ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Showing of 1 until 20 from 124 result(s)

Search for : Lipoabdominoplastia; Abdominoplastia; Lipoaspiração; Seroma

Does the Baroudi-Ferreira technique reduce seroma after abdominoplasty?

Rafael Garrido Souza Costa; Agostinho Manuel da Silva Ascenção; Rossano Kepler Alvim Fiorelli; Ricardo Cavalcanti Ribeiro
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(2):150-155 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Abdominoplasty has evolved over the years with improvement of techniques that initially had high complication rates. However, even with the evolution of operative techniques, seroma remains the most frequent early complication of this procedure. This study aims to compare the development of seroma after abdominoplasty with and without the use of quilting sutures.
Methods: Twenty patients undergoing abdominoplasty were evaluated and divided into two groups: Group A (abdominoplasty using quilting sutures - Baroudi-Ferreira technique) and Group B (abdominoplasty without the use of quilting sutures).
Results: Two patients in Group A (20%) had seroma, which was significantly lower (p = 0.05) than that in Group B, in which seven patients were diagnosed with seroma (70%). The mean volume observed in Group A was 26.5 mL, whereas in Group B, it was 146.5 mL. The highest volume aspirated in Group A was 130 mL, on the 15th postoperative day (POD), whereas in Group B it was 230 mL, on the 21st POD.
Conclusion: In this study, the development of seroma in abdominoplasty was significantly lower in the group in which the Baroudi-Ferreira technique was used.

Keywords: Seroma; Abdominoplasty; Suture techniques; Abdomen; Reconstructive surgical procedures

 

RESUMO

Introdução: A cirurgia plástica, em relação à abdominoplastia, evoluiu ao longo dos anos com o aprimoramento de técnicas que inicialmente apresentavam grandes índices de complicações. Porém, mesmo com a evolução das técnicas operatórias, a incidência de seroma pós-operatório se mantém como a complicação precoce mais frequente neste procedimento. O objetivo deste estudo é comparar a ocorrência de seroma em abdominoplastia com e sem a utilização de pontos de adesão.
Métodos: Foram avaliadas 20 pacientes submetidas à abdominoplastia sendo distribuídas em dois grupos: Grupo A (abdominoplastia com utilização de pontos de adesão - Técnica de Baroudi-Ferreira) e Grupo B (abdominoplastia sem utilização de pontos de adesão).
Resultados: No Grupo A houve seroma em 2 pacientes (20%), sendo significativamente menor (p = 0,05) do que no Grupo B, no qual foi diagnosticado em 7 pacientes (70%). A média de volume observada no Grupo A foi de 26,5 ml enquanto no Grupo B foi de 146,5 ml. O maior volume aspirado em pacientes do Grupo A foi 130 ml observado no 15º dia pós-operatório (DPO), ao passo que no Grupo B foi de 230 ml no 21º DPO.
Conclusão: A ocorrência de seroma em abdominoplastia neste estudo foi significativamente menor no grupo em que foi utilizada a Técnica de Baroudi-Ferreira.

Palavras-chave: Seroma; Abdominoplastia; Técnicas de sutura; Abdome; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos

 

Analysis of risk factors for the formation of seroma in classical abdominoplasty

Tarik Michel Nassif; Frederico Guilherme Lopes Silveira; Leonardo Fiorilli Assunção; Eliane Regina Bueno Ribeiro Garcia; Valdemar Mano Sanches
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(2):156-160 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Abdominoplasty is one of the most common cosmetic surgeries in Brazil. The complications of this procedure are diverse, with seroma being one of the most frequent. The objective of this study was to identify the risk factors for the formation of seroma, such as increased body mass index, comorbidities, age, habits, and time of drain permanence.
Methods: This was a retrospective study in which the medical records of 94 patients who underwent abdominoplasty at the Plastic Surgery and Burns Service of Santa Casa de Misericórdia de São José do Rio Preto-SP between November 2010 and November 2013 were reviewed. The risk factors for the formation of seroma were analyzed using Fisher's exact test and the Chi-square test, with the significance level set at p < 0.05.
Results: Seroma was identified in 16 (17.02%) of the total patients (n = 94). No statistical significance was observed between increased incidence of seroma and increased BMI and other risk factors analyzed. Nevertheless, the time of drain permanence showed a clinical relevance. The patients who were maintained on the drain for > 1 day had a lower incidence of seroma.
Conclusion: The causes of seroma should be considered multifactorial. The risk factors analyzed were not significantly related to the increased incidence of seroma. However, drain permanence for >1 day was effective in the prevention of seroma.

Keywords: Abdominoplasty; Seroma; Postoperative complications; Body mass index; Risk factors

 

RESUMO

Introdução: A abdominoplastia é uma das cirurgias estéticas mais realizadas no Brasil. As complicações deste procedimento são diversas, sendo o seroma uma das mais frequentes. O objetivo do trabalho é identificar fatores de risco para formação de seroma tais como: índice de massa corporal (IMC), comorbidades, idade, hábitos e tempo de permanência de dreno.
Métodos: Trata-se de um estudo retrospectivo com revisão de 94 prontuários de pacientes submetidos à abdominoplastia clássica no Serviço de Cirurgia Plástica e Queimados da Santa Casa de Misericórdia de São José do Rio Preto-SP, entre novembro de 2010 e novembro de 2013. Os fatores de risco para formação do seroma foram analisados utilizando-se o teste exato de Fisher ou Qui-quadrado. Considerou-se como resultado estatisticamente significativo o valor de p < 0,05.
Resultados: O seroma foi identificado em 16 pacientes (17,02%) do total da amostra (n = 94). Não se observou significância estatística ao relacionar a elevação na incidência de seroma com o aumento do IMC, assim como os demais fatores de risco analisados. Houve relevância clínica quanto ao tempo de permanência do dreno. Pacientes que mantiveram o dreno por um período maior que um dia tiveram incidência menor de seroma.
Conclusão: A formação do seroma deve ser considerada uma causa multifatorial. Os fatores de risco analisados não demonstraram estatisticamente aumento na incidência de seroma. Todavia, a permanência do dreno de sucção por um período maior que um dia demonstrou ser eficaz na prevenção do seroma.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Seroma; Complicações pós-operatórias; Índice de massa corporal; Fatores de risco

 

Complications of lipoabdominoplasty without Scarpa fascia preservation versus classic abdominoplasty: a prospective blind study

JOÃO MAXIMILIANO; ANTONIO CARLOS OLIVEIRA; CIRO PAZ PORTINHO; MAURICIO FARENZENA; MATHEUS REIS; TULIO SERRANO; DIEGO DULLIUS; MARCUS VINICIUS MARTINS COLLARES
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(1):15-22 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Abdominoplasty is among the most commonly performed surgical procedures. Seroma is the most common local complication associated with abdominoplasty, with an average incidence of 10%. The highest incidence of postoperative (PO) seroma occurs on the eleventh postoperative day (POD). Abdominal ultrasound is the method of choice for diagnosing seroma after abdominoplasty. New techniques have emerged aiming to improve aesthetic results with fewer complications, such as lipoabdominoplasty described by Saldanha. However, recent anatomical studies have questioned the need for Scarpa fascia preservation recommended in the lipoabdominoplasty technique, describing that around 90% of the abdominal lymphatic system is in the subdermal plane, while the other 10% is in a deep lymphatic system near the abdominal aponeurosis. The objective is to compare the incidence of seroma in lipoabdominoplasty without Scarpa fascia preservation to that in classic abdominoplasty.
Methods: Prospective blinded cohort in which 40 consecutive patients who underwent abdominoplasty without associated liposuction (n = 20) or lipoabdominoplasty (n = 20) at the Hospital de Clínicas of Porto Alegre between April 2016 and May 2017 were analyzed. All patients underwent abdominal wall ultrasonography on the tenth POD.
Results: The incidence of seroma was 5% (n = 1) in the classic abdominoplasty group and 10% (n = 2) in the lipoabdominoplasty group, with no statistical difference.
Conclusion: These results showed no statistically significant intergroup difference in seroma development.

Keywords: Abdominoplasty; Seroma; Lipectomy; Lipodystrophy; Body contouring.

 

RESUMO

Introdução: Abdominoplastia é um dos procedimentos cirúrgicos estéticos mais realizados. Seroma é a complicação local mais comum associada com abdominoplastia, com uma incidência média de 10%. A maior incidência de seroma pós-operatório (PO) ocorre no décimo primeiro dia PO. Ecografia abdominal é o método de escolha para o diagnóstico de seroma após abdominoplastia. Novas técnicas surgiram ao longo dos anos na tentativa de trazer melhores resultados estéticos com menos complicações, como lipoabdominoplastia descrita por Saldanha. Porém, estudos anatômicos recentes questionam a necessidade da manutenção da fáscia de Scarpa descrita na técnica de lipoabdominoplastia, descrevendo que em torno de 90% do sistema linfático abdominal está no plano subdérmico e 10% em um sistema linfático profundo justa-aponeurose abdominal. O objetivo é comparar a incidência de seroma na lipoabdominoplastia sem preservação da fáscia de Scarpa com a abdominoplastia clássica.
Métodos: Coorte prospectiva, cega na qual serão analisados 40 pacientes consecutivos que realizaram abdominoplastia sem lipoaspiração associada (n = 20) ou lipoabdominoplastia (n = 20) no Hospital de Clínicas de Porto Alegre entre abril de 2016 e maio de 2017. Todos foram submetidos à ecografia de parede abdominal no 10o dia PO.
Resultados: A incidência de seroma foi de 5% (n = 1) no grupo de abdominoplastia clássica e de 10% (n = 2) no grupo de lipoabdominoplastia, sem diferença estatística.
Conclusão: Estes resultados, neste grupo de pacientes, mostram que não houve diferença estatística entre os dois grupos.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Seroma; Lipectomia; Lipodistrofia; Contorno corporal

 

Ronaldo Pontes block abdominoplasty technique

Leonardo Xavier Braga; Arthur Casolari Araújo Mansur David; Ricardo Ariel Kam; Rafael De Olivera Lopes; Gisela Hobson Pontes
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(4):452-457 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Abdominoplasty involves not only aesthetic characteristics but abdominal wall structural reconstruction. This study aimed to illustrate the authors' experience with abdominoplasty, focusing on the scar's aesthetic results and the evolution of application of the block resection technique of Professor Ronaldo Pontes (RP).
Methods: The study included a series of retrospective cases of 124 patients treated between March 2014 and March 2017 who underwent RP block abdominoplasty.
Results: In our studies, a minimal incidence of complications and a small number of healing alterations were noted with the RP block technique compared to those found in the literature.
Conclusion: A técnica descrita e suas variantes atendem a necessidade de diversos tipos de casos e garantem cirurgias seguras e eficazes, com resultados muito satisfatórios, sendo uma técnica reprodutível.

Keywords: Abdominoplasty; Seroma; Hematoma; Hypertrophic scar; Keloid.

 

RESUMO

Introdução: Abdominoplastia é um procedimento não apenas com características estéticas, mas também de reconstrução estrutural da parede abdominal. O objetivo do trabalho é mostrar a experiência dos autores em abdominoplastias, enfocando nos resultados estéticos da cicatriz e a evolução destes pacientes, aplicando as técnicas de ressecção em bloco do Professor Ronaldo Pontes (RP).
Métodos: O estudo foi uma série retrospectiva de casos de 124 pacientes, entre março de 2014 a março de 2017, submetidos à abdominoplastia em bloco pela técnica RP.
Resultados: Na nossa casuística, demonstrou-se uma mínima incidência de complicações encontradas com a técnica em Bloco RP, em comparação às encontradas na literatura, e, também, demonstrou um número pífio de casos de alterações na cicatrização.
Conclusão: A técnica descrita e suas variantes atendem a necessidade de diversos tipos de casos e garantem cirurgias seguras e eficazes, com resultados muito satisfatórios, sendo uma técnica reprodutível.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Seroma; Hematoma; Cicatriz hipertrófica; Queloide

 

Lipoabdominoplasty - Saldanha's Technique

Osvaldo Ribeiro Saldanha, Ewaldo Bolivar de Souza Pinto, Wilson Novaes Matos Jr., Reynaldo Luís Lucon, Felipe Magalhães, Erika Mônica Lopes Bello, Madeleine Ramos dos Santos
Rev. Bras. Cir. Plást. 2003;18(1):37-46 - Articles

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

The objective of this paper is to present a new surgical concept for the aesthetic treatment of the abdominal region, combining the principles of liposuction and traditional abdominoplasty, without flap detachment. Following the idea of not carrying out traditional supraumbilical detachment and using superficial liposuction, the authors peiformed lipoabdominoplasty, thus preserving, abdominal perforans vessels, and reducing vascular damages to the skin of the abdominal flap. Moreover, the improvement in shape should be noted, wi a younger-looking abdomen, and uniformity of the flap with the pubis.

Keywords: Liposuction; abdominoplasty; lipoabdominoplasty

 

RESUMO

O objetivo deste trabalho é apresentar um novo conceito cirúrgico para o tratamento estético da região abdominal, utilizando os princípios da lipoaspiração e da abdominoplastia tradicional, sem descolamento do retalho. Seguindo a idéia de não se fazer o descolamento tradicional da região supra-umbilical e utilizando a lipoaspiração superficial, os autores executam a lipoabdominoplastia, preservando, assim, os vasos perfurantes abdominais, diminuindo o comprometimento vascular da pele do retalho abdominal. Atentam ainda para a melhoria da forma, com a aparência mais jovem do abdome, e a uniformidade do retalho com o púbis.

Palavras-chave: Lipoaspiração; abdominoplastia; lipoabdominoplastia

 

A review of abdominoplasty technique with reduced dissection and fixation with Baroudi sutures

Julio Alberto Soncini; Ricardo Baroudi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(2):166-171 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: A retrospective study was carried out on 500 abdominoplasties with lower pubic transverse incision combined with liposuction, performed from 2007 to 2014. In all cases, the dissection of the abdominal skin flap was restricted, with adhesion sutures applied throughout the dissected regions. The use of vacuum suction drains was also evaluated. In 33% of cases, these drains were not used, but no signs of seroma were detected, proving the efficacy of adhesion sutures. METHODS: In all abdominoplasties, the access route was the lower transverse pubic region extended up to the level of the anterior superior iliac spines bilaterally, combined with liposuction in the adjacent regions. After the dissection, plication of the rectus muscles, and resection of excess skin, adhesion sutures were applied throughout the dissected regions. RESULTS: The systematic use of adhesion sutures was efficient, without the need to use drains, given the absence of seroma in all cases. CONCLUSION: In lower pubic transverse abdominoplasty, limited dissection of the cutaneous flap extended up to the xiphoid, combined with adhesion sutures and liposuction, avoided the use of vacuum drains; no seroma developed, and the results were good.

Keywords: Abdominoplasty; Liposuction; Tissue adherence; Suction drainage; Seroma; Surgical flaps.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: Um estudo retrospectivo foi realizado em 500 abdominoplastias tipo incisão transversal pubiana baixa, combinada com lipoaspiração de 2007 a 2014. Em todas, a dissecção do retalho cutâneo abdominal foi restrita, em que foram aplicados pontos de adesão em toda a extensão das regiões dissecadas. Foi ainda avaliado o uso ou não de drenos de sucção a vácuo. Em 33% dos casos não foram utilizados estes drenos e não foram também detectados sinais de seroma, comprovando a eficácia dos pontos de adesão. MÉTODOS: Em todas as abdominoplastias a via de acesso foi da região pubiana transversal baixa estendida até o nível das espinhas ilíacas anterossuperiores bilateralmente, associada à lipoaspiração nas regiões dos flancos. Após a dissecção, plicatura dos músculos retos e ressecção dos excessos cutâneos, foram aplicados pontos de adesão em toda a extensão das regiões dissecadas. RESULTADOS: A conduta com o uso sistemático dos pontos de adesão demonstrou ser eficaz, sem a necessidade do uso de drenos de qualquer natureza dada a inexistência de seroma em todos os casos operados. CONCLUSÃO: Nas abdominoplastias tipo pubiana transversal baixa, a dissecção limitada do retalho cutâneo estendida até o apêndice xifoide, associada a pontos de adesão e lipoaspiração concomitante, tem dispensado o uso de drenos a vácuo, sem a existência de seroma, além de determinar resultados gratificantes.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Lipoaspiração; Aderências teciduais; Drenagem por sucção; Seroma; Retalhos cirúrgicos.

 

Comparative study between abdominoplasty with suction drainage and without suction drainage but using adhesion stitches

Antonio Juliano Trufino
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(4):522-532 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Abdominoplasty is one of the most common procedures performed by plastic surgeons. The goal of this study is to evaluate the outcome and the occurrence of complications in patients undergoing abdominoplasty using the en bloc resection technique, and to look for differences in evolution when a drain is used or is replaced with adhesion stitches. METHODS: A prospective study was conducted on 34 female patients undergoing abdominoplasty. These were alternately placed into 2 groups: in one group suction drains were used, and in the other these were replaced with adhesion stitches. RESULTS: Among all the cases, there was some degree of scar widening in 14.7% of patients. When analyzed by group, those who received drains had a higher incidence (23.53%) comparing to those who received adhesion stitches (5.88%). One patient had superficial vein thrombosis of the lower limbs with a good outcome. Three cases of seroma were diagnosed, all of them in the group using drains. These represent 8.82% of the entire study and 17.64% of the specific group. The aesthetic result was considered good by 94.12% of all patients. CONCLUSIONS: The en bloc resection abdominoplasty technique proved to be safe, easy to perform, assured good aesthetical results and had similar complication rates when compared to other techniques. The adhesion stitches were effective for preventing complications in this study.

Keywords: Abdominoplasty; Postoperative Complications; Seroma; Scars.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A abdominoplastia é um dos procedimentos mais comumente realizados por cirurgiões plásticos. O objetivo do estudo foi avaliar a evolução e a ocorrência de complicações em pacientes submetidos à abdominoplastia pela técnica de ressecção em bloco, e observar se existe alguma diferença na evolução com a utilização de dreno ou de pontos de adesão. MÉTODOS: Foi realizado um estudo prospectivo de 34 pacientes do sexo feminino, submetidas à abdominoplastia. Foram divididas em dois grupos alternadamente; em um deles foi utilizado dreno de aspiração a vácuo e no outro não, mas estes últimos receberam pontos de adesão. RESULTADOS: Do total operado, houve algum grau de alargamento da cicatriz em 14,7% dos casos. Quando avaliado separadamente por grupo, aqueles que foram drenados tiveram incidência maior (23,53%) em comparação com os que receberam pontos de adesão (5,88%). Ocorreu um caso de trombose de veias superficiais de membros inferiores, com boa evolução. Foram diagnosticados três casos de seroma, todos no grupo com dreno. Eles representaram 8,82% do total estudado e 17,64% dos casos deste grupo. O resultado estético foi considerado muito bom por 94,12% das pacientes estudadas. CONCLUSÕES: A técnica de ressecção em bloco se mostrou segura, de fácil execução, com bons resultados estéticos e índices de complicações semelhantes às outras técnicas descritas na literatura. Os pontos de adesão foram eficazes na prevenção de complicações neste estudo.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Complicações pós-operatórias; Seroma; Cicatriz.

 

Omphaloplasty based on an isosceles triangle with double fixation in abdominoplasty

RONEY CAMPOS; BRUNO VICTOR BARBOSA LEONCIO CAMPOS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(1):38-44 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: In conventional abdominoplasty, the creation of a new umbilical scar is challenging. Several surgical techniques and approaches have previously been described and applied, but not always with satisfactory results. The objective is to demonstrate the applicability and satisfaction with omphaloplasty based on an isosceles triangle with double fixation in abdominoplasty.
Methods: The study included 97 female patients aged between 25 and 65 years. All underwent classic abdominal dermolipectomy with moderate abdominal liposuction of the entire anterior abdomen and flanks by the same surgeon and were evaluated at 90, 180, and 360 days postoperatively.
Results: Patients were satisfied with the umbilicus in most cases (92.8%). Some umbilical scars had contracted (3.1%) and others appeared unsightly (4.1%). No necrosis was observed.
Conclusion: This technique was effective and easy to perform, with satisfactory umbilical scar aesthetic outcomes in abdominal dermolipectomy.

Keywords: Liposuction; Abdominoplasty; Abdomen; Umbilicus; Scar

 

RESUMO

Introdução: Na abdominoplastia convencional, a cicatriz do novo umbigo representa o ponto de maior desafio. Em sua execução, já foram descritas e utilizadas várias técnicas e táticas cirúrgicas, com resultados nem sempre satisfatórios, sob o ponto de vista do paciente e também do médico. O objetivo é demonstrar a aplicabilidade e satisfação com a onfaloplastia em triângulo isósceles e com dupla fixação na abdominoplastia.
Métodos: Foram selecionadas 97 pacientes do sexo feminino, com idades entre 25 e 65 anos. Todas foram submetidas à dermolipectomia abdominal clássica associada à lipoaspiração moderada de todo abdome anterior e flancos e avaliadas com 90, 180 e 360 dias pós-operatórios, pelo mesmo cirurgião.
Resultados: Observou-se um índice de resultados satisfatórios das cicatrizes umbilicais na maioria dos casos (92,8%). Algumas cicatrizes umbilicais apresentaram estenoses (3,1%) e outras, cicatrizes inestéticas (4,1%). Não se observaram necroses.
Conclusão: A utilização desta técnica demonstrou ser eficaz, de fácil execução e com resultados muito satisfatórios na estética da cicatriz umbilical nas dermolipectomias abdominais.

Palavras-chave: Lipoaspiração; Abdominoplastia; Abdome; Umbigo; Cicatriz

 

Incidence of Hematoma and Seroma in Abdominoplasty with and without the Use of Drains

Márcio Vinicius Nurkim, Letícia B. de Mendonça, Pedro Alexandre da Motta Martins, Jefferson Luis Braga da Silva, Pedro D. E. Martins
Rev. Bras. Cir. Plást. 2002;17(1):69-74 - Articles

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Based on the experience with 69 patients submitted to abdominoplasty, the authors compare the use of capillary tubes, suction drains and not using drains in the postoperative period as to the effictiveness in preventing hematomas and seromas under the abdominal flap. They also study the association of these fluid collections with known risk factors. They describe the indications and surgical technique employed in their cases and compare results obtained with data available in literature.

Keywords: Abdominoplasty; dermolipectomy; hematoma; seroma; drains

 

RESUMO

Os autores, baseados na experiência de 69 pacientes submetidos a abdominoplastia, comparam a utilização de dreno de capilaridade, de sucção e a não utilização de drenos no pós-operatório quanto à eficácia na prevenção da formação de hematomas e seromas sob o retalho abdominal, bem como estudam a associação dessas coleções com fatores de risco conhecidos. Descrevem as indicações e técnica cirúrgica empregadas em sua casuística e comparam seus resultados com dados presentes na literatura.

Palavras-chave: Abdominoplastia; dermolipectomia; hematoma; seroma; drenos

 

Treatment of Abdominal Deformity Nahas Type II Through the Inframammary Incision Associated with the Flap Fixation Through the Auesrvald Net

PAULO EDUARDO MACEDO CARUSO; MIGUEL ENRIQUE RIVERA GOMEZ; JOSÉ HENRIQUE GUIMARÃES FLORIANI; MARCELO LOPES DIAS KOLLING; ADRIANA ELNECAVE HERSCOVITZ; MARCOS RICARDO DE OLIVEIRA JAEGER
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.1):24-26 - 35ª Jornada Sul Brasileira de Cirurgia Plástica

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Diastasis of the rectus muscles is a major complaint. In abdomens with smaller flaccidity the infraumbilical approach may even become unnecessary. We demonstrate the use of the hemostatic net of Auersvald for fixation cutaneous flap in the reverse approach for the correction of diastasis of the rectus muscles.
Case: ANF, 34 years old, without comorbidities, BMI 20.7, two pregnancies, complaining of bulging of the supraumbilical region and ptosis of the breasts. The proposed surgery was mastopexy with placement of the implants in the partial submuscular plane, associated with diastasis correction by reverse approach. We perform continuous suture with 3-0 transdermal Mononylon thread throughout the detachable flap extension. The transfixing suture was removed 48 hours after the procedure.
Discussion: We proposed a variation of the reverse approach and use of the transcutaneous fixation suture that allowed the fixation of the cutaneous flap to the region where the diastasis of the rectus muscles was corrected.

Keywords: Abdominoplasty; Breast implants; Seroma; Hematoma; Rectus abdominis

 

RESUMO

Introdução: A diástase dos músculos retos abdominais é motivo de grande queixa. Em abdomes com flacidez menor, a abordagem infraumbilical pode mesmo tornar-se desnecessária. Demonstramos a utilização da rede hemostática de Auersvald para fixação do retalho cutâneo na abordagem reversa para a correção da diástase dos retos abdominais.
Caso: ANF, 34 anos, sem comorbidades, IMC 20,7, duas gestações prévias, com queixa de abaulamento da região supraumbilical e ptose das mamas. A cirurgia proposta foi a mastopexia com colocação dos implantes no plano submuscular parcial, associada à correção da diástase dos músculos retos abdominais por abordagem reversa. Realizamos sutura contínua com fio Mononylon 3-0 transdérmico em toda a extensão descolada do retalho. A sutura transfixante foi removida 48 horas após o procedimento.
Discussão: Propusemos uma variação da abordagem reversa e utilização da sutura de fixação transcutânea que permitiu a fixação do retalho cutâneo à região da correção da diástase dos músculos retos.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Mamoplastia; Seroma; Hematoma; Implante mamário; Parede abdominal

 

Comparison of the rate of seroma between conventional and inverted T abdominoplasty in post-bariatric patients

Luciano Sales de Souza; Márcio Naoki Harada; Elisa Maria Capitian Bolognani
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(1):78-86 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: The earliest descriptions of abdominoplasties date back to the early 20th century and have been unchanged over time. However, only within the last three decades have there been major advances and innovations in the technique, largely because of the rising popularity of bariatric surgery. In certain patients, we observed a higher incidence of complications, including seroma development. The objective is to evaluate and compare the incidence of seroma between two abdominoplasty techniques, conventional and inverted T, in post-bariatric patients. METHODS: We retrospectively analyzed the records of 30 patients with a history of bariatric surgery and body mass index (BMI) less than 30 who underwent abdominoplasty by a single surgeon between February 2009 and March 2015. Of these, 15 patients were treated by the conventional technique (conventional group), while the other 15 patients were treated by the inverted T technique (Inverted T group). During the postoperative clinical follow-up, the occurrence of seroma and other complications was assessed. RESULTS: Thirty female patients with a mean age of 36 years, mean weight of 70 kg and a mean BMI of 25 kg/m2, without significant differences between groups, were studied. The overall occurrence of seroma in the study was 23%. A statistically significant difference (p = 0.04) was observed between the conventional group, in which six patients (40%) developed seroma, compared to the anchor group, in which one patient (6.7%) developed seroma. Dehiscence was observed, with no significant difference in occurrence between the two groups. CONCLUSION: The incidence of seroma was higher in patients who underwent conventional abdominoplasty compared to those who underwent inverted T abdominoplasty.

Keywords: Seroma; Abdominoplasty; Abdominoplasty/adverse effects; Bariatric surgery.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: As primeiras descrições de abdominoplastias remontam do início do século XX, sendo pouco modificadas no decorrer do tempo. Porém, somente nas últimas três décadas, devido à popularidade da cirurgia bariátrica, houve grandes avanços e inovações na técnica. Com esse paciente peculiar, notamos uma maior incidência de complicações, dentre elas o seroma. O objetivo é avaliar e comparar a ocorrência de seroma entre duas técnicas de abdominoplastia, convencional e em âncora, nos pacientes pós-bariátricos. MÉTODOS: Estudo retrospectivo, de um único cirurgião, na qual 30 pacientes com história de cirurgia bariátrica e IMC (Índice de Massa Corporal) menor que 30 foram submetidas à abdominoplastia, entre o período de fevereiro de 2009 a março de 2015, sendo 15 pacientes operadas pela técnica convencional (Grupo convencional) e 15 pela técnica em âncora (Grupo em âncora). No seguimento clínico pós-operatório, foi investigada a ocorrência de seroma e outras complicações. RESULTADO: Foram estudadas 30 pacientes do sexo feminino com idade média de 36 anos, peso médio de 70 Kg e IMC médio de 25 Kg/m2, sem diferenças significativas entre os grupos. A ocorrência global de seroma no estudo foi de 23%. Foi observado uma diferença estatisticamente significante (p = 0,04) entre os grupos convencional, seis pacientes (40%), em relação ao grupo em âncora, um paciente (6,7%). Foi observada a ocorrência de deiscência, sem diferença significativa entre os grupos. CONCLUSÃO: A incidência de seroma foi maior naquelas pacientes submetidas à abdominoplastia convencional em relação à abdominoplastia em âncora.

Palavras-chave: Seroma; Abdominoplastia; Abdominoplastia/efeitos adversos; Cirurgia bariátrica.

 

Lipoaspiração abdominal: Recomendações técnicas para maior segurança

Andre Gustavo Maschio; Ruth Graf; Renata Fernanda Ramos Mascante; Bruna Ferreira Bernert; Dayane Raquel de Paula; Fabíola Grigoletto Lupion
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.2):38-40 - 33ª Jornada Norte-Nordeste de Cirurgia Plástica

PDF Portuguese

ABSTRACT

Liposuction, described in 1979, was the largest recent plastic surgery finding, and the most common surgical procedure in this specialty. Safety criteria of this procedure have been previously described, however, we conducted a literature review and a specific technique description to increase the safety of liposuction in abdominal region, in order to inform specialists and medical class about the main technical safety maneuvers during the procedure in this area.

Keywords: Plastic surgery; Liposuction; Security; Abdominal liposuction.

 

RESUMO

A Lipoaspiração, descrita em 1979, foi a maior descoberta recente da cirurgia plástica, sendo o procedimento cirúrgico mais realizado nesta especialidade. Os critérios de segurança deste procedimento em geral já foram anteriormente descritos, contudo realizamos uma revisão da literatura e descrição de técnica específica para aumento da segurança da lipoaspiração da região abdominal, com o objetivo de informar os especialistas e a classe médica sobre as principais manobras técnicas de segurança durante o procedimento nesta área.

Palavras-chave: Cirurgia plástica; Lipoaspiração; Segurança; Lipoaspiração abdominal.

 

Anchor lipoabdominoplasty

Francisco Mendonça de Albuquerque; Patrícia Pimentel Pizarro; Osvaldo Ribeiro Saldanha; Sérgio Mitiake Shimizu; Irineu Rasera
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(4):524-530 - Ideas and Innovation

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Morbid obesity is characterized by the accumulation of adipose tissues distributed heterogeneously throughout the body, and gastroplasty is the latest method of surgical treatment. After considerable weight loss, patients present with excess skin under which secretions accumulate, increasing susceptibility for skin infections, which can be minimized with dermolipectomy. Herein, we describe the anchor lipoabdominoplasty technique, adapting the principles of reduced flap detachment, abdominal and flank liposuctions, and preservation of the infraumbilical Scarpa's fascia associated with the preoperative fleurde- lis marking. The technique was used for seventeen patients, including sixteen women and one man, with late postoperative gastroplasty, aged 35-66 years in the period from January 2018 to June 2019. The patients presented with normal preoperative testing, satisfactory clinical conditions, and body mass index scores less than 30 kg/m2. In the present case series, one patient had umbilical cord remnant epidermolysis; all patients had edema and ecchymosis; and one patient had seroma on postoperative day 13. Hematoma, necrosis, infection, wound dehiscence, or thromboembolic events were not observed in any patient. The technique is safe and effective in the treatment of patients with abdominal excess skin, improving their body contour. However, longer postoperative follow-up periods and more cases are necessary to better measure the results and incidence of complications.

Keywords: Lipoabdominoplasty; Lipectomy; Gastroplasty; Morbid obesity; Abdominoplasty.

 

RESUMO

A obesidade mórbida se caracteriza por acúmulo de tecido adiposo que se distribui de maneira heterogênea em todo o organismo, tendo a gastroplastia como o mais recente método de tratamento cirúrgico. Após perda considerável de peso, o doente apresenta sobras cutâneas, sob essas sobras acumulam-se secreções que favorecem a instalação de infecções cutâneas que podem ser minimizadas com a execução de dermolipectomias. Os autores descrevem a técnica de lipoabdominoplastia em âncora, adaptando os princípios de descolamento reduzido do retalho, lipoaspiração de abdome e flancos, e preservação da fáscia de Scarpa infraumbilical associado à marcação pré-cirúrgica em "Fleur-de-Lis". A técnica foi realizada em 17 pacientes em pós-operatório tardio de gastroplastia, entre janeiro de 2018 e junho de 2019, com idade entre 35 a 66 anos, sendo 16 pacientes do sexo feminino e 1 do sexo masculino. Todos os pacientes foram operados com exames pré-operatórios dentro da normalidade, condições clínicas satisfatórias e IMC<30. Na presente série de casos, um paciente apresentou epidermólise de coto umbilical; todos os pacientes apresentaram edema e equimoses, e um paciente apresentou seroma no 13º dia de pós-operatório. Hematoma, necrose, infecção, deiscência de ferida operatória ou eventos tromboembólicos não foram observados em nenhum paciente. A técnica demostrou ser segura e eficaz no tratamento de pacientes com excedente cutâneo abdominal, com melhora do contorno corporal, porém há necessidade de maior tempo de acompanhamento pós-operatório e maior número de casos operados para melhor mensurar os resultados, bem como a incidência de complicações.

Palavras-chave: Lipoabdominoplastia; Lipectomia; Gastroplastia; Obesidade mórbida; Abdominoplastia

 

Incidence of seroma in abdominoplasty with versus without the use of drains and quilting sutures: a systematic review and meta-analysis

Katrienne Guidolini Martinelli; Caroline Ferraz Rezende; Felipe Gama e Colombo; Katrini Guidolini Martinelli
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(4):546-551 - Review Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Abdominoplasty, which aims to improve body contour, has been upgraded by its association with limited dissection of the cutaneous flap and quilting sutures in the same surgery to avoid the formation of postabdominoplasty seroma, a complication that troubles both patient and surgeon. Therefore, this study aimed to assess whether the use of quilting sutures is associated with a lower incidence of seroma after abdominoplasty than the use of drains.
Methods: A systematic review of the literature and a meta-analysis were performed of the Science Direct, Scielo, Pubmed, Lilacs, CINAHL, and Scopus databases. The data analysis was performed using the Stata 12.0 program and the I2 statistic proposed by Higgins, with a 95% confidence interval for the relative risk for seroma by intervention type (drain, quilting sutures, drain with quilting sutures). The study was registered in PROSPERO (CRD42019120399).
Results: Five studies met the inclusion criteria and were included in the meta-analysis. Quilting sutures showed a protective effect (versus use of drain with quilting sutures) in the prevention of seroma (relative risk, 0.13; 95% confidence interval, 0.02-0.66).
Conclusion: These findings suggest that the use of quilting sutures instead of drains in abdominoplasty can effectively prevent seroma formation.

Keywords: Abdominoplasty; Drain; Suction; Seroma; Plastic Surgery; Meta-analysis.

 

RESUMO

Introdução: A abdominoplastia é um procedimento para a melhoria do contorno corporal e a técnica tem sido aprimorada pela associação da dissecção limitada do retalho cutâneo e pontos de adesão no mesmo ato operatório, evitando-se a formação de seroma pós-abdominoplastia, complicação que incomoda tanto o paciente quanto o cirurgião. Portanto, o objetivo é avaliar se o uso de pontos de adesão está associado a menor incidência de seroma após abdominoplastia quando comparado ao uso de drenos.
Métodos: Revisão sistemática da literatura com metanálise, envolvendo as seguintes bases de dados: Science Direct, Scielo, Pubmed, Lilacs, CINAHL e Scopus. Para analisar os dados foi utilizado o programa Stata 12.0 e a estatística I2 proposta por Higgins, com intervalo de confiança de 95% para o risco relativo para seroma, segundo o tipo de intervenção (dreno, ponto de adesão, dreno com ponto de adesão). Sendo registrado no PROSPERO sob o número CRD42019120399.
Resultados: Cinco estudos preencheram os critérios de inclusão e foram incluídos na metanálise. Ao comparar o uso de dreno de sucção com pontos de adesão, os pontos de adesão mostraram um fator de proteção na prevenção do seroma (RR: 0,13; IC 95%: 0,02-0,66).
Conclusão: Os achados sugerem que o uso de pontos de adesão em abdominoplastia em detrimento do uso de drenos pode ser uma técnica eficaz para prevenção da formação de seromas.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Drenagem; Sucção; Seroma; Cirurgia plástica; Metanálise

 

Lipoabdominoplasty. Systematization to minimize complications

Carlos Gustavo Zahluth Monteiro; Carla Colado Dib
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(1):99-104 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Abdominoplasty and liposuction are two of the most frequently performed plastic surgeries in Brazil. Many Brazilian plastic surgeons have contributed to their improvement and constantly seek the best result for their patients. Surgeons also must always be attentive to thromboembolic events that may have a tragic outcome. METHODS: Twenty (20) female patients, aged 29 to 63 years, with a mean age of 43 years, underwent surgery. The patients attended a pre-anesthetic visit, where they were classified according to surgical risk using the American Society of Anesthesiologists classification, underwent routine testing, abdominal wall ultrasonography, cardiovascular assessment, and psychological assessment. RESULTS: Among the 20 cases, there was one case of persistent seroma, one case of "dog-ear," and one case of umbilical wound dehiscence. The complications that occurred did not influence the final surgical outcome and 15 patients were very satisfied 6 months post-surgery. CONCLUSION: Lipoabdominoplasty proved to be a safe technique with good results. Psychological factors must be assessed and a necessarily rigorous routine starting from the preoperative period allows a reduction in the risk of complications.

Keywords: Lipoabdominoplasty; systematization; complications.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A abdominoplastia e a lipoaspiração estão entre as cirurgias plásticas estéticas mais realizadas em nosso país, inúmeros cirurgiões plásticos brasileiros contribuíram para o seu aperfeiçoamento, sempre visando um melhor resultado ao paciente. Devemos sempre estar atentos aos fenômenos tromboembólicos que podem ter um desfecho dramático. MÉTODOS: Foram operadas 20 pacientes, com idade variando de 29 a 63 anos, idade média de 43 anos, todas do sexo feminino. As pacientes passaram por consulta pré-anestésica, onde foram classificadas segundo o risco cirúrgico utilizando tabela da ASA (American Society of Anesthesiologists), realizaram os exames de rotina, Ultrassonografia de parede abdominal, avaliação cardiológica e avaliação psicológica. RESULTADOS: Em nossa casuística de 20 pacientes, tivemos um caso de seroma persistente, um caso de "dog ear" e um caso de deiscência de cicatriz umbilical, as complicações encontradas não influenciaram o resultado final da cirurgia e 15 pacientes se disseram muito satisfeitos após 6 meses de operados. CONCLUSÃO: A lipoabdominoplastia demonstrou ser uma técnica segura e que traz bons resultados ao paciente, aspectos psicológicos devem ser avaliados e uma rotina criteriosa desde o pré-operatório visa diminuir possíveis intercorrências.

Palavras-chave: Lipoabdominoplastia; sistematização; complicações.

 

Quantitative evaluation of drain flow in lipoabdominoplasty - a comparative study

Osvaldo Ribeiro Saldanha Filho; Osvaldo Ribeiro Saldanha; Francis Llaverias; Cristianna Bonetto Saldanha; Eugênio Cação; Daniel Rodrigues Carvalho
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(2):259-263 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: The importance of Scarpa's fascia in reducing both skin suture tension and seroma is a subject of great discussion in lipoabdominoplasty. This study evaluates drain flow in lipoabdominoplasty, with and without preservation of Scarpa's fascia, on postoperative days 1º, 3º, 5º, and 7º. METHODS: This was a prospective, randomized, and serial study of 24 patients who underwent lipoabdominoplasty; procedures performed by seven different surgeons (residents) were evaluated between August and December 2013. The patients were divided into two groups according to whether Scarpa's fascia was preserved or removed. Drain flow was evaluated on postoperative days 1º, 3º, 5º, and 7º, and complications were assessed in the two groups. RESULTS: Three patients developed epitheliosis on the umbilical scar, and two were smokers. There was less fluid drainage in Group 1 patients compared to Group 2, and this was less significant on postoperative day 1. One patient in Group 2 developed a seroma (40 ml), which was aspirated with a syringe on postoperative day 10, with no recurrence. CONCLUSION: Lipoabdominoplasty with Scarpa's fascia preservation resulted in reduced serosanguinous drainage, both when taken as a whole (182.09 ml less for the seven day total), or measured daily.

Keywords: Lipoabdominoplasty; Abdominoplasty; Liposuction; Seroma.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A importância da fáscia de Scarpa, tanto na diminuição da tensão da sutura da pele quando na diminuição do seroma, são assuntos de grande discussão sobre a lipoabdominoplastia. Este estudo tem o objetivo de avaliar o débito nos drenos, nos 1º, 3º, 5º e 7º dias de pós-operatórios, em procedimentos de lipoabdominoplastias com e sem preservação da fáscia de Scarpa. MÉTODOS: Estudo prospectivo, randomizado e consecutivo, analizando 24 pacientes submetidas à lipo abdominoplastia por sete cirurgiões (residentes) diferentes, no período de agosto-dezembro de 2013. As pacientes foram divididos em 2 grupos, um com manutenção da fáscia de Scarpa e outro onde ela foi removida. Foi pesquisado o débito no dreno nos 1º, 3º, 5º e 7º dias de PO, assim como as complicações nos dois grupos. RESULTADO: Três pacientes do grupo apresentaram epiteliólise na cicatriz umbilical, sendo duas delas tabagistas. Houve menor quantidade de líquido drenado no grupo 1 do que no grupo 2, sendo significância menor no 1º pós-operatório. Um paciente do grupo 2 apresentou seroma (40ml), aspirado com seringa no 10º PO, sem recidiva. CONCLUSÃO: Ficou demonstrado que a lipoabdominoplastia com preservação da fáscia de Scarpa apresentou diminuição de drenagem sero-sanguinolenta, tanto nas medições como um todo (182,09ml a menos na somatória dos sete dias) quanto na medição de cada dia isoladamente.

Palavras-chave: Lipoabdominoplastia; Abdominoplastia; Lipoaspiração; Seroma.

 

Flap and abdominal wall washing and debridement using dressings to prevent seromas and hematomas in abdominoplasty

Eduardo Sucupira; Renato Franz Matta Ramos; Patrícia Zuker; Jorge Matta; Carlos Oscar Uebel
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(4):561-564 - Ideas and Innovation

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Seroma formation remains a common complication of abdominoplasty. The use of drain, flap fixation points, and fibrin glue has been described to reduce the incidence of seroma formation. The authors present herein an easy-to-reproduce technique to decrease the risk of bleeding and eliminate the devitalized tissue caused by the detachment. The proposed strategy consists of washing and debridement, which was conducted with mechanical friction using moist flap and abdominal wall dressings.

Keywords: Abdominoplasty; Postoperative complications; Seroma.

 

RESUMO

A formação de seroma após uma abdominoplastia continua sendo uma complicação frequente. O uso de dreno, os pontos de fixação do retalho e o uso da cola de fibrina foram descritos com a finalidade de diminuir a sua incidência. Os autores apresentam uma técnica de fácil reprodução para reduzir o risco de sangramento, bem como para eliminar o tecido desvitalizado decorrente do descolamento. A tática proposta constitui-se de lavagem e desbridamento por meio da fricção mecânica com compressas umedecidas do retalho e da parede abdominal.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Complicações pós-operatórias; Seroma.

 

Abdominoplasty: effectiveness of classification of Bozola and Psillakis - 27 years of note from the author

Antonio Roberto Bozola
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(4):633-642 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: The author recalls the classification proposed by Bozola and Psillakis in 1988, and "aesthetic pathologies" abdominal divided into 5 groups identical to initial treatment in this segment body as excess skin, subcutaneous fat trunk, diastasis of the rectus muscles, external obliques, and deployment vertical position of the navel. Proposed model abdomen aesthetically beautiful like "lira" as he had done with elevations and depressions, highlights and shadows, creating relief. Define beauty and possibility of its reproduction. OBJECTIVE: To assess the practicality of their diagnosis and treatments of the proposed classification and evolution of the same in the 27 subsequent years with different tactics from those described initially, keeping unchanged the classification. METHOD: Describes the five treatment groups and percentages of each of the last 200 operated cases. 614 cases were operated from 2001 to 2011, with possible outcomes to obtain. RESULTS: The classification was effective in 99% of the operated cases. CONCLUSION: The classification proposed by Bozola and Psillakis remains unchanged, the treatments included new tactics, now more extensive and intense liposuction (vibroliposuction) plications of the rectus and obliques through tunnels hipsters in areas without major perforating vessels that supply skin and subcutaneous tissue of the abdomen, it refixando aponeurotic wall, reducing seroma and hematoma. And reducing traction and skin resection, with better quality of scars, and results.

Keywords: Abdominoplasty. Abdomen/Surgery. Liposuction.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: O autor recorda a classificação proposta por Bozola & Psillakis em 1988, e as "patologias estéticas" abdominais divididas em cinco grupos idênticas à inicial, no tratamento desse segmento corporal, conforme excedente de pele, gorduras subcutâneas do tronco, diastasis dos músculos retos, oblíquos externos, e posição de implantação vertical do umbigo. Propõe modelo de abdome esteticamente bonito semelhante à "lira", como havia feito, com saliências e depressões, brilhos e sombras, criando o relevo. Define beleza e possibilidade de sua reprodução. OBJETIVO Analisar a praticidade de diagnósticos e respectivos tratamentos da classificação proposta, e evolução dos mesmos nos 27 anos subsequentes, com táticas diferentes das descritas inicialmente, mantendo inalterada a classificação. MÉTODO: Descreve o tratamento nos cinco grupos e porcentagens de cada um nos últimos 200 casos operados. Seiscentos e catorze casos foram operados de 2001 a 2011, com os resultados possíveis de se obter. RESULTADOS: A classificação foi efetiva em 99% dos casos operados. CONCLUSÃO: A classificação proposta por Bozola & Psillakis permanece inalterada, os tratamentos incluíram novas táticas, atualmente com mais extensa e intensa lipoaspiração (vibrolipoaspiração), plicaturas dos músculos retos e oblíquos através de túneis descolados em áreas sem vasos perfurantes importantes que irrigam pele e subcutâneo do abdome, refixando-o a parede aponeurótica, reduzindo seromas e hematomas. E redução da tração e ressecção de pele, com melhor qualidade das cicatrizes, e dos resultados.

Palavras-chave: Abdominoplastia. Abdome/Cirurgia. Lipoaspiração.

 

Complicações em abdominoplastia

ROLF GEMPERLI; ROGÉRIO RAFAEL DA SILVA MENDES
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.2):53-56 - Supplement Symposium Miner of Intercurrences 13th SYMPOSIUM - 2019

PDF Portuguese

RESUMO

Abdominoplastia configura entre os procedimentos mais realizados em Cirurgia Plástica Estética e Reparadora. Embora seja um procedimento considerado seguro não é isento de complicações, sejam elas locais (seroma, hematoma, necrose, infecção, assimetrias) ou sistêmicas (doença tromboembólica, insuficiência respiratória). Neste artigo foram revisadas e detalhadas as principais complicações em abdominoplastias, com ênfase na frequência de ocorrência, apresentação clínica, fatores de risco, prevenção e tratamento.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Lipoaspiração; Cirurgia plástica; Cirurgia estética; Cirurgia reparadora; Complicações

 

Surgical item left in the abdomen six years after abdominoplasty: case report

Glayse June Sasaki Favarin; Eduardo Favarin; Amanda Nunes Borges; Airton Moreira Pinto Junior; Viviane Alessio Baggio; Nicoly de Souza Jacques
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(4):583-585 - Case Report

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

The retained surgical item in patients after closure of the wound is a situation that although rare is preventable and requires specific care such as institutional protocols for prevention. We report a case of removal of an already encapsulated pads by fibrin tissue (textiloma) from a patient six years after an abdominoplasty, which formed a palpable mass in her abdomen. The retained surgical items lead to variable symptoms such as palpable masses, compressions, non-absorptive loss and, sometimes, severe complications. The diversity of manifestations combined with their few frequency, most of the times, lead to underdiagnosis. Treatment should be individualized for each case, although in case of symptoms removal is indicated in most cases. Surgical removal is associated with complications as longer as objects remain in patient's body.

Keywords: Foreign bodies; Seroma; Abdominoplasty; Surgical instruments; Surgical sponges.

 

RESUMO

A permanência de corpos estranhos em pacientes após o fechamento da ferida operatória é uma situação que, embora rara, é evitável e demanda cuidados específicos como protocolos institucionais de prevenção. O caso relata a retirada de uma compressa já encapsulada por tecido de fibrina (textiloma) de uma paciente seis anos após abdominoplastia, formando uma massa palpável em seu abdômen. A permanência desses itens cirúrgicos leva a sintomas variáveis como massas palpáveis, compressões, síndromes disabsortivas e, algumas vezes, graves complicações. A diversidade de manifestações combinada a sua pouca frequência levam, muitas vezes, ao subdiagnóstico. O tratamento deve ser individualizado para cada caso, embora na presença de sintomas a retirada é indicada na grande maioria das vezes. A cirurgia de retirada está mais associada a complicações quanto maior tempo de permanência dos objetos no corpo do paciente.

Palavras-chave: Corpos estranhos; Seroma; Abdominoplastia; Instrumentos cirúrgicos; Tampões de gaze cirúrgicos.

 

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license