas estão em estágio irreversível. Objetivo: Mostrar a experiência do autor no tratamento desta comorbidade, enfatizando a técnica cirúrgica reconstrutora da região peno-escrotal. Método: Foram selecionados 8 pacientes com linfedema da região peno-escrotal, operados no período de maio de 1990 a maio de 2006, com utilização da mesma técnica cirúrgica, que consistiu em retirada de toda pele e tecido celular subcutâneo comprometido, com preservação da drenagem linfática profunda e reconstrução da bolsa testicular com tecido remanescente (pósterolateral) e enxerto de pele para reconstrução peniana. Resultados: Os resultados obtidos foram satisfatórios, apresentando apenas uma retração do retalho cutâneo no dorso do pênis em um dos casos operados, resolvido em nova etapa cirúrgica. Conclusões: Quando os pacientes com linfedema de genitália externa necessitam de tratamento cirúrgico e são selecionados para o procedimento apropriado, os resultados funcionais e estéticos podem ser satisfatórios e a reabilitação do paciente possível.

Palavras-chave: Linfedema; Escroto; Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos

 

ABSTRACT

Introduction: The lymphedema of external genitália is an uncommon debilitating condition that can cause pain, deformation and difficulties in urinary and sexual aspects. Surgical treatment has proved to be successful in chronic lymphedema affected patients whose pathological alterations are at an irreversible stage. Objective: This work aims at demonstrating the author's experiment in the treatment of this morbidity. It highlights the reconstructive surgical technique of the penial scrotum region. Eight patients affected by lymphedema in the penial scrotum region were operated from May 1990 to May 2006. The surgical technique applied consisted of the removal of the entire skin and subcutaneous cellular tissue committed with the preservation of deep lymphatic drainage, followed by the reconstruction of the scrotum with the remaining (postero-lateral) tissue and flap of skin for penial restoration. Results: The results obtained were satisfactory except for a retraction of cutaneous flap on the penis dorso) in one of the operated patients, solved in further surgical stage. Conclusions: Every time the patients with lymphedema in external genitalia demand surgical treatment and are selected for the appropriated procedure, the functional and cosmetic results can be satisfactory and the patient's rehabilitation is fully possible.

Keywords: Lymphedema; Scrotum; Reconstructive Surgical Procedures

 

Reconstrução do Segmento Ósseo Mandibular: Comportamento dos Implantes Ósseo-Integrados nos Retalhos Vascularizados de Crista Ilíaca e Fíbula

Jefferson Braga-Silva, Pedro Djacir Escobar Martins, Javier A. Román , Daniel Gehlen
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(3):176-181 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

Introdução: A reconstrução do segmento ósseo mandibular utilizando retalhos ósseos vascularizados após perdas segmentares é o método mais utilizado na atualidade, tendo zonas doadoras que incluem a fíbula, o rádio, a escápula e a crista ilíaca. Método: Apresenta-se uma análise descritiva e retrospectiva da experiência dos autores em 45 casos de reconstrução mandibular microcirúrgica em pacientes com defeitos ósseos da mandíbula. Foram utilizados enxertos ósseos vascularizados, ou da crista ilíaca ou da fíbula, avaliando o comportamento dos enxertos em relação a sua facilidade de uso e viabilidade de uma posterior ósseo-integração dos implantes. Resultados: O retalho microcirúrgico de fíbula foi utilizado em 10 pacientes, e o retalho de crista ilíaca foi em outros 35 casos. Em todos os casos nos quais se utilizou a fíbula, houve necessidade de osteotomia do segmento ósseo transferido e em somente quatro casos a implantação dentária foi satisfatória. No entanto, o retalho de crista ilíaca foi realizado sem a necessidade de osteotomia e foi possível a colocação dos implantes nos 35 retalhos, não sendo observada em nenhum caso falha na integração dos implantes, sendo possível o retorno à mastigação após 6 meses. Conclusões: As reconstruções realizadas com o retalho microcirúrgico de crista ilíaca evidenciaram bons resultados funcionais. Quanto aos casos em que se utilizou o retalho de fíbula, obtiveram-se piores resultados no que tange à integração dos implantes dentários.

Palavras-chave: Mandíbula, cirurgia. Transplante ósseo. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos

 

ABSTRACT

Introduction: Reconstruction of mandible bone segment using vascularized bone grafts after segmental bone defects is the most used method nowadays, with donor sites including fibula, radius, scapula and iliac bone. Method: A descriptive and retrospective analysis was performed with authors experience in 45 cases of microsurgical mandible reconstruction, all with mandible bone defects. We used vascularized bone graft from iliac bone or fibula, evaluating the behavior of grafts related to the simplicity of use as well as a reliability to perform dental osseointegrated implants in them. Results: A fibular microsurgical graft was used in 10 patients and an iliac crest bone graft was used in the others 35 cases. . In all cases when fibula was used it was necessary to make an osteotomy of the graft and in just 4 cases successful osseointegrated dental implant was achieved. An iliac crest bone graft was performed without necessity of osteotomy and in all cases a successful osseointegration of dental implants was achieved, with a return of the masticatory function after 6 months. Conclusions: Reconstructions performed with vascularized iliac bone graft showed good functional results .In the cases where fibula bone graft was used we observe worse results related to osseointegration of dental implants.

Keywords: Mandible, surgery. Boxe transplantation. Reconstructive surgical procedures

 

Nova classificação para hipertrofia dos pequenos lábios vaginais e correlação com as técnicas cirúrgicas indicadas

Andre Gonçalves de Freitas Colaneri
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(1):64-73 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Primeira colocada entre as mais procuradas cirurgias plásticas genitais, a ninfoplastia ou labioplastia visa a correção da hipertrofia dos pequenos lábios vaginais e prepúcio, retirando seu excesso, sem interferir na sua função de proteção da vagina e auxílio na lubrificação genital. Diversos tipos de classificações foram propostos para facilitar a compreensão do grau de hipertrofia dos pequenos lábios vaginais e ajudar na escolha da técnica da labioplastia. Após analisar várias classificações, o autor propõe uma nova classificação, no intuito de facilitar a compreensão da hipertrofia das ninfas, capuz do clitóris e prepúcio e ajudar na escolha da técnica apropriada para labioplastia. MÉTODOS: Foi feita uma busca na literatura médica PubMed/Medline com os termos hipertrofia lábios vaginais, labioplastia, labiaplasty, labioplasty, lábia minora hipertrophy, labial protrusion. Foram analisadas todas as classificações descritas nos trabalhos encontrados. RESULTADOS: Uma nova classificação foi proposta. A hipertrofia dos pequenos lábios vaginais foi classificada em 4 graus: Grau 0 (< 1 cm), Grau 1 (> 1 cm e < 3 cm), Grau 2 (> 3 cm e < 5 cm) e Grau 3 (> 5 cm). CONCLUSÕES: A nova classificação, além de facilitar a compreensão do tamanho e extensão da hipertrofia das ninfas, também auxilia na escolha da técnica a ser escolhida para a labioplastia.

Palavras-chave: Hipertrofia; Vulva; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Genitália feminina; Procedimentos cirúrgicos menores.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Nymphoplasty or labioplasty is the most common genital plastic surgery. The objective of labioplasty is to correct hypertrophy of the labia minora and clitoral prepuce, removing excess tissue without affecting their function of protecting the vagina and aiding in genital lubrication. Several types of classifications have been proposed to facilitate the understanding of the degree of hypertrophy of the labia minora and assist in selecting the most suitable procedure in labioplasty. After analyzing several classifications, the author proposes a new classification to facilitate the understanding of hypertrophy of the labia minora, clitoral hood, and vaginal prepuce and help select the best labioplasty procedure. METHODS: A literature search was conducted in PubMed/Medline using the following terms: hipertrofia lábios vaginais, labioplastia, labiaplasty, labioplasty, labia minora hypertrophy, and labial protrusion. All the classifications described in the identified studies were analyzed. RESULTS: A new classification has been proposed. Hypertrophy of the labia minora was classified in four grades: grade 0 (< 1 cm), grade 1 (> 1 cm and < 3 cm), grade 2 (> 3 cm and < 5 cm), and grade 3 (> 5 cm). CONCLUSIONS: The new classification improves the understanding of the size and extent of hypertrophy of the labia minora and helps select the best procedure in labioplasty.

Keywords: Hypertrophy; Vulva; Reconstructive surgical procedures; Female genitalia; Minor surgical procedures.

 

Tratamento da Orelha em Ponto de Interrogação

Oscar Porto, Gabriel Salum D´Alessandro, Denis Oksman, Tatiana Rego Nunes, Marcelo Wulkan, Paulo Miranda Godoy, Cleiber Augusto Pomarico Filho, Walter Soares Pinto
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(1):48-52 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: As deformidades congênitas uni ou bilaterais da orelha externa com atrofia do segmento médio da concha e da escafa são coloquialmente chamadas de orelha em ponto de interrogação, devido ao hipodesenvolvimento deste segmento e pelo formato característico. Diversos autores publicaram suas experiências para a correção deste tipo de deformidade congênita. Nossa experiência baseia-se na reconstrução de três casos, mediante a combinação de retalho de deslizamento e da ressecção de um triângulo de compensação na concha, ambos do tipo condro-cutâneo, na tentativa de evitar ao máximo a redução do eixo maior da orelha e manter o seu contorno o mais natural possível. Método: Foram operadas três pacientes do sexo feminino, com 17, 19 e 20 anos, sendo que na paciente de menor idade a deformidade era unilateral e nas outras duas, bilateral. Os procedimentos cirúrgicos obedeceram a mesma sistematização. Em todos os casos, o maior eixo da orelha foi medido antes e após a cirurgia, assim como o tamanho do defeito a ser corrigido, para avaliações comparativas. Resultados: Os detalhes cirúrgicos descritos foram basicamente similares, porém as deformidades encontradas não apresentaram um padrão idêntico, mesmo numa mesma pessoa com problema bilateralmente. A extensão sendo variável determinou ressecções maiores ou menores, linhas de sutura diversas na posição e na extensão, tendo como parâmetro o retalho de deslizamento e a ressecção de um triângulo de compensação. Conclusões: Os procedimentos descritos são de fácil execução, sob anestesia local, condições ambulatoriais e realizados num único tempo operatório.

Palavras-chave: Orelha externa. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos. Retalhos cirúrgicos.

 

ABSTRACT

Introduction: The congenital external ear deformity with weakening of the medium segment of conch and of scapha is usually denominated question mark ear because of the called minor development of that segment and by its characteristic shape. Some authors have published their experiences to correct this kind of deformity. Our experience is based on three patients using a sliding flap and a compensatory triangle of the conch to balance the reduction of the major axis of the ear and support its shape as natural as possible. Method: Three female patients were submitted to a surgical procedure. They were 17, 19 and 20 years old; the youngest has a unilateral deformity and the others, bilateral. The procedures were systematically done. The major axis and the size of the defect were measured before and after the surgery to be compared. Results: The surgical procedures were almost similar, however the deformities were not. They were different even in the same patient. Although the same technical principle of sliding flap and compensatory triangle of the conch has been used, the extension of the defect determined minor or major resection and suture lines different in position and extension. Conclusions: The described procedure is not technically difficult. It can be performed under local anesthesia, ambulatory condition and in only one operating time.

Keywords: External ear. Reconstructive surgical procedures. Surgical flaps.

 

Uso do retalho miomucoso do vermelhão associado ou não ao retalho cutâneo mentolabial na reconstrução do lábio inferior

Milton Paulo de Oliveira; Pedro Djacir Escobar Martins; Guilherme Larsen da Cunha; Gustavo Steffen Alvarez; Anajara Gazzalle; Evandro José Siqueira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(3):433-438 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: Várias técnicas têm sido descritas para a reconstrução do lábio inferior, muitas vezes produzindo microstomia, distorção da comissura, incapacitação funcional ou diminuição da sensibilidade. Neste trabalho, é relatada uma técnica com preservação de tecido neuromuscular para reconstrução labial em um único estágio, através do uso de retalho de avanço miomucoso do vermelhão, com ou sem retalho de pele mentolabial. Métodos: Foram analisados 17 pacientes do sexo masculino, portadores de carcinoma de células escamosas, com média de idade de 54,8 anos, com defeitos labiais pós-ressecção de 20% a 85%. Resultados: Durante um período de 3 meses de seguimento pós-operatório, nenhum paciente apresentou infecção, lesão nervosa ou necessitou de revisão cirúrgica. Três pacientes apresentaram microstomia, com alargamento discreto posterior do lábio. Todos os pacientes apresentaram boa sensibilidade e continência esfincteriana adequada. Conclusões: O uso do retalho miomucoso de vermelhão com ou sem retalho de pele mentolabial resultou em risco mínimo de microstomia ou incompetência funcional, sendo realizado em estágio cirúrgico único, além de demonstrar bons resultados estéticos e funcionais para a reconstrução de até 80% do lábio inferior.

Palavras-chave: Lábio/cirurgia. Retalhos cirúrgicos. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

Background: Several techniques that have been described for reconstructing the lower lip often produce microstomia, commissure distortion, functional impairment, and decreased sensitivity. A technique for preserving neuromuscular tissue during a single-stage lip reconstruction is reported in this study. This technique involves the use of the vermilion myomucosal advancement flap with or without the mentolabial skin flap. Methods: This study analyzed 17 male patients with squamous cell carcinoma. The mean patient age was 54.8 years, and incidence of lip defects after resection ranged from 20% to 85%. Results: Infection, nerve damage, or the requirement for surgical revision was not observed in any patient during the follow-up period of three months. Three patients had microstomia with slight posterior enlargement of the lip. All patients had good sensitivity and adequate sphincter continence. Conclusions: The use of the vermilion myomucosal flap with or without the mentolabial skin flap resulted in a minimal risk of microstomia or functional incompetence. This procedure is performed in a single surgical stage and has good aesthetic and functional results for reconstruction of up to 80% of the lower lip.

Keywords: Lip/surgery. Surgical flaps. Reconstructive surgical procedures.

 

Onfaloplastia: técnica Y/V

VITOR HUGO MOREIRA GUIMARÃES; VICTOR ANTUNES GUIMARÃES; FERNANDO DE AZEVEDO GONÇALVES; PAULO CÉSAR CAIRES DE CARVALHO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(3):355-363 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: A onfaloplastia é um momento crucial durante a cirurgia de abdominoplastia. Apesar de ser considerada uma etapa de grande importância nos dias de hoje, a onfaloplastia não foi sempre utilizada nas abdominoplastias, sendo o umbigo, algumas vezes, descartado junto ao retalho gorduroso. Com a finalidade de preservar a cicatriz umbilical, várias técnicas foram utilizadas e, com o tempo, vêm sofrendo modificações que possibilitam um resultado cada vez mais natural.
Método: A técnica "Y"/"V" proposta consiste em modelar o coto umbilical de modo que este encaixe perfeitamente no mesmo local onde havia a cicatriz umbilical. A ilha umbilical, após ser modelada, é suturada, resultando em uma imagem de "Y"/"V", razão pela qual a técnica recebe este nome.
Resultados: Durante o estudo, foi evidenciado um número baixo de complicações (11,34%) ao analisar o pós-operatório. Deiscência de sutura, estenose umbilical, alterações crômicas na cicatriz e queloide foram as complicações observadas, sendo corrigidas cirurgicamente seis meses após a cirurgia.
Conclusão: A técnica proposta demonstra simples execução, com baixos índices de complicações e aspecto mais natural da cicatriz do neoumbigo. Portanto, tornam-se cada vez mais necessários estudos que a utilizem para comprovar sua eficácia perante às demais técnicas utilizadas atualmente.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Umbigo

 

ABSTRACT

Introduction: Omphaloplasty is a crucial procedure during abdominoplasty surgery. Although it is currently considered an important step, omphaloplasty was not always performed during abdominoplasties, and the umbilicus was sometimes discarded together with the fat flap. Various techniques were used to preserve the umbilicus and underwent modifications with time to allow for an increasingly natural result.
Method: The proposed "Y"/"V" technique consists of modeling the umbilical stump to perfectly fit in the same place where the umbilicus was located. The umbilical island, after being modeled, is sutured, resulting in a "Y"/ "V" image, which gives rise to the name.
Results: A low number of complications (11.34%) were observed when analyzing the postoperative follow-up data. Suture dehiscence, umbilical stenosis, color alterations in the scar, and keloid scars were the complications observed, which were surgically corrected six months postoperatively.
Conclusion: The proposed technique is simple to implement, with low rates of complications and results in a more natural aspect of the neoumbilicus scar. Further studies are required to prove its effectiveness in comparison to the other techniques that are currently in use.

Keywords: Abdominoplasty; Reconstructive surgical procedures; Umbilicus

 

Mamoplastia de aumento através da abdominoplastia: 152 pacientes operadas em 10 anos

Zulmar Antonio Accioli de Vasconcellos; João Justino Accioli de Vasconcellos; Carlo Mognon Mattiello; Daniel Ongaratto Barazzetti; Celto Dalla Vechia; Jorge Bins Ely
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.2):41-44 - 33ª Jornada Norte-Nordeste de Cirurgia Plástica

PDF Português

RESUMO

Introdução: A mamoplastia de aumento com implantes mamários transabdominal foi descrita pela primeira vez por Hinderer em 1975. A popularização da cirurgia plástica estética e do conceito de "makeover" resultou numa demanda de pacientes que desejam procedimentos combinados. Esforço tem sido realizado para demonstrar a segurança dessa abordagem.
Objetivo: Demonstrar os resultados obtidos com a mamoplastia de aumento pelo acesso transabdominal em pacientes que foram submetidas à abdominoplastia em uma clínica privada.
Método: Estudo transversal, retrospectivo, a partir da análise de pacientes submetidas à mamoplastia de aumento por acesso transabdominal pela incisão da abdominoplastia entre 2008 e 2018, em clínica privada.
Resultados: Obtivemos bons resultados estético-funcionais com a adequada seleção de 152 pacientes. Houve 5 casos de necrose do retalho abdominal ou da incisão, um caso de contratura capsular. Não tivemos casos de tromboembolismo ou hematomas. Complicações menores não foram contabilizadas.
Conclusão: A mamoplastia de aumento com implantes mamários pela incisão da abdominoplastia é um procedimento seguro e efetivo, minimizando as cicatrizes, com baixa incidência de complicações em pacientes bem selecionados.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Mamoplastia; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

Introduction: Breast augmentation technique through transabdominal approach was first described by Hinderer in 1975. The popularization of aesthetic plastic surgery and the concept of "makeover" resulted in a demand of patient who desire combined procedures. Since combined procedure arose, effort has been made to demonstrate the approach safety and effectiveness.
Objective: Demonstrate results and safety in transabdominal breast augmentation in patients with indication for abdominoplasty in a single medical center.
Methods: This is transversal, retrospective analysis of patients that have done combined procedure (abdominoplasty + transabdominal breast augmentation with implants) between 2008 and 2018 in a private medical center.
Results: We believe to have achieved good aesthetic and functional results with proper patient selection (152). We had five patients with some kind of necrosis of the abdominal flap or incision and one patient with capsular contracture. We did not report any thromboembolism or hematomas. Minor complications have not been reported.
Discussion: Results corroborate that combined procedure is safe and effective, minimizing incisions and scars, with low complication rates in well selected patients. Besides that, combined procedure allows inframammary fold repositioning through internal sutures, and avoids higher costs and potential complications of multiple trips to the operating room.
Conclusion: Breast augmentation with implants through abdominoplasty incision is a safe and effective surgery, minimizing scars, with low complications incidence in well selected patients, and should be considered in those women who desire and have indication for both procedures.

Keywords: Abdominoplasty; Mammaplasty; Reconstructive surgical procedures.

 

Enxerto de cartilagem costal em monobloco na rinoplastia

Daniel Dias Lopes; Bruno Gazire de Araújo Andrade; Michel Luciano Holger Toledano Vaena; Denise Salles Coelhoda Mota
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(3):453-460 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: Na rinoplastia frequentemente é necessário o uso de materiais de inclusão para que se obtenha a reestruturação nasal. O enxerto de cartilagem costal é uma das opções e tem seu uso indicado quando a cartilagem septal não está disponível ou não é suficiente para promover o necessário remodelamento nasal. Método: Quatro pacientes que, por motivos diversos, apresentavam nariz em sela ou dorso nasal pouco projetado foram submetidos a rinoplastia. Todos receberam enxerto de cartilagem costal esculpido em formato de "L". O ramo longo do "L" teve como objetivo reconstituir o dorso e o ramo curto, dar suporte ao novo dorso e à columela, reposicionando a ponta nasal. Resultados: Todos os pacientes evoluíram bem no pós-operatório e não apresentaram complicação significativa. Houve nítida reconstituição do dorso e harmonização da ponta do nariz. Os resultados mostraram-se previsíveis e duradouros. Conclusões: O emprego de enxerto de cartilagem costal esculpido em monobloco na rinoplastia proporciona ganho de projeção do dorso e da ponta nasais, promovendo adequado remodelamento nasal.

Palavras-chave: Rinoplastia. Nariz/cirurgia. Cartilagem. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

Introduction: It is often necessary to use inclusion materials in rhinoplasty for nose restructuring. The costal cartilage graft is one of the inclusion material options, and its use is indicated when septal cartilage is not available or is not sufficient to provide necessary remodeling of the nose. Methods: Four patients who, for diverse reasons, had saddle nose or poor projection of the nasal dorsum underwent rhinoplasty. All received a costal cartilage graft carved in an "L" shape. The long branch of the "L" was used to reconstruct the dorsum and the short branch was used to support the new dorsum and the columella, repositioning the nasal tip. Results: All patients had a good postoperative evolution and had no significant complications. There was a clear reconstruction of the dorsum and harmonization of the nasal tip. The results were as expected and were long-lasting. Conclusions: The use of a costal cartilage graft carved in a single block in rhinoplasty provides enhancement of the nasal dorsum and tip projection, promoting appropriate nasal remodeling.

Keywords: Rhinoplasty. Nose/surgery. Cartilage. Reconstructive surgical procedures.

 

Plástica de pequenos lábios e suas possibilidades atuais

Marilho Tadeu Dornelas; Marília de Pádua Dornelas Correa; Ana Luísa Reis Melo; Mariana Botrel Cunha; Angela Lopardi Nicolato; Lívia Dornelas Corrêa; Gabriel Victor Dornelas; Larissa Vitoria Dornelas
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(4):534-539 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A ninfoplastia consiste na abordagem cirúrgica da hipertrofia dos pequenos lábios, que visa ao aperfeiçoamento da assimetria destes e do tecido redundante da vulva. A hipertrofia de pequenos lábios caracteriza-se por aqueles que, em posição e condições normais, sobressaem-se aos grandes lábios. A cirurgia tem sido proposta na presença de transtornos, como odor desagradável, infecção urinária, comprometimento da atividade sexual e/ou insatisfação pessoal, cuja indicação cirúrgica possui fins estéticos. O objetivo deste artigo é relatar nossa experiência com a ressecção em cunha dos pequenos lábios nas pacientes que apresentam tal hipertrofia. MÉTODOS: Foram analisados retrospectivamente 53 casos de ninfoplastia pela técnica de ressecção em cunha, no período de 2010 a 2015. Os resultados foram analisados quanto ao aspecto anatômico no pós-operatório, o grau de satisfação das pacientes e a interferência na atividade sexual. RESULTADOS: As pacientes se mostraram satisfeitas com o aspecto estético pós-cirúrgico. Houve melhora no desempenho sexual, na prática de atividades físicas e condições de higiene. Não foram verificadas complicações, como deiscência de sutura, infecção ou necrose tecidual. Uma paciente precisou ser reoperada devido à assimetria de pequenos lábios no pós-operatório. Outra paciente queixou-se da excessiva exposição do clitóris, porém o mesmo já apresentava discreta hipertrofia prévia. CONCLUSÃO: A ninfoplastia pela técnica de ressecção em cunha apresentou benefícios em relação ao desconforto pessoal, melhora funcional e estética. Devido à ausência de validação e padronização nas técnicas de ninfoplastia atuais, novos estudos clínicos devem ser realizados.

Palavras-chave: Vulva/anormalidades; Hipertrofia; Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Nymphoplasty or labiaplasty consists of a surgical approach to hypertrophy of the labia minora, and is aimed at correcting asymmetry and removing redundant tissue of the vulva. Hypertrophy of the labia minora is characterized by tissue that exceeds the limits of the labia majora under normal conditions. Surgery is an option in patients who complain of unpleasant odor, urinary infection, interference with sexual activity, and/or personal dissatisfaction; in the latter case, the surgical indication has an aesthetic purpose. The aim of this article was to report our experience with wedge resection of the labia minora in patients with hypertrophy. METHODS: We retrospectively analyzed 53 cases of labiaplasty performed with the wedge resection technique from 2010 to 2015. The results were evaluated for postoperative anatomical appearance, the degree of patient satisfaction, and the effect on sexual activity. RESULTS: Patients were satisfied with the postoperative aesthetic appearance. There was improvement in sexual satisfaction, ability to perform physical activities, and hygiene. No complications were observed, such as suture dehiscence, infection, or tissue necrosis. One patient required reoperation in the postoperative period due to asymmetry of the labia minora. Another patient complained of excessive exposure of the clitoris, but she had preexisting clitoral hypertrophy. CONCLUSION: Labiaplasty using the wedge resection technique relieved personal discomfort and provided functional and aesthetic improvement. Due to the lack of validation and standardization of labiaplasty techniques, further clinical research should be performed.

Keywords: Vulva/abnormalities; Hypertrophy; Surgical reconstructive procedures.

 

Retalho TRAM com dissecção mínima para reconstrução mamária

Allysson Antonio Ribeiro Gomes; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(4):652-656 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

Introdução: Após sua publicação, o uso do retalho miocutâneo transverso do reto-abdominal para reconstrução de mama (TRAM) tem sido o procedimento com tecido autólogo mais popular para reconstrução mamária, porém não livre de complicações da área doadora. Método: Foram avaliados onze pacientes submetidas à mastectomia e à reconstrução mamária imediata com retalho TRAM e dissecção mínima da área doadora, utilizando-se pontos de adesão e drenagem a vácuo. Os autores avaliaram as complicações pós-operatórias da área doadora. Resultados: Nenhum caso de seroma, hematoma, infecção, abaulamento de abdome ou hérnia foi identificado, houve uma deiscência de ferida operatória e um relato de desconforto. Conclusão: Concluiu-se que os pontos de adesão e o sistema de drenagem diminuem as complicações da área doadora do retalho TRAM.

Palavras-chave: Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos. Mamoplastia. Mama/cirurgia.

 

ABSTRACT

Background: After the TRAM flap for breast reconstruction have been published, become the most popular autologous breast reconstructive procedure, although not free of donor site complications. Methods: Eleven patients underwent to immediately postmastectomy breast reconstruction with TRAM flap and minimal dissection on donor site using quilting suture's and closed suction drainage were analyzed. The authors had evaluated prospectively the abdominal complications of the donor site. Results: None of the patients developed seroma, hematoma, wound infection, abdominal bulge or hernia. One patient developed partial skin loss, and one patient developed discomfort. Conclusion: The quilting suture's plus closed suction drainage decrease the complications outcomes at TRAM donor site.

Keywords: Reconstructive surgical procedures. Mammaplasty. Breast/surgery.

 

Opções terapêuticas no manejo do nevus congênito gigante, experiência do Serviço de Cirurgia Plástica e Reaparadora HC-UFPR

Renato da Silva Freitas; Gilvani Azor de Oliveira e Cruz; Isis Scomação; Adriana Sayuri Kurogi; Ivan Maluf Junior; Paula Giordani Colpo; Priscila Balbinot
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(2):277-281 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O nevus congênito gigante (NCG) possui diversas modalidades de tratamento. A abordagem cirúrgica inclui a ressecção parcial seriada ou excisão total. Objetivo: Demonstrar as principais modalidades terapêuticas utilizadas para o tratamento do NCG e avaliar a incidência da localização, idade e tamanho destas lesões no Serviço de Cirurgia Plástica e Reparadora do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná. MÉTODOS: Estudo retrospectivo dos pacientes submetidos a tratamento cirúrgico do NCG no período de janeiro de 2004 a janeiro de 2010. Foram coletados dados como: idade, gênero, tratamento realizado, número de cirurgias realizadas, evolução e complicações. RESULTADOS: Foram avaliados 11 pacientes, sendo 8 mulheres e 3 homens. A média de idade foi de 12,4 anos (3 a 25 anos). O subtipo mais encontrado foi o nevus melanocítico intradérmico correspondendo a 90,9% dos casos e 9,1% com nevus melanocítico composto. Não foram identificados casos de melanoma. A localização mais comum foi a região da cabeça e pescoço. O diâmetro médio das lesões foi de 9,1 cm.As técnicas utilizadas para reconstrução foram: sutura primária, retalhos locais, enxerto de pele e uso de expansores. No seguimento, 63,6% dos pacientes apresentavam ainda nevus residual, 27,3% apresentaram ressecção completa e 9,1% perderam seguimento. CONCLUSÃO: Foi observada maior incidência de NCG na faixa etária de 3 a 25 anos, sendo a localização mais comum na face e com tamanho médio de 9,1cm. O principal tratamento instituído para os pacientes com NCG foi a ressecção parcelada, com bons resultados.

Palavras-chave: Nevo; Tratamento; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Several modalities are available for the treatment of giant congenital nevus (GCN). The surgical approach includes partial serial resection or total excision. Objective: To demonstrate the main therapeutic modalities in the treatment of GCN and to assess the incidence of location, age, and size of this lesion at the Plastic and Reconstructive Surgery Service of the Hospital de Clínicas, Federal University of Paraná. METHODS: This retrospective study included patients who had undergone surgical treatment for GCN between January 2004 and January 2010. We collected data such as age, sex, treatment performed, number of surgeries carried out, evolution, and complications. RESULTS: We evaluated 11 patients (8 female and 3 male). The average age was 12.4 years (range, 3-25 years). The GCN subtype most commonly found was intradermal melanocytic nevus, which accounted for 90.9% of cases, with melanocytic nevus accounting for the remaining 9.1%. No cases of melanoma were identified. The most common location was the head and neck. The average diameter of the lesions was 9.1 cm. The techniques used for the reconstruction included primary suture, local flaps, skin graft, and the use of expanders. In the follow-up period, 63.6% of the patients still presented a residual nevus, 27.3% underwent complete resection, and 9.1% were not monitored. CONCLUSION: A higher incidence of GCN was observed in patients aged 3-25 years. The most common location was the face, and the average size was 9.1 cm. The main treatment of patients with GCN was splitting resection, which resulted in satisfactory outcomes.

Keywords: Nevus; Treatment; Reconstructive surgical procedures.

 

Tratamento cirúrgico da hipertrofia clitoriana

Aymar Edison Sperli; José Octávio Gonçalves de Freitas; Alieksei Clairefont de Andrade Mello
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(2):314-320 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

Introdução: Segundo vários autores, a hipertrofia discreta do clitóris está presente em 25% das mulheres. Quando o volume passa a incomodar no ato sexual, acompanhado ou não de distúrbios psicológicos, as pacientes buscam inicialmente ajuda de ginecologistas ou endocrinologistas e não raramente são encaminhadas à cirurgia plástica para a resolução dos problemas. Método: Nossa experiência é baseada em 9 pacientes, durante 15 anos, portadoras de genitália ambígua, submetidas a tratamento cirúrgico. Foram selecionados 3 casos para ilustrar os resultados obtidos com a técnica. Duas pacientes com hipertrofia clitoriana do tipo II de Prader foram selecionadas; uma de origem adquirida na idade adulta, e outra de origem possivelmente congênita. A terceira paciente apresentava anomalias sexuais múltiplas, de origem congênita: agenesia de vagina, hipertrofia clitoriana, presença de ovários e testículos atrofiados, pseudo-hermafroditismo feminino, catalogada como tipo V de Prader. Todos os três pacientes foram submetidas a redução do clitóris pela dissecção da cobertura músculo-cutânea (desenluvamento) e sepultamento do corpo clitoriano por sutura. Resultados: Os procedimentos cirúrgicos realizados preservaram a estética e a sensibilidade, com redução das dimensões do clitóris. Conclusão: Os procedimentos apresentam relativa simplicidade, porém dentro de critérios cirúrgicos buscando a preservação das funções e da anatomia da genitália externa.

Palavras-chave: Clitoris/cirurgia. Vulva/cirurgia. Genitália feminina/cirurgia.

 

ABSTRACT

Introduction: Moderate clitoris hypertrophy has been described in 25% of the women. When its shape and volume disturb at the sexual activity, combined or not by psychological problems, initially patients search for help from gynecologists and or by endocrinologists and not rarely are send to plastic surgeons. Our experience is based on 9 patients with ambiguous external genitalia, submitted to these surgeries during the last 15 years. Three cases were selected to demonstrate the obtained results with the technique. Two female patients with Prader type II clitoris aspect were selected; one of them presents the problem at adult age and, in the other, the etiology was possible congenital. The third patients presented hypertrophic clitoris combined with pseudo-hermaphroditism with ovarium, atrophic testicles as described in Prader Type V. Methods: The all three patients were submitted to clitoris reduction by dissection of the mucous-cutaneous covering and its excess buried by suture. The third patient with pseudo-hermaphroditism had also neo-vagina reconstruction. Results: The surgical procedures preserved esthetic and sensibility, with clitoris dimensions reduction. Conclusion: The surgical procedures presented moderate simplicity, but within the surgical criteria to preserve the functions and the external genitalia anatomy.

Keywords: Clitoris/surgery. Vulva/surgery. Genitalia, female/surgery.

 

Ninfoplastia: classificação e refinamentos técnicos

Fábio Inácio da Cunha; Lúcio Marques da Silva; Laudicély de Araújo Costa; Flávia Roberta Paes Vasconcelos; Giuliano Trombetta Amaral
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(3):507-511 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: A hipertrofia dos pequenos lábios traz problemas estéticos e de comprometimento do comportamento íntimo e social. As técnicas existentes, via de regra, propõem excisão do excesso de tecido e reaproximação das bordas; entretanto, diferenças anatômicas são comuns e, frequentemente, observa-se hipertrofia do prepúcio do clitóris associada a aumento dos pequenos lábios. Essas alterações, se não tratadas adequadamente, limitam o resultado, podendo produzir sequelas estéticas e funcionais. Este trabalho propõe uma classificação dos tipos de hipertrofia, com tratamento diferenciado para cada um deles, além de refinamentos técnicos na abordagem da hipertrofia dos pequenos lábios. Métodos: Estudo retrospectivo de 20 casos de plástica genital feminina, realizada no Centro de Cirurgia Plástica de Brasília e Hospital das Forças Armadas, no período de junho de 1999 a março de 2008. As pacientes foram classificadas em três grupos, de acordo com o grau e a localização da hipertrofia dos pequenos lábios. Resultados: As pacientes mostraram-se muito satisfeitas com o aspecto estético proporcionado pela cirurgia. Não foram verificadas complicações relacionadas aos procedimentos realizados. Todas as pacientes foram submetidas a tratamento cirúrgico dos pequenos lábios de acordo com o protocolo proposto pelos autores, baseado no tipo de hipertrofia. Conclusões: Os procedimentos cirúrgicos realizados, propostos de acordo com a classificação da hipertrofia dos pequenos lábios, permitiram a obtenção de resultados estéticos e funcionais satisfatórios, proporcionando à paciente oportunidade de redução do excesso dos pequenos lábios e do prepúcio do clitóris, sem criar estigmas cirúrgicos ou diminuição da sensibilidade, não prejudicando, portanto, a função sexual.

Palavras-chave: Vulva/cirurgia. Clitóris/cirurgia. Procedimentos cirúrgicos em ginecologia/métodos.

 

ABSTRACT

Background: Hypertrophy of the labia minora is a functional and esthetic problem that can have a significant impact on quality of life. Current surgical procedures are based on the excision of excess tissue and reconnection of the edges. However, anatomical alterations associated with labial hypertrophy such as hypertrophy of the foreskin of the clitoris are common, and, if not treated properly, may limit the results of surgery and cause esthetic and functional sequelae. The present report proposes a classification of the different types of hypertrophy and recommended treatments, and describes refinements in the labia minora reduction techniques. Methods: A total of 20 female genital plastic surgery cases from the Center for Plastic Surgery of Brasilia and at Hospital das Forças Armadas from June 1999 to March 2008 were retrospectively reviewed. Patients were classified into three groups according to the degree and location of labia minora hypertrophy. Results: The patients were satisfied with the esthetic results of surgery. No complications were reported, and all patients underwent surgery of the labia minora in accordance with the protocol proposed by the authors and based on hypertrophy type. Conclusions: The surgical procedures reviewed in this study were based on the classification of labia minora hypertrophy. Satisfactory esthetic and functional results were obtained, thus providing new methods for the surgical reduction of labia minora and foreskin of the clitoris without surgical stigma or reduction of sensitivity and no effects on sexual function.

Keywords: Vulva/surgery. Clitoris/surgery. Gynecologic surgical procedures/methods.

 

Rotina de treinamento laboratorial em microcirurgia do Instituto Nacional do Câncer

Diogo Almeida Lima; Mário Sérgio Lomba Galvão; Marcelo Moreira Cardoso; Paulo Roberto de Albuquerque Leal
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(1):141-149 - Artigo Especial

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

A microcirurgia é uma técnica na qual se realiza cirurgia sob magnificação óptica em vasos de diâmetro < 3 mm. Jacobson e Suarez, em 1960, foram os primeiros a utilizar o termo microcirurgia para descrever anastomoses experimentais de vasos com calibre entre 1 mm e 2 mm, sendo a origem da moderna prática microvascular creditada a eles. Desde então, foram desenvolvidos e publicados diversos tipos de transferência microvascular de tecidos para reparo de grandes defeitos corporais e ocorreu intensa modernização do poder óptico e do design dos instrumentos. Apesar dessa evolução, a prática laboratorial é indispensável e permite ao cirurgião alcançar a habilidade necessária à realização da técnica de microanastomoses. Nesse contexto, este artigo apresenta a rotina de treinamento em microcirurgia realizada no Laboratório de Microcirurgia Experimental do Instituto Nacional do Câncer (Rio de Janeiro, RJ, Brasil).

Palavras-chave: Microcirurgia. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos. Capacitação. Cirurgia plástica.

 

ABSTRACT

Microsurgery is a technique in which the surgery is performed under optical magnification in vessels with a diameter of less than 3 mm. In 1960, Jacobson and Suarez first used the term "microsurgery" to describe the experimental anastomosis of vessels with a caliber between 1 and 2 mm, which is considered as the origin of the modern microvascular practice. Since then, several types of microvascular tissue transfer techniques for the repair of large body defects have been developed and published, accompanied by significant advances in optical imaging technologies and instrument design. Despite this technical progress, laboratory practice is essential and enables the surgeon to acquire the ability to master the microanastomosis technique. The present study describes the microsurgery training program of the Laboratory of Experimental Microsurgery of the National Cancer Institute (Rio de Janeiro, RJ, Brazil).

Keywords: Microsurgery. Reconstructive surgical procedures. Training. Plastic surgery.

 

Tratamento cirúrgico de retrações axilares e mentotorácica com zetaplastia

Chreichi Lopes de Oliveira, Alc ides Martins Arruda, Gilberto de Carvalho Reis Filho, Lucilene dos Santos, Rodrigo Anache Anbar
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(1):213-216 - Relatos de Caso

PDF Português

RESUMO

Introdução: As queimaduras de espessura total e suas sequelas permanecem como uma das mais complexas doenças com que o cirurgião plástico tem se deparado nos tempos atuais. As sequelas pós-queimadura de espessura total, nas regiões mento-torácica e axilares, sempre levam a retrações, determinando grandes alterações funcionais e estéticas. A correção destas deformidades ainda se constitui num dilema da medicina atual. A operação de Zetaplastia é uma ferramenta essencial e poderosa do arsenal do cirurgião para a reconstrução de queimadura. Relato de caso: Os autores descrevem um caso de sequela de queimadura extensa em paciente do sexo masculino, de 8 anos, com retrações axilares e mento-torácica, tratado com a técnica de zetaplastia, que demonstrou mais uma vez sua eficácia e versatilidade no tratamento dessas sequelas.

Palavras-chave: Queimaduras. Contratura/cirurgia. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

Introduction: The full-thickness burns and their deformities remain as one of the most complex diseases to which the plastic surgeon has encountered in current times. The full-thickness deformity post burn, in the axillary and chest-ment, always lead to retractions, causing some major function and aesthetic changes. The correction of these deformities is still a dilemma of current medicine. The operation of Zetaplastia is an essential and powerful arsenal of the surgeon for the post burn reconstruction. Case report: The authors describe a case of sequelae of extensive burn in male, 8 years, with axillary and chest-ment retractions, which was treated with the technique of zetaplasty, once again demonstrating its effectiveness and versatility in the treatment of burn sequelae.

Keywords: Burns. Contracture/surgery. Reconstructive surgical procedures.

 

Variação da técnica ninfoplastia com uso de haste metálica para maior simetria

Paulo Roberto da Silva Mendes; Carlo Mognon Mattiello; Miguel Angel Rodriguez Silva; Gustavo Palmeiro Walter; Jorge Bins Ely
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.1):145-147 - Membro Superior e Inferior

PDF Português

RESUMO

INTRODUÇÃO: O rejuvenescimento vaginal e a labioplastia vêm crescendo em popularidade entre pacientes e cirurgiões plásticos. A preocupação da mulher com o aspecto da genitália não é um problema meramente estético e muitas pacientes buscam tratamento por dificuldades funcionais e psicológicas associadas. Há diversas técnicas descritas com suas variações, sendo atribuída ao cirurgião a escolha da melhor técnica para cada caso. OBJETIVO: Relatar uma variação da técnica de excisão simples para correção da hipertrofia dos pequenos lábios, utilizando instrumento cirúrgico desenvolvido pelo próprio autor, com intuito principal de manter a simetria da genitália. MÉTODOS: Descrição da técnica utilizando haste aço inoxidável, de 1 mm de espessura e 17 cm de comprimento, para realização de labioplastia. Todos os casos eram oriundos do Sistema Único de Saúde e avaliados e operados pelo Serviço de Cirurgia Plástica e Queimados do Hospital Universitário (HU) da UFSC no período fevereiro 2012 até março 2017. Todas foram operadas sob anestesia geral ou bloqueio regional. As pacientes foram avaliadas no pós-operatório quanto à simetria, satisfação e complicações. RESULTADOS: Foram selecionados e operados um total de 15 pacientes. A média de idade foi 34,4 anos, o índice de massa corporal (IMC) foi 21,8, o tempo médio de seguimento foi 32 meses. De maneira geral, tivemos bons resultados estéticos, principalmente no que concerne à simetria - pela avaliação subjetiva do cirurgião e dos pacientes - com baixo índice de complicações. CONCLUSÃO: A labioplastia utilizando a haste metálica como guia permitiu a obtenção de bons resultados estéticos (simetria, sem alterações da pigmentação) e funcionais, resultando em boa satisfação tanto dos pacientes quanto da equipe médica, podendo ser ferramenta útil nessas cirurgias.

Palavras-chave: Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Clitóris; Vulva.

 

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons