ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 1 de 1 resultado(s)

Busca por : Luiz Charles Araujo de Sá

Alterações do contorno cervical: Classificação lamelar e protocolo de tratamento

Luiz Charles Araujo de Sá; Natale Ferreira Gontijo de Amorim; André Ventura Ferreira; Victor Joh Han
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(4):563-570 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

OBJETIVO: O objetivo do presente trabalho foi propor uma nova classificação das alterações estéticas da região cervical, com base na sua anatomia, a fim de direcionar o tratamento cirúrgico adequado. O intuito foi classificar e sistematizar a abordagem cirúrgica de cada estrutura envolvida (pele, músculo, gordura e glândula submandibular), correlacionando o procedimento cirúrgico mais indicado para o seu tratamento. MÉTODO: O autor sênior, baseado em observação de 480 casos operados, entre os anos de 1998-2010, estabeleceu uma classificação correlacionando a flacidez de pele encontrada, grau de lipodistrofia, alteração muscular e alteração do contorno cervical, com o tratamento empregado, sendo grau I (11,7%), grau II (7%); grau III (23%), grau IV (40 %), grau V (18,3%.). RESULTADOS: O desenvolvimento da presente classificação demonstrou ser possível agrupar as alterações cervicais, decorrentes do processo de envelhecimento humano, em subgrupos (Grau I-V), com alterações comuns, facilmente reconhecíveis, facilitando a proposição do melhor tratamento para a região cervical e propiciando a criação de um algoritmo terapêutico. Esta classificação em subgrupos auxilia o cirurgião na escolha do tipo de abordagem cirúrgica e cicatrizes (Lifting cervico facial clássico, Lifting cérvico facial com cicatriz reduzida, Lifting cervical, Lifting atípico com cicatriz temporal anterior). CONCLUSÃO: Concluímos que a região cervical é a principal determinante na escolha do tipo de abordagem cirúrgica e cicatrizes, no rejuvenescimento cérvico facial.

Palavras-chave: Face. Pescoço. Ritidoplastia. Cirurgia plástica. Procedimentos cirúrgicos Reconstrutivos.

 

ABSTRACT

OBJECTIVE: The aim of the current study is to propose a classification based on neck lamellas for the aesthetic variations of the cervical region, considering its unique anatomy and analysing each structure involved (skin, muscle, fat and submandibular gland), in order to make it easier to choose the most appropriate surgical treatment. METHOD: The senior author, elaborated an observational study of 480 patients operated for neck and face lift between 1998 and 2010, established a classification comparing the skin flaccidity, the amount of fat accumulation, muscle flaccidity and cervical contour alterations, with the best surgical treatment for each group, being grade I (11.7%), grade II (7%), grade III (23%), grade IV (40%) and grade V (18.3%). RESULTS: The development of the current classification made it possible to group the cervical alterations that results from the aging process. Each group has common, easily recognizable alterations and for each one we have proposed a different treatment algorithm, in relation to the technique and the scar positioning (classic neck and facelift, short scar facelift, cervical lift, atypical lift and neck and facelift with anterior temporal scar). CONCLUSION: With the present study it was possible to come to the conclusion that the cervical region is the main determinant for the selection of the best surgical technique and scars placement in the surgery for the rejuvenation of the neck and face.

Keywords: Face. Neck, Rhytidoplasty. Surgery, Plastic. Reconstructive Surgical Procedures.

 

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons