ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Showing of 1 until 20 from 29 result(s)

Search for : Aplasia congênita da cútis; Membros inferiores; Má formação; Tratamento

Nevus Comedonicus: Surgical Treatment

Luiz Carlos Celi Garcia, Leonardo Falci Cabeda, Rachel Garcia, Giuliano Borile
Rev. Bras. Cir. Plást. 2000;15(1):12-14 - Articles

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Nevus comedonicus is a rare cutaneous abnormality clinically characterized by slightly prominent grouped papules with dark and firm keratotic pad. It consists in a linear or zosteroid lesion that has been treated by means of conservative or surgical methods. The present paper refers to a young female patient with extensive nevus comedonicus at left inframammary region submitted to lesion surgical exeresis using sliding flap technique.

Keywords: Nevus comedonicus; surgical treatment; sliding-flap

 

RESUMO

O nevo comedônico é uma anomalia cutânea rara, caracterizada clinicamente por pápulas agrupadas, levemente elevadas, com tampão ceratótico escuro e firme. Trata-se de lesão de conformação linear ou zosteriforme, que tem sido tratada por meio de métodos conservadores ou cirúrgicos. A presente publicação refere-se a uma paciente jovem com extenso nevo comedônico em região inframamária esquerda, submetida a exérese cirúrgica da lesão, com a utilização de técnica de retalho por deslizamento.

Palavras-chave: Nevo comedônico; tratamento cirúrgico; retalho por deslizamento

 

Results in surgical rehabilitation for facial palsy

Kátia Tôrres Batista, Alexandre Faleiros Cauhi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(3):149-152 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Objectives: To describe results in surgical rehabilitation in a series of cases with facial nerve injury, evaluated over a five year period at Hospital de Reabilitação SARAH. Methods: Retrospective study of a series of cases admitted during the years 2001 at 2006 period, with assessment of the surgical rehabilitation using the House Brackmann scale in 29 (10%), 16 (55%) and 13 (45%) female, were submitted to surgical rehabilitation. The following surgical procedures adopted are direct nerve suturing in 2 (7%), end-to-end neurorraphy, facial-hypoglossal in 4 (14%), temporal muscle transposition in 7 (24%), canthoplasty in 12 (41%) and complementary procedures in 4 (14%) cases. The follow up was three years in average. Results: The improvement in all case was at least one degree in HB score. Conclusion: All patients evolved with a functional improvement with a surgical rehabilitation and can be considered a highly relevant for the paralyzed face rehabilitation.

Keywords: Facial paralysis. Facial nerve/surgery. Treatment outcome.

 

RESUMO

Objetivo: Descrever os resultados da reabilitação cirúrgica de uma série de casos com lesão de nervo facial, avaliados durante um período de cinco anos no Hospital de Reabilitação SARAH-Brasília. Método: Estudo retrospectivo de série de casos admitidos no período de 2001 a 2006, avaliando-se os resultados da reabilitação cirúrgica conforme a escala de House Brackmann (HB), em 29 (10%) pacientes, sendo 16 (55%) homens e 13 (45%) mulheres. Os procedimentos realizados foram microneurorrafia término-terminal em 2 (7%) pacientes, hipoglossofacial em 4 (14%), transposição do músculo temporal em 7 (24%), cantoplastia em 12 (41%) e procedimentos complementares em 4 (14%). O tempo de seguimento pós-operatório foi, em média, de 3 anos. Resultados: Todos os casos evoluíram com a recuperação em no mínimo um grau na escala de HB. Conclusão: Todos os pacientes apresentaram melhora funcional com a reabilitação cirúrgica e esta pode ser considerada um importante componente na reabilitação da face paralisada.

Palavras-chave: Paralisia facial. Nervo facial/cirurgia. Resultado de tratamento.

 

Giant Lipoma of the Thigh: Case Report

Eduardo Mordjikian, Elizabeth Leão
Rev. Bras. Cir. Plást. 2001;16(3):17-28 - Case Reports

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

This paper reports the case of a 77-year-old patient who had a giant thigh lipoma for 20 years, emphasizing its location, size, and the surgical management.t.

Keywords: Lipoma; lower limbs; surgical treatment

 

RESUMO

É relatado um caso de lipoma gigante de coxa com 20 anos de evolução, enfatizando-se sua localização, dimensões e o tratamento cirúrgico empregado.

Palavras-chave: Lipomas; membros inferiores; tratamento cirúrgico

 

Retrospective Study of 730 Patients Submitted to Reduction Mammaplasty

Rodrigo Corteletti Ronconi, Frederico Augusto Vieira, Celso Eduardo Jandre Boechat, Patrícia Silvia Moutinho Ribeiro Nunes, José Horácio Costa Aboudib, Claudio Cardoso Castro
Rev. Bras. Cir. Plást. 2004;19(2):58-62 - Articles

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

The authors present the studies and results obtained after the assessment of 730 cases operated on for breast hypertrophy, from January 1995 to December 2001, at Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE). The patients and the surgical technique are analyzed in their most significant details, stressing the care necessary in well conducted preoperative clinical evaluatum, surgery and postoperative care, to attain satisfactory results and natural shaped breasts, maintenance of lactation function and areolomamillary sensitivity, with subtle or non-apparent scars.

Keywords: Breast hypertrophy; breast ptosis; treatment; reduction mammaplasty; patient satisfaction

 

RESUMO

Os autores apresentam os estudos e resultados obtidos após a avaliação de 730 casos operados de hipertrofia mamária, no período de janeiro de 1995 a dezembro de 2001, no Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE). As pacientes e a técnica cirúrgica são analisadas em seus mais importantes detalhes, ressaltando os cuidados necessários na avaliação clínica pré-operatória, ato cirúrgico e pós-operatório bem conduzidos, para que os resultados sejam satisfatórios, obtendo mamas de formato natural, manutenção da função de lactação e sensibilidade areolomamilar, obtenção de cicatrizes discretas ou imperceptíveis.

Palavras-chave: Hipertrofia mamária; ptose mamária; tratamento; mamaplastia redutora; satisfação da paciente

 

Phleomorphic Adenoma of the Lachrymal Gland - Case Report

Henri Friedhofer, Fernanda Priscila Pasello de Mendonça, Alessandra Grassi Salles, Marcus Castro Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 1997;12(3):69-74 - Case Reports

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Pleomorphic adenoma of the lachrymal gland is a rare clinical entity and frequently mistaken with other benign pathologies arising in this gland, being erroneous biopsied. In order to reduce the risk of recurrence and malignant transformation, resection of pleomorphic adenoma of the lachrymal gland must be directed toward its intact removal. A detailed clinical history and a careful physical examination are helpful in tumor diagnosis. This report describes a case of pleomorphic adenoma of the lachrymal gland and an up-to-date surgical approach.

Keywords: Pleomorphic adenoma, mixed tumor, lachrymal gland, surgical approach

 

RESUMO

O adenoma pleomórfico da glândula lacrimal é uma entidade rara, freqüentemente confundida com outras patologias benignas desta glândula, sendo erroneamente biopsiado. A fim de diminuir o índice de recorrência e transformação maligna, a ressecção deve ter como objetivo a remoção completa da cápsula. Uma história clínica detalhada e exame físico completo são fundamentais no diagnóstico tumoral. Este relato descreve um caso de adenoma pleomórfico da glândula lacrimal e revisão bibliográfica de seu diagnóstico e conduta cirúrgica.

Palavras-chave: Adenoma pleomórfico, tumor misto, glândula lacrimal, tratamento cirúrgico

 

Keloids: prognostic factors

Jason César de Abrantes Figueiredo; Francisco Claro de Oliveira Junior; Antonio Gustavo Zampar; José Marcos Mélega
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(4):274-280 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Keloids are a challenging problem related to the wound healing process. The treatment can be difficult and includes a variety of therapeutical possibilities that sometimes show frustrating outcomes. Considering that information, the present study aimed to analyze the features that could be correlated to the recurrence of treated keloids. Methods: Forty eight lesions were analyzed retrospectively in a period of five years, with a follow-up of at least 18 months. The therapeutical response was correlated with other keloids variables. It was considered for analysis the complete regression and the treatment without favorable response. Results: Considering 48 analyzed keloids (45% male and 55% female). The average age was 24 year-old (8-69 year-old). The complete regression obtained with diverse treatments was 64.5%. The keloid size was statistically significant (t-Student; p< 0.04 e ANOVA; p= 0.042) for recurrence in lesions > 40 mm and for cure in lesions < 20 mm. Keloids bigger than 20 mm reached statistically significant favorable outcomes with excision and superficial radiation than those treated with excision and steroid injections (chi-square; p < 0.04). Conclusions: The excision associated to the betatherapy is significantly better than the excision with steroid injections in lesions bigger than 20 mm. The size of the keloid was the main prognostic factor for cure.

Keywords: Keloid. Triamcinolone/therapeutic use. Radiotherapy, adjuvant. Treatment outcome.

 

RESUMO

Introdução: Quelóides são um dos maiores problemas relacionados ao processo de cicatrização. O tratamento pode ser difícil e envolver uma variedade de possibilidades terapêuticas, com resultados muitas vezes frustrantes. Considerando-se estas informações, este trabalho objetiva estudar variáveis que poderiam estar correlacionadas à recidiva dos quelóides tratados. Método: Foram analisados, retrospectivamente, 48 quelóides tratados em um período de cinco anos, que mantiveram seguimento mínimo de 18 meses após término do tratamento. Os resultados obtidos com várias modalidades terapêuticas foram correlacionados com outras variáveis. Foram considerados para análise a regressão completa e o tratamento sem resposta favorável. Resultados: Das 48 lesões analisadas (45% do sexo masculino e 55% do feminino), a idade média foi de 24 anos (8-69 anos), a melhora completa, considerando-se os diversos tratamentos adotados no serviço, foi alcançada em 64,5% dos quelóides. O tamanho da lesão mostrou-se significativo (t-Student; p< 0,04 e ANOVA; p= 0,042) em recidiva para lesões > 40 mm e cura para as menores que 20 mm. A terapêutica nas lesões > 20 mm com exérese associada à betaterapia foi significativamente superior à associação com corticóide injetável (quiquadrado; p < 0,04). Conclusão: A exérese associada à betaterapia é significativamente superior à associação com corticóide injetável nas lesões maiores que 20 mm. Quanto à resposta terapêutica, o tamanho da lesão foi o principal fator prognóstico.

Palavras-chave: Quelóide. Triancinolona/uso terapêutico. Radioterapia adjuvante. Resultado de tratamento.

 

Pioderma gangrenoso e a sutura elástica como um coadjuvante ao tratamento

EDUARDO LUIZ NIGRI DOS SANTOS; LEONARDO DUQUE DE MIRANDA CHAVES
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.2):21-22 - Supplement Symposium Miner of Intercurrences 13th SYMPOSIUM - 2019

PDF Portuguese

RESUMO

Introdução: Relato de um caso de Pioderma Gangrenoso nas mamas em paciente submetida a mamoplastia redutora que após o tratamento agudo foi realizado o uso da sutura elástica para redução das feridas.
Objetivo: Demonstrar a possibilidade do uso da sutura elástica para redução das feridas cicatrização mais rápida e cicatrizes menores.
Relato: Paciente submetida a mamoplastia redutora foi diagnosticada com PG após 5 dias da cirurgia, sob internação foi medicada e após a remissão do quadro realizou-se suturas elásticas nas feridas.
Resultado: obteve-se redução da dimensão das feridas bem como cicatrizes menores em tempo menor que o habitual.
Conclusão: É possível usar a sutura elástica para reduzir as feridas provocadas pelo PG após o tratamento clínico da patogenia.

Palavras-chave: Sutura elástica; Feridas; Pioderma gangrenoso; Tratamento cirúrgico de feridas; Dermatoses

 

Surgical approach to the treatment of craniofacial fibrous dysplasia - a 14-year experiencedysplasia - 14 years experience

Nivaldo Alonso; Hamilton Matushita; Mariana Sisto Alessi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(1):66-70 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Fibrous dysplasia is benign tumor of the craniofacial skeleton that primarily affects young patients. It is characterized by the progressive growth of benign fibrous tumors with resulting functional and aesthetic deformities. This study assesses the clinical and prognostic features in patients with fibrous dysplasia who underwent surgical treatment at our institution. METHODS: Retrospective analysis of 19 patients with craniofacial fibrous dysplasia, treated between January 1997 and December 2011 with bone remodeling and surgical resection. We also review the literature regarding fibrous dysplasia. RESULTS: Patients ranged between 8-65 years old, with a mean age of 21.75 years. Ten patients (52.7%) were women. The polyostotic form was predominant and present in15 cases (78.9%). The sphenoid, ethmoid, and frontal bones were most commonly involved in the polyostotic form and the mandibular and zygomatic bones were most commonly involved in the monostotic form. The main complaint was asymmetry of the face. One patient developed decreased visual acuity. Treatment was based on surgical resection and graft reconstruction in the localized form of the disease, and bone abrasion and remodeling in the polyostotic form. Intracranial access was necessary in only one case (5.2%) where the optic nerve was compressed. Repeat surgical treatment due to recurrent tumor growth was necessary in three patients. The only complication occurred in a patient who developed lagophthalmos and epicanthus postoperatively after undergoing surgery using infraorbital access. No other complications occurred during short- and long-term follow-up. Functional preservation and facial contour recovery outcomes were satisfactory. CONCLUSION: Our experience, along with that of other investigators, demonstrates that surgery is effective in treating selected cases of craniofacial fibrous dysplasia.

Keywords: Fibrous Dysplasia; Craniofacial; Treatment; Surgery; Reconstruction.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: Dentre os tumores benignos do esqueleto craniofacial, a displasia fibrosa caracteriza-se pelo crescimento progressivo e acometimento de jovens, acarretando deformidade funcional e estética. Esse trabalho analisa aspectos clínicos e prognósticos de pacientes com essa patologia, submetidos a tratamento cirúrgico. MÉTODOS: Análise retrospectiva de 19 pacientes com displasia fibrosa craniofacial, acompanhados de janeiro de 1997 a dezembro de 2011, tratados com remodelamento ósseo e ressecção cirúrgica. Revisão da literatura sobre. RESULTADOS: A distribuição etária variou de 8 a 65 anos, com média de 21,75 anos. Dez pacientes (52,7%) eram do sexo feminino. A forma poliostótica predominou, com 15 casos (78,9%). Entre os ossos acometidos destacaram-se esfenóide, etmóide e frontal, nas formas poliostóticas; e maxila e zigoma, nas monostóticas. A principal queixa foi de assimetria da face. Um paciente evoluiu com diminuição de acuidade visual. O tratamento baseou-se na ressecção cirúrgica e reconstrução com enxerto, quando doença localizada, e no desgaste e remodelamento ósseo, em formas poliostóticas. Em apenas um caso (5,2%), com compressão de nervo óptico, foi necessário acesso intracraniano. Reabordagem cirúrgica, por crescimento tumoral, foi necessária em três pacientes. Como complicações, tivemos um caso de lagoftalmo e epicanto no pós-operatório de paciente tratado por cirurgia com acesso infraorbitário. Ausência de outras intercorrências no seguimento a curto e longo prazo. Os resultados de preservação de função e recuperação de contorno facial foram satisfatórios. CONCLUSÃO: Essa experiência, em concordância com a literatura, permite concluir que a cirurgia é eficaz na abordagem de casos selecionados de displasia fibrosa craniofacial.

Palavras-chave: Displasia Fibrosa; Craniofacial; Tratamento; Cirurgia; Reconstrução.

 

Uso do curativo a vácuo Avelle®. para síntese de deiscência em cicatriz abdominal

HUDSON ALEX LÁZARO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.2):30-31 - Supplement Symposium Miner of Intercurrences 13th SYMPOSIUM - 2019

PDF Portuguese

RESUMO

A terapia de pressão negativa (TPN) é utilizada, há cerca de 20 anos, na síntese de feridas e no tratamento de deiscências de abdominoplastia. O dispositivo Avelle® (ConvaTec) é um dispositivo portátil que usa a tecnologia Hydrofiber® (propicia desbridamento autolítico e promove controle da umidade do ambiente da ferida), em vez de gaze ou espuma para a terapia de pressão negativa. É um dispositivo portátil com bateria que combina as tecnologias de TPN e Hydrofiber® e pode ser usado por até 30 dias. O objetivo deste artigo é demonstrar a importância do curativo a vácuo como ferramenta para aceleração na cicatrização de deiscências pós-abdominoplastia. O uso do curativo a vácuo Avelle® se mostrou eficaz para o tratamento da deiscência da cicatriz da abdominoplastia. O tratamento diminuiu o tempo de cicatrização, proporcionou maior conforto e diminuição da ansiedade da paciente.

Palavras-chave: Tratamento de ferimentos com pressão negativa; Abdominoplastia; Feridas; Cicatrização; Lesão

 

Treatment of marked abdominal wall musculoaponeurotic flaccidity: 26 years of experience

Alberto Magno Lott Caldeira; John Fortunato Jaulis Solórzano; Kelly Stelle Carrión MAuricio
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(3):378-383 - Ideas and Innovation

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

We investigated the causative factors of abdominal support and shape and found that excessive musculoskeletal flaccidity of primary origin causes an inability to support the abdominal wall and may be associated with the predisposing factors. For such cases, we developed a treatment consisting of the placement of a subcutaneous mesh. Here, we present our experience with this treatment. We present a case series of 15 patients in our 26 years of experience who were treated with primary and secondary abdominoplasties. The abdominal wall was reinforced by placing a polypropylene mesh in the submuscular plane with U-stitches in the transversalis fascia, aiming at strengthening the muscle and transverse fascia. The results were satisfactory in the long term. Abdominal bulges were repaired, and muscle harmony was restored. Only two complications occurred: chronic pain localized in the abdomen, which was treated with steroid infiltrations, and an early umbilical fistula with spontaneous and rapid resolution, regardless of the proposal.

Keywords: Abdominoplasty; Muscular diastasis; Muscular atrophy; Secondary treatment; Subcutaneous mesh.

 

RESUMO

Realizamos uma análise de quais são os elementos responsáveis pelo sustento e formato abdominal, determinando assim, que é devido a uma excessiva flacidez musculoaponeurótica de origem primária, à qual promove uma incapacidade do suporte da parede abdominal e pode estar relacionada a fatores predisponentes. Para esses casos específicos, desenvolvemos um tratamento propondo a colocação da tela e apresentando nossa experiência. Apresentamos esta série de casos de experiência em 26 anos. Onde 15 pacientes foram tratados com abdominoplastia primária e secundária. O reforço da parede abdominal foi realizado através da colocação de tela de polipropileno no plano submuscular com pontos em U na fáscia transversalis, buscando-se fortalecer o músculo e a fáscia transversa. Os resultados foram satisfatórios a longo prazo. Obtendo resolução das protuberâncias abdominais e restaurando a harmonia dos músculos. Apenas duas complicações ocorreram, que foram a presença de dor crônica localizada no abdome tratada com infiltrações de esteroides e fístula umbilical precoce de resolução rápida espontânea, independente da proposta.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Diástase muscular; Atrofia muscular; Tratamento secundário; Tela subcutânea

 

Secondary omphaloplasty: description of a new proposal

Aymar Edison Sperli; José Octávio Gonçalves de Freitas; Thais Helena Antoniete Fernandes
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(1):84-88 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: The navel is an essential component of abdominal aesthetics. Omphaloplasty sequelae can compromise the result of an abdominal abdominoplasty. The purpose of this article was to propose an alternative procedure that is simple to perform and well accepted by patients, with favorable cosmetic results. METHODS: We surveyed cases of abdominal dermolipectomy in teaching hospitals and in private practice in the last 5 years (433 cases). RESULTS: We found 30 cases (6.9%) of sequelae distributed as follows: 14 cases (3.2%) in the hypogastric scar and 16 cases in the umbilicus (3.8%). They are characterized as follows: 7 cases (1.6%) of constriction of the navel and 9 cases (2.07%) of scar hypertrophy. CONCLUSION: We analyzed the results of the proposed technique of secondary omphaloplasty in the immediate (up to 30 days) and late (1-year) postoperative periods.

Keywords: navel; reconstruction; scar; surgery; treatment; omphaloplasty.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: O umbigo é um componente essencial à estética do abdome. Sequelas de onfaloplastia podem comprometer o resultado final de uma dermolipectomia abdominal. Objetivo do trabalho é propor um procedimento alternativo, de fácil execução, com resultado estético favorável e bem aceito pelas pacientes. MÉTODOS: Fizemos o levantamento dos casos de dermolipectomia abdominal operados no serviço de ensino e na clínica privada nos últimos cinco anos (433 casos) RESULTADOS: Encontramos 30 casos (6,9%) com sequelas, assim distribuídos: 14 casos (3,2%) na cicatriz hipogástrica, e 16 casos de sequelas de umbigo (3,8%), assim caracterizados: sete casos (1,6%) constrição de umbigo e nove casos (2,07%) hipertrofia cicatricial. CONCLUSÃO: Analisamos os resultados da técnica de onfaloplastia secundária proposta quanto ao pós-operatório imediato (até 30dias) e tardio (um ano).

Palavras-chave: umbigo; reconstrução; cicatriz; cirurgia; tratamento; onfaloplastia.

 

Ischiatic pressure ulcers with osteomyelitis: treatment with ischiectomy

Andrea Maria de Oliveira, Bruno Lombardi, Luiz Scoppetta
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(1):100-102 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Ischiatic pressure ulcers are lesions of difficult treatment and high relapse rates, especially when associated with osteomyelitis. For their adequate handling, the need of a multidisciplinary team is essential, based on the clinical and radiological recognition of the osseous jeopardy, adequate antibiotic therapy, nutritional support, hyperbaric therapy and surgical treatment comprising a wide range debridement and coverage of the soft parts, using reconstructive techniques. Methods: The present work is based on 18 handcaps patients who are wheelchair users and have ischial pressure ulcers associated with osteomyelitis, all of them submitted to surgical treatment and a post-surgical follow-up period from 6 months to 5 years and 4 months, during the period from February, 2004 to June, 2009. These patients were submitted to the modified ischiectomy technique, with preservation of the insertion of the gracilis muscle, and subsequent cutaneous coverage with varied techniques, isolated or associated with cutaneous, fasciocutaneous, muscularis and, myocutaneous flaps. Results: The present work states that extended ischiectomy is the most important point for the resolution of the osseous infective process, and the possibility of using the gracile muscle muscularis flap, associated or not with other reconstruction techniques is a technical option, in the sense of occluding the osseous lacuna and allowing the use of adjuvant antibiotic therapy.

Keywords: Pressure ulcer/treatment. Skin ulcer. Osteomyelitis.

 

RESUMO

Introdução: Úlceras por pressão isquiáticas são lesões de difícil tratamento e altas taxas de recidivas, principalmente quando associadas à osteomielite. Para o seu adequado manejo, impõe-se a necessidade de equipe multidisciplinar, apoiada no reconhecimento clínico e radiológico do comprometimento ósseo, antibioticoterapia adequada, suporte nutricional, terapia hiperbárica e tratamento cirúrgico com amplo debridamento e cobertura de partes moles, com técnicas de reconstrução. Método: O presente trabalho foi baseado em 18 pacientes cadeirantes e portadores de úlceras por pressão com osteomielite associada, todos submetidos a tratamento cirúrgico e acompanhados por um período de pós-operatório de 6 meses a 5 anos e 4 meses, no período de fevereiro de 2004 a junho de 2009. Estes pacientes foram submetidos à técnica de isquiectomia modificada, com preservação da inserção do músculo gracilis, e subsequente cobertura cutânea com variadas técnicas isoladas ou associadas de retalhos cutâneos, fasciocutâneos, musculares, e miocutâneos. Resultados: O trabalho demonstra que a ampla isquiectomia é o ponto crucial para a resolução do processo infeccioso ósseo, e a possibilidade da utilização do retalho muscular do músculo gracilis, associado ou não a outras técnicas de reconstrução, é uma opção técnica, no sentido de ocluir a lacuna óssea e proporcionar a entrada da antibioticoterapia adjuvante.

Palavras-chave: Úlcera por pressão/tratamento. Úlcera cutânea. Osteomielite.

 

Cost analysis in patients admitted to the Santa Casa Misericórdia de Campo Grande, treated with and without the aid of hyperbaric oxygen therapy

Elson Taveira Adorno Filho; Kleder Gomes de Almeida; Gilberto de Carvalho Reis; Gabriel Rahal Costa; Aline Souza Kracik; Liva Helena Ferreira Tuluche; Albert Shiaveto de Souza; Gustavo de Sousa Marques
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(4):562-566 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Burns are among the leading external causes of death in Brazil, generating huge costs and having physical, psychological, and social consequences. The objective of this study was to compare two groups of burn patients, i.e., those with and those without adjuvant treatment with hyperbaric oxygen (HBO) therapy and to perform a cost analysis. METHODS: A retrospective study was carried out between 2011 and 2013, comparing 20 patients with moderate to severe burns who were hospitalized at the Santa Casa de Misericórdia de Campo Grande and treated with HBO (group I) and 22 patients treated without HBO (group II). RESULTS: Most of the patients, i.e., 24 (57.1%), were male. Flammable product was the most frequent etiologic agent in both groups, accounting for 56.6% of the burn cases. The average age of group I patients was of 26.6 years and that of group II was of 23.3 years, with a prevalence (50.4%) of those aged between 13 and 35 years. The average final cost per patient was R$17,292.00 for group I and R$25,360 for group II (p = 0.028). CONCLUSION: We conclude that, in our service, patients presenting moderate and severe burns and treated with HBO therapy underwent a lower number of surgical procedures, e.g., grafts and debridement that allowed reduced hospitalization time and led to significant savings in hospital costs.

Keywords: Burn; Treatment; Hyperbaric.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: As queimaduras estão entre as principais causas externas de morte no Brasil, geram enormes gastos financeiros e são responsáveis por sequelas físicas, psicológicas e sociais. O Objetivo deste estudo foi comparar os dois grupos de pacientes queimados com e sem tratamento coadjuvante com Oxigenoterapia Hiperbárica, assim como, realizar uma análise dos custos. MÉTODOS: Foi realizado estudo retrospectivo, período de 2011 a 2013, selecionando, 20 pacientes com queimaduras moderadas e graves, internados na Santa Casa de Misericórdia de Campo Grande, tratados com auxílio de OHB (grupo I) e 22 pacientes sem auxílio de OHB (grupo II). RESULTADOS: A maioria dos pacientes pertencia ao sexo masculino, 24 pacientes (57,1%). O agente etiológico mais frequente nos dois grupos foi produtos inflamáveis com 56,6% dos casos. A idade média do grupo I foi de 26,6 e a do grupo II 23,3, predominando a faixa etária entre 13 e 35 anos 50,4% dos pacientes. Custo médio final por paciente do Grupo I foi R$17.292,00, e grupo II R$25.360 (p=0,028). CONCLUSÃO: Concluímos que, no nosso serviço, o grupo de pacientes com queimaduras moderadas e graves tratados com auxílio da Oxigenioterapia Hiperbárica teve um menor número de procedimentos cirúrgicos, como enxertos e desbridamento, e menor tempo de internação, levando a uma economia importante dos gastos hospitalares.

Palavras-chave: Queimado; Tratamento; Hiperbárica.

 

Review of 150 cases of mandible fracture between 2010 and 2013 at the Cajuru University Hospital, Curitiba, PR

Alexandre Tieppo Zarpellon; Gilvani de Oliveira e Azor Cruz; Ivana de Oliveira Gus; Guilherme Henrique Gonçalves Moreira; Raphael Schemberk Chamma; Flávia David João de Masi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(4):609-614 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Mandible fractures are the second most frequent type of facial injury according to most studies. However, the epidemiological data on mandible fractures may vary between countries, or according to the trauma mechanism and the period of injury evaluation, owing to the influence of cultural, technological, environmental, and socioeconomic factors. This type of trauma comprises an important cost and morbidity factor. The aim of this study was to outline the epidemiological profile of mandible fractures treated at the Cajuru University Hospital from 2010 to 2013. METHODS: A retrospective, descriptive, observational study was performed with 236 patients hospitalized in the Cajuru University Hospital, from January 2010 to July 2013, in whom mandible fracture was diagnosed. Only patients with complete records were included in the study, resulting in a total of 150 patients. RESULTS: From the 150 records analyzed, it was found that mandible fractures were more prevalent in males, and the average age of patients was 29.9 years. Concerning the trauma-causing mechanisms, the most common were interpersonal violence (36.7%), traffic accidents (36.7%), and wounds caused by firearms (16%). Plate and screw fixation was the most frequently used treatment (111 patients). CONCLUSIONS: Mandible fractures were mainly caused by interpersonal violence, and were more frequent in young males. Multiple fractures were present in almost half of the patients. In single fractures, the condyle and parasymphysis regions were the most affected. Open treatment was most commonly performed, with reconstruction with a titanium plate being the most common approach.

Keywords: Mandible; Maxillomandibular fracture; Face; Treatment.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: As fraturas mandibulares correspondem ao segundo tipo de lesões faciais mais frequentes na maioria dos estudos. Contudo, os dados epidemiológicos desta fratura podem variar conforme o país, o mecanismo de trauma e a época em que foram avaliadas, uma vez que são influenciadas por fatores culturais, tecnológicos, ambientais e socioeconômicos. Consistem em importante fator de custo e morbidade. Delinear o perfil epidemiológico dos casos de fratura de mandíbula tratados no Hospital Universitário Cajuru no período entre 2010 e 2013. MÉTODO: Foi realizado um estudo retrospectivo, observacional e descritivo de 236 pacientes internados no Hospital Universitário Cajuru, no período de janeiro de 2010 a julho de 2013, diagnosticados com fratura de mandíbula. Foram incluídos no trabalho apenas os pacientes que apresentavam os prontuários contendo informações completas, totalizando 150 pacientes. RESULTADOS: Dos 150 prontuários analisados, encontrou-se prevalência das fraturas de mandíbula no sexo masculino, média de idade de 29,9 anos. Em relação ao mecanismo de trauma, as mais comuns foram a agressão interpessoal (36,7%), acidentes automobilísticos (36,7%), ferida por arma de fogo (16%). Com relação ao tratamento, o uso de placa e parafuso foi a forma mais realizada (111 pacientes). CONCLUSÕES: As fraturas de mandíbula são causadas principalmente por agressão interpessoal, são mais incidentes em homens e jovens. As fraturas múltiplas estão presentes em quase metade dos pacientes. Nas fraturas únicas, a região do côndilo e parassínfise foram, ambas, as mais acometidas. O tratamento cruento foi o mais empregado, sendo a reconstrução com placa de titânio a forma mais comum.

Palavras-chave: Mandíbula; Fraturas maxilomandibulares; Face; Tratamento.

 

Therapeutic options in the management of giant congenital nevus: Experience of the Plastic and Reconstructing Service at Hospital de Clínicas, Federal University of Paraná

Renato da Silva Freitas; Gilvani Azor de Oliveira e Cruz; Isis Scomação; Adriana Sayuri Kurogi; Ivan Maluf Junior; Paula Giordani Colpo; Priscila Balbinot
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(2):277-281 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Several modalities are available for the treatment of giant congenital nevus (GCN). The surgical approach includes partial serial resection or total excision. Objective: To demonstrate the main therapeutic modalities in the treatment of GCN and to assess the incidence of location, age, and size of this lesion at the Plastic and Reconstructive Surgery Service of the Hospital de Clínicas, Federal University of Paraná. METHODS: This retrospective study included patients who had undergone surgical treatment for GCN between January 2004 and January 2010. We collected data such as age, sex, treatment performed, number of surgeries carried out, evolution, and complications. RESULTS: We evaluated 11 patients (8 female and 3 male). The average age was 12.4 years (range, 3-25 years). The GCN subtype most commonly found was intradermal melanocytic nevus, which accounted for 90.9% of cases, with melanocytic nevus accounting for the remaining 9.1%. No cases of melanoma were identified. The most common location was the head and neck. The average diameter of the lesions was 9.1 cm. The techniques used for the reconstruction included primary suture, local flaps, skin graft, and the use of expanders. In the follow-up period, 63.6% of the patients still presented a residual nevus, 27.3% underwent complete resection, and 9.1% were not monitored. CONCLUSION: A higher incidence of GCN was observed in patients aged 3-25 years. The most common location was the face, and the average size was 9.1 cm. The main treatment of patients with GCN was splitting resection, which resulted in satisfactory outcomes.

Keywords: Nevus; Treatment; Reconstructive surgical procedures.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: O nevus congênito gigante (NCG) possui diversas modalidades de tratamento. A abordagem cirúrgica inclui a ressecção parcial seriada ou excisão total. Objetivo: Demonstrar as principais modalidades terapêuticas utilizadas para o tratamento do NCG e avaliar a incidência da localização, idade e tamanho destas lesões no Serviço de Cirurgia Plástica e Reparadora do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná. MÉTODOS: Estudo retrospectivo dos pacientes submetidos a tratamento cirúrgico do NCG no período de janeiro de 2004 a janeiro de 2010. Foram coletados dados como: idade, gênero, tratamento realizado, número de cirurgias realizadas, evolução e complicações. RESULTADOS: Foram avaliados 11 pacientes, sendo 8 mulheres e 3 homens. A média de idade foi de 12,4 anos (3 a 25 anos). O subtipo mais encontrado foi o nevus melanocítico intradérmico correspondendo a 90,9% dos casos e 9,1% com nevus melanocítico composto. Não foram identificados casos de melanoma. A localização mais comum foi a região da cabeça e pescoço. O diâmetro médio das lesões foi de 9,1 cm.As técnicas utilizadas para reconstrução foram: sutura primária, retalhos locais, enxerto de pele e uso de expansores. No seguimento, 63,6% dos pacientes apresentavam ainda nevus residual, 27,3% apresentaram ressecção completa e 9,1% perderam seguimento. CONCLUSÃO: Foi observada maior incidência de NCG na faixa etária de 3 a 25 anos, sendo a localização mais comum na face e com tamanho médio de 9,1cm. O principal tratamento instituído para os pacientes com NCG foi a ressecção parcelada, com bons resultados.

Palavras-chave: Nevo; Tratamento; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

Classic abdominoplasty associated with sectorial vibroliposuction

Marcello Peron Rosa, Antonio Roberto Bozola
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(2):337-343 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: The authors propose a technique to treat flaccidity and excess of fat panicle in the upper and central area of the abdomen using the classic abdominoplasty associated with sectorial vibroliposuction non tumescent. The objective is to create a relief of saliencies and depressions in the abdominal area, reduce the projection of the epigastrium and to position the suprapubic transverse scar in a lower place. Method: Between September 2007 and January 2009, 16 female patients, with ages between 24 and 60 years old, with in abdominal group V, according to the classification of Bozola and Psillakis, and with an excess of fat tissue in the upper abdomen underwent classic abdominoplasty associated with sectorial vibroliposuction. Results: All the patients of the process were pleased with the results obtained. In 2 cases, were detected the presence of seromas which had been drained through ambulatory punctures. In another patient, there was hypertrofic scar, which was treated with infiltration of triamcinolone resulting in the complete regression of the hypertrophy. Nodulations in the central area of the abdomen were observed in 2 patients who had undergone superficial vibroliposuction. Conclusion: The procedure is effective in the aesthetic treatment of the abdominal region. When performed at the end of the abdominoplasty in the upper and central part of the abdomen the vibroliposuction improves abdominal contour. It maintains the naturalness of the results and the lower positioning of the transverse suprapubic scar that facilitates its coverage with small clothes. It is secure, fast and easy to implement.

Keywords: Abdomen/surgery. Lipectomy/methods. Treatment outcome.

 

RESUMO

Introdução: Os autores propõem uma técnica para tratar a flacidez e o excesso de panículo adiposo nas regiões superior e central do abdome por meio da abdominoplastia clássica associada à vibrolipoaspiração setorial não tumescente. O objetivo é criar um relevo de saliências e depressões na região abdominal, reduzir a projeção do epigástrio e posicionar a cicatriz transversal suprapúbica em local baixo. Método: Entre setembro de 2007 e janeiro de 2009, 16 pacientes do sexo feminino, com idades entre 24 e 60 anos, com abdomes do grupo V na classificação de Bozola e Psillakis e excesso de tecido adiposo no abdome superior foram submetidos à abdominoplastia clássica associada à vibrolipoaspiração setorial. Resultados: Todas as pacientes da série encontram-se satisfeitas com os resultados obtidos. Em 2 pacientes, detectou-se a presença de seromas, que foram drenados por meio de punções ambulatoriais. Em outra paciente, houve cicatrização hipertrófica, tratada com infiltração de triancinolona e regressão completa da hipertrofia. Nodulações na área central do abdome foram observadas em 2 pacientes, nos quais se realizou vibrolipoaspiração superficial. Conclusão: A técnica descrita é eficaz no tratamento estético da região abdominal. A vibrolipoaspiração não tumescente, realizada no final da abdominoplastia nas regiões superior e central do abdome, melhora o contorno abdominal, mantendo a naturalidade dos resultados e o posicionamento mais baixo da cicatriz transversal suprapúbica, o que facilita sua cobertura com vestes menores. É de execução fácil, segura e rápida.

Palavras-chave: Abdome/cirurgia. Lipectomia/métodos. Resultado de tratamento.

 

Options for capsulotomy and capsulectomy in the treatment of capsular contracture: are there clinical treatment alternatives to surgery? A literature review

Kleiton Cardozo de Oliveira; Rui Manoel Rodrigues Pereira; Ivo Vieira Salgado; Eduardo Victor de Paula Baptista; Guilherme Campelo Arantes; Igor Chaves Luna
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(1):123-128 - Reviw Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Capsular contracture is among the main complications of surgeries involving breast implants. The most commonly used classification to assess the degree of contracture is the Baker grading system, which divides contractures into grades I, II, III, and IV. Of these, grade III and IV contractures are considered significant. Although several causes have been postulated, the etiology of capsular contracture remains uncertain. Conventional treatment for contracture is based on a surgical approach, specifically capsulotomy or capsulectomy. These procedures, however, are not exempt from morbidity, and patients may develop complications such as dehiscence, hematoma, seroma, pneumothorax, asymmetry, and contracture recurrence. This study provides a review of alternatives to conventional surgery described in the literature. METHODS: We researched the PubMed and Cochrane Library databases using the following keywords: "capsular contracture", "capsular contracture treatment", and "capsular contracture breast treatment". We identified 991 articles from which we selected those discussing medication options for contracture treatment other than capsulectomy and capsulotomy. RESULTS: We identified several studies in which drugs, most commonly zafirlukast, were used to reduce capsular contracture. CONCLUSION: Among the various reported drugs, zafirlukast exhibited good efficacy and a low rate of complication. Triamcinolone also appears to be a good option, although professional assistance would be needed for drug administration via infiltration. The other drugs described would require further investigation.

Keywords: Contracture; Capsular; Drugs; Treatment.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A contratura capsular é uma das principais complicações em cirurgias envolvendo implantes mamários. A classificação mais usada para avaliar o grau de contratura é a de Baker, que a divide em graus I, II, III e IV, sendo as de grau III e IV consideradas significativas. Apesar de existirem diversas teorias, a etiologia da contratura capsular permanece incerta. O tratamento convencional para os casos de contratura é a abordagem cirúrgica com realização de capsulotomia ou capsulectomia. Estes procedimentos, no entanto, não estão isentos de morbidades, com complicações como deiscências, hematomas, seromas, pneumotórax, assimetrias e recidiva da contratura. Este estudo faz uma revisão sobre as alternativas ao tratamento cirúrgico convencional, descritas na literatura. MÉTODOS: Foi realizada pesquisa nas bibliotecas da Pubmed e da Cochrane, utilizando-se os termos: 'capsular contracture', 'capsular contracture treatment' e 'capsular contracture breast treatment'. Foram identificados 991 artigos e selecionados os que discutiam opções medicamentosas para o tratamento de contratura, diferentes de capsulectomia e capsulotomia. RESULTADOS: Foram encontrados vårios estudos utilizando drogas com o fim de reduzir a contratura capsular, das quais o Zafirlucaste é apresentado em maior número de trabalhos. CONCLUSÃO: Dentre as várias drogas utilizadas, o Zafirlucaste apresentou boa eficácia, com baixos índices de complicação; a Triancinolona parece ser também uma boa opção, no entanto precisa de profissional habilitado para realizar as infiltrações. As demais drogas necessitam de maiores estudos.

Palavras-chave: Contratura; Capsular; Drogas; Tratamento.

 

Epidemiological profile of patients treated with the aid of hyperbaric oxygen in the State of Mato Grosso do Sul from May 2007 to October 2012

Elson Taveira Adorno Filho; Kleder Gomes De Almeida; Gabriel Rahal Costa; Gustavo De Sousa Marques Oliveira; Liva Helena Ferreira Tuluche; Aline Souza Kracik
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(4):651-655 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

BACKGROUND: The Hyperbaric Oxygen Therapy-HOT, is a non-invasive therapeutic method in which patient breaths 100% oxygen (pure oxygen) through masks, while remain in a pressurized chamber to a pressure higher than atmospheric. Its act as an accelerator of recovery process, by increasing the oxygen saturation in the body that allows to speed up cicatrization and engagement to infection. The aim of this study was to determine the epidemiological profile of hyperbaric oxygen therapy patient of Mato Grosso do Sul state. OBJECTIVE: To demonstrate the Epidemiological Profile of patients treated with the aid of hyperbaric oxygen in the State of Mato Grosso do Sul May 2007 to October 2012. METHODS: We conducted a restrospective study of HOT patients admitted to Santa Casa de Campo Grande Hospital from May 2007 to October 2012. RESULTS: Among 600 patients who underwent HOT, there was a predominance for males (71% - 425 patients); Plastic surgery is the medical speciality which most request HOT associated with conventional treatment for their patients (71% of the total patients), and most of these are due to burn injury (82%). Most of the patients were aged between 31 and 60 years old. (the range with highest prevalence were 31 to 60 years). The mean number of hyperbaric sessions among the burn patients was between 6 and 10 sessions (66.19% of burn patients). CONCLUSIONS: The majority of our service to patients requiring hyperbaric oxygen therapy was male because of moderate to severe burns, and the Plastic Surgery specialty that most used this tool as adjuvant treatment.

Keywords: Hyperbaric Oxigenation. Therapeutics. Wound Healing.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A oxigenoterapia hiperbárica - OHB é uma modalidade terapêutica não invasiva em que o paciente respira oxigênio a 100% (oxigênio puro), com o uso de máscaras, enquanto permanece em uma câmara pressurizada a uma pressão superior à atmosférica. Seu papel é atuar como um acelerador do processo de recuperação, por meio do aumento da saturação de oxigênio no organismo, que permite a aceleração nas cicatrizações e no combate a diversas infecções. OBJETIVO Demostrar o perfil epidemiológico dos pacientes tratados com auxílio da oxigenioterapia hiperbárica no Estado de Mato Grosso do Sul, de maio 2007 a outubro 2012. MÉTODO: Realizou-se estudo retrospectivo dos pacientes admitidos na Santa Casa de Campo Grande, que utilizaram oxigenioterapia hiperbárica, de maio de 2007 a outubro de 2012. RESULTADOS: Dos 600 pacientes que se submeteram à OHB, predominou o sexo masculino (71% - 425 pacientes); A cirurgia plástica foi a especialidade que mais solicitou OHB associada ao tratamento convencional de seus pacientes (71% do total de pacientes), sendo destes a maioria devido à lesão por queimadura (82%). O intervalo de idade de maior prevalência foi dos 31 aos 60 anos. A média do número de sessões de hiperbárica, dentre os pacientes com queimadura, foi entre 6 e 10 (66,19% do total de queimados). CONCLUSÕES: A maioria dos pacientes que necessitavam de oxigenioterapia hiperbárica era do sexo masculino devido a queimaduras moderadas a graves, sendo a Cirurgia Plástica a especialidade que mais utilizou esta ferramenta como tratamento adjuvante.

Palavras-chave: Oxigenação Hiperbárica. Tratamento. Cicatrização.

 

Aplasia cutis congenita on the lower limbs: a case report

Gustavo de Sousa Marques Oliveira; Kleder Gomes de Almeida; Paulete Yuri Nokarya; Gabriel Rahal Costa; Patrícia Costa de Oliveira Campos
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(1):143-147 - Case Report

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION Aplasia cutis congenita (ACC) is a rare disease characterized by the absence of a part of the skin at birth that may be either localized or widespread. The incidence of this disease is 0.1 per 100,000 births. It mainly involves the scalp alone in 60% of the cases. The causes are unclear; however, genetic factors, teratogens (alcohol, cocaine, marijuana, heroin, misoprostol, methimazole, carbimazole, congenital herpes simplex, congenital varicella, and others), impaired blood supply to the skin, trauma, and amniotic band and chromosomal disorders (trisomy 13) are associated with the wounds. CASE REPORT: A female patient was delivered vaginally at 36 weeks 3 days of gestation, with appropriate weight for the gestational age. She was referred to our service after 7 days of birth, presenting total absence of skin integument on both legs, with impairment of approximately 17% of the body surface according to the Lund and Browder chart. The malformation consisted of the total absence of skin and subcutaneous tissue. Given the extent and localization of the wound, treatment with a partial skin graft was elected, thereby filling the totality of the defect. CONCLUSION: Owing to the rarity of ACC and the small number of patients in the series published in the literature, standardization of treatment is still incipient. Currently, only recommendations are available. Further studies are needed in order to investigate the etiology of the disease and to evaluate treatment methods.

Keywords: Aplasia cutis congenital; Lower limbs; Malformation; Treatment.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO A Aplasia Congênita da Cútis (ACC) é uma doença rara caracterizada pela ausência de uma parte da pele ao nascimento, seja em área localizada ou generalizada. A incidência é de 0,1 a cada 100.000 nascimentos, tendo como acometimento principal o couro cabeludo, ocorrendo de forma isolada nesta localização em 60% dos casos. As causas não são claras, mas fatores genéticos, teratógenos (álcool, cocaína, maconha, heroína, misoprostol, metimazol, carbimazol, herpes simples congênito, varicela congênita, etc.), comprometimento da irrigação sanguínea para a pele, trauma, bandas amnióticas e desordens cromossômicas (trissomia do 13) estão associados com as lesões. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, nascida de parto vaginal com 36 semanas e três dias, e peso adequado para a idade gestacional. Referenciada ao nosso serviço após sete dias de nascimento, constando ausência total do tegumento cutâneo em ambas as pernas, com acometimento de aproximadamente 17% da superfície corpórea, segundo a tabela de queimados de Lund e Browder. A má formação consistia na ausência total de pele e tecido celular subcutâneo. Face a extensão e localização da lesão, optou-se pelo tratamento por enxerto de pele parcial, permitindo, dessa forma, preencher a totalidade do defeito. CONCLUSÃO: Devido à raridade da ACC e ao pequeno número de pacientes nas séries publicadas na literatura, a padronização do tratamento ainda é incipiente e o que existe são recomendações. Ainda são necessários estudos que abordem desde a etiologia da doença até a avaliação dos métodos de tratamento.

Palavras-chave: Aplasia congênita da cútis; Membros inferiores; Má formação; Tratamento.

 

Plastic surgery for the treatment of contagious diseases: lobomycosis

RODOLFO LUIS KORTE; CIPRIANO FERREIRA-JUNIOR; ANA ELISA KADRI CASTILHO; LARYSSA FERNANDA FEITOSA; ANITA SPERANDIO PORTO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(1):163-172 - Special Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Lacaziosis is a rare disease that mainly affects workers in tropical areas, with approximately 500 cases reported worldwide. Lacaziosis is a parasitic disease caused by the saprophytic fungus Lacazia loboi; there is no specific treatment for this disease. Surgery is the most effective treatment for the deformities caused by the disease. However, it is a temporary treatment, since disease recurrence is frequently observed. Lacazia loboi affects two species of dolphin, Tursiops truncates and Sotalia guianensis. The available literature discusses the surgical treatment in a superficial way , because there are no specific studies describing the surgical treatment for this disease.
Methods: Here, we describe our 8 years of experience with lacaziosis at the Hospital de Base de Porto Velho - Rondônia; a total of 22 patients underwent surgical treatment and were followed-up.
Results: The majority of the patients (91%) had already submitted to at least one surgical treatment together with antifungal treatment. The patients presented with lesions with disease progression ranging from 5 months to 6 years prior to surgical treatment. Only two patients were treatment-naive.
Conclusion: Our patients were followed-up; however, only 11 of the 22 patients returned for follow-up. Recurrences were observed in 9 of the 11 patients, with a latency period of 5 months.

Keywords: Lobomycosis; Reconstructive surgical procedures; Communicable diseases; Advanced treatment; Recurrence; Lacazia

 

RESUMO

Introdução: Lacaziose é uma doença rara que afeta principalmente trabalhadores de áreas tropicais, sendo descritos aproximadamente 500 casos no mundo. A lacaziose é um doença parasitária causada pelo fungo saprófita Lacazia loboi, para o qual não existe um tratamento específico. A cirurgia é o tratamento mais eficiente para as deformidades causadas pela doença. Entretanto, é um tratamento temporário, uma vez que as recidivas são frequentes. Lacazia loboi acomete duas espécies de golfinhos, o Tursiops truncates e o Sotalia guianensis. A literatura aborda o tratamento cirúrgico de maneira superficial, pois não existem trabalhos específicos descrevendo o tratamento cirúrgico para essa doença.
Métodos: Descrevemos aqui nossos 8 anos de experiência no Hospital de Base de Porto Velho-Rondônia com 22 casos submetidos a tratamento cirúrgico e acompanhados.
Resultados: A maioria dos pacientes (91%) já se submeteram a pelo menos um tratamento cirúrgico associado ao tratamento antifúngico. Os pacientes apresentavam lesões com tempo de evolução entre 5 meses e 6 anos previamente ao tratamento cirúrgico. Apenas dois casos eram virgens de tratamento.
Conclusão: Nossos pacientes foram acompanhados, mas apenas 11 dos 22 pacientes retornaram para acompanhamento. Recorrências foram observadas em 9 dos 11 pacientes, com um período de latência de 5 meses.

Palavras-chave: Lobomicose; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Doenças transmissíveis; Tratamento avançado; Recidiva; Lacazia

 

Support

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license