ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 4 de 4 resultado(s)

Busca por : Mário Múcio Maia de Medeiros

Lipossarcoma - revisão de literatura e relato de dois casos

GUILHERME TEIXEIRA DE SOUZA E CASTRO; EMÍLIA SILVA KLEIN; LUCIANO COSTA ASSIS; MATHEUS DIAS ARAÚJO; MÁRIO MÚCIO MAIA DE MEDEIROS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.2):28-29 - Suplemento Simpósio Mineiro de Intercorrências 13º SIMPÓSIO - 2019

PDF Português

RESUMO

Introdução: Os sarcomas de partes moles são neoplasias malignas raras, dentre eles o mais frequente é o lipossarcoma.
Método: De acordo com a literatura médica, os lipossarcomas, caso não tratados de modo sistematizado, podem apresentar recidiva local e metástases. Em três anos, o serviço de cirurgia plástica do Hospital Belo Horizonte abordou dois casos de lipossarcomas recidivados.
Resultados: Pela raridade em que os sarcomas de partes moles são relatados, nos casos especificados, o diagnóstico foi realizado somente na sua recidiva.
Conclusão: Os lipossarcomas são neoplasias raras, as quais requerem abordagem adequada, visando minimizar a chance de metástases e recidiva local da patologia.

Palavras-chave: Sarcoma; Tumor de partes moles; Lipossarcoma; Tumor recidivado; Neoplasia

 

Análise do atendimento clínico de portadores de úlceras crônicas em membros inferiores

Armando Costa Aguiar Jr; Cesar Isaac; Julia Teixeira Nicolosi; Mario Mucio Maia de Medeiros; André Oliveira Paggiaro; Rolf Gemperli
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(2):258-263 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Úlceras crônicas em membros inferiores podem apresentar diferentes etiologias, sendo as mais frequentes: venosa, arterial, traumática, infecciosa e diabética. O tratamento dessas feridas é dinâmico e depende da evolução da reparação tecidual. Esse tratamento inclui métodos clínicos e cirúrgicos, sendo o curativo o método não cirúrgico mais frequentemente utilizado. Curativos podem ser desde de coberturas inertes até veículos para atuação de princípios ativos no leito da ferida. A principal indicação de ativos está relacionada a efeitos de desbridamento e controle da população bacteriana, possibilitando o preparo desses leitos para resolução cirúrgica ou espontânea. MÉTODO: Esse estudo é observacional, longitudinal, retrospectivo, de amostra randomizada no qual pretendemos analisar o atendimento prestado aos portadores de úlceras crônicas em membros inferiores no Ambulatório de Feridas Crônicas da Divisão de Cirurgia Plástica do HCFMUSP entre 2011 e 2013. RESULTADOS: Foram analisados prontuários de indivíduos de ambos os gêneros, idade média 60 anos, portadores de úlceras crônicas em diferentes estágios evolutivos. Foram pesquisadas comorbidades, doença de base, tamanho da lesão, tratamentos utilizados e evolução das feridas. Notouse predomínio das causas vasculares (69,2%) como doenças de base. Todos os pacientes foram primeiramente tratados com curativos contendo princípios ativos, para preparo do leito das feridas. Desses, 84% foram encaminhados para resolução cirúrgica das feridas. Houve fechamento espontâneo em 1,5% dos casos. Os demais pacientes (14,5%) apresentaram piora das lesões com tratamento tópico, necessitando outras formas de preparo desse leito. CONCLUSÃO: Agentes tópicos podem ser uma forma ambulatorial/domiciliar efetiva de preparo do leito de úlceras crônicas para resolução cirúrgica.

Palavras-chave: Úlcera de perna; Úlcera venosa; Pé diabético; Úlcera diabética do pé; Cicatrização; Papaína.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Chronic ulcers of the lower limbs may have different etiologies, with the most frequent being venous, arterial, traumatic, infectious, and diabetic. The treatment of these wounds is dynamic and depends on the evolution of tissue repair. This treatment includes clinical and surgical methods, and dressings are the most frequently used. Dressings can range from inert covers to vehicles for actuation of active substances in the wound bed. The main indication for these substances is related to the effects of debridement and control of the bacterial population, enabling the preparation of wound beds for surgical or spontaneous resolution. METHODS: This study is an observational, cross-sectional, retrospective study, with random sampling, aimed at assessing the care provided to patients with chronic ulcers of the lower limbs in the Outpatient Clinic for chronic wounds of the Plastic Surgery Division, HCFMUSP, between 2011 and 2013. RESULTS: The clinical charts of 481 patients of both sexes, with a mean age 60 years, were analyzed; all had chronic ulcers in different stages of evolution. Comorbidities, underlying disease, size of the lesion, treatments, and evolution of wounds were evaluated. A predominance of vascular disease (69.2%) was the underlying cause. All patients were initially treated with dressings containing active agents, for preparation of the wound bed. Of these, 84% were referred for surgical management of wounds. There was no spontaneous closure in 1.5% of cases. The remaining patients (14.5%) showed worsening of lesions with topical treatment, and required other forms of preparation of the wound bed. CONCLUSION: Topical agents may be an effective outpatient/home method to prepare the wound bed of chronic ulcers for surgical management.

Keywords: Leg ulcer; Venous ulcers; Diabetic foot; Diabetic ulcers of the foot; Healing; Papain

 

Abordagem cirúrgica para o tratamento da ginecomastia conforme sua classificação

Mário Múcio Maia de Medeiros
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(2):277-282 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A ginecomastia é a proliferação benigna mais comum do tecido glandular da mama masculina, causada pela alteração do equilíbrio entre as concentrações de estrógeno e andrógeno. Na maioria dos casos, o principal tratamento é a cirurgia. O objetivo deste trabalho foi demonstrar a aplicabilidade das técnicas cirúrgicas consagradas para a correção da ginecomastia, de acordo com a classificação de Simon, e apresentar uma nova contribuição. MÉTODO: Este trabalho foi realizado no período de março de 2009 a março de 2011, sendo incluídos 32 pacientes do sexo masculino, com idades entre 13 anos e 45 anos. A escolha da incisão foi relacionada à necessidade ou não de ressecção de pele. Foram utilizadas quatro técnicas da literatura e uma modificação da técnica por incisão circular com prolongamentos inferior, superior, lateral e medial, quando havia excesso de pele também no polo inferior da mama. RESULTADOS: A principal causa da ginecomastia identificada entre os pacientes foi idiopática, seguida pela obesidade e pelo uso de esteroides anabolizantes. CONCLUSÕES: A técnica mais utilizada foi a incisão periareolar inferior proposta por Webster, quando não houve necessidade de ressecção de pele. Na presença de excesso de pele, a técnica escolhida variou de acordo com a quantidade do tecido a ser ressecado. A nova técnica proposta permitiu maior remoção do tecido dermocutâneo glandular e gorduroso da mama, quando comparada às demais técnicas utilizadas na experiência do cirurgião.

Palavras-chave: Cirurgia plástica/métodos. Mama/cirurgia. Ginecomastia.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Gynecomastia is the most common benign proliferation of the glandular tissue of the male breast and is caused by an alteration of the balance between estrogen and androgen concentrations. In most cases, the treatment of choice is surgery. In this study, we aimed to indicate the efficacy of established surgical procedures for the correction of gynecomastia, as evaluated according to Simon's classification, and to present a novel contribution. METHODS: This study was performed between March 2009 and March 2011. It included 32 male patients, aged between 13 and 45 years. The type of incision was chosen on the basis of the need for skin resection. We used 4 techniques described in the literature and a modified procedure of circular incision with inferior, superior, lateral, and medial extensions, which we employed when excess skin was also present in the lower pole of the breast. RESULTS: Idiopathic gynecomastia was the most common etiology among our patients, followed by obesity and by use of anabolic steroids. CONCLUSIONS: The common procedure to correct gynecomastia was based on the inferior periareolar incision proposed by Webster, which we employed in patients who did not require skin resection. In the presence of excess skin, the technique chosen varied according to the amount of tissue to be resected. In the present report, we propose a novel technique that facilitates larger dermal, glandular, and fatty breast tissue removal when compared to other procedures previously used by this surgeon.

Keywords: Plastic surgery/methods. Breast/surgery. Gynecomastia.

 

Intercorrências com uso de material aloplástico em rinoplastia: relato de casos

LUCIANO ASSIS COSTA; MATHEUS DIAS ARAÚJO; GULHERME TEIXEIRA DE SOUZA E CASTRO; EMÍLIA SILVA KLEIN; MÁRIO MÚCIO MAIA DE MEDEIROS; CARLOS ROBERTO NUNES
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.2):71-72 - Suplemento Simpósio Mineiro de Intercorrências 11º SIMPÓSIO - 2017

PDF Português

RESUMO

Introdução: Emprego de material aloplástico em rinoplastia, análise de duas intercorrências.
Método: Apresentamos soluções em dois casos de intercorrências, encaminhados ao Serviço de Cirurgia Plástica do Hospital Belo Horizonte, com o uso de materiais aloplásticos em rinoplastias.
Resultados: Foram tratados dois casos, um com extrusão antiga e outro com expulsão imediata que apresentaram soluções favoráveis.
Conclusão: Há inúmeras controvérsias quanto ao uso de material aloplástico. No primeiro caso, a rejeição ocorreu após quatro anos do implante. No segundo, houve expulsão imediata. O resultado das abordagens foi satisfatório às pacientes.

Palavras-chave: Materiais aloplásticos; Intercorrência; Enxertos autólogos

 

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons