ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Showing of 1 until 20 from 27 result(s)

Search for : Breast implant; Polyurethanes; Capsular contracture of implants; Seroma

The quilting suture's efficiency in breast reconstruction with transverse rectus abdominis myocutaneous (TRAM) flap plus prolene mesh

Rosely Moraes Gonçalves de Moura; Francisco José Fontenele Bezerra
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(3):153-157 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: The TRAM flap in breast reconstruction is the best surgery technique when using autogenous tissue although the seroma's formation at abdominal donor site area still remains a problem to be solved. Methods: In this prospective study, 20 patients with T1 to T2 breast cancer were submitted to immediate breast reconstruction with TRAM flap plus prolene mesh at abdominal donor site area. The authors had evaluated the quilting suture's efficiency to prevent seroma after breast reconstruction and the role of suction drainage when combined with quilting sutures to prevent seroma's formation at donor site area.

Keywords: Surgical flaps. Seroma. Mammaplasty. Reconstructive surgical procedures.

 

RESUMO

Introdução: O retalho miocutâneo transverso do reto abdominal (TRAM) constitui-se a opção cirúrgica de eleição nas reconstruções mamárias com tecidos autógenos, porém o seroma na área doadora do retalho ainda apresenta-se como uma complicação freqüente. Método: Neste estudo prospectivo de 20 pacientes com câncer de mama (T1 e T2) submetidas a reconstrução com TRAM mais tela cirúrgica sintética não-absorvível (polipropileno), os autores avaliaram a eficácia dos pontos de adesão na eliminação do seroma quando empregados no retalho cutâneo abdominal. Conclusão: Concluiu-se ser esse método uma maneira efetiva de eliminar a formação de seroma e excluir a necessidade de dreno de sucção abdominal.

Palavras-chave: Retalhos cirúrgicos. Seroma. Mamoplastia. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

The use of adhesion sutures to minimize the formation of seroma following mastectomy with immediate breast reconstruction

Marcela Caetano Cammarota; Ismar Ribeiro Junior; Rafael Quaresma de Lima; Conrado Miranda de Almeida; Luciano Gomes de Moura; Leonardo Martins Costa Daher; Daniel Augusto dos Santos Soares; Milena Carvalho Almeida Galdino; José Carlos Daher; Fabrício Tavares Mendonça
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(2):158-165 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Breast cancer is the most common cancer among women in Brazil. With the advent of immediate breast reconstruction, several techniques with many benefits for patients were introduced, including the use of alloplastic materials. A seroma is a frequent complication in all surgical procedures, and several methods have been developed to prevent it, which include the use of vacuum suction drains and adhesion sutures, as proposed by Baroudi. This study aims to demonstrate the advantages of the use of adhesion sutures between subcutaneous tissue and the muscle flap in breast reconstruction using implants or expanders after mastectomy. METHODS: Patients who underwent breast reconstruction using implants or expanders after mastectomy were followed up for 5 months . Patients were divided into a control group treated without adhesion sutures, and a Baroudi group treated with adhesion sutures. RESULTS: A statistically significant difference was observed with the use of adhesion sutures, with a lower incidence of seroma, reduced drain permanence, less need to return to the clinic, and faster recovery. There was no increase in surgical complications. CONCLUSION: The use of adhesion sutures in breast reconstruction is an effective option that reduces the occurrence of seroma and associated complications, resulting in faster recovery and return to normal activities.

Keywords: Mastectomy; Seroma; Postoperative complications; Drainage; Prostheses and implants.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: O câncer de mama é o tipo mais frequente de câncer entre as mulheres no Brasil. Com o advento das reconstruções mamárias imediatas, várias técnicas começaram a ser utilizadas. O uso de materiais aloplásticos é uma delas e, quando bem indicados, trazem inúmeros benefícios às pacientes. O seroma é uma complicação cirúrgica frequente e comum em todos procedimentos cirúrgicos, e, para preveni-lo, várias opções são conhecidas, como o uso de drenos de sucção a vácuo e os pontos de adesão propostos por Baroudi. Visamos demonstrar o benefício dos pontos de adesão entre o tecido subcutâneo resultante da mastectomia e o retalho muscular nas reconstruções mamárias com uso de próteses ou expansores. MÉTODOS: Foram selecionadas pacientes submetidas à reconstrução mamária após mastectomia, com uso de próteses ou expansores num período de 5 meses. Foram formados dois grupos, sendo o grupo controle as pacientes em que não foram utilizados os pontos de adesão, e o grupo Baroudi composto pelas pacientes em que os pontos de adesão foram utilizados. RESULTADOS: Encontramos um resultado estatisticamente significante no uso dos pontos de adesão, levando a menor ocorrência de seroma e tempo de permanência do dreno menor, bem como menor necessidade de retornos ao consultório e recuperação mais rápida. Não houve aumento das complicações cirúrgicas. CONCLUSÃO: O uso dos pontos de adesão para reconstrução de mama é uma opção eficaz que reduz a ocorrência de seroma e as complicações associadas a ele, proporcionando uma retomada mais rápida às atividades habituais das pacientes.

Palavras-chave: Mastectomia; Seroma; Complicações pós-operatórias; Drenagem; Próteses e implantes.

 

Complications of lipoabdominoplasty without Scarpa fascia preservation versus classic abdominoplasty: a prospective blind study

JOÃO MAXIMILIANO; ANTONIO CARLOS OLIVEIRA; CIRO PAZ PORTINHO; MAURICIO FARENZENA; MATHEUS REIS; TULIO SERRANO; DIEGO DULLIUS; MARCUS VINICIUS MARTINS COLLARES
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(1):15-22 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Abdominoplasty is among the most commonly performed surgical procedures. Seroma is the most common local complication associated with abdominoplasty, with an average incidence of 10%. The highest incidence of postoperative (PO) seroma occurs on the eleventh postoperative day (POD). Abdominal ultrasound is the method of choice for diagnosing seroma after abdominoplasty. New techniques have emerged aiming to improve aesthetic results with fewer complications, such as lipoabdominoplasty described by Saldanha. However, recent anatomical studies have questioned the need for Scarpa fascia preservation recommended in the lipoabdominoplasty technique, describing that around 90% of the abdominal lymphatic system is in the subdermal plane, while the other 10% is in a deep lymphatic system near the abdominal aponeurosis. The objective is to compare the incidence of seroma in lipoabdominoplasty without Scarpa fascia preservation to that in classic abdominoplasty.
Methods: Prospective blinded cohort in which 40 consecutive patients who underwent abdominoplasty without associated liposuction (n = 20) or lipoabdominoplasty (n = 20) at the Hospital de Clínicas of Porto Alegre between April 2016 and May 2017 were analyzed. All patients underwent abdominal wall ultrasonography on the tenth POD.
Results: The incidence of seroma was 5% (n = 1) in the classic abdominoplasty group and 10% (n = 2) in the lipoabdominoplasty group, with no statistical difference.
Conclusion: These results showed no statistically significant intergroup difference in seroma development.

Keywords: Abdominoplasty; Seroma; Lipectomy; Lipodystrophy; Body contouring.

 

RESUMO

Introdução: Abdominoplastia é um dos procedimentos cirúrgicos estéticos mais realizados. Seroma é a complicação local mais comum associada com abdominoplastia, com uma incidência média de 10%. A maior incidência de seroma pós-operatório (PO) ocorre no décimo primeiro dia PO. Ecografia abdominal é o método de escolha para o diagnóstico de seroma após abdominoplastia. Novas técnicas surgiram ao longo dos anos na tentativa de trazer melhores resultados estéticos com menos complicações, como lipoabdominoplastia descrita por Saldanha. Porém, estudos anatômicos recentes questionam a necessidade da manutenção da fáscia de Scarpa descrita na técnica de lipoabdominoplastia, descrevendo que em torno de 90% do sistema linfático abdominal está no plano subdérmico e 10% em um sistema linfático profundo justa-aponeurose abdominal. O objetivo é comparar a incidência de seroma na lipoabdominoplastia sem preservação da fáscia de Scarpa com a abdominoplastia clássica.
Métodos: Coorte prospectiva, cega na qual serão analisados 40 pacientes consecutivos que realizaram abdominoplastia sem lipoaspiração associada (n = 20) ou lipoabdominoplastia (n = 20) no Hospital de Clínicas de Porto Alegre entre abril de 2016 e maio de 2017. Todos foram submetidos à ecografia de parede abdominal no 10o dia PO.
Resultados: A incidência de seroma foi de 5% (n = 1) no grupo de abdominoplastia clássica e de 10% (n = 2) no grupo de lipoabdominoplastia, sem diferença estatística.
Conclusão: Estes resultados, neste grupo de pacientes, mostram que não houve diferença estatística entre os dois grupos.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Seroma; Lipectomia; Lipodistrofia; Contorno corporal

 

Ronaldo Pontes block abdominoplasty technique

Leonardo Xavier Braga; Arthur Casolari Araújo Mansur David; Ricardo Ariel Kam; Rafael De Olivera Lopes; Gisela Hobson Pontes
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(4):452-457 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Abdominoplasty involves not only aesthetic characteristics but abdominal wall structural reconstruction. This study aimed to illustrate the authors' experience with abdominoplasty, focusing on the scar's aesthetic results and the evolution of application of the block resection technique of Professor Ronaldo Pontes (RP).
Methods: The study included a series of retrospective cases of 124 patients treated between March 2014 and March 2017 who underwent RP block abdominoplasty.
Results: In our studies, a minimal incidence of complications and a small number of healing alterations were noted with the RP block technique compared to those found in the literature.
Conclusion: A técnica descrita e suas variantes atendem a necessidade de diversos tipos de casos e garantem cirurgias seguras e eficazes, com resultados muito satisfatórios, sendo uma técnica reprodutível.

Keywords: Abdominoplasty; Seroma; Hematoma; Hypertrophic scar; Keloid.

 

RESUMO

Introdução: Abdominoplastia é um procedimento não apenas com características estéticas, mas também de reconstrução estrutural da parede abdominal. O objetivo do trabalho é mostrar a experiência dos autores em abdominoplastias, enfocando nos resultados estéticos da cicatriz e a evolução destes pacientes, aplicando as técnicas de ressecção em bloco do Professor Ronaldo Pontes (RP).
Métodos: O estudo foi uma série retrospectiva de casos de 124 pacientes, entre março de 2014 a março de 2017, submetidos à abdominoplastia em bloco pela técnica RP.
Resultados: Na nossa casuística, demonstrou-se uma mínima incidência de complicações encontradas com a técnica em Bloco RP, em comparação às encontradas na literatura, e, também, demonstrou um número pífio de casos de alterações na cicatrização.
Conclusão: A técnica descrita e suas variantes atendem a necessidade de diversos tipos de casos e garantem cirurgias seguras e eficazes, com resultados muito satisfatórios, sendo uma técnica reprodutível.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Seroma; Hematoma; Cicatriz hipertrófica; Queloide

 

A review of abdominoplasty technique with reduced dissection and fixation with Baroudi sutures

Julio Alberto Soncini; Ricardo Baroudi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(2):166-171 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: A retrospective study was carried out on 500 abdominoplasties with lower pubic transverse incision combined with liposuction, performed from 2007 to 2014. In all cases, the dissection of the abdominal skin flap was restricted, with adhesion sutures applied throughout the dissected regions. The use of vacuum suction drains was also evaluated. In 33% of cases, these drains were not used, but no signs of seroma were detected, proving the efficacy of adhesion sutures. METHODS: In all abdominoplasties, the access route was the lower transverse pubic region extended up to the level of the anterior superior iliac spines bilaterally, combined with liposuction in the adjacent regions. After the dissection, plication of the rectus muscles, and resection of excess skin, adhesion sutures were applied throughout the dissected regions. RESULTS: The systematic use of adhesion sutures was efficient, without the need to use drains, given the absence of seroma in all cases. CONCLUSION: In lower pubic transverse abdominoplasty, limited dissection of the cutaneous flap extended up to the xiphoid, combined with adhesion sutures and liposuction, avoided the use of vacuum drains; no seroma developed, and the results were good.

Keywords: Abdominoplasty; Liposuction; Tissue adherence; Suction drainage; Seroma; Surgical flaps.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: Um estudo retrospectivo foi realizado em 500 abdominoplastias tipo incisão transversal pubiana baixa, combinada com lipoaspiração de 2007 a 2014. Em todas, a dissecção do retalho cutâneo abdominal foi restrita, em que foram aplicados pontos de adesão em toda a extensão das regiões dissecadas. Foi ainda avaliado o uso ou não de drenos de sucção a vácuo. Em 33% dos casos não foram utilizados estes drenos e não foram também detectados sinais de seroma, comprovando a eficácia dos pontos de adesão. MÉTODOS: Em todas as abdominoplastias a via de acesso foi da região pubiana transversal baixa estendida até o nível das espinhas ilíacas anterossuperiores bilateralmente, associada à lipoaspiração nas regiões dos flancos. Após a dissecção, plicatura dos músculos retos e ressecção dos excessos cutâneos, foram aplicados pontos de adesão em toda a extensão das regiões dissecadas. RESULTADOS: A conduta com o uso sistemático dos pontos de adesão demonstrou ser eficaz, sem a necessidade do uso de drenos de qualquer natureza dada a inexistência de seroma em todos os casos operados. CONCLUSÃO: Nas abdominoplastias tipo pubiana transversal baixa, a dissecção limitada do retalho cutâneo estendida até o apêndice xifoide, associada a pontos de adesão e lipoaspiração concomitante, tem dispensado o uso de drenos a vácuo, sem a existência de seroma, além de determinar resultados gratificantes.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Lipoaspiração; Aderências teciduais; Drenagem por sucção; Seroma; Retalhos cirúrgicos.

 

Comparative study between abdominoplasty with suction drainage and without suction drainage but using adhesion stitches

Antonio Juliano Trufino
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(4):522-532 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Abdominoplasty is one of the most common procedures performed by plastic surgeons. The goal of this study is to evaluate the outcome and the occurrence of complications in patients undergoing abdominoplasty using the en bloc resection technique, and to look for differences in evolution when a drain is used or is replaced with adhesion stitches. METHODS: A prospective study was conducted on 34 female patients undergoing abdominoplasty. These were alternately placed into 2 groups: in one group suction drains were used, and in the other these were replaced with adhesion stitches. RESULTS: Among all the cases, there was some degree of scar widening in 14.7% of patients. When analyzed by group, those who received drains had a higher incidence (23.53%) comparing to those who received adhesion stitches (5.88%). One patient had superficial vein thrombosis of the lower limbs with a good outcome. Three cases of seroma were diagnosed, all of them in the group using drains. These represent 8.82% of the entire study and 17.64% of the specific group. The aesthetic result was considered good by 94.12% of all patients. CONCLUSIONS: The en bloc resection abdominoplasty technique proved to be safe, easy to perform, assured good aesthetical results and had similar complication rates when compared to other techniques. The adhesion stitches were effective for preventing complications in this study.

Keywords: Abdominoplasty; Postoperative Complications; Seroma; Scars.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A abdominoplastia é um dos procedimentos mais comumente realizados por cirurgiões plásticos. O objetivo do estudo foi avaliar a evolução e a ocorrência de complicações em pacientes submetidos à abdominoplastia pela técnica de ressecção em bloco, e observar se existe alguma diferença na evolução com a utilização de dreno ou de pontos de adesão. MÉTODOS: Foi realizado um estudo prospectivo de 34 pacientes do sexo feminino, submetidas à abdominoplastia. Foram divididas em dois grupos alternadamente; em um deles foi utilizado dreno de aspiração a vácuo e no outro não, mas estes últimos receberam pontos de adesão. RESULTADOS: Do total operado, houve algum grau de alargamento da cicatriz em 14,7% dos casos. Quando avaliado separadamente por grupo, aqueles que foram drenados tiveram incidência maior (23,53%) em comparação com os que receberam pontos de adesão (5,88%). Ocorreu um caso de trombose de veias superficiais de membros inferiores, com boa evolução. Foram diagnosticados três casos de seroma, todos no grupo com dreno. Eles representaram 8,82% do total estudado e 17,64% dos casos deste grupo. O resultado estético foi considerado muito bom por 94,12% das pacientes estudadas. CONCLUSÕES: A técnica de ressecção em bloco se mostrou segura, de fácil execução, com bons resultados estéticos e índices de complicações semelhantes às outras técnicas descritas na literatura. Os pontos de adesão foram eficazes na prevenção de complicações neste estudo.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Complicações pós-operatórias; Seroma; Cicatriz.

 

Using Baroudi-Ferreira's technique to closure latissimus dorsi's flap donor site

Francisco José Fontenele Bezerra, Rosely Moraes Gonçalves de Moura
Rev. Bras. Cir. Plást. 2007;22(2):103-106 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: As the incidence of seroma in latissimus dorsi flap donor site remains a common problem after raising the muscle for breast reconstruction, we describe a modified method of quilting the donor site flaps (Baroudi-Ferreira's Technique). Results: This technique was applied in a serie of 30 patients since March 2006, resulting in early remotion of postoperative drainage and zero incidence of donor site seroma after its remotion. Conclusion: Thus, we recommend this method to coleagues who performing this surgery.

Keywords: Mastectomy. Breast neoplasms. Seroma. Postoperative complications. Drainage. Surgical flaps

 

RESUMO

Introdução: A morbidade e as complicações decorrentes do surgimento de seroma, no pós-operatório de reconstrução mamária com retalho do músculo latíssimo do dorso, foram determinantes na escolha da Técnica de Baroudi-Ferreira pelos autores, a partir de março de 2006. Resultados: Em 30 pacientes operados, houve acentuada diminuição do número de dias de utilização de dreno de sucção (também utilizados para região da mama e axila) e ausência de formação de seroma após a retirada do mesmo. Conclusão: Sugerimos, então, adoção da técnica nas reconstruções mamárias incluindo o músculo latíssimo do dorso.

Palavras-chave: Mastectomia. Neoplasias mamárias. Seroma. Complicações pós-operatórias. Drenagem. Retalhos cirúrgicos

 

Incidence of Hematoma and Seroma in Abdominoplasty with and without the Use of Drains

Márcio Vinicius Nurkim, Letícia B. de Mendonça, Pedro Alexandre da Motta Martins, Jefferson Luis Braga da Silva, Pedro D. E. Martins
Rev. Bras. Cir. Plást. 2002;17(1):69-74 - Articles

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Based on the experience with 69 patients submitted to abdominoplasty, the authors compare the use of capillary tubes, suction drains and not using drains in the postoperative period as to the effictiveness in preventing hematomas and seromas under the abdominal flap. They also study the association of these fluid collections with known risk factors. They describe the indications and surgical technique employed in their cases and compare results obtained with data available in literature.

Keywords: Abdominoplasty; dermolipectomy; hematoma; seroma; drains

 

RESUMO

Os autores, baseados na experiência de 69 pacientes submetidos a abdominoplastia, comparam a utilização de dreno de capilaridade, de sucção e a não utilização de drenos no pós-operatório quanto à eficácia na prevenção da formação de hematomas e seromas sob o retalho abdominal, bem como estudam a associação dessas coleções com fatores de risco conhecidos. Descrevem as indicações e técnica cirúrgica empregadas em sua casuística e comparam seus resultados com dados presentes na literatura.

Palavras-chave: Abdominoplastia; dermolipectomia; hematoma; seroma; drenos

 

A report on complications of breast implantation: evaluation of 546 cases in 8 years

Raquel Eckert Montandon
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(3):352-360 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Breast augmentation implant surgery is one of the most frequently performed plastic surgery procedures; however, it can be challenging because of its associated complications. METHOD: We conducted a retrospective study of 546 patients operated on in eight years (May 2004 to May 2012). These patients underwent breast augmentation, alone or in association with mastopexy or breast reduction. RESULTS: In this study, 84.8% textured and 15.2% polyurethane prostheses, with 91.7% deployed in the subglandular plane and 8.24% in the submuscular plane, were used. We investigated the occurrence of contracture (3.3%), seroma (2.7%), ptosis (2.7%), and infection (0.6%). Most contractures occurred 5 years after surgery and only in textured prostheses, which had a longer follow-up (4.2 years for textured implants vs. 1.7 years for polyurethane implants). There was a higher frequency of ptosis in textured implants and of infection in polyurethane implants. Only patients with textured prostheses showed contractures in the observed period. Concerning the deployment plane, seroma was more frequently observed in submuscular implants. More complex procedures showed a higher rate of complications. Polyurethane implants were associated with increased infection rates, whereas textured implants resulted in ptosis and seroma; however, there were no differences in contracture rates. All cases of infection occurred in patients who received reduction mammoplasty with polyurethane prostheses and were caused by common germs, with no cases of mycobacterial infection. CONCLUSIONS: Contractures and ptosis uniquely occurred in textured prostheses in the shortest follow-up time. Infection occurred only in polyurethane prostheses. Mastopexies and reduction mammoplasties showed a progressively higher rate of complications.

Keywords: Breast implant; Polyurethanes; Capsular contracture of implants; Seroma.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: O implante de próteses mamárias é uma das cirurgias mais frequentes e desafiadoras da cirurgia plástica, devido às complicações associadas. MÉTODO: Foi realizado um estudo retrospectivo de 546 pacientes operadas em oito anos (maio de 2004 a maio de 2012), sendo estudadas todas as pacientes submetidas à inclusão de próteses mamárias, isoladamente ou associadas à mastopexia ou mamoplastia redutora. RESULTADOS: Foram utilizadas próteses texturizadas em 84,8% e poliuretano, em 15,2%, com plano de implantação subglandular em 91,7% e submuscular, em 8,24%. Foram estudados: contratura (3,3%), seroma (2,7%), ptose (2,7%) e infecção (0,6%). A maioria das contraturas surgiu cinco anos após a cirurgia e apenas nas próteses texturizadas, que tiveram tempo de seguimento maior (4,2 anos, nas próteses texturizadas versus 1,7 ano nas de poliuretano). Houve maior frequencia de ptose nas texturizadas e de infecção, nas de poliuretano. Somente apresentaram contraturas pacientes com próteses texturizadas no período observado. Comparando-se o plano de implantação, o seroma foi mais frequente nas submusculares. Considerando-se a complexidade do procedimento, houve aumento do índice de complicações: nas implantadas com poliuretano, aumentou o índice de infecção; nas texturizadas, de ptose e seroma, mas não houve diferenças quanto à contratura. Todos os casos de infecção ocorreram em mamoplastias redutoras com próteses de poliuretano e foram causados por germes comuns, sem casos de micobactérias. CONCLUSÕES: Contraturas e ptose foram exclusivas em próteses texturizadas, no tempo de seguimento mais curto. Infecção apenas ocorreu em próteses de poliuretano. As mastopexias e mamoplastias redutoras apresentaram um índice progressivamente mais alto de complicações.

Palavras-chave: Implante mamário; Poliuretanos; Contratura capsular de implantes; Seroma.

 

Prevention of Seroma in Lipossuction Associated Abdominoplasty Without Active Drainage

Everardo Abramo de Oliveira, Fabiana Valera, André Luís Rosenhaim Monte, Carlos López
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(1):41-47 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Objective: We present in this study our experience with lipoabdominoplasty, demonstrating the economic dissection and the Baroudi's stiches importance on prevention of seroma, without use of suction drains in the last four years. Methods: Retrospective comparative study of cases, from January of 1999 to January of 2003, including patients submitted to abdominoplasty associated or not with abdominal lipossuction, with or without close drainage and Baroudi's stiches. Results: The 58 patients submitted to abdominoplasty, 56 were female and two male, with the age between 29 and 73 years. According to statistical analysis, we evidence that we were gradualy removing the suction drains, where 48.3% of the patients had been drained and 51.7% had not. The incidence of seroma was 15.5% (9 cases). In the patients with Baroudi's stiches and without suctions drains (30 patients) in only one occurred seroma. Conclusion: The restricted undermining of supraumbilical flap and its fixation to the aponeuroses, reducing the dead space and consequently the seroma in liposuction associated cases, when the active drains can be now dispensable.

Keywords: Abdomen/surgery. Lipectomy. Seroma.

 

RESUMO

Objetivo: Apresentamos, neste trabalho, nossa experiência em abdominoplastia associada à lipoaspiração, visando a demonstrar a importância de um descolamento reduzido e o uso dos pontos de adesão descrito por Baroudi, na prevenção de seromas, sendo dispensável a utilização de drenagem a vácuo. Método: Estudo comparativo retrospectivo de casos, referente ao período de janeiro de 1999 a janeiro de 2003, abrangendo pacientes submetidos a abdominoplastia associada ou não a lipoaspiração, nos quais utilizamos ou não drenagem fechada e pontos de Baroudi. Resultados: Dos 58 pacientes operados neste período, 56 eram do sexo feminino e 2 do sexo masculino, com faixa etária entre 29 e 73 anos. Segundo o levantamento estatístico, constatamos que fomos gradativamente retirando os drenos a vácuo, sendo que 48,3% dos pacientes ainda foram drenados e 51,7% não foram drenados. A incidência de seroma foi de 15,5% (9 casos). Nos pacientes em que foram realizados pontos de Baroudi sem drenagem ativa (30 pacientes), em apenas um ocorreu seroma. Não houve diferença estatística entre o uso ou não de drenos e a associação da lipoaspiração frente à incidência de complicações. Conclusão: Nessa casuística, demonstramos a importância de um descolamento reduzido do retalho supra-umbilical e a fixação deste à aponeurose, reduzindo-se o espaço morto e, conseqüentemente, o seroma, principalmente nos casos associados à lipoaspiração, sendo dispensável o uso de drenos ativos.

Palavras-chave: Abdome/cirurgia. Lipectomia. Seroma .

 

Comparison of the rate of seroma between conventional and inverted T abdominoplasty in post-bariatric patients

Luciano Sales de Souza; Márcio Naoki Harada; Elisa Maria Capitian Bolognani
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(1):78-86 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: The earliest descriptions of abdominoplasties date back to the early 20th century and have been unchanged over time. However, only within the last three decades have there been major advances and innovations in the technique, largely because of the rising popularity of bariatric surgery. In certain patients, we observed a higher incidence of complications, including seroma development. The objective is to evaluate and compare the incidence of seroma between two abdominoplasty techniques, conventional and inverted T, in post-bariatric patients. METHODS: We retrospectively analyzed the records of 30 patients with a history of bariatric surgery and body mass index (BMI) less than 30 who underwent abdominoplasty by a single surgeon between February 2009 and March 2015. Of these, 15 patients were treated by the conventional technique (conventional group), while the other 15 patients were treated by the inverted T technique (Inverted T group). During the postoperative clinical follow-up, the occurrence of seroma and other complications was assessed. RESULTS: Thirty female patients with a mean age of 36 years, mean weight of 70 kg and a mean BMI of 25 kg/m2, without significant differences between groups, were studied. The overall occurrence of seroma in the study was 23%. A statistically significant difference (p = 0.04) was observed between the conventional group, in which six patients (40%) developed seroma, compared to the anchor group, in which one patient (6.7%) developed seroma. Dehiscence was observed, with no significant difference in occurrence between the two groups. CONCLUSION: The incidence of seroma was higher in patients who underwent conventional abdominoplasty compared to those who underwent inverted T abdominoplasty.

Keywords: Seroma; Abdominoplasty; Abdominoplasty/adverse effects; Bariatric surgery.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: As primeiras descrições de abdominoplastias remontam do início do século XX, sendo pouco modificadas no decorrer do tempo. Porém, somente nas últimas três décadas, devido à popularidade da cirurgia bariátrica, houve grandes avanços e inovações na técnica. Com esse paciente peculiar, notamos uma maior incidência de complicações, dentre elas o seroma. O objetivo é avaliar e comparar a ocorrência de seroma entre duas técnicas de abdominoplastia, convencional e em âncora, nos pacientes pós-bariátricos. MÉTODOS: Estudo retrospectivo, de um único cirurgião, na qual 30 pacientes com história de cirurgia bariátrica e IMC (Índice de Massa Corporal) menor que 30 foram submetidas à abdominoplastia, entre o período de fevereiro de 2009 a março de 2015, sendo 15 pacientes operadas pela técnica convencional (Grupo convencional) e 15 pela técnica em âncora (Grupo em âncora). No seguimento clínico pós-operatório, foi investigada a ocorrência de seroma e outras complicações. RESULTADO: Foram estudadas 30 pacientes do sexo feminino com idade média de 36 anos, peso médio de 70 Kg e IMC médio de 25 Kg/m2, sem diferenças significativas entre os grupos. A ocorrência global de seroma no estudo foi de 23%. Foi observado uma diferença estatisticamente significante (p = 0,04) entre os grupos convencional, seis pacientes (40%), em relação ao grupo em âncora, um paciente (6,7%). Foi observada a ocorrência de deiscência, sem diferença significativa entre os grupos. CONCLUSÃO: A incidência de seroma foi maior naquelas pacientes submetidas à abdominoplastia convencional em relação à abdominoplastia em âncora.

Palavras-chave: Seroma; Abdominoplastia; Abdominoplastia/efeitos adversos; Cirurgia bariátrica.

 

Late seroma after silicone breast implants: three different forms of presentation, evolution, and approach

Talita Franco; Diogo Franco
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(2):247-252 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

BACKGROUND: Late seromas after augmentation mammaplasty are uncommon, can manifest without a defined cause, and can be treated by implant removal or replacement. This study aimed to analyze three cases of this complication that occurred 1-10 years postoperatively and were treated differently. METHODS: Data of three patients who developed late seroma after breast implant placement were analyzed. In this report, we present data on the indication for implant placement, time without complications, implant type, and the analytical results of the removed or drained material. RESULTS: Two patients underwent bilateral implant removal, although only one side was affected, and the implant was replaced with another of the same type and volume in the third patient. One case of sterile pus was diagnosed. CONCLUSIONS: Before undergoing breast implant surgery, patients should be informed of the implications of their decisions, such as the possible need to remove or replace them, resulting in more surgical procedures and/or new scars.

Keywords: Breast implantation/adverse effects. Seroma. Breast/surgery. Mammaplasty.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: Os seromas tardios após mamoplastia de aumento são ocorrências pouco comuns, que podem se manifestar sem causa definida e cujo tratamento implica a retirada ou a troca das próteses. Este trabalho objetiva analisar 3 casos dessa complicação, ocorrida entre 1 ano e 10 anos de pós-operatório, tratados de formas distintas. MÉTODO: Foram analisados os dados de 3 pacientes que apresentaram seroma no pós-operatório tardio de inclusão de próteses de mama. Neste artigo são apresentados dados relativos a indicação da inclusão, tempo de evolução sem complicações, tipo de prótese e resultado da análise do material retirado ou drenado. RESULTADOS: Em 2 pacientes, foi realizada retirada bilateral das próteses, apesar de somente um dos lados ter sido afetado; na terceira paciente, procedeu-se à troca da prótese por outra de mesmo volume e tipo. Um dos casos foi diagnosticado como pus estéril. CONCLUSÕES: Previamente à inclusão de próteses mamárias, a paciente deve ser alertada para o fato de que sua decisão poderá ter implicações futuras, sendo, eventualmente, necessário trocá-las ou retirá-las, o que resultará em novas cirurgias e/ou novas cicatrizes.

Palavras-chave: Implante mamário/efeitos adversos. Seroma. Mama/cirurgia. Mamoplastia.

 

Incidence of seroma in abdominoplasty with versus without the use of drains and quilting sutures: a systematic review and meta-analysis

Katrienne Guidolini Martinelli; Caroline Ferraz Rezende; Felipe Gama e Colombo; Katrini Guidolini Martinelli
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(4):546-551 - Review Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Abdominoplasty, which aims to improve body contour, has been upgraded by its association with limited dissection of the cutaneous flap and quilting sutures in the same surgery to avoid the formation of postabdominoplasty seroma, a complication that troubles both patient and surgeon. Therefore, this study aimed to assess whether the use of quilting sutures is associated with a lower incidence of seroma after abdominoplasty than the use of drains.
Methods: A systematic review of the literature and a meta-analysis were performed of the Science Direct, Scielo, Pubmed, Lilacs, CINAHL, and Scopus databases. The data analysis was performed using the Stata 12.0 program and the I2 statistic proposed by Higgins, with a 95% confidence interval for the relative risk for seroma by intervention type (drain, quilting sutures, drain with quilting sutures). The study was registered in PROSPERO (CRD42019120399).
Results: Five studies met the inclusion criteria and were included in the meta-analysis. Quilting sutures showed a protective effect (versus use of drain with quilting sutures) in the prevention of seroma (relative risk, 0.13; 95% confidence interval, 0.02-0.66).
Conclusion: These findings suggest that the use of quilting sutures instead of drains in abdominoplasty can effectively prevent seroma formation.

Keywords: Abdominoplasty; Drain; Suction; Seroma; Plastic Surgery; Meta-analysis.

 

RESUMO

Introdução: A abdominoplastia é um procedimento para a melhoria do contorno corporal e a técnica tem sido aprimorada pela associação da dissecção limitada do retalho cutâneo e pontos de adesão no mesmo ato operatório, evitando-se a formação de seroma pós-abdominoplastia, complicação que incomoda tanto o paciente quanto o cirurgião. Portanto, o objetivo é avaliar se o uso de pontos de adesão está associado a menor incidência de seroma após abdominoplastia quando comparado ao uso de drenos.
Métodos: Revisão sistemática da literatura com metanálise, envolvendo as seguintes bases de dados: Science Direct, Scielo, Pubmed, Lilacs, CINAHL e Scopus. Para analisar os dados foi utilizado o programa Stata 12.0 e a estatística I2 proposta por Higgins, com intervalo de confiança de 95% para o risco relativo para seroma, segundo o tipo de intervenção (dreno, ponto de adesão, dreno com ponto de adesão). Sendo registrado no PROSPERO sob o número CRD42019120399.
Resultados: Cinco estudos preencheram os critérios de inclusão e foram incluídos na metanálise. Ao comparar o uso de dreno de sucção com pontos de adesão, os pontos de adesão mostraram um fator de proteção na prevenção do seroma (RR: 0,13; IC 95%: 0,02-0,66).
Conclusão: Os achados sugerem que o uso de pontos de adesão em abdominoplastia em detrimento do uso de drenos pode ser uma técnica eficaz para prevenção da formação de seromas.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Drenagem; Sucção; Seroma; Cirurgia plástica; Metanálise

 

Quantitative evaluation of drain flow in lipoabdominoplasty - a comparative study

Osvaldo Ribeiro Saldanha Filho; Osvaldo Ribeiro Saldanha; Francis Llaverias; Cristianna Bonetto Saldanha; Eugênio Cação; Daniel Rodrigues Carvalho
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(2):259-263 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: The importance of Scarpa's fascia in reducing both skin suture tension and seroma is a subject of great discussion in lipoabdominoplasty. This study evaluates drain flow in lipoabdominoplasty, with and without preservation of Scarpa's fascia, on postoperative days 1º, 3º, 5º, and 7º. METHODS: This was a prospective, randomized, and serial study of 24 patients who underwent lipoabdominoplasty; procedures performed by seven different surgeons (residents) were evaluated between August and December 2013. The patients were divided into two groups according to whether Scarpa's fascia was preserved or removed. Drain flow was evaluated on postoperative days 1º, 3º, 5º, and 7º, and complications were assessed in the two groups. RESULTS: Three patients developed epitheliosis on the umbilical scar, and two were smokers. There was less fluid drainage in Group 1 patients compared to Group 2, and this was less significant on postoperative day 1. One patient in Group 2 developed a seroma (40 ml), which was aspirated with a syringe on postoperative day 10, with no recurrence. CONCLUSION: Lipoabdominoplasty with Scarpa's fascia preservation resulted in reduced serosanguinous drainage, both when taken as a whole (182.09 ml less for the seven day total), or measured daily.

Keywords: Lipoabdominoplasty; Abdominoplasty; Liposuction; Seroma.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A importância da fáscia de Scarpa, tanto na diminuição da tensão da sutura da pele quando na diminuição do seroma, são assuntos de grande discussão sobre a lipoabdominoplastia. Este estudo tem o objetivo de avaliar o débito nos drenos, nos 1º, 3º, 5º e 7º dias de pós-operatórios, em procedimentos de lipoabdominoplastias com e sem preservação da fáscia de Scarpa. MÉTODOS: Estudo prospectivo, randomizado e consecutivo, analizando 24 pacientes submetidas à lipo abdominoplastia por sete cirurgiões (residentes) diferentes, no período de agosto-dezembro de 2013. As pacientes foram divididos em 2 grupos, um com manutenção da fáscia de Scarpa e outro onde ela foi removida. Foi pesquisado o débito no dreno nos 1º, 3º, 5º e 7º dias de PO, assim como as complicações nos dois grupos. RESULTADO: Três pacientes do grupo apresentaram epiteliólise na cicatriz umbilical, sendo duas delas tabagistas. Houve menor quantidade de líquido drenado no grupo 1 do que no grupo 2, sendo significância menor no 1º pós-operatório. Um paciente do grupo 2 apresentou seroma (40ml), aspirado com seringa no 10º PO, sem recidiva. CONCLUSÃO: Ficou demonstrado que a lipoabdominoplastia com preservação da fáscia de Scarpa apresentou diminuição de drenagem sero-sanguinolenta, tanto nas medições como um todo (182,09ml a menos na somatória dos sete dias) quanto na medição de cada dia isoladamente.

Palavras-chave: Lipoabdominoplastia; Abdominoplastia; Lipoaspiração; Seroma.

 

Flap and abdominal wall washing and debridement using dressings to prevent seromas and hematomas in abdominoplasty

Eduardo Sucupira; Renato Franz Matta Ramos; Patrícia Zuker; Jorge Matta; Carlos Oscar Uebel
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(4):561-564 - Ideas and Innovation

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Seroma formation remains a common complication of abdominoplasty. The use of drain, flap fixation points, and fibrin glue has been described to reduce the incidence of seroma formation. The authors present herein an easy-to-reproduce technique to decrease the risk of bleeding and eliminate the devitalized tissue caused by the detachment. The proposed strategy consists of washing and debridement, which was conducted with mechanical friction using moist flap and abdominal wall dressings.

Keywords: Abdominoplasty; Postoperative complications; Seroma.

 

RESUMO

A formação de seroma após uma abdominoplastia continua sendo uma complicação frequente. O uso de dreno, os pontos de fixação do retalho e o uso da cola de fibrina foram descritos com a finalidade de diminuir a sua incidência. Os autores apresentam uma técnica de fácil reprodução para reduzir o risco de sangramento, bem como para eliminar o tecido desvitalizado decorrente do descolamento. A tática proposta constitui-se de lavagem e desbridamento por meio da fricção mecânica com compressas umedecidas do retalho e da parede abdominal.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Complicações pós-operatórias; Seroma.

 

Is there need for drains to prevent seroma in abdominoplasty with adhesion suture?

Henrique Lopes Arantes, Rodrigo Gouvea Rosique, Marina Junqueira Ferreira Rosique, José Marcos de Andrade Mélega
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(4):521-524 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: The formation of seroma in post-abdominoplasty is a highly prevalent complication that upsets both the patient and the surgeon. Aspiratory drainage and adhesion suture ("Baroudi suture") are widely employed strategies for prevention of this complication. This study evaluates the need for drains in the prevention of seroma in abdominoplasty with adhesion suture. Method: Evaluation of all patients who underwent classic abdominoplasty with adhesion suture between January 2006 and December 2007. Group 1 comprised 28 individuals with whom no drains were used; group 2 consisted of 32 patients for whom drains were employed. Clinical evaluation of the patients was performed seven days, two weeks, one month, two, four and six months postoperatively. Statistical analysis was accomplished by means of the Fisher exact test. Results: In group 1 there was one (3.5%) case of seroma, clinically detected between the first and second postoperative month, whereas in group 2 there was one (3.12%) case detected 14 days postoperatively. Fisher's test showed a p value of 1.000, not statistically significant for a confidence interval of 95% (0.05-14.08), and Odds ratio of 0.8387. Clinical evaluation revealed no statistical difference between the use of drains or not in the incidence of seroma in patients submitted to abdominoplasty with adhesion suture. Conclusion: The use of adhesion suture is an effective measure to prevent the formation of seroma, without the need for additional surgical measures.

Keywords: Seroma/prevention & control. Abdomen/surgery. Outcome assessment.

 

RESUMO

Introdução: A formação de seroma pós-abdominoplastia é uma complicação que incomoda paciente e cirurgião. O uso da drenagem aspirativa e a utilização de pontos de adesão ("Pontos de Baroudi") são estratégias utilizadas para prevenir essa complicação. Este trabalho avalia a necessidade de drenos na prevenção do seroma em abdominoplastias com pontos de adesão. Método: Avaliação de todas as pacientes submetidas à abdominoplastia clássica com pontos de adesão, entre janeiro de 2006 e dezembro de 2007. Grupo 1 composto de 28 indivíduos nos quais não foram utilizados drenos; grupo 2 constou de 32 pacientes nos quais foram empregados drenos. A avaliação clínica dos pacientes foi realizada aos sete dias, duas semanas, um mês, dois, quatro e seis meses de pós-operatório. A análise estatística foi realizada por meio do teste exato de Fisher. Resultados: No grupo 1, houve um (3,5%) caso de seroma, clinicamente detectado entre o primeiro e o segundo mês pós-operatório, enquanto que no grupo 2, houve um (3,12%) caso diagnosticado aos 14 dias de pós-operatório. O teste de Fisher mostrou um valor de p de 1,000, estatisticamente não significativo para um intervalo de confiança de 95% (0,05-14,08), e odds ratio de 0,8387. A avaliação clínica não demonstrou diferença estatística entre a utilização de drenos ou não na incidência de seroma em pacientes submetidos à abdominoplastia com pontos de adesão. Conclusão: A utilização dos pontos de adesão é uma medida eficaz para prevenir a formação de seroma, sem a necessidade de medidas cirúrgicas adicionais.

Palavras-chave: Seroma/prevenção & controle. Abdome/cirurgia. Avaliação de resultados.

 

Seroma in lipoabdominoplasty and abdominoplasty: ultrasonographic comparative study

Marcello Di Martino; Fábio Xerfan Nahas; Neil Ferreira Novo; Alexandro Kenji Kimura; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(4):679-687 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

Background: Seroma is one of the most common complications in abdominoplasty. Objective: To compare the rate of seroma formation in patients who underwent either abdominoplasty and lipoabdominoplasty. Methods: The sample consisted of 41 female patients, who were divided into three groups and underwent one of the following procedures: group A (n=21), abdominoplasty and group B (n=20), lipoabdominoplasty. In order to investigate seroma formation, abdominal ultrasound was performed in 5 regions of the abdominal wall [epigastrium (EPI), umbilical (UMB), hypogastrium (HYPO), right iliac fossa (RIF) and left iliac fossa (LIF)], at two postoperative periods: (P1), between postoperative days 11 and 14, and (P2), between postoperative days 18 and 21. Results: The rate of seroma formation at both P1 and P2 was significantly higher in group A than in group B. It was observed that, in group A at P1, the regions RIF and LIF developed larger fluid collections. In group B, there were significantly larger fluid collections in the HYPO region at P1, and in the UMB and HYPO regions at P2. Conclusion: Lipoabdominoplasty is effective technique for the prevention of seroma compared with abdominoplasty.

Keywords: Seroma. Abdomen/surgery. Lipectomy. Plastic surgery. Ultrasonography.

 

RESUMO

Introdução: O seroma é uma das complicações mais frequentes nas abdominoplastias. Objetivo: Comparar a incidência de seroma em pacientes submetidos à abdominoplastia convencional e à lipoabdominoplastia. Método: Foram estudadas 41 pacientes, divididas em dois grupos: Grupo A (21 pacientes submetidas à abdominoplastia convencional e Grupo B (20 pacientes submetidas à lipoabdominoplastia). Para a investigação da formação de seroma foi realizado ultrassonografia de cinco regiões da parede abdominal (epigástrio (EPI), umbilical (UMB), hipogástrio (HIPO), fossa ilíaca direita (FID) e fossa ilíaca esquerda (FIE)) em dois momentos: entre o 11º e o 14º dia de pós-operatório (DPO) (P1) e entre o 18º e 21º DPO (P2). Resultados: A incidência de seroma tanto em P1 quanto em P2 foi significativamente maior no grupo A que no grupo B. Observou-se que no grupo A, no P1, as regiões FID e FIE apresentaram maior incidência de coleções fluidas. No grupo B, houve uma maior incidência de coleções fluidas na região HIPO em P1 e nas regiões UMB e HIPO em P2. Conclusão: Houve menor incidência de seroma nos pacientes submetidos à lipoabdominoplastia em relação à abdominoplastia convencional nos momentos estudados.

Palavras-chave: Seroma. Abdome/cirurgia. Lipectomia. Cirurgia plástica. Ultrassonografia.

 

Use of adhesion sutures in body-contouring surgery

Ricardo Frota Boggio; Fábio Rosa de Almeida; Ricardo Baroudi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(1):121-126 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Seroma, hematoma, and scars are potential postoperative complications of abdominoplasty. Aspiration drainage and use of adhesion sutures are strategies for preventing such complications. The aim of this study was to assess the effectiveness of adhesion sutures for preventing or reducing the formation of seroma, hematoma, and scars after body- contouring surgery. Methods: One hundred and fifteen patients (group 2, January 2006- June 2010) who underwent body-contouring surgery with the use of adhesion sutures were retrospectively compared with 39 patients (group 1, January 2004-December 2005) who underwent the same surgery with aspiration drainage. The patients were clinically assessed at 7 days; 2 weeks; and 1, 2, 3, and 6 months postoperatively. Results: Group 1 had 9 (23%) cases of seroma formation, 1 (2.5%) case of hematoma formation, and 20 (55%) cases of scarring, whereas no complications were reported in group 2. The clinical assessment revealed statistical differences in the incidences of seroma formation and scarring between the groups. Conclusion: The use of adhesion sutures is an efficient method for preventing complications such as seroma, hematoma, and scar formation after body-contouring surgery.

Keywords: Abdomen. Seroma/prevention & control. Plastic surgery/methods.

 

RESUMO

Introdução: Seromas, hematomas e alterações cicatriciais são complicações potenciais no pós-operatório das abdominoplastias. Drenagem aspirativa e pontos de adesão são estratégias utilizadas na prevenção destas complicações. A proposta deste estudo é avaliar a eficácia dos pontos de adesão na prevenção ou redução da formação de seroma, hematoma e de complicações cicatriciais em pacientes submetidos a cirurgia plástica do contorno corporal. Método: Cento e quinze pacientes (grupo 2: janeiro de 2006 - junho de 2010) submetidos a cirurgia plástica do contorno corporal com o uso dos pontos de adesão foram comparados, retrospectivamente, com um grupo de 39 pacientes (grupo 1: janeiro de 2004 - dezembro de 2005) submetidos a mesma cirurgia com o uso de drenagem aspirativa. Avaliação clínica dos pacientes foi realizada com 7 dias, 2 semanas, um, dois, três e seis meses de pós-operatório. Resultados: No grupo 1, houve 9 (23%) casos de seroma, 1 (2,5%) de hematoma e 20 (55%) de complicações cicatriciais, enquanto que, no grupo 2, nenhum caso de seroma ou hematoma foi reportado. A avaliação clínica revelou diferenças estatísticas entre o uso dos pontos de adesão e a drenagem aspirativa, no que se refere à incidência de seroma e de complicações cicatriciais. Conclusão: O uso dos pontos de adesão é um método eficiente na prevenção de seromas, hematomas e complicações cicatriciais nas cirurgias do contorno corporal.

Palavras-chave: Abdome. Seroma/prevenção & controle. Cirurgia plástica/métodos.

 

Surgical item left in the abdomen six years after abdominoplasty: case report

Glayse June Sasaki Favarin; Eduardo Favarin; Amanda Nunes Borges; Airton Moreira Pinto Junior; Viviane Alessio Baggio; Nicoly de Souza Jacques
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(4):583-585 - Case Report

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

The retained surgical item in patients after closure of the wound is a situation that although rare is preventable and requires specific care such as institutional protocols for prevention. We report a case of removal of an already encapsulated pads by fibrin tissue (textiloma) from a patient six years after an abdominoplasty, which formed a palpable mass in her abdomen. The retained surgical items lead to variable symptoms such as palpable masses, compressions, non-absorptive loss and, sometimes, severe complications. The diversity of manifestations combined with their few frequency, most of the times, lead to underdiagnosis. Treatment should be individualized for each case, although in case of symptoms removal is indicated in most cases. Surgical removal is associated with complications as longer as objects remain in patient's body.

Keywords: Foreign bodies; Seroma; Abdominoplasty; Surgical instruments; Surgical sponges.

 

RESUMO

A permanência de corpos estranhos em pacientes após o fechamento da ferida operatória é uma situação que, embora rara, é evitável e demanda cuidados específicos como protocolos institucionais de prevenção. O caso relata a retirada de uma compressa já encapsulada por tecido de fibrina (textiloma) de uma paciente seis anos após abdominoplastia, formando uma massa palpável em seu abdômen. A permanência desses itens cirúrgicos leva a sintomas variáveis como massas palpáveis, compressões, síndromes disabsortivas e, algumas vezes, graves complicações. A diversidade de manifestações combinada a sua pouca frequência levam, muitas vezes, ao subdiagnóstico. O tratamento deve ser individualizado para cada caso, embora na presença de sintomas a retirada é indicada na grande maioria das vezes. A cirurgia de retirada está mais associada a complicações quanto maior tempo de permanência dos objetos no corpo do paciente.

Palavras-chave: Corpos estranhos; Seroma; Abdominoplastia; Instrumentos cirúrgicos; Tampões de gaze cirúrgicos.

 

Functional nutrition in postoperative plastic surgery: focus on seroma and fibrosis prevention

Camile Laís Rocha; Vandressa Bueno de Paula
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):609-624 - Reviw Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Based on the wide range of possible consequences and complications of plastic surgery and the role of nutrition in the recovery process of these, we see the need for therapeutic practices to ensure effectiveness of the final aesthetic result. METHOD: This study is characterized as a non-systematic review of the possible associated nutrients, bioactive compounds and herbal medicines to prevent seroma and fibrosis. Thus, we used scientific journal articles from electronic media, national laws and textbooks published between 2002 and 2012. RESULTS: We demonstrated that the main causes of seroma and fibrosis are changed healing, inflammation, oxidative stress and edema. Thus, we designed a practical guide with nutrients, bioactive compounds and herbal medicines that can be used to prevent, control or mitigate the complications after plastic surgery. CONCLUSION: It was emphasized that for the treatment of covered conditions is essential that there is a multidisciplinary approach, emphasizing a medical, nutritional and therapeutic monitoring covering the known changes in the pathophysiology of seroma and fibrosis.

Keywords: Seroma; Fibrosis; Nutrition; Functional food; Phytotherapy.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: Com base na grande variedade de possíveis sequelas e intercorrências de cirurgias estéticas e no papel da nutrição no processo de recuperação dessas, percebe-se a necessidade de práticas terapêuticas que garantam eficácia do resultado estético final. MÉTODO: O presente estudo caracteriza-se como uma revisão não sistemática que associou possíveis nutrientes, compostos bioativos e fitoterápicos que previnam ou amenizem seroma e fibrose no pós operatório. Para tanto, foram utilizados artigos de revistas científicas do meio eletrônico, legislações nacionais e livros didáticos, publicados entre os anos de 2002 e 2012. RESULTADOS: Demonstrou-se que as principais causas de seroma e fibrose são cicatrização alterada, inflamação, estresse oxidativo e edema. Dessa forma, foi elaborado um guia prático com os nutrientes, compostos bioativos e fitoterápicos que podem ser utilizados a fim de prevenir, controlar ou amenizar as complicações no pós-cirúrgico de procedimentos estéticos. CONCLUSÃO: Salientou-se que para o tratamento das condições abordadas é fundamental que haja um trabalho multiprofissional, enfatizando um acompanhamento médico, nutricional e fisioterápico que abranja as alterações conhecidas na fisiopatologia de seroma e fibrose.

Palavras-chave: Seroma; Fibrose; Nutrição; Alimento funcional; Fitoterapia.

 

Support

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license