ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 1 de 1 resultado(s)

Busca por : Hernane Sad Medina

Tela de Prolene - Utilização em Reconstruções de Cabeça e Pescoço

Hernane Sad Medina, Ramon Ramalho, Rosane Biscotto, Mauricio Chveid
Rev. Bras. Cir. Plást. 1997;12(1):7-16 - Artigos

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Os materiais aloplásticos, independentemente de sua constituição, determinam uma resposta inflamatória quando introduzidos no organismo, em princípio, de caráter agudo, seguido de processo crônico. Os autores fazem um estudo em ratos tipo "U" nos quais introduzem uma fita de tela de prolene. Através de microscopia óptica, fazem o acompanhamento de reações que ocorrem no quinto, décimo-quarto, trigésimo e quadragésimo dias, sendo possível a observação desde o processo inflamatório agudo até a fase de integração do implante. A seguir, demonstram a utilização da tela em três casos clínicos, com a qual teve indicação de suspensão em dois casos e sustentação em um, com resultados satisfatórios. Citam que a tela de prolene obedece a todos os critérios de Scale como um implante ideal, com exceção do fato de causar reação inflamatória inicialmente aguda, caminhando para um processo de reparação com características resolutivas de integração do implante. Concluem pelos bons resultados obtidos, pela comprovação da integração em cortes histológicos e por não deixar cicatrizes em outras áreas, tratar-se de uma boa opção para suspensão de estruturas ptosadas, assim como para sustentação tissular.

Palavras-chave: Tela de Prolene, Materiais Aloplásticos

 

ABSTRACT

Independently of their composition, alloplastic materials when introduced into the organism cause an acute inflammatory reaction Jollowed by a chronic process. The authors studied the introduction of a strip of prolene mesh in "U" type rats and then by light microscopy accompanied the reactions which occurred an days 5,10,14,24,30 and 40, so that observation was possiblefrom the acute inflammatory process until the imp/ants's integration. They report the satisJactory outcome of the use of the mesh in 3 clinical cases; indicated in 2 for suspension and in 1 for support. Mention is made that the prolene mesh obeys all the criteria laid down by ScaleJor the ideal implant, except for causing an inflammatory reaction, which is acute initially, Jollowed by repair with resolution and integration of the implant. They conclude citing the advantages oJthe mesh: the good results obtained, histological evidence of integration, absence of scars in other sites, and it is a good option for suspension of ptosed structures, as well as for tissue support.

Keywords: Prolene Mesh, Alloplastic Materials

 

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons