ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 9 de 9 resultado(s)

Busca por : Priscila Balbinot

Galactorreia: como abordar essa complicação incomum após mamoplastia de aumento

Adriana Sayuri Kurogi Ascenço; Ruth Graf; Ivan Maluf Junior; Priscila Balbinot; Renato da Silva Freitas
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(2):143-147 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Galactorreia e formação de galactocele após mamoplastia de aumento é uma complicação descrita na literatura, porém a causa permanece desconhecida. MÉTODOS: Apresentamos um caso de uma paciente de 28 anos que foi submetida à cirurgia de mamoplastia de aumento via sulco inframamário, com implante colocado no plano subfascial, que evoluiu, no 7º dia pós-operatório, com galactorreia exteriorizada pela incisão, e propomos um algoritmo para diagnóstico e tratamento de galactorreia após mamoplastias. RESULTADOS: A complicação foi tratada com o uso de agente supressor da lactação, a cabergolina, apresentando boa evolução. CONCLUSÃO: Galactorreia é uma complicação incomum após mamoplastias de aumento, que deve ser sempre lembrada em casos de drenagem de secreção pela incisão por tratar-se de um diagnóstico diferencial com infecção.

Palavras-chave: Galactorreia; Mamoplastia; Implante mamário; Ergolinas.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Galactorrhea and galactocele formation after breast augmentation are complications reported in the literature, but the cause remains unknown. METHODS: We present a case of a 28-year-old patient who underwent breast augmentation surgery via the inframammary fold with an implant placed in the subfascial plane, which developed galactorrhea from the incision on the seventh postoperative day, and we propose an algorithm for the diagnosis and treatment of galactorrhea after mammoplasties. RESULTS: The complication was treated with the use of a lactation suppressor, cabergoline, presenting good outcomes. CONCLUSION: Galactorrhea is an uncommon complication after augmentation mammoplasties, which should always be considered in cases of secretions from an incision because it is a differential diagnosis for infections.

Keywords: Galactorrhea; Mammoplasty; Breast implant; Ergolines.

 

Braquio-dorso-mamoplastia: cirurgia do contorno corporal da região superior do tronco após grandes perdas ponderais

Alexandre Elias Contin Mansur; Priscila Balbinot; Paula Giordani Colpo; Adriana Sayuri Kurogi Ascenço; Renato da Silva Freitas
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(3):339-346 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: No Brasil foram realizadas 88 mil cirurgias bariátricas em 2014. Após o emagrecimento, ocorre desinsuflação de todo o tronco, com flacidez e dobra de excesso cutâneo das mamas à região dorsal posterior. Por isso, propomos procedimento cirúrgico que trate a região superior toda do tronco, incluindo mamas, dorso lateral e posterior e braços. OBJETIVO: Mostrar a experiência pessoal em cirurgias de braquio-dorso-mamoplastia. MÉTODO: Foram operados 13 pacientes no período de 2007 a 2014, sendo 11 mulheres e dois homens. RESULTADOS: A média de idade foi de 41,9 anos. A braquio-dorso-mamoplastia foi realizada em todos os pacientes. Em três casos, foi realizada braquio-dorso-mamoplastia em L, devido à menor deformidade latero-posterior. A duração média das cirurgias foi de 4 horas e 30 minutos. O Índice de Massa Corporal (IMC) médio, antes da cirurgia bariátrica, foi de 53,5 kg/m2. As perdas ponderais variaram de 47 a 114 kg. O IMC pré-operatório variou de 23 a 39 kg/m2. Não houve casos de infecção, grandes deiscências ou seroma. Duas pacientes evoluíram com hematoma, necessitando de nova intervenção para drenagem. CONCLUSÃO: As deformidades da região torácica no paciente com perda ponderal maciça são variáveis, sendo necessários diversos tratamentos cirúrgicos que deverão abordar o tórax inteiro como área anatômica única. É importante compreender a deformidade que cada paciente apresenta e adequar a abordagem cirúrgica em conformidade. A indicação principal para uma braquio-dorso-mamoplastia é a queda lateral do sulco inframamário.

Palavras-chave: Tronco; Cirurgia bariátrica; Perda de peso; Mamoplastia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: In Brazil, 88000 bariatric surgeries were performed in 2014. After weight loss, deflation occurs around the trunk, with sagging and folding of excess skin of the breasts in the posterior dorsal region . We, therefore, propose a surgical procedure to treat upper region of the entire trunk, including breasts, side and rear back, and arms. OBJECTIVE: To present a personal experience in brachial-dorsal mammoplasty surgeries. METHOD: We operated 13 patients from 2007 to 2014, 11 women and two men. RESULTS: The average age was 41.9 years. The brachial-dorsal mammoplasty was performed in all patients. In three cases, L-brachial-dorsal mammoplasty was performed, due to lower latero-posterior deformity. The average surgery duration was 4 hours and 30 minutes. The average Body Mass Index (BMI), before bariatric surgery, was 53.5 kg/m2. Weight loss ranged from 47 to 114 kg. The pre-surgery BMI ranged from 23 to 39 kg/m2. There were no cases of infection, large dehiscence or seroma. Two patients developed hematoma, requiring a new intervention for drainage. CONCLUSION: Deformities of the thoracic region in patients with large weight loss are variable, requiring several surgical treatments that should address the entire chest as a single anatomical area. It is important to understand the deformity that each patient presents and adapt the surgical approach accordingly. The main indication for a brachial-dorsal mammoplasty is lateral drop of the inframammary fold.

Keywords: Torso; Bariatric surgery; Weight loss; Mammoplasty.

 

Opções terapêuticas no manejo do nevus congênito gigante, experiência do Serviço de Cirurgia Plástica e Reaparadora HC-UFPR

Renato da Silva Freitas; Gilvani Azor de Oliveira e Cruz; Isis Scomação; Adriana Sayuri Kurogi; Ivan Maluf Junior; Paula Giordani Colpo; Priscila Balbinot
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(2):277-281 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O nevus congênito gigante (NCG) possui diversas modalidades de tratamento. A abordagem cirúrgica inclui a ressecção parcial seriada ou excisão total. Objetivo: Demonstrar as principais modalidades terapêuticas utilizadas para o tratamento do NCG e avaliar a incidência da localização, idade e tamanho destas lesões no Serviço de Cirurgia Plástica e Reparadora do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná. MÉTODOS: Estudo retrospectivo dos pacientes submetidos a tratamento cirúrgico do NCG no período de janeiro de 2004 a janeiro de 2010. Foram coletados dados como: idade, gênero, tratamento realizado, número de cirurgias realizadas, evolução e complicações. RESULTADOS: Foram avaliados 11 pacientes, sendo 8 mulheres e 3 homens. A média de idade foi de 12,4 anos (3 a 25 anos). O subtipo mais encontrado foi o nevus melanocítico intradérmico correspondendo a 90,9% dos casos e 9,1% com nevus melanocítico composto. Não foram identificados casos de melanoma. A localização mais comum foi a região da cabeça e pescoço. O diâmetro médio das lesões foi de 9,1 cm.As técnicas utilizadas para reconstrução foram: sutura primária, retalhos locais, enxerto de pele e uso de expansores. No seguimento, 63,6% dos pacientes apresentavam ainda nevus residual, 27,3% apresentaram ressecção completa e 9,1% perderam seguimento. CONCLUSÃO: Foi observada maior incidência de NCG na faixa etária de 3 a 25 anos, sendo a localização mais comum na face e com tamanho médio de 9,1cm. O principal tratamento instituído para os pacientes com NCG foi a ressecção parcelada, com bons resultados.

Palavras-chave: Nevo; Tratamento; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Several modalities are available for the treatment of giant congenital nevus (GCN). The surgical approach includes partial serial resection or total excision. Objective: To demonstrate the main therapeutic modalities in the treatment of GCN and to assess the incidence of location, age, and size of this lesion at the Plastic and Reconstructive Surgery Service of the Hospital de Clínicas, Federal University of Paraná. METHODS: This retrospective study included patients who had undergone surgical treatment for GCN between January 2004 and January 2010. We collected data such as age, sex, treatment performed, number of surgeries carried out, evolution, and complications. RESULTS: We evaluated 11 patients (8 female and 3 male). The average age was 12.4 years (range, 3-25 years). The GCN subtype most commonly found was intradermal melanocytic nevus, which accounted for 90.9% of cases, with melanocytic nevus accounting for the remaining 9.1%. No cases of melanoma were identified. The most common location was the head and neck. The average diameter of the lesions was 9.1 cm. The techniques used for the reconstruction included primary suture, local flaps, skin graft, and the use of expanders. In the follow-up period, 63.6% of the patients still presented a residual nevus, 27.3% underwent complete resection, and 9.1% were not monitored. CONCLUSION: A higher incidence of GCN was observed in patients aged 3-25 years. The most common location was the face, and the average size was 9.1 cm. The main treatment of patients with GCN was splitting resection, which resulted in satisfactory outcomes.

Keywords: Nevus; Treatment; Reconstructive surgical procedures.

 

Incisão periareolar em zigue-zague para tratamento de ginecomastias

André Luiz Bilieri Pazio; João Guilherme Cavalcanti Krieger; William Massami Itikawa; Priscila Balbinot; Adriana Sayuru Kurogi Ascenço; Renato da Silva Freitas; Ruth Graf
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(4):579-582 - Ideias e Inovações

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Ginecomastia é a hipertrofia e hiperplasia benigna da mama masculina. Representa a condição benigna mais frequente da mama masculina. O objetivo é avaliar os resultados estéticos, e satisfação dos pacientes submetidos a uma nova abordagem para o tratamento da ginecomastia, com incisão periareolar em zigue-zague. MÉTODOS: Apresentamos uma casuística de 13 casos de ginecomastia tratados com a técnica periareolar em zigue-zague. RESULTADOS: Todos os pacientes ficaram satisfeitos com a cicatriz camuflada na transição, naturalmente irregular, da pele periareolar com o complexo aréolo mamilar. Não houve complicações na série descrita. CONCLUSÃO: A abordagem descrita é uma excelente alternativa para o tratamento das ginecomatias. Proporciona um resultado estético satisfatório, é de fácil execução e tem a vantagem de não deixar estigmas na mama masculina operada.

Palavras-chave: Ginecomastia; Hipertrofia; Hiperplasia; Cicatriz.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Gynecomastia is a benign hypertrophy and hyperplasia of the male mammary gland, and is considered the most frequent benign condition of the male breast. The objective is to evaluate aesthetic results and satisfaction of patients undergoing a new approach using a periareolar zigzag incision for the treatment of gynecomastia. METHODS: We present 13 cases of male gynecomastia treated with a periareolar zigzag incision technique. RESULTS: All patients were satisfied with the scar hidden in the transitional, naturally irregular periareolar skin of the nipple-areolar complex. No complications were observed in this patient series. CONCLUSION: This approach is an excellent, easy-to-perform surgical alternative for the treatment of gynecomastia, providing a satisfactory cosmetic result without the presence of a stigmatizing scar.

Keywords: Gynecomastia; Hypertrophy; Hyperplasia; Cicatrix.

 

Efeitos da radiofrequência na cicatrização de feridas cutâneas em ratos: análise por planigrafia digital e avaliação histológica

Ana Maria Cardoso Cepeda; Antonio Carlos Campos; Gilian Fernanda Dias Erzinger; Priscila Balbinot
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(4):554-560 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Tendo em vista o número de cirurgias plásticas e a busca por melhores resultados estético-funcionais fazem-se necessárias pesquisas para encontrar meios para melhorar a cicatrização e as cicatrizes. O objetivo é avaliar os efeitos de três sessões de radiofrequência na cicatrização da pele de ratos. MÉTODOS: Quarenta e oito ratos machos foram divididos em quatro grupos conforme ao grupo que pertenciam e o dia do sacrifício (grupo radiofrequência - GR - e grupo controle - GC). Realizada a dissecação da ferida excisional de 2 cm x 2 cm (4 cm²) e utilizou-se um punch de 6 mm para a realização de duas feridas excisionais de 0,6 cm de diâmetro. Após 24 h, foi realizada a radiofrequência com o equipamento Spectra® na região dorsal, diretamente sobre as feridas por 7 minutos, com temperatura de 38ºC. Repetida por três vezes, em dias alternados. No grupo controle foi realizada com o aparelho desligado. RESULTADOS: Foi encontrada área maior na ferida quadrada, no 3º dia pós-operatório do GR (GR7 3,3 cm² ± 0,7 cm² vs. GC7 2,4 cm² ± 0,4 cm², p = 0,009). No 14º dia a ferida quadrada do GR foi maior do que no GC (GR14 1,9 cm² ± 0,5 cm² vs. GC14 1,0 cm² ± 0,3 cm², p = 0,001). Houve fechamento de 90% das feridas no GC14. No GR14, 60% das feridas foram reepitelizadas enquanto 40% permaneceram ulceradas. No GC7, 70% das feridas de permaneceram ulceradas e 30% foram reepitelizadas. Já no GR7, 8%, foram reepitelizadas e 92% permaneceram ulceradas. CONCLUSÃO: A radiofrequência tem influência negativa no processo cicatricial, mostrando que, nos ratos que receberam a radiofrequência, o quadrado permaneceu ulcerado.

Palavras-chave: Cicatrização; Cicatriz; Fibroblastos; Reepitelização.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Given the extensive use of plastic surgery and the search for better aesthetic and functional results, it is necessary to research ways to improve healing and scarring. The objective is to evaluate the effects of three radiofrequency (RF) sessions in healing the skin of mice. METHODS: Forty-eight rats were divided into four groups by day of sacrifice and treatment (RF group: RG; control group: CG). Dissection of the excisional wound of 2 cm x 2 cm (4 cm²) was performed and a 6-mm punch was used to hold two excisional wounds 0.6 cm in diameter. After 24 h, radiofrequency was performed using Spectra® directly on the wound in the dorsal region for 7 minutes at 38ºC. This was repeated three times on alternate days. For the control group, the radiofrequency protocol was performed with the device switched off. RESULTS: A larger area of the square wound was measured on postoperative day three in RG (RG7: 3.3 cm² ± 0.7 cm² vs. CG7: 2.4 cm² ± 0.4 cm²; p = 0.009). On day 14, the square wound in RG was greater than in CG (RG14: 1.9 cm² ± 0.5 cm² vs. CG14: 1.0 cm² ± 0.3 cm²; p = 0.001). There was a 90% closure of wounds in CG14. In RG14, 60% of the wounds were re-epithelized while 40% remained ulcerated. In CG7, 70% of the remaining wounds were ulcerated and 30% were re-epithelized. In RG7, 8% were re-epithelized and 92% remained ulcerated. CONCLUSION: Radiofrequency has a negative influence on the healing process, as indicated by mice that received radiofrequency having a persistent ulcerated wound.

Keywords: Healing; Scar; Fibroblasts; Re-epithelialization.

 

Incisão periareolar em zigue-zague modificada: técnica alternativa para mastoplastia de aumento

Ruth Graf; Adriana Sayuri Kurogi Ascenço; Ivan Maluf Junior; Marlon Camara Lopes; Isis Juliane Guarezi Nasser; Priscila Balbinot; Renato da Silva Freitas
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(2):297-300 - Ideias e Inovações

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Mastoplastia de aumento é uma das cirurgias mais realizadas em todo o mundo. Variáveis como tamanho e localização do implante, bem como o tipo de incisão, influenciam o resultado final. A abordagem periareolar é bem conhecida e difundida, porém sua cicatriz pode, muitas vezes, ser motivo de insatisfação da paciente. Uma modificação da técnica periareolar é apresentada, com incisão em zigue-zague, para mamoplastias de aumento, permitindo a obtenção de cicatrizes imperceptíveis. A técnica descrita é uma excelente alternativa para mastoplastia de aumento, proporcionando resultado estético satisfatório, com cicatriz camuflada na transição da pele periareolar com o complexo areolopapilar, que é naturalmente irregular.

Palavras-chave: Mamoplastia. Implantes mamários. Cicatriz.

 

ABSTRACT

Augmentation mammaplasty is one of the most common surgeries worldwide. Variables such as implant size and location as well as incision type influence the final result. The periareolar approach is well known and disseminated; however, the resulting scar is a common reason for patient dissatisfaction. We present a modified periareolar technique using a zigzag incision that results in invisible scars after augmentation mammaplasty. The technique described here is an excellent alternative for augmentation mammaplasty and has an esthetic satisfactory result with imperceptible scars in the periareolar skin of the nipple-areola complex, which is naturally irregular.

Keywords: Mammaplasty. Breast implantation. Cicatrix.

 

Avaliação das variáveis fotográficas em pacientes com indicação de cirurgia do rejuvenescimento facial

Ivan Maluf Junior; Isis Raulino Scomacão; Renato da Silva Freitas; Ruth Maria Graf; Priscila Balbinot; Adriana Sayuri Kurogi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(3 Suppl.1):28 - Crânio, Face e Pescoço

PDF Português

Fraturas nasoetmoideorbitais: experiência de 37 anos do Serviço de Cirurgia Craniofacial do Hospital de Cajuru e Hospital do Trabalhador

Gilvani Azor de Oliveira e Cruz; Ivan Maluf Junior; Rafaela Cesario Pereira Maluf; Adriana Sayuri Kurogi; Dirlene Taisa Berri; Marlon Augusto Camara Lopes; Priscila Balbinot; Isis Nasser; Maria Cecilia Closs Ono; Renato da Silva Freitas
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(3):507-510 - Artigo Especial

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

A fratura do complexo nasoetmoideorbital (NEO) permanece como uma das tarefas mais desafiadoras no trauma facial. Corresponde a 2,1% dos casos de trauma de face. Achados clínicos clássicos das fraturas NEOs são telecanto e deformidade com retroposicionamento da pirâmide nasal. O estudo com tomografia computadorizada é imprescindível para determinar detalhes e procurar localizar deslocamentos ósseos e fístulas. O tratamento é direcionado à reconstrução da relação intercantal, da projeção nasal e das estruturas internas da órbita.

Palavras-chave: Osso etmoide/lesões. Osso nasal/lesões. Fraturas orbitárias/cirurgia. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

Fractures of the naso-orbitoethmoid complex (NOE) remain one of the most challenging tasks in facial reconstruction and account for 2.1% of facial trauma cases. Clinical analyses of NOE fractures showed that they usually affect the telecanthus and cause deformities that would then require retropositioning of the nasal pyramid. Therefore, computed tomography is an essential technique for further assessment and to identify bone dislocations and fistulas. Treatment involves reconstruction of the intercanthal distance, nasal projection, and internal orbital structures.

Keywords: Ethmoid bone/injuries. Nasal bone/injuries. Orbital fractures/surgery. Reconstructive surgical procedures.

 

Síndrome de Romberg: uma série de casos

Isis Juliane Guarezi Nasser; Dirlene Taysa Berri; Priscila Balbinot; Adriana Sayuri Kurogi Ascenço; Ivan Maluf Junior; Renato da Silva Freitas
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(3 Suppl.1):37 - Crânio, Face e Pescoço

PDF Português

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons