ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 6 de 6 resultado(s)

Busca por : Jason Cesar Abrantes de Figueiredo

Estudo de Retalho Pré-Fabricado Composto de Pele Abdominal e Vasos Gastromentais em Arco em Coelho

Jason César Abrantes de Figueiredo, Mateus da Costa Kawasaki, Henrique Lopes Arantes, Henrique Cardoso Tardelli, Renato Rodrigues Naufal
Rev. Bras. Cir. Plást. 2006;21(3):145-148 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Os autores realizaram um modelo de retalho abdominal pré-fabricado, utilizando os vasos gastromentais. Dezoito coelhos foram divididos em três grupos iguais. No grupo um, controle, um fragmento de tecido cutâneo quadrangular abdominal foi excisado e suturado de volta. No grupo dois, vasos gastromentais foram dissecados e suturados na fáscia muscular superficial. Após 15 dias, um retalho quadrangular abdominal de 10x10 cm foi elevado pediculado apenas no arco das artérias gastromentais. No grupo três, foi repetido o procedimento do grupo dois, entretanto, com um intervalo de 60 dias entre a primeira e segunda cirurgia. Houve necrose total em todos do grupo controle, necrose parcial em média de 54,33 cm2 de área do retalho, no grupo dois e ausência de necrose, no grupo três. Os autores demonstraram a viabilidade de pré-fabricar retalhos de dimensões consideráveis, baseados no pedículo dos vasos gastromentais em arco.

Palavras-chave: Retalhos cirúrgicos, métodos. Omento, cirurgia. Pele, irrigação sangüínea. Coelhos

 

ABSTRACT

The authors have carried out a prefabricated pattern of abdominal flap using gastromental vessels. Eighteen rabbits were divided in three equal groups. In group one, a piece of square abdominal cutaneous tissue was excised and sutured back (control group). In group two, gastromental vessels were dissecated and sutured into the superficial muscular fascia. After 15 days, a 10x10 cm2 square abdominal flap was released pedicled only by the loop of the gastromental vessels. In group three, the group two procedure was repeated, but with an interval of 60 days between the first and second surgeries. There was total necrosis in whole control group, partial necrosis on average of 54.33 cm2, in group two and lack of necrosis, in group three. The authors have concluded it's possible to prefabricate flaps of considerable size pedicled by the gastromental vessels in arch.

Keywords: Surgical flaps, methods. Omentum, surgery. Skin, blood supply. Rabbits

 

Reconstrução da Região Cervical e do Terço Médio e Inferior da Face com Retalho Livre e Expandido Paraescapular Pós-Seqüela de Queimadura

Jason César Abrantes de Figueiredo, Renato Rodrigues Naufal, Felix Dong Ik Lee, José Marcos Mélega
Rev. Bras. Cir. Plást. 2006;21(1):56-60 - Relatos de Caso

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Os autores relatam o tratamento de um paciente com seqüela de queimadura extensa em região cervical e terço médio e inferior de face com uso de retalho livre expandido, fasciocutâneo, paraescapular. A associação das vantagens do uso de expansor cutâneo com a técnica microcirúrgica permitiu a realização de retalho com características de espessura, textura, coloração e dimensões adequadas para o tratamento. A proposta cirúrgica mostrou-se segura, exeqüível, com bom resultado estético e funcional.

Palavras-chave: Traumatismos faciais, cirurgia. Queimaduras, cirurgia. Microcirurgia. Retalhos cirúrgicos. Expansão de tecido

 

ABSTRACT

The authors report the treatment of a large burn scar concerning the neck, and middle and inferior thirds of the face with a paraescapular fasciocutaneous expanded free flap. The use of a previous cutaneous tissue expander associated to microsurgical technique have allowed carrying out a flap whose thickness, texture, color and size were very suitable option. The surgical purpose has proved secure and feasible with a satisfactory aesthetic and functional result.

Keywords: Facial injuries, surgery. Burns, surgery. Microsurgery. Surgical flaps. Tissue expansion

 

Reconstrução de pálpebra inferior com uso do retalho de transposição da pálpebra superior de espessura total

JASON CÉSAR ABRANTES DE FIGUEIREDO
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(2):260-263 - Ideias e Inovações

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: O melhor método para reconstruir uma unidade anatômica é substituir a área lesada pelos mesmos tecidos.
Métodos: Três pacientes que apresentavam carcinomas basocelulares na pálpebra inferior foram submetidos à excisão, seguida de reconstrução imediata com a transposição em espessura total de tecido da pálpebra superior em um só tempo.
Resultados: Os pacientes evoluíram quase sem complicações, as pálpebras mantiveram suas funções de fechamento total e proteção do globo ocular.
Conclusão: O retalho se mostrou factível e é mais uma alternativa para reconstruir a pálpebra inferior.

Palavras-chave: Neoplasias palpebrais; Retalhos cirúrgicos; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Carcinoma basocelular

 

ABSTRACT

Introduction: The best method to reconstruct an anatomical unit is to replace the injured area with the same tissues.
Methods: Three patients with basal cell carcinoma in the lower eyelid underwent full-thickness lower eyelid excision, followed by immediate reconstruction with a single-stage fullthickness transposition of the upper eyelid tissue.
Results: The patients had almost no complications, and the functions of total closure and protection of the eyeballs of the eyelids were maintained.
Conclusion: The flap proved to be feasible and is an alternative choice for reconstruction of the lower eyelid.

Keywords: Palpebral neoplasm; Surgical flap; Reconstructive surgical procedure; Basal cell carcinoma

 

Tração cutânea intraoperatória para fechamento de ferida após mastectomia bilateral higiênica: relato de caso

Jason César Abrantes de Figueiredo; Rodrigo Gouvea Rosique; Patricia Jackeline Maciel
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(1):164-166 - Relatos de Caso

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: As sequelas da parede torácica após mastectomia requerem reconstrução por meio de conduta segura e eficiente. Nos casos de recidiva local, sobretudo bilateral, a intervenção cirúrgica deverá ser indicada considerando o estado geral do paciente e a expectativa de vida. A tração intraoperatória é uma técnica de baixa morbidade e rápida execução, reduzindo as cicatrizes decorrentes da utilização de retalhos. Relato do Caso: Paciente do sexo feminino, 45 anos que, após diagnóstico de recidiva tumoral em mama direita e novo tumor em mama esquerda, foi submetida à mastectomia bilateral higiênica com esvaziamento axilar à esquerda. Optou-se pela realização de tração cutânea intraoperatória dos bordos da ferida para fechamento primário da parede torácica devido ao estado geral da paciente. A tração foi realizada conforme a técnica de Góes et al., utilizando-se fios de prolene 2, tracionando a pele por dez minutos, com descanso de dois minutos, até que se obtivesse proximidade suficiente dos bordos das lesões para realização de sutura primária, o que foi alcançado após três ciclos de tração e relaxamento. O procedimento teve duração de duas horas, e foi colocado dreno portovac 3.2, que foi retirado após 7 dias. A paciente evoluiu sem queixas álgicas, sem deiscência ou qualquer outra complicação. Conclusão: A tração intraoperatória demonstrou ser uma técnica segura, funcionalmente eficaz, com menores custo e morbidade, para fechamento de ferida resultante de mastectomia bilateral higiênica.

Palavras-chave: Pele. Tração. Mastectomia. Mama/cirurgia.

 

ABSTRACT

Introduction: Post-mastectomy chest wall defects require reconstruction using a safe and efficient procedure. In cases of local relapse, especially bilateral relapse, the surgical intervention indicated should be based on assessment of the patient's general condition and life expectancy. One such intervention, intraoperative skin traction, has been found to offer the benefits of rapid execution and low morbidity while reducing the scar formation associated with the use of skin flaps. Case Report: Hygienic bilateral mastectomy with dissection of the left axillary lymph nodes was performed on a 45-year-old woman after diagnosis of a relapsed tumor in the right breast and a new tumor in the left one. Based on the assessment of the general state of the patient, intraoperative skin traction of the wound edges was chosen for primary closure of the chest wall. Traction was performed according to the procedure described by Góes et al., which involved using Prolene 2-0 sutures, stretching the skin for 10 minutes, relaxation of the skin for two minutes, until the wound edges are sufficiently proximate to each other to perform primary suturing. This was achieved after three cycles of tension and relaxation. The procedure lasted two hours, and aspiratory drainage was performed with a Portovac 3.2 drain, which was removed after 7 days. The patient did not report pain or experience suture dehiscence or any other complications. Conclusion: In traoperative skin traction is a safe, functionally efficient, low-cost, and low-morbidity technique for wound closure following hygienic bilateral mastectomy.

Keywords: Skin. Traction. Mastectomy. Breast/surgery.

 

Indicações da lipoenxertia autóloga na mama

Francisco Claro de Oliveira Junior; Jason Cesar Abrantes de Figueiredo; Antônio Gustavo Zampar; Aarão Mendes Pinto-Neto
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(3 Suppl.1):56 - Tórax e Tronco

PDF Português

Neofaloplastia com retalho microcirúrgico fasciocutâneo braquial: relato de caso

Adivania de Souza Pinheiro, Jason César Abrantes de Figueiredo, Antônio Gustavo Zampar, Francisco Claro Oliveira Junior, Pablo Rassi Florêncio
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(3 Suppl.1):77 - Extremidades

PDF Português

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons