ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Showing of 1 until 1 from 1 result(s)

Search for : Hélio Ricardo Alves

Surgical treatment of pressure sore as tetanus complication

Marcus Castro Ferreira; Viviane Fernandes de Carvalho; Paulo Tuma Junior; Hélio Ricardo Alves; Hugo Alberto Nakamoto; Dimas André Michelski
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(4):337-342 - Case Reports

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Tetanus is an infectious disease caused by Clostridium tetani. Clinical presentation includes muscle hypertony, particularly of masseter muscle, of the anterior abdominal wall and on lower extremity musculature. Contracture may be intense, causing spasms, mostly when the patient is submitted to intrinsic and extrinsic stimulus, like coughing but specially when managed in the bed by the health personal. Complications related to tetanus are usually severe as asphyxia and respiratory failure. Hemodinamic instability and infective processes are also reported. We did not find report of the association of pressure sore with tetanus. Pressure ulcer is an important comorbidity in patients that need long period of hospitalization and bed rest, specially if they are in intensive care units. Methods: The group for treatment of complex wounds of the Plastic Surgery Division in the Hospital das Clínicas, University of São Paulo treated three of those patients with pressure ulcer related with tetanus during the last year. Description of the appropriate surgical treatment is presented.

Keywords: Pressure ulcer/surgery. Tetanus/complications. Wound healing.

 

RESUMO

Introdução: O tétano é uma doença infecciosa, não contagiosa, causada pela ação do Clostridium tetani. O tétano é caracterizado pela hipertonia dos músculos estriados, preferencialmente, os músculos masseteres, da parede anterior do abdome e dos membros inferiores. Essa contratura pode se intensificar e causar espasmo generalizado, à medida que o paciente é submetido a estímulos intrínsecos e extrínsecos de movimento, como tosse ou deglutição e reposicionamento no leito, respectivamente. As principais complicações do tétano são atribuídas às exacerbações paroxísticas da hipertonia, que levam a asfixia e parada respiratória. São também registrados instabilidade hemodinâmica, distúrbios hidroeletrolíticos e quadros infecciosos secundários. Não há na literatura relatos de úlceras por pressão como complicação relacionada à infecção por tétano. A úlcera por pressão constitui importante comorbidade, acometendo pacientes que necessitam de prolongados períodos de internação hospitalar, especialmente, nas unidades de terapia intensiva, como os portadores de tétano. Método: O Grupo de Feridas Complexas da Divisão de Cirurgia Plástica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP observou o desenvolvimento de 3 casos de úlceras por pressão, associadas ao tratamento clínico do tétano. Apresentamos e discutimos opções de tratamento cirúrgico para resolução de úlceras por pressão associadas ao tétano.

Palavras-chave: Úlcera de pressão/cirurgia. Tétano/complicações. Cicatrização de feridas.

 

Support

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license