ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 20 de 244 resultado(s)

Busca por : Câncer de mama; Mamoplastia; Expansores de Tecido; Implantes de Mama; Radioterapia

Mastopexia com retalho de pedículo superior e implante de silicone

Rogério S. Gomes
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(4):241-247 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: A correção da ptose mamária é feita com aumento do volume mamário por meio de implantes de silicone, ou retirada do excesso de pele e levantamento (mastopexia), ou a associação destas duas. Vários procedimentos são descritos baseados nestes conceitos. A mastopexia associada com implante de silicone é considerada um procedimento mais complexo do que as mastopexias sem implante, pelos resultados variáveis, recidivas e complicações relacionadas. Objetivo: Apresentar e avaliar a adaptação da técnica de mastopexia com retalho de pedículo superior associada a implante mamário de silicone para correção de ptoses mamárias. Método: Foram operados 68 pacientes com ptose mamária pela técnica de mastopexia com retalho de pedículo superior associado a implante mamário. Resultados: Sessenta e três (92,64%) casos obtiveram bom resultado. Recidiva de ptose ocorreu em 5 (7,35%) pacientes. Conclusão: Em casos de ptose mamária, a mastopexia com retalho de pedículo superior associada a implante mamário produz bons resultados, com baixo índice de recidiva e poucas complicações a curto e médio prazo.

Palavras-chave: Mamoplastia. Implantes de mama. Retalhos cirúrgicos.

 

ABSTRACT

Introduction: Surgical correction of breast ptosis consist of increasing breast volume, reducing the skin envelope with breast lifting (mastopexy) or combination of both. A variety of procedures have been described with this in mind. Mastopexy plus augmentation is considered a more complex procedure than mastopexy isolated for the variable results, ptosis relapse and associated complications. Objective: To present and to analyse the superior pedicle flap mastopexy technique associated with silicone implants adapted for breast ptosis. Methods: Sixty-eight patients with breast ptosis were operated by superior pedicle flap mastopexy technique associated with silicone implants. Results: Sixty-three (92.64%) cases presented good results. Ptosis relapse happens in 5 (7.35%) patients. Conclusion: The superior pedicle flap mastopexy technique associated with silicone implants had good results for patients with hipomastia and glandular ptosis or true ptosis grades II or III. We had low rate of ptosis relapse and few complications in the short and medium term.

Keywords: Mammaplasty. Breast implants. Surgical flaps.

 

Análise comparativa entre indicações de implantes anatômicos ou redondos em mamoplastia de aumento

Dayana Garcia Alves; Cleber Antônio Nogueira Santos; Mariana Magaly Rubio Vilca; Suellen Cássia Gusmão Arruda; Maira Penna Carneiro Medeiros; Filipe Lopes Decusati
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.2):5-6 - 33ª Jornada Norte-Nordeste de Cirurgia Plástica

PDF Português

RESUMO

Introdução: Ao longo da evolução dos implantes, fabricantes de implantes mamários lançaram diferentes formatos dos mesmos, o que trouxe uma divergência de opinião sobre suas indicações entre os cirurgiões plásticos.
Objetivo: Comparar o resultado estético entre a inclusão de implantes de formato "Silimed natural®" (base redonda e frente anatômica) ou redondo em mamoplastias de aumento.
Método: Estudo retrospectivo duplo cego, o qual avaliou 14 pacientes submetidas à mamoplastia de aumento entre 2011 e 2016. As pacientes selecionadas têm idades entre 20 a 40 anos, Índice de Massa Corporal de 18 a 23 e mamas classificadas como hipomastia moderada ou severa.
Resultados: A taxa de concordância entre cirurgiões plásticos na avaliação de implantes Silimed natural® foi de 76,2% (77 de 101) e para implantes redondos foi de 64,8% (116 de 179) (p<0,047).
Conclusão: A utilização de implantes anatômicos (Silimed natural®) pode conferir um formato mais natural quando indicados a pacientes com hipomastia moderada a severa e se utilizado o plano subglandular.

Palavras-chave: Mamoplastia; Implantes de mama; Mama; Estética.

 

ABSTRACT

Introduction: Throughout implants evolution, breast implants manufacturers have launched different formats of implants, which has led to a divergence of opinion among plastic surgeons about their indications.
Objective: To compare the aesthetic result between the inclusion of "Silimed natural®" (round base and anatomical front) or round implants in breast augmentation mammoplasty.
Methods: Double blind retrospective study, which evaluated 14 patients undergoing breast augmentation between 2011 and 2016. Patients selected were between 20 and 40 years of age, BMI 18 to 23 and breasts classified as moderate or severe hypomastia.
Results: Agreement rate among plastic surgeons on Silimed natural® implants evaluation was 76.2% (77 of 101) and for round implants it was 64.8% (116 of 179) (p<0.047).
Conclusion: The use of anatomical implants (Silimed natural®) can give a more natural shape when indicated to patients with moderate to severe hypomastia and if used in the subglandular plane.

Keywords: Mammaplasty; Breast implants; Breast; Esthetics.

 

Mamasize: Um Novo Instrumento Auxiliar no Planejamento das Mamoplastias

Antônio Luiz Francalacci França, Mário Carlos Olmedo Scevola, Sônia Danilou Fachin, Priscila Ferreira França, Nalmin Canali França
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(4):204-206 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

Volume mamário com freqüência é discutido nas mamoplastias. Entretanto, nenhuma referência de como dimensionar os diversos tamanhos mamários foi encontrada na literatura pesquisada. O propósito deste trabalho é apresentar seis medidores de tamanhos diferentes, em formato da mama feminina, transparentes, ocos, que medem as mamas volumetricamente e fornecem numeração semelhante à utilizada pelos fabricantes de sutiã. Os medidores foram testados em 180 mulheres (360 mamas), com grau de confiabilidade acima de 95%. Podem ser úteis nas avaliações e planejamento cirúrgico das mamoplastias, além de facilitar a melhor relação médico-paciente.

Palavras-chave: Mama. Mamoplastia. Implantes de mama

 

ABSTRACT

Breast volume is frequently discussed in mammaplasties. However, no reference about how to establish dimension the various breast sizes was found in the literature researched. The purpose of this work is to present 6 scales of different sizes, in the shape of female breast, transparent, empty, that measure the breasts by the volume and provide numbers that are similar to the numbers used by brassiere manufacturers. The scales were tested in 180 women, therefore, 360 breasts with a level of reliability over 95%. They can be helpful in the evaluations and surgery planning of the mammaplasties, besides helping to improve the relation doctor-patient.

Keywords: Breast. Mammaplasty. Breast implants

 

Reconstrução mamária em dois estágios com expansores de tecido e implantes de silicone

Andreia Bufoni Farah; Fabio Xerfan Nahas; José de Arimatéia Mendes
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(2):172-181 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A reconstrução mamária imediata com expansor/implante permanece uma opção importante para mulheres submetidas à mastectomia. O objetivo desse estudo foi avaliar os resultados de reconstrução mamária imediata com emprego expansores e implantes em pacientes submetidas à radioterapia e não submetidas à radioterapia no pós-operatório. MÉTODOS: Foi realizado estudo prospectivo consecutivo com 83 mulheres submetidas à reconstrução mamária imediata com expansores seguido de implantes no período de 2007 a 2012, totalizando 90 reconstruções. No primeiro tempo cirúrgico, o expansor foi colocado em uma bolsa submuscular sob os músculos peitoral maior e serrátil. No segundo tempo, o expansor foi substituído pela prótese. Dois grupos de pacientes foram comparados: (1) pacientes que receberam radioterapia no pós-operatório e (2) pacientes que não receberam radioterapia no pós-operatório. Os resultados foram avaliados em cada grupo nos dois tempos cirúrgicos. RESULTADOS: Trinta e três pacientes receberam tratamento radioterápico (39,8%) no final da expansão. Observamos a ocorrência de 13,25% de complicações no primeiro tempo: deslocamento do expansor (4,8%), esvaziamento (2,4%), infecção (2,4%), deiscência de pele (2,4%) e extrusão (1,2%). No segundo tempo, as complicações foram 17,6%: contratura capsular (7%), extrusão (5,3%), e infecção (5,3%). Com relação aos grupos estudados no primeiro tempo, aqueles que fizeram radioterapia tiveram (18,18%) de complicações e o grupo não exposto à radioterapia apenas (10,0%). No segundo tempo, encontramos 7 (46,6%) complicações para radioterapia e apenas 3 (7,14%) para o grupo não irradiado. CONCLUSÕES: Pacientes que receberam radioterapia posteriormente à reconstrução apresentaram maiores índices de complicações.

Palavras-chave: Câncer de mama; Mamoplastia; Expansores de Tecido; Implantes de Mama; Radioterapia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Immediate breast reconstruction with an expander/implant is a good option for women submitted to mastectomy. This study aimed to evaluate the results of immediate breast reconstruction with implants and expanders in patients who did or did not undergo postoperative radiotherapy. METHODS: A consecutive prospective study that involved 83 women submitted to immediate breast reconstruction, was carried out by first performing breast reconstruction surgery with expanders and then with implants. The study was conducted between 2007 and 2012 and accounted for a total of 90 reconstructions. In the first surgery, an expander was placed in a submuscular bag under the pectoralis major and serratus muscles. In the second surgery, the expander was replaced by an implant. We compared the surgical outcomes of both types of surgeries (with implants and with expanders) in patients who underwent postoperative radiotherapy and those who did not. RESULTS: After the first surgery, 33 patients (39.8%) received radiotherapy, and 13.25% experienced complications, including expander displacement (4.8%), emptying (2.4%), infection (2.4%), skin dehiscence (2.4%), and extrusion (1.2%). After the second surgery, 17.6% of the subjects experienced complications, including capsular contracture (7%), extrusion (5.3%), and infection (5.3%). With regard to the first surgery, 18.8% of the patients who underwent radiotherapy and 10.0% of those who did not, experienced complications. With regard to the second surgery, these prevalences were 46.6 % and 7.14%, respectively. CONCLUSION: Patients who received radiotherapy after breast reconstruction surgery experienced more complications.

Keywords: Breast cancer; Mammoplasty; Tissue expanders; Breast implants; Radiotherapy.

 

Avaliação da influência da radioterapia nas reconstruções de mama com TRAM

Marcela Caetano Cammarota; Marina de Souza Borgatto; João Pedro Pontes Camara; Diogo Borges Pedroso; Ricardo Cintra; Bruno Peixoto Esteves; Dhyego Molinari de Castro Curado
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(2):161-165 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: A radiação influencia negativamente os resultados das reconstruções de mama que utilizam implantes. No entanto, os efeitos da radiação sobre as reconstruções de mama apenas com tecidos autólogos ainda não está clara. O objetivo do trabalho é avaliar as complicações pós-operatórias de pacientes submetidas à reconstrução de mama com retalho do músculo reto abdominal (TRAM) imediato e tardio e correlacionar estatisticamente essas complicações com a presença ou não da radioterapia (RT).
Métodos: Levantamento retrospectivo de prontuários de pacientes submetidas à reconstrução mamária, das quais 126 pacientes realizaram reconstrução mamária com TRAM no período de 2004 a 2011. Foram analisadas a presença ou não de RT e as complicações pós-operatórias nas reconstruções imediatas e tardias. As pacientes foram divididas em 3 grupos: 1) sem RT (somente TRAM), 2) (TRAMRT), 3) (RTTRAM). Para cada grupo foi avaliada a presença e ausência de complicações menores e maiores e aplicados testes estatísticos.
Resultados: Os grupos estudados foram considerados homogêneos quanto a idade e índice de massa corporal. Houve maior incidência de complicações maiores nos grupos com RT após o TRAM (29,6%) em relação aos demais grupos: sem RT (23,4%) e RT antes do TRAM (5,6%). Entretanto, a diferença entre os grupos não se mostra estatisticamente significativa. Para as Complicações Menores, também não há evidências de diferenças estatisticamente significativas entre os grupos.
Conclusão: Nesse estudo a radioterapia adjuvante não se mostrou como fator potencializador de complicações nas pacientes submetidas à reconstrução imediata com TRAM pós-mastectomia.

Palavras-chave: Mama/cirurgia; Câncer de mama; Retalhos cirúrgicos; Radioterapia

 

ABSTRACT

Introduction: Radiation negatively influences the results of breast reconstruction using implants. However, the effects of radiation on breast reconstruction with autologous tissue is still unclear. The objective of this study was to evaluate the postoperative complications in patients who underwent immediate and late breast reconstruction with a transverse rectus abdominis myocutaneous (TRAM) flap and statistically correlate these complications with the use of radiotherapy (RT).
Methods: A retrospective survey of the medical records of patients who underwent breast reconstruction was conducted. Of the patients, 126 underwent breast reconstruction with a TRAM flap between 2004 and 2011. The presence or absence of RT and postoperative complications in the immediate and late reconstructions was assessed. The patients were divided into 3 groups as follows: 1) without RT (TRAM alone group), 2) TRAMRT group, and 3) RTTRAM group. The patients in each group were evaluated for the presence and absence of minor and major complications, and results were statistically analyzed.
Results: The groups were considered homogenous for age and body mass index. The incidence of major complications was higher in the groups with RT after TRAM (29.6%) than in the other groups, namely the groups without RT (23.4%) and with RT before TRAM flap reconstruction (5.6%). However, the differences among the groups were not statistically significant. No evidence of statistically significant differences in minor complications were found among the groups.
Conclusion: In this study, adjuvant RT was not a potentiating factor of complications in the patients who underwent immediate reconstruction with a TRAM flap after mastectomy.

Keywords: Breast surgery; Breast cancer; Surgical flap; Radiotherapy

 

Inclusão de Prótese de Mama em Duplo Espaço - Prêmio Georges Arié 2004

Milton Jaime Bortoluzzi Daniel
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(2):82-87 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Este trabalho apresenta uma nova localização quanto ao espaço de implantação de próteses mamárias de silicone. Desenvolve um novo posicionamento da prótese, não sendo somente subglandular ou submuscular, ao qual se denomina de Inclusão de Prótese de Mama em Duplo Espaço. Com isso, elimina-se grande parte dos resultados desfavoráveis, tanto no posicionamento subglandular, quanto no submuscular. Esta nova técnica foi aplicada com eficiência pelo autor em 320 pacientes operadas, no período de março de 1997 a março de 2004, apresentando, como benefício adicional aos resultados obtidos, melhor aceitação pelas pacientes em relação às técnicas anteriores.

Palavras-chave: Mama, cirurgia. Mamoplastia, métodos. Implantes de mama

 

ABSTRACT

The work presents a new location as far as the space for implantation of the silicone mammal prótese. It develops a new positioning of the prosthesis, not just sub-glandular or sub-muscular, which is named Inclusion of the Mammal Prosthesis in Double Space. With that, many of the unfavorable results are eliminated, not only in the subglandular, but also in the sub-muscular positioning. This new technique was applied efficiently by its author in 320 operated patients from March 1997 until March 2004, presenting as an additional benefit to the obtained results a better acceptance by the patients in relation to the prior techniques.

Keywords: Breast, surgery Mammaplasty, methods. Breast implants

 

Inclusão de Próteses Mamárias de Silicone - Poliuretano

Antonio Roberto Bozola, Alexandre Caroni Bozola, Rosa Maria Carrazzoni
Rev. Bras. Cir. Plást. 2006;21(1):18-22 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Os autores descrevem a biomecânica da contratura capsular de implantes de próteses de silicone. Este artigo apresenta a experiência e os resultados obtidos em 10 anos, com 759 pacientes que receberam próteses de silicone com revestimento de poliuretano. Também são apresentadas as táticas na aplicação dessas próteses, o método pessoal de utilização, de medicações durante o ato operatório e no pós-operatório, bem como possíveis complicações.

Palavras-chave: Próteses e implantes. Mamoplastia, métodos. Implantes de mama. Poliuretanos

 

ABSTRACT

The authors describe the biomechanics of capsular contracture of silicone breast implants. This paper presents the authors' experience in 759 patients who received the silicone-polyurethane breast prosthesis, during ten years. In addiction, the techniques on application the polyurethane prosthesis, the personal method of medications used in the operatory act and in the post-operative period, as well as, the possible complications, are presented.

Keywords: Prostheses and implants. Mammaplasty, methods. Breast implants. Polyurethanes

 

Reconstrução Imediata de Mama com Prótese de Silicone Retromuscular: Padronização de Retalhos Musculares

Rodrigo Otávio Gontijo Tostes, João Carlos Cisneiros Guedes de Andrade Júnior, Kelly Daniele de Araújo Silva, André de Oliveira Couto, Guilherme do Valle Castro Ribeiro, Luiz Eduardo Toledo Avelar
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(4):213-219 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

As reconstruções tornaram-se parte do tratamento do câncer de mama, dando uma melhor qualidade de vida às pacientes mastectomizadas. Os autores apresentam uma padronização de retalhos musculares de modo a proteger ainda mais a prótese mamária e dar um melhor resultado estético à reconstrução. Uma bolsa muscular é confeccionada utilizando os músculos peitoral maior, serrátil anterior, oblíquo externo e bainha anterior do reto abdominal. Esta técnica tem sido utilizada pelos autores desde 1999. Estes apresentam os resultados obtidos em 42 pacientes operadas, no período de maio de 2001 a junho de 2003. Os resultados são avaliados considerando-se a tolerância da reconstrução aos tratamentos adjuvantes e a qualidade estética, com bons resultados no seguimento a curto, médio e longo prazo.

Palavras-chave: Mamoplastia. Implantes de mama. Neoplasias mamárias. Retalhos cirúrgicos

 

ABSTRACT

Reconstruction has become a fundamental part of breast cancer treatment, improving the quality of life of women submitted to mastectomy. The authors present a standardization of muscular flaps to enhance the protection to the mammary prosthesis as well as provide a better aesthetic result to the reconstruction. A muscular pocket is made using the muscles pectoralis major, serratus anterior, obliquus externus abdominis and the anterior sheath of the rectus abdominis. This technique has been used since 1999 and the authors present the results obtained in 42 patients operated between May 2001 and June 2003. The outcomes have been evaluated considering the tolerance of the reconstruction to adjuvant treatment and the aesthetic quality, with good short, medium and long-term outcomes.

Keywords: Mammaplasty. Breast implants. Breast neoplasms. Surgical flaps

 

Reconstrução Mamária Tardia com Expansão Prévia da Área da Mastectomia e Preenchimento com Retalho Tram Desepidermizado

Antonio Roberto Bozola
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(2):95-101 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

A reconstrução mamária tardia pós-mastectomia foi proposta por meio de expansão da pele em primeiro tempo operatório, substituição do expansor por retalho TRAM desepidermizado e montado em forma de cone com medidas e proporções adequadas em segundo tempo. No terceiro tempo, foram reconstruídos o sulco mamário, a aréola-papila e realizada a simetrização. Vinte e cinco pacientes, entre 27 e 66 anos, com idade média de 46,9 anos, foram operadas. Em 3 casos, a reconstrução foi bilateral. Evolução tardia, simetria e satisfação das pacientes também foram avaliadas. Não houve bicromia de pele pela transposição à distância do retalho. A sensibilidade da pele torácica que cobriu a mama foi semelhante à preexistente após dois anos. As pacientes avaliaram seus resultados com notas de 0 a 10. A média foi de 9,28. Conclui-se que a expansão prévia da pele torácica nas áreas mastectomizadas é boa opção em pacientes selecionadas, melhorando a sensibilidade mamária e fazendo desaparecer a bicromia de pele.

Palavras-chave: Mama, cirurgia. Mastectomia. Mamoplastia, métodos. Expansores de tecido. Retalhos cirúrgicos. Músculos abdominais, transplante

 

ABSTRACT

Post-mastectomy late breast reconstruction was proposed by means of skin expansion in the first operative stage, substitution of the expander by a de-epidermized TRAM flap mounted in the shape of a cone with an adequate size and proportions in the second stage. In the third stage, the mammary groove and areola-papilla were reconstructed and symmetrization was achieved. Twenty-seven patients, with ages of between 27 and 66 years old and a mean age of 46.9 years, were operated on. In three cases, reconstruction was bilateral. In the long-term evolution, the symmetry and satisfaction of the patients were also assessed. There was no difference in the color of the skin by the transposition of the flap. The sensitivity of the thoracic skin that covered the breast was similar to the preexisting sensitivity after a period of two years. Patients assessed the results using a score of 0 to 10 giving a mean score of 9.28. In conclusion, the prior expansion of thoracic skin in mastectomized areas is a good option in selected patients, improving the sensitivity of the breast and solving the problem of skin color.

Keywords: Breast, surgery. Mastectomy. Mammaplasty, methods. Tissue expanders. Surgical flaps. Abdominal muscles, transplantation

 

RECONSTRUÇÃO IMEDIATA DO VOLUME MAMÁRIO COM EXPANSORES PERMANENTES

Luiz Eduardo Toledo Avelar, Rodrigo Otávio Gontijo Tostes, João Carlos Cisneiros Guedes de Andrade Júnior, Guilherme do Valle Castro Ribeiro, Marcelo Versiani Tavares
Rev. Bras. Cir. Plást. 2007;22(3):162-169 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: O uso de expansores permanentes em reconstruções mamárias imediatas possibilita a reparação volumétrica em um único estágio, com bom formato da mama reconstruída, ausência de cicatrizes adicionais e pequena morbidade. Trata-se de mais uma opção no arsenal cirúrgico para a reconstrução total da mama, substituindo a cirurgia em dois tempos, quando utilizados expansores convencionais com posterior troca por próteses de silicone gel, com resultado estético satisfatório. Método: Os autores descrevem sua experiência após 18 reconstruções imediatas de mama utilizando expansores permanentes, com período de acompanhamento variável, chamando atenção para as características da amostra, detalhes técnicos do procedimento, resultados obtidos e complicações ocorridas.

Palavras-chave: Implante mamário. Implantes de mama. Neoplasias mamárias, cirurgia. Expansores de tecido. Mamoplastia, métodos. Mastectomia, reabilitação

 

ABSTRACT

The utilization of permanent expanders in immediate breast reconstructions allows volumetric repair in a single bow, with a well shaped reconstructed breast, no further scars and little morbidity. It's another option in the surgical arsenal for total breast reconstruction, replacing the two steps surgery with conventional expanders and late exchange for gel prosthesis, with satisfactory aesthetic results. Methods: The authors describe their experience after eighteen procedures utilizing permanent expanders, with a variable follow-up time, highlighting the sampling characteristics, technical details, results and complications.

Keywords: Breast implantation. Breast implants. Breast neoplasms, surgery. Tissue expanders. Mammaplasty, methods. Mastectomy, rehabilitation

 

Tratamento da mama tuberosa por herniorrafia e inclusão de prótese

Milton Jaime Bortoluzzi Daniel
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(1):75-84 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

Introdução: O autor descreve um novo procedimento para correção da mama tuberosa ou tubular, ao contrário da maioria dos autores, evitando a destruição ou lesão do anel constritor peri-areolar e, consequentemente, a frequente recidiva da herniação glandular, pelo aumento do complexo aréolo-mamilar. Método: Sendo a projeção da glândula através do anel constritor considerada uma hérnia, o autor faz uma analogia com outras hérnias abdominais, usando um procedimento semelhante ao da correção de uma hérnia incisional pela técnica de Mayo, que usa a sobreposição das camadas herniadas, além da inclusão de prótese para corrigir a deficiência dos quatro quadrantes da mama, nos níveis horizontal e vertical, e a hipoplasia glandular, sem desestruturar a base ou confecção de retalhos glandulares, associando suporte muscular na base, conforme técnica descrita por Milton Daniel (Prêmio George Arié 2004). Esta técnica proporcionará maior preenchimento do pólo inferior e suporte da prótese, evitando que o pólo inferior da mesma se torne aparente e palpável.

Palavras-chave: Mama/cirurgia. Mamoplastia. Implantes de mama.

 

ABSTRACT

Introduction: The author describes a new procedure to repair a tuberous breast. Differently from most of the authors, this procedure prevents the destruction or the lesion of the periareolar constrictor ring. It avoids a frequent backsliding of glandular hernia process with the increase of the nipple areola complex. Methods: Since the projection of the gland through the constrictor ring is considered an hernia, the author makes an analogy with the other abdominal hernias by using a procedure which is similar to the repair of an incisional hernia through Mayo technique, that uses a superposition of the herniated layers besides the inclusion of prosthesis to repair the deficiency of the four quadrants of the breast in horizontal and vertical levels, and the glandular hipoplasy, without damaging the structure on the basis or the confection of glandular fragments, by associating muscle support on the basis, according to the technique described by Milton Daniel (2004 George Arié Prize). This technique will provide a bigger filling of the lower pole and support to the prosthesis by preventing the lower pole from turning out to be apparent and touchable.

Keywords: Breast/surgery. Mammaplasty. Breat implants.

 

Mamaplastia de aumento: técnica em "aba de envelope"

Carlos Eduardo Guimarães Leão
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(2):202-207 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

O posicionamento retromuscular dos implantes mamários pela técnica em "Aba de Envelope" desmistifica definitivamente a possibilidade da evolução para uma "dupla mama" no seguimento tardio das mamaplastias de aumento, causada pelo encarceramento das próteses por ação mecânica do grande peitoral, quando não tratado adequadamente. O autor propõe o tratamento do referido músculo através de duas incisões oblíquas de convergência inferior, feitas em sua borda inferior, o que permite total liberdade de movimentação do implante que acompanha os movimentos de báscula das mamas ao longo do tempo, mantendo um resultado de total naturalidade em todos os períodos desta evolução.

Palavras-chave: Silicones. Implantes de mama. Mamoplastia.

 

ABSTRACT

The retromuscular positioning of the mammary implants for the "Envelope Flap" technique demystifies definitely the possibility of the evolution for a "double breast" in the late augmentation mammaplasty follow-up, caused by the prosthesis imprisonment for mechanical action of the great pectoral muscle when it is not treated appropriately. The author proposes the treatment of the above-mentioned muscle through two oblique incisions of inferior convergence done in his inferior edge that allows a total freedom of the implant movement that accompanies the breast bascule movement along the time, maintaining a natural appearance in all the periods of this evolution.

Keywords: Silicones. Breast implants. Mammaplasty.

 

Avaliação do posicionamento do complexo aréolo-papilar na evolução pós-operatória da cirurgia de mamoplastia de aumento

João Paulo Verbicario; Adele Gonzales; Gonzalo Gomez Corona; Daniele Dantas de Lira Gondim; Natale Ferreira Gontijo de Amorim; Ivo Pitanguy
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(4):599-607 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A mastoplastia de aumento, muito comumente, gera na paciente indagações acerca da possibilidade de queda das mamas. A resposta do cirurgião plástico é geralmente afirmativa, porém, este não encontra respaldo na literatura. Neste trabalho, objetivamos justamente entender a variação de posição do Complexo aréolo-papilar pós-inclusão de implantes mamários observando, principalmente, os fenômenos de "tendência à ptose" e "bottoming out". MÉTODOS: Seleção de prontuários dentre as pacientes operadas no Instituto Ivo Pitanguy - Enfermaria 38 da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro de jan/2009 a dez/2010, com base em critérios de inclusão e exclusão, utilizando-se para esta pesquisa de revisão dos prontuários, registro fotográfico e revisão da literatura. RESULTADOS: : Dentre as 20 mamas ( 10 pacientes ) analisadas observamos "bottoming out" em 8 mamas ( 5 pacientes ) das quais 4 de graus moderados e 4 leves. Houve "tendência à ptose" em 10 mamas (5 pacientes) sendo 4 leves e 6 moderadas. . CONCLUSÃO: Os fenômenos "bottoming out" e tendência à ptose" são uma realidade que precisa ser amplamente estudada para melhor esclarecimento das pacientes.

Palavras-chave: Glândulas Mamárias Humanas. Mamoplastia. Implantes de mama.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The augmentation mammoplasty commonly provokes in patients an inquiry about the possibility of breast falling. The plastic surgery usually answers yes, but don't find studies justifying this. In this research we focus to understand the position variation of papillary-areolar complex after breast implants observing principally the "ptosis tendency" and "bottoming out" phenomenon. METHODS: Medical records selection between patients operated in Instituto Ivo Pitanguy - Infirmary 38 of Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro since 2009 January until 2010 December based on inclusion and exclusion criterions using for this research medical records revision, photographer register and literature revision. RESULTS: Among the 20 breasts (10 patients) analyzed we observed "bottoming out" in 8 breasts (5 patients) 4 moderated and 4 mild. Occur "ptosis tendency" in 10 breasts (5 patients) 4 mild and 6 moderated. Only 1 breast didn't suffered APC variation. CONCLUSION: The "ptosis tendency" and "bottoming out" phenomenon are a reality that has to be largely studied to better elucidation for patients.

Keywords: Mammary Glands, Human. Mammaplasty. Breast implants.

 

Avaliação da qualidade de cicatrizes em mamoplastia de aumento por via submamária e transareolomamilar: um estudo longitudinal prospectivo

Denis Souto Valente; Lauro Aita Carvalho; Marcelo Tonding Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(1):81-86 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: O aumento das mamas se tornou um dos procedimentos mais realizados em Cirurgia Plástica. A cirurgia de aumento dos seios é quase inteiramente determinada por três variáveis: localização da incisão, plano de alocação da prótese e tipo de implante. Não há provas incontestáveis que apóiem a superioridade de uma combinação de opções sobre outra. O objetivo deste estudo é comparar, através da análise do cirurgião e das pacientes submetidas ao procedimento, a qualidade da cicatriz originada pela cirurgia de aumento mamário utilizando a via submamária e transareolomamilar. Método: Estudo longitudinal prospectivo para investigar pacientes submetidas a aumento mamário estético. Foi utilizada a Escala Paciente e Observador de Avaliação da Cicatriz para mensuração da qualidade cicatricial na revisão de um ano. Resultados: Quarenta e nove mulheres foram submetidas a mamoplastia de aumento primária por via inframamária (22 pessoas) ou abordagem transareolomamilar (27 pessoas), em um seguimento médio de 13 meses. O grupo transareolomamilar apresentou melhores resultados na avaliação do paciente. Entre os cirurgiões, a avaliação de ambos os grupos apresentou resultados semelhantes. Conclusões: Concluímos, com base nas escalas utilizadas e nos dados clínicos obtidos, que a via transareolomamilar demonstrou qualidade superior na avaliação de pacientes. Não houve diferença estatisticamente significativa entre as duas incisões na análise dos cirurgiões. Estudos adicionais envolvendo maior número de pacientes são necessários para comparar o resultado de cada uma das incisões avaliadas.

Palavras-chave: Mamoplastia. Implantes de mama. Implante mamário. Géis de silicone.

 

ABSTRACT

Introduction: Breast augmentation surgery has become one of the most common procedures in plastic surgery. It is almost entirely determined by 3 variables: location of the incision, pocket plane for implant placement, and type of implant. There is no evidence supporting the superiority of one combination of options over another. The aim of this prospective study was to compare the quality of the scars caused by inframammary and transareolomammillary augmentation mammaplasty in terms of surgeon and patient assessments. Methods: The study included women who underwent cosmetic breast augmentation surgery via inframammary and transareolomammillary incisions. The Patient and Observer Scar Assessment Scale was used for comparing the scar quality 1 year after the surgery. Results: Of 49 patients, 22 and 27 patients underwent primary augmentation mammaplasty via inframammary and transareolomammillary incisions, respectively. Their average follow-up period was 13 months. The transareolomammillary group had better patient assessment scores. However, the surgeon assessment scores of both groups were similar. Conclusions: According to the patients, transareolomammillary augmentation mammaplasty yielded better scar quality, but the surgeons noted no significant difference in scar quality between the inframammary and the transareolomammillary incisions. Additional studies involving a higher number of patients are required to confirm these results.

Keywords: Mammaplasty. Breast implants. Breast implantation. Silicone gels.

 

Prevalência de linfedema após mastectomia em portadoras de câncer de mama: uma revisão sistemática acerca da influência da reconstrução imediata

RAFAEL VILELA EIRAS RIBEIRO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(1):113-119 - Artigo de Revisão

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Este estudo objetivou analisar, por meio de uma revisão sistemática da literatura, a influência da reconstrução imediata na prevalência de linfedema após mastectomia em pacientes portadoras de câncer de mama. Foram analisados os mais relevantes estudos publicados originalmente em qualquer idioma até agosto de 2018, indexados às bases de dados US National Library of Medicine, Cochrane Central Register of Controlled Trials, Web of Science e Scientific Electronic Library Online. A amostra foi composta por 10 publicações que se adequaram aos critérios de inclusão e exclusão estabelecidos, incluindo 2.425 pacientes submetidas a apenas mastectomia e 2.772 pacientes submetidas à mastectomia associada à reconstrução imediata da mama. A prevalência de linfedema foi 20,95% nas pacientes submetidas a apenas mastectomia (n = 508) e de 5,23% nas pacientes submetidas à mastectomia associada à reconstrução imediata (n = 145), havendo diferença estatisticamente significativa (p < 0,001). Concluiu-se que a mastectomia associada à reconstrução imediata influencia positivamente o prognóstico das pacientes portadoras de câncer de mama, proporcionando um índice significativamente menor de linfedema, quando comparada à realização de apenas mastectomia.

Palavras-chave: Mastectomia; Linfedema relacionado a câncer de mama; Mamoplastia; Neoplasias da mama; Excisão de linfonodo

 

ABSTRACT

This study aimed to analyze, through systematic review of literature, the influence of immediate reconstruction on the prevalence of lymphedema after mastectomy, in women living with breast cancer. The analysis considered the most relevant studies originally published, in any language, up to August 2018, indexed on the databases of the US National Library of Medicine, Cochrane Central Register of Controlled Trials, Web of Science, and Scientific Electronic Library Online. The sample comprised 10 publications that met the established criteria for inclusion and exclusion , including 2,425 patients who were subjected to mastectomy alone, and 2,772 patients who were subjected to mastectomy associated with immediate reconstruction of the breast . The prevalence of lymphedema was 20.95% in patients who had been subjected to mastectomy alone (n = 508), and 5.23% among those patients who were subjected to mastectomy associated with immediate reconstruction of the breast (n = 145), the difference being statistically significant (p < 0.001). We concluded that mastectomy, when associated with immediate breast reconstruction, has a positive influence on the prognosis of patients living with breast cancer, thereby providing a much lower rate of lymphedema when compared with mastectomy alone.

Keywords: Mastectomy; Breast cancer-related lymphedema; Mammoplasty; Breast neoplasms; Excision of lymph nodes

 

Implantes complementares na reconstrução mamária

João Medeiros Tavares Filho; Manoel Belerique; Diogo Franco; Guilherme Arbex; Marcio Arnaut Junior; Talita Franco
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(2):290-293 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A depressão na parede anterior da axila pós-mastectomia gera insatisfação das pacientes ao vestirem roupas mais decotadas; além disso, pode haver dificuldade na elevação do braço quando há aderências e retrações nessa região. Nessas pacientes, utilizamos implantes complementares, que reconstituem a anatomia local de forma satisfatória, oferecendo benefícios funcionais ao remover bridas cicatriciais. Esses implantes estão disponíveis em variados tamanhos e volumes, podendo ser empregada mais de uma prótese no mesmo local, se necessário. O objetivo deste estudo é demonstrar a experiência da Disciplina de Cirurgia Plástica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Rio de Janeiro, RJ, Brasil) com o emprego de implantes complementares na reconstrução mamária pós-mastectomia, buscando melhorar os aspectos estético e funcional da região axilar. MÉTODO: A inclusão de implantes de silicone complementares para reconstrução mamária pós-mastectomia foi realizada em 6 pacientes do sexo feminino, com idade entre 34 anos e 75 anos. O volume dos implantes variou de 20 ml a 120 ml. Largura, comprimento e profundidade da área da axila a ser preenchida foram mensurados, para definir volume, dimensões e número de implantes que seriam utilizados. A via de acesso utilizada para inserção dos implantes foi a cicatriz da reconstrução mamária. RESULTADOS: O seguimento pós-operatório variou de 6 meses a 8 anos, não sendo observada contratura capsular em nenhum caso. Todas as pacientes referiram melhora funcional na movimentação do braço, bem como satisfação com o resultado estético pela possibilidade de uso de roupas mais decotadas. CONCLUSÕES: A inclusão de implantes de silicone de formato semilunar no refinamento da reconstrução mamária é um método simples e de fácil realização, com resultados bastante previsíveis, necessitando apenas de uma cirurgia. Os implantes podem ser substituídos, aumentados ou removidos, se necessário.

Palavras-chave: Implante mamário. Implantes de mama. Próteses e implantes. Mamoplastia.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Depression in the anterior wall of the axilla following mastectomy is distressing to patients when they wear summer clothing and may also cause difficulty in raising the arm if there are adhesions and retractions in the region. In these patients, we use supplementary implants that reconstitute the local anatomy in a satisfactory manner and which offer functional benefits by removing cicatricial adhesions. These implants are available in several sizes and volumes, and it is possible to use more than one prosthesis in the same location, if needed. The aim of this study is to report the experience of the Plastic Surgery Unit of the Federal University of Rio de Janeiro (Rio de Janeiro, RJ, Brazil) with the use of supplementary implants in breast reconstruction after mastectomy to improve the aesthetic appearance and function of the axillary region. METHODS: Supplementary silicone implants were inserted for breast reconstruction following mastectomy in 6 female patients, aged 34 to 75 years. The volume of the implants ranged from 20 mL to 120 mL. The width, length, and depth of the axillary region were measured to define the volume and dimensions, as well as the number of implants to be used. The implants were inserted through the scar from the prior breast reconstruction. RESULTS: The follow-up period ranged from 6 months to 8 years, and no capsular contracture was observed. All patients reported functional improvement in arm movement, as well as satisfaction with the aesthetic result, which allowed them to wear more revealing clothing. CONCLUSIONS: The inclusion of semilunar silicone implants as a refinement in breast reconstruction is easy to perform, has predictable results, and requires only one surgical procedure. The implants may be replaced, augmented, or removed, as required.

Keywords: Breast implantation. Breast implants. Prostheses and implants. Mammaplasty.

 

Incisão transareolopapilar para mamoplastia de aumento: experiência dos últimos 10 anos do Instituto Ivo Pitanguy

João Paulo Mendes Verbicário; André Ventura Ferreira; Thiago Ayres Holanda; Natale Ferreira Gontijo de Amorim; Ivo Pitanguy
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(4):670-674 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Várias vias de acesso foram criadas para a inclusão de implantes na cirurgia de aumento das mamas. Em 1966, Pitanguy descreveu a via de acesso transareolopapilar. O objetivo do presente estudo é avaliar as mamoplastias de aumento realizadas no Instituto Ivo Pitanguy (Rio de Janeiro, RJ, Brasil), nas quais se utilizou a incisão transareolopapilar, nos últimos 10 anos. MÉTODO: Realizado estudo retrospectivo, analisando-se os seguintes parâmetros: tamanho dos implantes, indicação da incisão transareolopapilar e complicações pós-operatórias, como alterações cicatriciais. RESULTADOS: Foram incluídas no estudo 53 pacientes, com média de idade de 33,54 anos e tempo médio de seguimento de 11,6 meses. A maioria (60,4%) dos implantes possuía menos de 200 ml. Doze pacientes foram submetidas a reintervenções pelas seguintes razões: nódulo mamário (1 caso), infecção (1 caso), contratura capsular (1 caso), e insatisfação com a forma das mamas (4 casos), com o volume (4 casos) e com a cicatriz unilateral (1 caso). Dezesseis (30,2%) pacientes desenvolveram alguma complicação menor no pós-operatório e 13 (24,5%) apresentaram alguma alteração cicatricial no pós-operatório: hipocromia (18,9%), hipertrofia unilateral (1,9%), retração cicatricial unilateral (1,9%), e aréola bífida (1,9%). Vinte (37,7%) pacientes realizaram seguimento pós-operatório superior a um ano e relataram satisfação com a cicatriz. CONCLUSÕES: A incisão transareolopapilar permite a inclusão de implantes de tamanho pequeno a moderado, com baixo índice de complicações pós-operatórias e cicatriciais, desde que seguida a correta técnica cirúrgica.

Palavras-chave: Mamoplastia. Implantes de mama. Implante mamário. Géis de silicone. Hipopigmentação.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: There are numerous access routes for inserting implants during breast augmentation surgery. In 1966, Pitanguy described the transareolopapilar route. The aim of this study was to assess the use of transareolopapilar incision during breast augmentation surgery at the Ivo Pitanguy Institute (Rio de Janeiro, RJ, Brazil), over the past 10 years. METHODS: Retrospective analyses of the size of the implants used, indications for transareolopapilar incision, postoperative complications, and postoperative scarring were performed. RESULTS: Fifty-three patients with a mean age of 33.54 years were included, and the mean follow-up period was 11.6 months. Most (60.4%) of the implants were <200 ml. Twelve patients required a second operation due to a breast lump (1 case); infection (1 case); capsular contracture (1 case); and dissatisfaction with breast shape (4 cases), volume (4 cases), and unilateral scarring (1 case). Sixteen (30.2%) patients developed some form of minor postoperative complication; 13 (24.5%) had one or more scarring issues, including hypochromia (18.9%), hypertrophy (1.9%), scar retraction (1.9%), and areola bifida (1.9%). Twenty (37.7%) patients underwent postoperative follow-up for more than one year and were satisfied with the postoperative scar. CONCLUSIONS: The transareolopapilar incision facilitates the insertion of small-to-moderate size implants with a low rate of postoperative complications and a low incidence of scarring, provided the correct surgical technique is used.

Keywords: Mammaplasty. Breast implants. Breast implantation. Silicone gels. Hypopigmentation.

 

Pioderma gangrenoso após quadrantectomia de mama com radioterapia intraoperatória: relato de caso

Alfonso Sempértegui; Ismael Santiago Vasquez Vasquez; Antonio Luiz Rocha Gesualdi Fernandes Neto; Leandro Menezes Lopes dos Santos; Bruno César Freitas Alvarenga; Winston Joseph Ueda; Jose Tadeu Campos Avelar; Ernane Bronzatt; Liliana Maria de Oliveira Moscardini; Gabriela Ramos Alves; Henrique Moraes Salvador Silva
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(1):138-142 - Relato de Caso

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Pioderma gangrenoso é uma doença inflamatória imunomediada e rara da pele, de diagnóstico extremamente desafiador. A evolução clínica é a base para o diagnóstico, cursando com lesões pustulosas superficiais, halo eritematoso doloroso, rápida progressão para ulcerações dolorosas e estéreis, sem resposta a antibióticos ou a novas intervenções cirúrgicas e, finalmente, com pronta melhora com uso de imunossupressores. O atraso no diagnóstico pode acarretar numerosas internações e terapias prolongadas, sendo que seu reconhecimento precoce, por outro lado, evita a progressão dessas ulcerações e sua morbidade. Relatou-se um caso de pioderma gangrenoso que evoluiu após cirurgia associada à radioterapia intraoperatória no tratamento conservador do câncer de mama, fazendo-se uma revisão de casos relatados na literatura e suas possibilidades terapêuticas. Questiona-se, também, se a radioterapia intraoperatória estaria relacionada com algum estímulo imunomediado, o que poderia ter facilitado o desencadeamento do quadro.

Palavras-chave: Pioderma gangrenoso; Câncer de mama; Radioterapia intraoperatória.

 

ABSTRACT

Pyoderma gangrenosum is an immune-mediated inflammatory and rare skin disease with an extremely challenging diagnosis. The clinical evolution of the disease is the basis for the diagnosis that involves pustular superficial lesions, painful erythematous halo, rapid progression to painful and sterile ulcerations, unresponsiveness to antibiotics or new surgical interventions, and finally, ready improvement with the use of immunosuppressive drugs. Delayed diagnosis may cause numerous hospitalizations and prolonged therapy, whereas early recognition can prevent the progression of the ulcerations and their morbidities. We report a case of pyoderma gangrenosum that evolved after surgery and was associated with intraoperative radiotherapy for the conservative treatment of breast cancer. In addition, we reviewed reported cases in the literature and therapeutic options. It is conjectured that intraoperative radiotherapy might be related to some immune-mediated stimuli that could trigger the clinical condition.

Keywords: Pyoderma gangrenosum; Breast cancer; Intraoperative radiotherapy.

 

Tratamento cirúrgico das complicações resultantes da radioterapia adjuvante: relato de caso

Ognev Meireles Cosac; Daniel Augusto dos Santos Soares; Leonardo Martins Costa Daher; Ismar Ribeiro Junior; Luciano Gomes Moura; Milena Carvalho Almeida Galdino; José Carlos Daher
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(4):591-595 - Relato de Caso

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O câncer de mama é a principal causa de morte entre as mulheres por doenças malignas. As opções de tratamento variam entre a abordagem cirúrgica, radioterápica, quimioterápica e hormonal. A reconstrução mamária imediata atua em aspectos psicossociais das pacientes, contudo, a depender da técnica realizada, diversas complicações podem surgir, principalmente pós-radioterapia adjuvante. RELATO DO CASO: Paciente sexo feminino, 65 anos, submetida à quadrantectomia e radioterapia em 1988. Evoluiu com aparecimento de ferimento em local de cicatriz em 2010, sendo submetida à mastectomia com reconstrução com retalho grande dorsal imediata e radioterapia adjuvante. Apresentou necrose do retalho, com infecção em região axilar, linfedema, radiodermite, retração cicatricial intensa e limitação articular. Em 2014, procurou nosso serviço para nova abordagem reparadora. Indicado retalho transverso do abdome bipediculado. No seguimento pós-operatório houve pequeno sofrimento em polo superior manejado com desbridamentos e curativos. Após sete meses de pós-operatório, houve cicatrização completa do retalho e satisfação da paciente com procedimento cirúrgico. CONCLUSÃO: O conhecimento das técnicas cirúrgicas, associado ao correto escalonamento, é fundamental para um bom sucesso cirúrgico e manejo das complicações que venham a acontecer nas reconstruções mamárias em pacientes submetidas à radioterapia.

Palavras-chave: Mamoplastia; Radioterapia; Câncer de mama; Complicações pós-operatórias.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Breast cancer is the leading cause of death among malignancies affecting women. Treatment options range from surgical treatment, radiotherapy, chemotherapy and hormone therapy. The immediate breast reconstruction helps to benefit the psychosocial aspects of patients, however, depend on the technique used a number of complications can appear, especially after adjuvant radiotherapy. CASE REPORT: We report a case of a 65-year-old woman, underwent quadrantectomy and radiotherapy in 1988. In 2010, the patient presented an injury on the scar and she was referred to mastectomy with reconstruction of retail large dorsal and adjuvant radiotherapy. Upon examination, we observed flap necrosis with infection on the axillary region, lymphedema, radiodermatitis, fibroses and joint limitation. In 2014, the patient sought our service to perform a new restorative approach. A bipedicled transverse abdominal flap was decided to be adequate to her case. After surgery, the patient reported mild pain in the upper pole that managed with debridement and dressing. Seven months after surgery there was a complete healing of the flap and patient was satisfied with the surgery. CONCLUSION: The knowledge of surgical techniques associated with the correct scaling of steps are essential for surgical success and management of complications that may appear in breast reconstruction of patients undergoing radiotherapy.

Keywords: Mammaplasty; Radiotherapy; Breast neoplasms; Postoperative complications.

 

Implante? Prótese? Inclusão?

César Augusto Arrunátegui Carvallo
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(3):530-532 - Artigo Especial

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

O autor discute o uso indiscriminado de vários termos para designar um único artefato e sugere a adoção de apenas um significante. Embora não se encontrem publicações que tratem especificamente do significado dos termos implante, prótese e inclusão, a não ser o que se encontra nos dicionários léxicos e médicos comuns, esses termos têm sido usados rotineiramente para designar um único artefato. O autor considera ser possível incluir na nomenclatura da especialidade o termo que melhor conceitue o referido objeto destinado à correção da falta de volume mamário. O uso de um único termo facilitaria a redação de trabalhos científicos, e, por esse motivo, o autor propõe o uso do termo implante para o artefato colocado dentro da glândula mamária.

Palavras-chave: Implante mamário. Implantes de mama. Mamoplastia. Próteses e implantes.

 

ABSTRACT

The author discusses the indiscriminate use of various terms to designate a single artifact and suggests the adoption of only one signifier. Although no publications deal specifically with the meaning of the terms "implant", "prosthesis" or "inclusion", apart from what is found in ordinary lexical and medical dictionaries, such terms are commonly and interchangeably used to designate a single artifact. According to the author, it is beneficial to select and utilize only the term that best conceptualizes the object designed for correcting lack of breast volume in specialty terminology. The use of a single term will facilitate scientific paper writing; therefore, the author proposes the use of the term "implant" to indicate the artifact placed inside the mammary gland.

Keywords: Breast implantation. Breast implants. Mammaplasty. Prostheses and implants.

 

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons