ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 5 de 5 resultado(s)

Busca por : Luciana Rodrigues da Cunha Colombo

Minilipoabdominoplastia com desinserção umbilical: indicações e comparação de táticas cirúrgicas para reinserção de umbigo, estudo prospectivo

Vinicius Teixeira de Paula Pignatti; Luciana Rodrigues da Cunha Colombo Tiveron; Marco Tulio Rodrigues da Cunha; Marco Aurélio de Oliveira Marinho; Manoel Pereira Silva Neto; Carlos Renato Rodrigues da Cunha; Thomas Green Morton Gonçalves dos Santos; Aluisio Goncalves Medeiros; Julia Prudente Soffner
Rev. Bras. Cir. Plást. 2017;32(1):92-100 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A minilipoabdominoplastia com desinserção do umbigo representa uma tática cirúrgica restrita àqueles casos nos quais a lipoaspiração isolada causaria piora da flacidez, enquanto a abdominoplastia convencional implicaria em ressecção exagerada de pele. Permite plicatura xifopúbica dos retos abdominais e boa ressecção do excedente cutâneo abdominal inferior. O objetivo é apresentar pacientes com umbigo alto tratados com lipoaspiração, miniabdominoplastia com desinserção de umbigo e reinserção abaixo, e comparar duas técnicas para reinserção umbilical. MÉTODOS: Foram operadas seis pacientes no período de janeiro a junho de 2013 no Hospital Escola da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), Uberaba, MG, todas do sexo feminino, com idades de 32 a 50 anos, submetidas à anestesia peridural e geral. RESULTADOS: Pós-operatórios com contornos corporais de silhuetas naturais e cicatrizes umbilicais reposicionadas sem cicatrizes externas. CONCLUSÃO: A técnica empregada permite o tratamento da flacidez moderada do abdome superior e inferior com uma incisão menor, proporciona cicatriz umbilical sem cicatriz externa e menores chances de complicações em virtude do menor descolamento.

Palavras-chave: Umbigo; Abdominoplastia; Parede abdominal; Cicatriz.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The minilipoabdominoplastia with umbilicus detachment represents a surgical procedure restricted to cases in which isolated liposuction would cause worsening of sagging skin, while the conventional abdominoplasty would imply excessive skin resection. It allows xyphopubic plication of the rectus abdominis muscle and good resection of the excessive lower abdominal skin. The objective is to provide patients with high umbilucus treated with liposuction, mini-abdominoplasty with umbilucus detachment and reinsertion below, and comparison of two techniques for umbilical reinsertion. METHODS: We included six women aged 32- to 50-year-old and who underwent surgery under spine and general anesthesia from January to June 2013 in the Hospital of the Federal University of Triângulo Mineiro, Uberaba, Minas Gerais, Brazil. RESULTS: After surgery, patients had natural silhouettes of body contours and umbilicus repositioned without external scars. CONCLUSION: The technique used allows treatment of moderate sagging skin of upper and lower abdomen with need of a small incision, the technique provides umbilicus scarring without external scarring and less chance of complications due to the small detachment.

Keywords: Umbilicus; Abdominoplasty; Abdominal wall; Cicatrix.

 

Tratamento de mamas tuberosas com incisões combinadas

Manoel Pereira Silva Neto; Luciana Rodrigues da Cunha Colombo; Diego de Paiva Silva; Paulo Magno Santos Guimarães; Cynthia Ottaiano Rodrigues Almeida; Adriano Peduti Batista; Luiz Humberto Toyoso Chaem; Marco Túlio Rodrigues da Cunha
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(3):421-427 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A deformidade tuberosa da mama é uma rara entidade, descrita por Rees e Aston em 1976. O desenvolvimento mamário encontra-se alterado, com herniação do parênquima pelo complexo areolopapilar, alargamento dessa estrutura e hipoplasia do tecido mamário, principalmente nos quadrantes inferiores. A mama, portanto, adquire um aspecto tubular ao invés do aspecto cônico natural. MÉTODO: No total, 4 pacientes foram submetidas a tratamento cirúrgico em um único tempo, com incisões combinadas: inframamária e periareolar. Detalhes técnicos devem ser individualizados para cada caso, conforme a gravidade e a classificação do tipo de mama tuberosa. RESULTADOS: O procedimento cirúrgico utilizado aborda todos os aspectos da deformidade da mama tuberosa em operação de um estágio. Cirurgia de revisão de cicatriz periareolar não foi necessária em nenhum caso. Em todos os casos, obteve-se resultado estético final aceitável e com satisfação da paciente e do cirurgião. O procedimento adotado não interfere em lactações futuras. CONCLUSÕES: A mama tuberosa representa um verdadeiro desafio terapêutico. A técnica utilizada é muito atraente e mostra resultados confiáveis e reprodutíveis.

Palavras-chave: Mama/cirurgia. Mamoplastia. Cirurgia plástica/métodos.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Tuberous breast deformity is a rare entity, first described by Rees and Aston in 1976. In this condition, breast development is altered, with herniation of the parenchyma through the nipple-areolar complex, enlargement of this structure, and hypoplasia of the breast tissue, especially in the lower quadrants. The breast thus acquires a tubular shape rather than the natural conical look. METHODS: Four patients underwent a single surgical treatment, with combined inframammary and periareolar incisions. Technical details must be individualized for each case depending on the severity and classification type of the tuberous breasts. RESULTS: The surgical procedure used covers all aspects of tuberous breast deformity in a single-stage operation. Revision of periareolar surgery scar was not necessary in any case. In all cases, the final aesthetic result was satisfactory for the patient and the surgeon. The procedure adopted does not interfere with future lactation. CONCLUSIONS: Tuberous breast represents a real therapeutic challenge. The technique reported herein is very attractive and provides reliable and reproducible results.

Keywords: Breast/surgery. Mammaplasty. Plastic surgery/methods.

 

Rejuvenescimento de lóbulo de orelha: descrição da técnica e indicações

Luciana Rodrigues da Cunha Colombo; Paulo Magno Santos Guimarães; Ivan Araújo Motta; Marco Túlio Rodrigues da Cunha; Manoel Pereira Silva Neto
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(2):289-293 - Ideias e Inovações

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

O lóbulo de orelha ocupa posição única entre as estruturas da face e é uma região importantíssima na composição estética da orelha. A idade altera o formato, a largura e o comprimento do lóbulo, em decorrência da flacidez dos tecidos e, assim, fica em desarmonia de proporção com outros elementos estéticos da orelha, exigindo correção. Muito pouco tem sido descrito para orientar o cirurgião no rejuvenescimento da orelha. A correção do lóbulo envelhecido pode ser feita isoladamente ou em combinação com uma cirurgia de rejuvenescimento facial, bem como em ritidoplastias secundárias por lóbulo inadequadamente preso à face. A cirurgia é bastante simples, de recuperação rápida, com resultados interessantes. O objetivo básico do trabalho consiste na descrição da técnica de rejuvenescimento do lóbulo da orelha e suas indicações. O posicionamento estratégico da cicatriz final em continuidade com uma depressão anatômica da orelha, que é a escafa, e ocultada pelo antitrágus garante resultado final adequado, com cicatrizes pouco aparentes. A técnica descrita representa uma opção tática para reformular e rejuvenescer a orelha.

Palavras-chave: Orelha/cirurgia. Rejuvenescimento. Ritidoplastia.

 

ABSTRACT

The earlobe occupies a unique position among the structures of the face and is a very important region in aesthetic composition of the ear. The age alters the shape, width and length of the lobe due to sagging tissue and thus is at odds ratio with other aesthetic elements of the ear, requiring correction. Very little has been described to guide the surgeon in rejuvenating the ear. The correction aged lobe can be made alone or in combination with surgery of facial rejuvenation, as well as by secondary lobe rhytidoplasties inadequately secured to the face. The surgery is fairly simple, rapid recovery, with interesting results. The basic aim of the work is the description of the technique and its indications. The strategic positioning of the final scar in continuity with a depression anatomical ear that is escafa, and hidden by antitragus ensures a proper outcome, with little apparent scars. The technique described is a tactical option to reshape and rejuvenate the ear.

Keywords: Ear/surgery. Rejuvenation. Rhytidoplasty.

 

Biomateriais para reconstrução da órbita: revisão da literatura

Luciana Rodrigues da Cunha Colombo; Davi Reis Calderoni; Endrigo Toresan Rosim; Luis Augusto Passeri
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(2):337-344 - Artigo de Revisão

PDF Português

RESUMO

O tratamento de lesões traumáticas da órbita permanece um desafio para o cirurgião maxilofacial. Quando a correção cirúrgica não é realizada ou é feita de maneira inadequada, pode ocorrer enoftalmia, diplopia, distopia ocular, restrição da movimentação ocular e disfunção do nervo infraorbital. A importância da cirurgia consiste em liberar o tecido orbitário herniado pelo foco de fratura, restaurar a arquitetura normal da órbita, objetivando um resultado estético e funcional adequado. Nas últimas décadas, vários avanços ocorreram no tratamento cirúrgico destas fraturas, bem como nos métodos diagnósticos. Com o desenvolvimento de tomografias computadorizadas de múltiplos detectores, tornou-se possível a análise tridimensional da órbita, assim como sua avaliação volumétrica, o que revolucionou o manejo cirúrgico destas fraturas. Outro fator com impacto direto nas reconstruções das órbitas é a disponibilidade de diversos biomateriais, para restauração das paredes orbitárias. Assim, o objetivo desse artigo é revisar os materiais disponíveis para reconstrução nos casos de fraturas do assoalho da órbita, comparar suas aplicabilidades práticas e destacar aqueles mais utilizados no Serviço de Cirurgia Plástica do Hospital de Clínicas da Unicamp, nos últimos anos. Dentre os materiais de escolha, em nosso Serviço, destacamos o osso autógeno de calota craniana, a cartilagem de concha auricular, a tela de titânio e o polietileno poroso de alta densidade. Cada biomaterial apresenta indicações específicas, de acordo com as características da fratura orbitária, sendo considerados, para a escolha do material, os resultados a longo prazo e a experiência do cirurgião.

Palavras-chave: Órbita/lesões. Órbita/cirurgia. Materiais Biocompatíveis. Traumatismos Faciais.

 

ABSTRACT

The treatment of traumatic lesions of the orbit remains a challenge for the maxillofacial surgeon. When surgical correction is not performed or is performed incorrectly, may occur enophthalmos, diplopia, ocular dystopia, restriction of ocular movements and dysfunction of the infraorbital nerve. The importance of surgery is to release the herniated orbital tissue at the fracture site, restoring the normal architecture of the orbit, aiming at an adequate functional and aesthetic results. In recent decades, many advances have occurred in the surgical treatment of these fractures, as well as in diagnostic methods. With the development of multislice CT, it became possible to analyze three-dimensional orbit, as well as its volumetric evaluation, which revolutionized the surgical management of these fractures. Another factor with direct impact on the reconstruction of the orbits, is the availability of various biomaterials for the restoration of the orbital walls. The objective of this paper is to review the materials available for reconstruction in cases of fractures of the orbital floor, its applicability to compare practices and highlight those most used in the Plastic Surgery Service, Hospital de Clinicas, Unicamp, in recent years. Among the materials of choice in our service, we highlight the autogenous skull bone, cartilage of ear shell, the titanium mesh and porous high density polyethylene. Each biomaterial has specific indications, according to the characteristics of orbital fracture, being considered for choosing the material, the long-term results and experience of surgeon.

Keywords: Orbit/injuries. Orbit/surgery. Biocompatible Materials. Facial Injuries.

 

Retalho zigomático-palpebral: uma opção técnica para a reconstrução da pálpebra inferior

Luciana Rodrigues da Cunha Colombo; Diego de Paiva Silva; Manoel Pereira da Silva Neto
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(3 Suppl.1):29 - Crânio, Face e Pescoço

PDF Português

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons