ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Showing of 1 until 20 from 420 result(s)

Search for : Lipectomia; Complicações pós-operatórias; Apendicite; Apendicectomia; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos

Perioperative systematization for the prevention of hematomas following face-lift procedures: a personal approach based on 1,138 surgical cases

TICIANO CESAR TEIXEIRA CLÓ; WALTER FERRAZ FLÁVIO; CARLOS EDUARDO GUIMARÃES LEÃO; FELIPE XAVIER CLÓ; LEONARDO MOURÃO LACERDA; LUIZA RAMOS LEÃO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(1):02-09 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Hematoma, the most frequent complication of face-lift procedures, may require a second surgical approach, which delays patient recovery. In the literature, its incidence ranges from 0.2% to 8%, and further studies are essential to standardize preventive measures. The objective is to present a proposal of perioperative systematization for effectively prevention of hematoma formation after rhytidectomies.
Methods: We analyzed the medical records of 594 patients who underwent operation by the author between 2011 and 2018 to compare the incidence of hematomas before and after the systematization implemented in 2015.
Results: From July 2011 to December 2014, before the adoption of the systematization, the incidence of hematomas was 3.43% in 233 cases. After its adoption, the incidence decreased to 1.66% in 361 cases. The last 177 consecutive cases did not have this complication.
Conclusion: We observed a significant reduction in the incidence of hematomas following rhytidectomy after the use of the proposed standardization. None of the measures would be effective alone; thus, their combined adoption is essential in preventing this serious complication.

Keywords: Keywords: Rhytidectomy; Hematoma; Protocols; Postoperative complications.

 

RESUMO

Introdução: O hematoma, complicação mais frequente do face-lift, pode exigir reabordagem cirúrgica e atrasar a recuperação do paciente. Na literatura, sua incidência varia entre 0,2 e 8%, sendo fundamentais novos estudos para padronização das medidas de prevenção. O objetivo é apresentar uma proposta de sistematização perioperatória que previna eficientemente a formação de hematomas em ritidoplastias.
Métodos: Foram analisados 594 prontuários de pacientes operados pelo autor entre os anos de 2011 a 2018 a fim de se comparar as incidências de hematomas anteriores e posteriores à sistematização implementada no ano de 2015.
Resultados: De julho de 2011 a dezembro de 2014, antes da adoção da sistematização, houve uma incidência de hematomas de 3,43% em 233 casos. Após sua adoção, houve uma queda para 1,66% em 361 casos realizados. Os últimos 177 casos consecutivos não apresentaram a complicação.
Conclusão: Observamos redução expressiva da incidência de hematomas pósritidoplastias após o uso da padronização proposta. Nenhuma das medidas adotadas seria eficiente isoladamente, sendo o conjunto essencial na prevenção desta grave complicação.

Palavras-chave: Ritidoplastia; Hematoma; Protocolos; Complicações pós-operatórias

 

Comparative study between abdominoplasty with suction drainage and without suction drainage but using adhesion stitches

Antonio Juliano Trufino
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(4):522-532 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Abdominoplasty is one of the most common procedures performed by plastic surgeons. The goal of this study is to evaluate the outcome and the occurrence of complications in patients undergoing abdominoplasty using the en bloc resection technique, and to look for differences in evolution when a drain is used or is replaced with adhesion stitches. METHODS: A prospective study was conducted on 34 female patients undergoing abdominoplasty. These were alternately placed into 2 groups: in one group suction drains were used, and in the other these were replaced with adhesion stitches. RESULTS: Among all the cases, there was some degree of scar widening in 14.7% of patients. When analyzed by group, those who received drains had a higher incidence (23.53%) comparing to those who received adhesion stitches (5.88%). One patient had superficial vein thrombosis of the lower limbs with a good outcome. Three cases of seroma were diagnosed, all of them in the group using drains. These represent 8.82% of the entire study and 17.64% of the specific group. The aesthetic result was considered good by 94.12% of all patients. CONCLUSIONS: The en bloc resection abdominoplasty technique proved to be safe, easy to perform, assured good aesthetical results and had similar complication rates when compared to other techniques. The adhesion stitches were effective for preventing complications in this study.

Keywords: Abdominoplasty; Postoperative Complications; Seroma; Scars.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A abdominoplastia é um dos procedimentos mais comumente realizados por cirurgiões plásticos. O objetivo do estudo foi avaliar a evolução e a ocorrência de complicações em pacientes submetidos à abdominoplastia pela técnica de ressecção em bloco, e observar se existe alguma diferença na evolução com a utilização de dreno ou de pontos de adesão. MÉTODOS: Foi realizado um estudo prospectivo de 34 pacientes do sexo feminino, submetidas à abdominoplastia. Foram divididas em dois grupos alternadamente; em um deles foi utilizado dreno de aspiração a vácuo e no outro não, mas estes últimos receberam pontos de adesão. RESULTADOS: Do total operado, houve algum grau de alargamento da cicatriz em 14,7% dos casos. Quando avaliado separadamente por grupo, aqueles que foram drenados tiveram incidência maior (23,53%) em comparação com os que receberam pontos de adesão (5,88%). Ocorreu um caso de trombose de veias superficiais de membros inferiores, com boa evolução. Foram diagnosticados três casos de seroma, todos no grupo com dreno. Eles representaram 8,82% do total estudado e 17,64% dos casos deste grupo. O resultado estético foi considerado muito bom por 94,12% das pacientes estudadas. CONCLUSÕES: A técnica de ressecção em bloco se mostrou segura, de fácil execução, com bons resultados estéticos e índices de complicações semelhantes às outras técnicas descritas na literatura. Os pontos de adesão foram eficazes na prevenção de complicações neste estudo.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Complicações pós-operatórias; Seroma; Cicatriz.

 

Breast augmentation: correlation between surgical planning and complication rates after surgery

João Maximiliano; Antonio Carlos Pinto Oliveira; Emilaine Lorencetti; João Bombardelli; Ciro Paz Portinho; Daniel Deggerone; Jorge Hoyos; Marcus Vinicius Martins Collares
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(3):332-338 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Breast implants remain a very popular option both for aesthetic and reconstructive plastic surgeries. A number of factors can affect the results of breast implant surgeries. The adequate planning on incision placement, need to associate mastopexy, insertion plane, and implant model increase the likelihood of adequate outcomes and reduce the need for secondary surgical treatment. This study describes the experience of a Plastic Surgery Service at the Hospital de Clínicas de Porto Alegre from 2011 to 2016 by correlating surgical planning with complication rates and surgical reintervention. METHODS: A retrospective cohort that analyzed patients who underwent breast implants at the Hospital de Clínicas de Porto Alegre between 2011 and 2016, and included only cases of aesthetic breast augmentation, associated or not with mastopexy. All patients had their records analyzed, and after that an interview by phone was conducted to complement the information of the questionnaire. The analyzed was concluded with an appointment with a plastic surgeon of the service who examined the patient and confirmed the data collected for the questionnaire. No patients was evaluated by the assistant surgeon in last examination. RESULTS: There was no significant difference between variation in surgical planning and incidence of complications. CONCLUSION: Still, no consensus exists regarding the best access route and plan for the breast implant. Further studies are necessary to compare the different routines of each service. Currently, best results are still based on routine systematization, precise surgical dissection and minimal contamination.

Keywords: Mammoplasty; Postoperative complications; Breast implantation.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: Os implantes mamários continuam sendo uma opção muito popular tanto para pacientes de cirurgia plástica estética quanto reconstrutora. Existem múltiplos fatores que podem afetar os resultados de cirurgias com implante mamário. Um adequado planejamento sobre o posicionamento da incisão, necessidade de associar mastopexia, plano de inserção e modelo do implante aumentam a probabilidade de resultados adequados e minimizam a necessidade de tratamento cirúrgico secundário. Estudo realizado para descrever a experiência do serviço de Cirurgia Plástica do Hospital de Clínicas de Porto Alegre entre 2011 e 2016 correlacionando o planejamento cirúrgico realizado com as taxas de complicações e reintervenção cirúrgica. MÉTODOS: Coorte retrospectiva que analisou os pacientes submetidos a implantes mamários no Hospital de Clínicas de Porto Alegre entre 2011 e 2016, sendo incluídos somente casos de mamoplastia de aumento estética, associada ou não à mastopexia. Todos os pacientes tiveram seu prontuário analisado; posteriormente, realizou-se uma ligação telefônica para complementar as informações do questionário. Finalizou-se com uma consulta com um cirurgião plástico do serviço, que examinou a paciente e confirmou os dados coletados para o questionário, não sendo em nenhum caso o cirurgião assistente. RESULTADOS: Não há diferença significativa entre a variação no planejamento cirúrgico e a incidência de complicações. CONCLUSÃO: Ainda não há consenso quanto à melhor via de acesso e plano do implante mamário, sendo necessários estudos comparando as diferentes rotinas de cada serviço. No momento os melhores resultados ainda são baseados numa rotina sistematizada, dissecção cirúrgica precisa e contaminação mínima.

Palavras-chave: Mamoplastia; Complicações pós-operatórias; Implante mamário.

 

Use of lymphatic taping to prevent the formation of ecchymosis in abdominoplasty and liposuction

Anny Chi; Maria da Gloria Marquetti; Mirella Dias
Rev. Bras. Cir. Plást. 2021;36(2):144-150 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Ecchymosis is one of the most common complications in the postoperative period of plastic liposuction and abdominoplasty surgery. Its treatment and prevention are part of the routine of the dermatofunctional physiotherapist. The objective is to evaluate the occurrence of ecchymosis in patients undergoing abdominoplasty and/ or traditional liposuction of the abdomen and flanks and statistically correlate these occurrences with the treatment of lymphatic taping during the operation.
Methods: Controlled clinical trial, composed of 20 female patients, aged between 20 and 60, divided into 10 in the control group (CG) and 10 in the experimental group (EG). All women had a surgical indication of abdominoplasty and/or liposuction of the abdomen and flanks. The CG was only evaluated preoperatively and on the 4th postoperative day, while the EG group was evaluated preoperatively, received transoperative treatment with application of lymphatic taping and was reevaluated on the 4th postoperative day.
Results: The experimental group presented a better response in the resolution of ecchymosis (p=0.01) when compared to the control group.
Conclusion: In this study, the use of lymphatic taping during the transoperative period of abdominoplasty and liposuction reduced or annulled the formation of ecchymosis in the postoperative period, contributing to the decrease in the number of physical therapy visits, the incidence of pain and thus accelerating the reestablishment of patients from abdominoplasty and/or liposuction surgeries.

Keywords: Postoperative complications; Lipectomy; Physiotherapy; Ecchymosis; Athletic tape.

 

RESUMO

Introdução: Uma das intercorrências mais comuns em pós-operatório de cirurgia plástica de lipoaspiração e abdominoplastia é a equimose, e seu tratamento e prevenção fazem parte da rotina do fisioterapeuta dermatofuncional. O objetivo é avaliar a ocorrência de equimose de pacientes submetidas à abdominoplastia e/ou lipoaspiração tradicional de abdome e flancos, e correlacionar estatisticamente essas ocorrências com o tratamento de taping linfático no transoperatório.
Métodos: Ensaio clínico controlado, composto por 20 pacientes do sexo feminino, com idade entre 20 e 60 anos divididos em dois grupos: 10 no grupo controle (GC) e 10 no grupo experimental (GE). Todas as mulheres que apresentavam indicação cirúrgica de abdominoplastia e/ou lipoaspiração de abdome e flancos. O GC foi apenas avaliado no pré-operatório e no 4º dia de pós-operatório, enquanto o grupo GE foi avaliado no pré-operatório, recebeu tratamento transoperatório com aplicação de taping linfático e foi reavaliado no 4º dia de pós-operatório.
Resultados: O grupo experimental apresentou uma melhor resposta na resolução da equimose (p=0,01) quando comparado ao grupo controle.
Conclusão: Neste estudo, o uso do taping linfático no transoperatório de abdominoplastia e lipoaspiração, reduziu ou anulou a formação de equimose no pós-operatório, contribuindo para a diminuição do número de atendimentos fisioterapêuticos, incidência de quadro álgico e acelerando assim o restabelecimento dos pacientes no pós-operatório das cirurgias de abdominoplastia e/ou lipoaspiração.

Palavras-chave: Complicações pós-operatórias; Lipectomia; Fisioterapia; Equimose; Fita atlética

 

Complicações de reconstrução mamária após mastectomia total por câncer de mama realizadas pelo Serviço de Cirurgia Plástica e Microcirurgia Reconstrutiva do Hospital Universitário Walter Cantídio

Rogerio De Oliveira Ribeiro; Salustiano Gomes De Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.2):19-22 - 33ª Jornada Norte-Nordeste de Cirurgia Plástica

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Abnormalities affecting breasts have catastrophic repercussions on psychological, emotional aspects and the woman well-being. Breast reconstruction forms have particular characteristics with different morbidity degrees that directly influence the outcome, including complications type and frequency. The present study aims to identify complications found in a group of patients submitted to breast reconstruction after total breast cancer mastectomy and relate them to reconstruction, reconstruction moment, surgical time and use of radiotherapy.
Method: Cross-sectional, retrospective cohort study with analysis performed by reviewing medical records of patients who underwent breast reconstruction after total mastectomy at the Department of Plastic Surgery and Reconstructive Microsurgery at University Hospital Walter Cantídio (HUWC) between 1/1/2015 to 12/31/2017.
Result: The most frequent complication was capsular contracture that occurred in 9 (15.5%) patients. Other complications identified were: high prosthesis in 5 (8.6%) patients; seroma in 4 (6.9%) patients; flap partial necrosis in 2 (3.4%) patients; extrusion in 2 (3.4%) patients and hematoma in 1 (1.8%) patient.
Conclusion: The greatest number of complications was directly related to reconstruction technique, represented by the use of alloplastic material, mainly the use of direct prosthesis; with the immediate reconstruction moment and with patients who underwent radiotherapy and did not have relation with surgical time of breast reconstruction.

Keywords: Breast neoplasms; Reconstructive surgical procedures; Mammaplasty; Postoperative complications

 

RESUMO

Introdução: As anormalidade que afetam as mamas têm repercussões catastróficas para o estado psicológico, emocional e de bem-estar da mulher. As formas de reconstrução da mama apresentam características particulares, com diferentes graus de morbidade que influenciam diretamente no desfecho dos resultados, incluindo o tipo e a frequência de complicações. O presente estudo tem por objetivo identificar as complicações encontradas em um grupo de pacientes submetidos à reconstrução mamária após mastectomia total por câncer de mama e relacioná-las com a forma de reconstrução, momento da reconstrução, tempo cirúrgico e uso de radioterapia.
Método: Corresponde a um estudo de coorte transversal, retrospectivo, com análise realizada por meio de revisão de prontuários de pacientes que foram submetidos à reconstrução mamária após mastectomia total realizadas pelo Serviço de Cirurgia Plástica e Microcirurgia Reconstrutiva do Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC) no período de 01/01/2015 a 31/12/2017.
Resultados: A complicação mais frequente foi a contratura capsular, que ocorreu em 9 (15,5%) pacientes. As outras complicações identificadas foram: prótese elevada em 5 (8,6%) pacientes; seroma em 4 (6,9%) pacientes; necrose parcial do retalho em 2 (3,4%) pacientes; extrusão em 2 (3,4%) pacientes e hematoma em 1 (1,8%) paciente.
Conclusão: O maior número de complicações manteve relação direta com a técnica de reconstrução, representada pelo uso de material aloplástico, principalmente uso de prótese direta; com o momento da reconstrução imediata e com pacientes que foram submetidos à radioterapia; e não manteve relação com o tempo cirúrgico de reconstrução da mama.

Palavras-chave: Neoplasias da mama; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Mamoplastia; Complicações pós-operatórias.

 

Complicações em reconstrução mamária com retalho músculo grande dorsal em hospital público de Fortaleza nos últimos 3 anos

Aleksandra Markovic; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.2):23-27 - 33ª Jornada Norte-Nordeste de Cirurgia Plástica

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Breast cancer is currently one of the main health problems in the world and, in Brazil, its incidence has gradually increased. It is the type of cancer that affects most women worldwide. Mastectomy is among the most commonly used treatments for breast cancer. This surgery and the adjuvant therapies contribute to the development of physical complications and psychological disorders, which can negatively influence the quality of life. After the mastectomy, the absence of the breast alters the woman's body image, produces mutilation sensation and loss of femininity and sensuality. The dorsal large muscle flap (RMGD) is one of the most used surgical options in mammary reconstructions.
Objective: To analyze the complications of late breast reconstruction with RMGD in the Department of Plastic Surgery and Reconstructive Microsurgery of the Walter Cantídio University Hospital of the Federal University of Ceará (SCPMR/HUWC/UFC) in the period from 2015 to 2017.
Methods: It was a retrospective observational clinical study carried out by means of a review of medical records of patients operated on and followed up on an outpatient basis. Data were collected from 12 patients submitted to late mammary reconstruction with the dorsal large muscle flap in SCPMR/HUWC/UFC during the period from 2015 to 2017.
Results: Patients' ages ranged from 35 to 65 years. Immediate complications (dorsal seroma, partial dehiscence of the operative wound and cases of large dorsal flap necrosis) and late complications (changes in implant coverage, cases with muscular and cutaneous atrophy, predominantly in the upper pole of the breast, cases of capsular contracture). There were no risk factors (systemic arterial hypertension, diabetes mellitus, smoking, body mass index, age) with statistical significance for immediate complications.

Keywords: Reconstructive surgical procedures; Postoperative complications; Mastectomy; Breast.

 

RESUMO

Introdução: O câncer de mama é atualmente um dos principais problemas de saúde do mundo e, no Brasil, sua incidência vem aumentando gradativamente. É o tipo de câncer que mais acomete as mulheres em todo o mundo. A mastectomia está entre os tratamentos mais empregados para o câncer de mama. Essa cirurgia e as terapias adjuvantes contribuem para o desenvolvimento de complicações físicas e transtornos psicológicos, que podem influenciar negativamente a qualidade de vida. Após a mastectomia, a ausência da mama altera a imagem corporal da mulher, produz sensação de mutilação e perda da feminilidade e sensualidade. O retalho de músculo grande dorsal (RMGD) é uma das opções cirúrgicas mais usadas nas reconstruções mamárias.
Objetivo: Analisar as complicações da reconstrução tardia da mama com o RMGD no Serviço de Cirurgia Plástica e Microcirurgia Reconstrutiva do Hospital Universitário Walter Cantídio da Universidade Federal do Ceará (SCPMR/HUWC/UFC) no período de 2015 a 2017.
Método: Trata-se de um estudo clínico retrospectivo observacional realizado por meio de revisão de prontuários médicos de pacientes operadas e acompanhadas ambulatorialmente. Foram coletados dados de 12 pacientes submetidas à reconstrução mamária tardia com retalho do músculo grande dorsal no SCPMR/HUWC/UFC durante o período de 2015 a 2017.
Resultados: A idade das pacientes variou entre 35 e 65 anos. Foram analisadas complicações imediatas (seroma em região dorsal, casos de deiscência parcial da ferida operatória e casos de necrose do retalho de grande dorsal) e complicações tardias (alterações de cobertura do implante, casos com atrofia muscular e cutânea, predominantemente em polo superior da mama, casos de contratura capsular). Não se observaram fatores de risco (hipertensão arterial sistêmica, diabetes mellitus, tabagismo, índice de massa corporal, idade) com significância estatística para as complicações imediatas.

Palavras-chave: Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Complicações pós-operatórias; Mastectomia; Mama.

 

Perception of patients about professional performance and procedures performed in the pre, intra, and postoperative period of abdominoplasty

Natália Ligeiro Dos Santos; Iara Gama Esteves-De-Oliveira; Rogério Eduardo Tacani; Cristiano Schiavinato Baldan; Igor Fagioli Bordello Masson; Thiago Saikali Farcic; Aline Fernanda Perez Machado
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(2):189-197 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: abdominoplasty is the third most performed cosmetic surgery in Brazil. Its surgical planning involves the pre, intra, and postoperative moments with the performance of several specialized professionals. Therefore, the objective of this study was to analyze the patients' perception of their professional performance and the procedures performed before, during, and after the abdominoplasty.
Methods: This is a cross-sectional and observational study. Data collection was done through an online questionnaire made available digitally to women aged between 18 and 60 years, who underwent abdominoplasty in the last 12 months.
Results: A total of 376 patients answered the questionnaire; however, 22 were excluded, totaling 354 questionnaires answered. It was observed that 63.5% reported having undergone abdominoplasty due to skin flaccidity, 53.3% had undergone abdominoplasty associated with liposuction, 61% reported that they had not undergone preoperative procedures, 59.9% reported not knowing whether there was a physiotherapist in the operating room during the intraoperative period. , 70.6% of the patients underwent postoperative procedures, 37.4% of whom were physiotherapists, the most common complication being edema representing 84.2%.
Conclusion: The main indication for abdominoplasty was sagging skin, which is most often associated with liposuction. Most of the patients did not undergo preoperative procedures. They were performed after 1 to 3 days after the operation, with a physiotherapist, on the advice of an acquaintance, often three times a week, due to the complaint of edema. The most performed procedures were manual lymphatic drainage and therapeutic ultrasound.

Keywords: Postoperative complications; Physiotherapy modalities; Abdominoplasty; Lipectomy; Manual lymphatic drainage; Ultrasound therapy; Fibrosis; Edema.

 

RESUMO

Introdução: A abdominoplastia é a terceira cirurgia estética mais realizada no Brasil, sendo que o planejamento cirúrgico envolve os momentos pré, intra e pós-operatórios com a atuação de diversos profissionais especializados. Portanto, o objetivo deste estudo foi analisar a percepção das pacientes sobre a atuação profissional e os procedimentos realizados no pré, no intra e no pós-operatório de abdominoplastia.
Métodos: Trata-se de um estudo transversal e observacional. A coleta de dados foi feita através de um questionário online, disponibilizado por meios digitais para mulheres com idade entre 18 e 60 anos, que realizaram a abdominoplastia nos últimos 12 meses.
Resultados: Um total de 376 pacientes respondeu ao questionário; porém, 22 foram excluídos, totalizando 354 questionários respondidos. Observou-se que 63.5% relataram que realizou a abdominoplastia por flacidez de pele, 53.3% realizaram a abdominoplastia associada à lipoaspiração, 61% relataram que não realizaram procedimentos pré-operatórios, 59.9% relataram não saber se havia fisioterapeuta no centro cirúrgico durante o intraoperatório, 70.6% das pacientes realizaram procedimentos pós-operatórios, sendo 37.4% com fisioterapeuta, a complicação mais comum foi edema representando 84.2%.
Conclusão: A principal indicação para a abdominoplastia foi por flacidez de pele, sendo mais frequentemente associada à lipoaspiração. A maior parte das pacientes não realizou procedimentos pré-operatórios e realizou pós-operatório iniciado após 1 a 3 dias, com fisioterapeuta, por indicação de um conhecido, com frequência de três vezes na semana, pela queixa de edema, sendo que os procedimentos mais realizados foram a drenagem linfática manual e o ultrassom terapêutico.

Palavras-chave: Complicações pós-operatórias; Modalidades de fisioterapia; Abdominoplastia; Lipectomia; Drenagem linfática manual; Terapia por ultrassom; Fibrose; Edema

 

Large volume or area vibroliposuction?

Antonio Roberto Bozola, Alexandre Caroni Bozola
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(2):112-116 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

The authors present a method of evaluation of large scale liposuction, establishing a parallel to burn evaluation. The table of Lund and Browder was utilized as a parameter. The authors determined a maximum area to be treated, discuss the technique, medications and controls utilized to prevent severe complications. They also present results obtained from 487 surgeries, during the period of January 1998 and July 2004, with vibroliposuction performed in body areas which varied from 20 to 30%.

Keywords: Lipectomy, methods. Lipodistrophy, surgery. Complications, post-operative

 

RESUMO

Os autores apresentam metodologia de avaliação para as grandes lipoaspirações, estabelecendo paralelo com queimaduras. Utilizam-se da tabela de Lund e Browder como parâmetro. Determinam área máxima de tratamento, discutem a técnica, as medicações e controles utilizados para prevenir complicações graves. Apresentam os resultados obtidos em 487 cirurgias com vibrolipoaspiração realizadas em áreas corporais que variam de 20 a 30%, no período de janeiro de 1998 a julho de 2004.

Palavras-chave: Lipectomia, métodos. Lipodistrofia, cirurgia. Complicações pós-operatórias

 

Complications of otoplasty surgeries

Felipe Vargas Borges; Celso Eduardo Jandre Boechat; Rodolfo Chedid; Rafael Ferreira Amaral; Ricardo Luis Vans
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(2):203-208 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Protruding ears are caused by poor development of the antihelix, hyperplasia of the concha, abnormal cephaloauricular angle, a large and prominent lobule, or any combination of the above. METHODS: A prospective study was performed, in which 60 patients who underwent otoplasty were followed up from January 2014 to January 2015 at the Hospital Municipal Barata Ribeiro. RESULTS: Early complications included infection (0%), hematoma (1.6%), and skin necrosis (3.3%). Late complications included asymmetry (10%), recurrence (3.3%), extrusion of sutures (10%), granuloma formation (0%), hypertrophic scarring (0%), and keloid formation (0%). When patients were asked to rate the otoplasty, 3.3% stated that it was poor, 3.3% fair, 3.3% good, 3.3% very good, and 86.8% excellent. CONCLUSION: The rates of early and late complications are similar to those described in the literature.

Keywords: Reconstructive surgical procedures; Postoperative complications; External ear abnormalities; Auricle.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: Orelha em abano é caracterizada pelo pobre desenvolvimento da anti-hélice, hiperplasia da concha, ângulo céfalo-auricular anormal, lóbulo grande e proeminente ou qualquer combinação dos itens citados. MÉTODOS: Foi realizado um estudo prospectivo, em que foram acompanhados 60 pacientes submetidos à otoplastia, no período de janeiro de 2014 a janeiro de 2015, no Hospital Municipal Barata Ribeiro. RESULTADOS: Entre as complicações precoces, citamos infecção (0%), hematoma (1,6%) e necrose de pele (3,3%). Entre as complicações tardias: assimetria (10%), recidiva (3,3%), extrusão de pontos (10%), granuloma, cicatriz hipertrófica (0%) e queloide (0%). Quando os pacientes foram questionados quanto aos resultados obtidos com a otoplastia, 3,3% responderam que o resultado foi ruim, 3,3% regular, 3,3% bom, 3,3% ótimo e 86,8% excelente. CONCLUSÃO: As taxas de complicações precoces e tardias são semelhantes às descritas na literatura.

Palavras-chave: Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Complicações pós-operatórias; Orelha externa/anormalidades; Pavilhão auricular.

 

Prevention and treatment of ecchymosis, edema, and fibrosis in the pre-, trans-, and postoperative periods of plastic surgery

ANNY CHI; ANGELA LANGE; MARCUS VINICIUS THOMÉ NÓRA GUIMARÃES; CELSO BILYNKIEVYCZ DOS SANTOS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(3):343-354 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Fibrosis, intense edema, and ecchymosis are complications that represent a great challenge to dermatofunctional physiotherapists in the postoperative period of liposuction and abdominoplasty. Here we aimed to propose a new approach in the pre-, trans-, and postoperative periods to prevent and minimize fibrosis, intense edema, and ecchymosis, thereby expediting the patient's recovery and reducing the number of required physiotherapy sessions.
Method: This controlled clinical trial included 20 female patients aged 18-56 years who were divided into the control group (CG; n = 10) and experimental group (EG; n = 10). All were scheduled to undergo abdominoplasty or abdominal liposuction at least 7 days after enrollment. The two groups were evaluated preoperatively. The CG received care only from the 4th postoperative day, while the EG received care during the pre-, trans-, and postoperative periods.
Results: The EG required fewer mean physiotherapy sessions (p = 0.0032) and had lower perimetry values on the 4th postoperative day (p ≤ 0.05) in the inframammary groove and iliac crest, lower mean resolution of fibrosis (p = 0.0058), and lower mean resolution of ecchymosis (p = 0.0002) compared to the CG.
Conclusion: The findings of this unprecedented study indicate that treatment in the pre-, trans-, and postoperative periods reduces edema, ecchymosis, and fibrosis formation in the postoperative period. It also decreases the number of required physiotherapy sessions and accelerates patient recovery from abdominal plastic surgery.

Keywords: Postoperative complications; Lipectomy; Physical therapy modalities; Fibrosis; Ecchymosis; Edema

 

RESUMO

Introdução: A fibrose, o edema intenso e a equimose são as intercorrências que representam um grande desafio ao fisioterapeuta dermatofuncional no pós-operatório de cirurgia plástica de lipoaspiração e abdominoplastia. O objetivo é propor uma abordagem inédita desde o pré, trans e pós-operatório para prevenir e minimizar as fibroses, edema intenso e equimoses, acelerando a recuperação do paciente e reduzindo o número de sessões.
Método: Ensaio clínico controlado, composto por 20 pacientes do sexo feminino, com idade entre 18 e 56 anos, divididos em dois grupos: 10 no grupo controle (GC) e 10 no grupo experimental (GE), que apresentavam indicação cirúrgica de abdominoplastia ou lipoaspiração abdominal, associadas ou não, e que se encontravam com no mínimo 7 dias de pré-operatório. Os dois grupos foram avaliados no pré-operatório. O GC recebeu atendimento somente a partir do 4º dia de pós-operatório, enquanto que o grupo GE recebeu atendimento durante o pré, trans e pós-operatório.
Resultados: O grupo experimental apresentou uma média menor do número de sessões (p = 0,0032), perimetria menor no 4º dia de pós-operatório (p < 0,05) nos pontos antômicos: sulco inframamário e crista ilíaca, média menor na resolução da fibrose (p = 0,0058) e média menor na resolução da equimose (p = 0,0002) em relação ao grupo controle.
Conclusão: Pode-se concluir com este estudo inédito que o tratamento no pré, trans e pós-operatório reduz o edema, a formação de equimose e principalmente a formação de fibrose no pós-operatório. Também diminui o número de sessões fisioterapêuticas e acelera o restabelecimento do paciente no pós-operatório das cirurgias abdominais.

Palavras-chave: Complicações pós-operatórias; Lipectomia; Modalidades de fisioterapia; Fibrose; Equimose; Edema

 

Pyoderma gangrenosum - a severe and ill-known complication of healing

Tufi Neder Meyer
Rev. Bras. Cir. Plást. 2006;21(2):120-124 - Special Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Pyoderma gangrenosum is an uncommon, ill-known, inflammatory skin disease. It appears in association with other maladies or by itself. It can also be an important complication of operations, giving rise to devastating post-operative skin losses. In this work, a brief revision on this disease is made, focusing on its aspects pertaining to plastic surgery. A case of postoperative pyoderma gangrenosum, with a 3-years follow-up, is also reported.

Keywords: Pyoderma gangrenosum. Postoperative complications. Skin ulcer

 

RESUMO

O Pioderma Gangrenoso, doença inflamatória da pele, é incomum e pouco conhecido. Surge em associação com outras doenças ou isoladamente. Também pode ser importante complicação de operações, causando perdas cutâneas devastadoras durante o período pós-operatório. Neste trabalho, faz-se uma breve revisão sobre este distúrbio, com foco nas repercussões sobre a Cirurgia Plástica. Apresenta-se, também, um caso de pioderma gangrenoso pós-operatório com três anos de evolução.

Palavras-chave: Pioderma gangrenoso. Complicações pós-operatórias. Ulcera cutânea

 

Facelift with composite undermining

Osvaldo Ribeiro Saldanha, Sérgio Fernando Dantas de Azevedo, Osvaldo Ribeiro Saldanha Filho, Cristianna Bonetto Saldanha, Luciano Ornelas Chaves
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(1):135-140 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Based on lipoabdominoplasty and intensified by the new concepts of anatomical unit of the subcutaneous fat tissue in the face, this approach proposes a composite undermining by the divulsor of the flap without vasculonervous rupture, promoting a enough mobility of the flap, an effective decrease of bleeding and skin suffering. Methods: The technique was performed on 34 patients, 3 males and 31 females, from November 2008 to October 2009 and eight of them were smokers. Results: Patients who undergo face lift with composite undermining present a better recovery than who undergo the traditional face lift. It had no case of important hematoma, epitheliolysis, necrosis or other complications. Conclusions: The introduction of a new approach using conservative concepts, leads to a decrease in the statistics of complications.

Keywords: Rhytidoplasty. Facial injuries. Postoperative complications.

 

RESUMO

Introdução: Baseado na lipoabdominoplastia, intensificados pelos novos conceitos da subunidade anatômica do tecido adiposo subcutâneo na face, é proposto um descolamento composto do retalho com divulsor, sem ruptura vásculo-nervosa, promovendo ampla mobilidade do retalho e diminuição efetiva do sangramento e do sofrimento da pele. Método: Neste estudo, a ritidoplastia com descolamento composto foi executada em 34 pacientes, sendo 3 homens e 31 mulheres, no período de novembro de 2008 a outubro de 2009. Oito pacientes eram fumantes. Resultados: Pacientes submetidos à ritidoplastia com descolamento composto apresentaram recuperação melhor que os submetidos à ritidoplastia tradicional. Não houve nenhum caso de hematoma importante, epiteliólise, necrose ou outras complicações. Conclusões: A técnica de ritidoplastia proposta usa conceitos conservadores e conduz a uma diminuição na incidência de complicações.

Palavras-chave: Ritidoplastia. Traumatismos faciais. Complicações pós-operatórias.

 

Flap and abdominal wall washing and debridement using dressings to prevent seromas and hematomas in abdominoplasty

Eduardo Sucupira; Renato Franz Matta Ramos; Patrícia Zuker; Jorge Matta; Carlos Oscar Uebel
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(4):561-564 - Ideas and Innovation

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Seroma formation remains a common complication of abdominoplasty. The use of drain, flap fixation points, and fibrin glue has been described to reduce the incidence of seroma formation. The authors present herein an easy-to-reproduce technique to decrease the risk of bleeding and eliminate the devitalized tissue caused by the detachment. The proposed strategy consists of washing and debridement, which was conducted with mechanical friction using moist flap and abdominal wall dressings.

Keywords: Abdominoplasty; Postoperative complications; Seroma.

 

RESUMO

A formação de seroma após uma abdominoplastia continua sendo uma complicação frequente. O uso de dreno, os pontos de fixação do retalho e o uso da cola de fibrina foram descritos com a finalidade de diminuir a sua incidência. Os autores apresentam uma técnica de fácil reprodução para reduzir o risco de sangramento, bem como para eliminar o tecido desvitalizado decorrente do descolamento. A tática proposta constitui-se de lavagem e desbridamento por meio da fricção mecânica com compressas umedecidas do retalho e da parede abdominal.

Palavras-chave: Abdominoplastia; Complicações pós-operatórias; Seroma.

 

Anatomical analysis of abdominoplasty

Filipe Vidica Teodoro Barcelos; Luiz Eduardo Toledo Avelar; Leonardo Santos Bordoni; Raul Vidica Teodoro Barcelos
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):272-281 - Review Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Abdominoplasty is a common surgical procedure in plastic surgery. Consequently, several technical variations have been created with the aim of reducing complications and obtaining better results in the abdominal contour. The anatomy of the abdominal region plays an important role in this procedure, since arguments in favor of techniques, such as classic abdominoplasty and lipoabdominoplasty are linked to anatomical principles. This highlights the plastic surgeon's need to have a good knowledge of the anatomy of this region. Not only will this knowledge enable plastic surgeons to understand the reasons for adopting certain surgical procedures, but it will also enable them adapt these procedures to the anatomical characteristics of each patient. In addition, this knowledge will help determine the morphological changes caused by surgery. Therefore, this study aimed to identify studies in the literature focusing on the anatomical description of both classical abdominoplasty and other variants, such as lipoabdominoplasty. It also aimed to discover the anatomical and physiopathological explanations for the major inherent surgical complications.

Keywords: Anatomy; Abdominoplasty; Lipectomy; Postoperative complications.

 

RESUMO

A abdominoplastia está entre os procedimentos cirúrgicos mais realizados na cirurgia plástica, de forma que muitas variações técnicas têm sido criadas com o objetivo de se reduzirem as complicações e para se obter melhores resultados no contorno abdominal. Nesse contexto, a anatomia da parede abdominal ganha papel de destaque, uma vez que as justificavas em defesa de técnicas, como a abdominoplastia clássica e lipoabdominoplastia, estão atreladas a princípios anatômicos. Isso evidencia a necessidade do domínio da anatomia da região pelo cirurgião plástico, pois, além de entender os motivos de se adotar determinados procedimentos cirúrgicos, o torna mais capacitado de adaptá-los às características anatômicas de cada paciente, além de compreender as alterações morfofuncionais provocadas pela cirurgia. Diante disso, esse trabalho teve o objetivo de buscar na literatura estudos que enfocassem a descrição anatômica da abdominoplastia, tanto clássica quanto de outras variantes, como a lipoabdominoplastia, bem como as explicações anatomofisiopatológicas das principais complicações operatórias inerentes.

Palavras-chave: Anatomia; Abdominoplastia; Lipectomia; Complicações pós-operatórias.

 

Pyoderma gangrenosum following reduction mammoplasty: a case report

CARLOS JOSE GASPAR-JUNIOR; CARLOS JOSE GASPAR
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(4):590-594 - Case Report

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Pyoderma gangrenosum (PG) is an inflammatory neutrophilic dermatosis of unknown etiology and is idiopathic in 25%- 50% cases. In approximately 50% of PG cases, an association with systemic diseases, such as Crohn's disease, monoclonal gammopathies, seropositive arthritis, collagenosis, Behcet's disease, Wegener's granulomatosis, and myeloproliferative and infectious diseases (mainly hepatitis and AIDS), has been described. Clinically, PG presents four variants: ulcerated, bullous, vegetative, and pustular. The most frequent form is ulcerative, which begins as a papule or nodule and evolves rapidly into ulcerated and painful lesions. In approximately 25% of PG cases, the onset of new lesions can be triggered by traumas such as insect bites, intravenous injections, and biopsy, a phenomenon known as pathergy. Here, we present a case of extensive PG of the breasts following reductive mammoplasty surgery. It was a difficult case to diagnose and was initiated in the postoperative period of another service. Due to the breakdown of the doctor-patient relationship, the patient approached us for assistance. The patient showed an excellent response to corticotherapy (intra and perilesional corticotherapy with triamcinolone) during debridement and oral steroid (prednisone) therapy in the weaning phase.

Keywords: Pyoderma gangrenosum; Mammoplasty; Reconstructive surgical procedures; Postoperative complications; Physician-patient relationship

 

RESUMO

O pioderma gangrenoso (PG) é uma dermatose neutrofílica inflamatória, de etiologia desconhecida. O PG é idiopático em 25-50% dos casos. Em aproximadamente 50% dos casos tem sido descrita a associação com doenças sistêmicas, tais como: doença de Crohn, gamopatias monoclonais, artrites soropositivas, colagenoses, doença de Behcet, granulomatose de Wegener, doenças mieloproliferativas e infecciosas, principalmente hepatites e Aids. Clinicamente, apresenta quatro variantes: ulcerada, bolhosa, vegetante e pustulosa. A forma mais frequente é a ulcerativa, que se inicia com pápula ou nódulo e evolui rapidamente para lesões ulceradas e dolorosas. Em até 25% dos casos de PG, o surgimento de novas lesões pode ser desencadeado por traumas, tais como picadas de insetos, injeções intravenosas e biópsia - fenômeno conhecido por patergia. Nesse trabalho, é apresentado um caso de PG extenso das mamas em pós-operatório de mamoplastia redutora, de difícil diagnóstico; iniciado na evolução pós-operatória em outro serviço. Devido à quebra da relação médico-paciente, vem procurar nosso serviço. Apresentou ótima resposta ao tratamento com corticoterapia (corticoterapia intra e perilesionais com triancinolona) no ato do desbridamento, e introdução de corticoterapia via oral (prednisona) em esquema escalonado de desmame.

Palavras-chave: Pioderma gangrenoso; Mamoplastia; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Complicações pós-operatórias; Relações médico-paciente

 

Complications of classical liposuction performed for cosmetic purposes

Fernando Fabrício Franco; Rafael de Campos Ferreira Basso; Alfio José Tincani; Paulo Kharmandayan
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(1):135-140 - Review Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Liposuction for esthetic purposes aims to remove fat in healthy patients and reduce localized fat accumulation, called lipodystrophy, in order to improve body contour. In the last 3 decades, the liposuction technique has improved dramatically. However, like any other surgical procedure, it is not without complications. Here, we reviewed the literature on PubMed to identify complications after classic liposuction performed solely for esthetic purposes. In total, 210 articles were found using the term "complication in liposuction," 86 with "complication after liposuction," 27 with "fat embolism after liposuction," 7 with "fat embolism following liposuction," and 16 with "deaths related to liposuction." Among these articles, only 84 including cases of fat embolism after liposuction, visceral perforation, vascular injury, blindness, and herpes zoster infection among others were considered to be related to the subject. Based on the analyzed articles, we can conclude that liposuction is a highly effective procedure when well indicated and performed accurately. Despite this, there are inherent risks. This review found many articles addressing complications, predominantly pulmonary fat embolism, after liposuction for esthetic purposes.

Keywords: Lipectomy. Postoperative complications. Fat embolism.

 

RESUMO

A lipoaspiração realizada para procedimentos estéticos tem como objetivo a retirada de gordura em pacientes saudáveis e redução do acúmulo de gordura localizada, a chamada lipodistrofia, levando à melhora no contorno corporal. Nas últimas três décadas, a lipoaspiração vem sendo aperfeiçoada; porém, como qualquer outro procedimento cirúrgico, não é isenta de complicações. O objetivo deste estudo é realizar revisão da bibliografia, por meio do PubMed, identificando as complicações após lipoaspiração clássica, incluindo apenas aquelas realizadas com finalidade estética. Foram encontrados 210 artigos empregando a expressão "complication in liposuction", 86 artigos com "complication after liposuction", 27 artigos com "fat embolism after liposuction", 7 artigos com "fat embolism following liposuction" e 16 artigos com "deaths related to liposuction". Dentre esses artigos, apenas 84 foram considerados relacionados ao assunto, sendo encontrados casos de embolia gordurosa após lipoaspiração, perfuração visceral, lesão vascular, cegueira e infecção por herpes zoster, entre outros relatos. Com base nos artigos analisados foi possível concluir que a lipoaspiração é um procedimento altamente eficaz quando bem indicado e bem realizado, porém existem riscos inerentes ao ato cirúrgico. Este levantamento constatou que existem muitos artigos abordando complicações após lipoaspiração para fins estéticos, e a embolia gordurosa pulmonar apresenta alta incidência.

Palavras-chave: Lipectomia. Complicações pós-operatórias. Embolia gordurosa.

 

Practical criteria for a safer liposuction: a multidisciplinary approach

Julio Wilson Fernandes; Arnaldo Miró; Andréa Amorim de Séllos Rocha; Célio Teixeira Mendonça; Claudio Luciano Franck; William Massami Itikawa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(3):454-466 - Special Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

In 2012, the Research Group on Body Contouring Surgery of the Brazilian Society of Plastic Surgery conducted an extensive study on the safety of liposuction before the initiation of the course of the Group, held in 2013 in Rio de Janeiro during the 50th Brazilian Congress of Plastic Surgery, with the presence of the illustrious Dr. Yves Gérard Illouz and a large number of participants. The authors performed a review and update of the safety parameters, incorporating recent advances and systematizing relevant information for the execution of a safer liposuction. With the collaboration of anesthesiologist, intensive care physician, and vascular surgeon, all with extensive experience in supporting the procedure, new practical guidelines were presented for a safer liposuction on the preoperative, transoperative, and postoperative periods.

Keywords: Lipectomy; Patient safety; Intraoperative complications; Postoperative complications

 

RESUMO

O Capítulo de Cirurgia do Contorno Corporal da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica realizou em 2012 um amplo estudo dos parâmetros de segurança para a realização de uma lipoaspiração, antecedendo ao curso do Capítulo, realizado em 2013, no Rio de Janeiro, durante o 50º Congresso Brasileiro de Cirurgia Plástica, com a presença do ilustre Dr. Yves Gérard Illouz e grande número de participantes. Os autores realizaram uma revisão e atualização destes parâmetros, incorporando recentes avanços e sistematizando de forma prática as informações relevantes para a realização de uma lipoaspiração mais segura. Com a colaboração de anestesiologista, intensivista e cirurgião vascular, experientes no suporte ao procedimento, são apresentadas novas orientações práticas para o pré-operatório, trans e pós-operatório de uma lipoaspiração mais segura.

Palavras-chave: Lipectomia; Segurança do paciente; Complicações intraoperatórias; Complicações pós-operatórias.

 

Appendicitis as a complication after liposuction

João Márcio Prazeres dos Santos; Natália Júlia da Costa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(2):299-302 - Case Report

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: The demand for aesthetic plastic surgery has increased steadily mainly for the appearance of new surgical techniques and these procedures greater social acceptance. Most frequent procedures are: breast surgery (augmentation or reduction), liposuction, tummy tuck surgery and facial surgery. Acute appendicitis is the most common cause of acute abdomen. The appendectomy constitutes one of the most common surgery performed worldwide. Appendicitis has a high incidence among young white adult men. We report a case of acute appendicitis as a complication after liposuction, emphasizing such complication correlation with the surgical procedure. METHODS: We searched scientific data from June to December 2015 indexed in Medline/PubMed database related to complications in liposuction, especially cases associated with appendicitis. CONCLUSION: Postoperative complications are distressing for both patient and physician. The number of plastic surgeries is still rising and procedures are becoming more frequent, therefore, procedure-related facts should be further study. The development of predictive score of complications in plastic surgery would help surgeons to define preventive measures, take best choices and perform better discussion related to risks of the patient already in the postoperative period.

Keywords: Lipectomy; Postoperative complications; Appendicitis; Appendectomy; Reconstructive surgical procedures.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A demanda por cirurgia plástica estética tem aumentado progressivamente, devido principalmente às novas técnicas cirúrgicas e maior aceitação social. Dentre os procedimentos mais frequentemente realizados estão: cirurgias de mamas (aumento ou redução), lipoaspiração, abdominoplastia e cirurgias faciais. A apendicite aguda é a causa mais comum de abdome agudo e a apendicectomia é uma das cirurgias mais realizadas em todo o mundo. Sua maior incidência ocorre em adultos jovens, no sexo masculino e em indivíduos da raça branca. O objetivo do presente estudo é relatar um caso de apendicite aguda como complicação em pós-operatório de lipoaspiração, ressaltando sua correlação com o procedimento cirúrgico. MÉTODO: Foi realizada pesquisa na base de dados do Medline/PubMed, no período de junho a dezembro de 2015, avaliando todos os artigos publicados que referissem complicações em lipoaspiração, principalmente aqueles casos associados à apendicite. CONCLUSÕES: As complicações pós-cirúrgicas são aflitivas tanto para o paciente quanto para o médico e, devido ao crescimento contínuo do número de cirurgias plásticas, são cada vez mais frequentes, merecendo um estudo mais detalhado e de aplicação prática. A elaboração de um escore preditivo de complicações da cirurgia plástica auxiliaria o cirurgião a definir condutas preventivas, permitindo melhores escolhas e melhor discussão de riscos com o paciente já no pré-operatório.

Palavras-chave: Lipectomia; Complicações pós-operatórias; Apendicite; Apendicectomia; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

Revision of breast dysmorphy with implants after subcutaneous bilateral mastectomy: case report

Luciano Alves da Silva; João Ricardo de Barros Dias
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(4):723-724 - Case Reports

PDF Portuguese

ABSTRACT

Background: Breasts with silicone implants after subcutaneous mastectomy frequently present secondary aesthetic dysmorphies that request surgical revision. Purpose: The authors report and register the importance of a correct pre-operative surgical program to reduce and even avoid secondary aesthetic problems in mediate and long term postoperative period.

Keywords: Mastectomy. Breast implantation. Postoperative complications.

 

RESUMO

Introdução: Mamas com implantes submetidas a adenomastectomia apresentam com frequência dismorfias estéticas secundárias, que exigem revisões cirúrgicas. Os autores enfatizam a importância do planejamento cirúrgico pré-operatório, para reduzir ou mesmo evitar comprometimento estético a médio e longo prazo. Objetivo: Relatar a conduta utilizada em um caso de adenomastectomia bilateral com implantes de silicone, seguida de alterações secundárias de forma, volume e simetria.

Palavras-chave: Mastectomia. Implante mamário. Complicações pós-operatórias.

 

Deiscência do complexo areolomamilar pós-mamoplastia redutora - quando e como abordar essa complicação

Caroline Battisti; Felipe Fasolin; Bruno Gasperin; Leonardo Possamai; Ronaldo Scholze Webster; Pedro Bins Ely
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.1):162-163 - Tronco I

PDF Portuguese

RESUMO

INTRODUÇÃO: Necrose do complexo areolomamilar (CAM) tem sido relatada em 2% dos casos das mamoplastias redutoras e em 1% dos casos de mastopexia. Relato de um caso de reconstrução de CAM pós-deiscência de mamoplastia redutora e, com isso, revisar a literatura e discutir as causas dessa complicação e maneiras de solucioná-la. RESULTADOS: paciente foi submetida e evoluiu com deiscência importante em mama esquerda e necrose do CAM. Optou-se por reconstrução com enxerto de pele total proveniente da virilha para reconstrução da aréola e enxerto de mamilo contralateral. DISCUSSÃO: O leito receptor sadio, com uma boa circulação arterial e drenagem venosa, é essencial para o sucesso da reconstrução do CAM. CONCLUSÃO: A prevenção da necrose do CAM deve ser parte da rotina cirurgia, estando atento para sinais de isquemia ou congestão venosa o mais precoce possível, a fim de tomar as medidas necessárias para evitar essa complicação indesejada.

Palavras-chave: Complicações pós-operatórias; Mamilos; Mamoplastia; Necrose.

 

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license