ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 2 de 2 resultado(s)

Busca por : Giselle Lelis Burgarelli

Epidemiologia das queimaduras no estado de Minas Gerais

Carlos Eduardo Guimarães Leão; Elton Silva de Andrade; Dreyfus Silva Fabrini; Ricardo Araújo de Oliveira; Giselle Lelis Burgarelli Machado; Leandro Costa Gontijo
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(4):573-577 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: Queimaduras são lesões aos tecidos orgânicos causadas por agentes externos, com destruição do revestimento epitelial. O objetivo deste estudo é divulgar o perfil epidemiológico das queimaduras do maior centro de queimados da América Latina, localizado no Hospital João XXIII, em Belo Horizonte, MG, Brazil. MÉTODO: Foi criado um banco de dados com 687 pacientes internados no Hospital João XXIII, no período de fevereiro de 2009 a julho de 2010, incluindo identificação dos pacientes, etiologia da queimadura, superfície e áreas queimadas, intencionalidade, tempo de internação e perfil dos óbitos, entre outros dados. RESULTADOS: A maioria dos pacientes internados era do sexo masculino (62,5%), com média de idade de 29 anos, sendo 66% provenientes de Belo Horizonte e 34%, do interior ou de outros estados. O álcool foi o agente etiológico mais frequente (34,4%), o causador das queimaduras mais extensas (média de 28% de superfície corporal queimada) e o maior responsável pelos óbitos (52,7%). Quanto à intencionalidade, 79% foram queimaduras acidentais, seguidas pelas tentativas de autoextermínio (12%) e agressão (9%). A média do tempo de internação foi de 23,5 dias, com taxa de mortalidade de 16,3%, que vem caindo progressivamente. Foram realizados 984 desbridamentos e 584 enxertias durante o período de acompanhamento. CONCLUSÕES: Os dados obtidos são similares aos disponíveis na literatura e evidenciam a importância da prevenção e da fiscalização na forma de comercialização dos produtos inflamáveis para diminuir a morbidade e a mortalidade causadas pelas queimaduras, uma vez que a maioria é acidental e decorrente do álcool líquido.

Palavras-chave: Queimaduras/epidemiologia. Unidades de queimados/estatística & dados numéricos. Etanol.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Burns are lesions to organic tissues caused by external agents, resulting in destruction of the epithelial covering. This study aims to clarify the epidemiological profile of burns at Hospital João XXIII, Belo Horizonte, MG, Brazil - the largest center for burn care in Latin America. METHODS: A database of 687 patients admitted to Hospital João XXIII from February 2009 to July 2010 was created; it included patient demographics, burn etiology, surface and burned areas, intentionality, time of admission, and death profiles among other data. RESULTS: Most of the admitted patients were male (62.5%), and the mean age was 29 years old; 66% were from Belo Horizonte, and 34% were from the countryside of other states. Alcohol was the most frequent etiologic agent (34.4%), which was responsible for the most extensive burns (average burned body surface: 28%) and responsible for most deaths (52.7%). With regard to intentionality, 79% were accidental burns, followed by suicide attempts (12%) and aggression (9%). The average period of admission was 23.5 days with a mortality rate of 16.3%, which is decreasing progressively. During the monitoring period, 984 debridement and 584 grafting procedures were performed. CONCLUSIONS: The obtained data are similar to those available in the literature. They also evidence the importance of burn prevention and highlight the need to re-examine how flammable products are marketed in order to decrease the morbidity and mortality rates caused by burns, since most burns are accidental and caused by liquid alcohol.

Keywords: Burns/epidemiology. Burn units/statistics & numerical data. Ethanol.

 

Pneumomediastino e edema agudo de pulmão pós tratamento cirúrgico de ginecomastia

Carlos Eduardo Guimaraes Leão; Paulo César de Abreu Sales; Dreyfus Silva Fabrini; Giselle Lelis Burgarelli
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(1):169-171 - Relato de Caso

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O edema pulmonar secundário à obstrução das vias aéreas é uma condição incomum. Apesar da fisiopatologia do edema ser ainda obscura, é provável que o mecanismo predominante seja a inspiração forçada contra a glote fechada, gerando um gradiente intrapulmonar e transpleural negativos, o que favorece a transudação de fluidos dos capilares pulmonares para o interstício. RELATO DE CASO: Os autores relatam um caso de barotrauma e edema agudo de pulmão em um paciente jovem após ter sido submetido a tratamento cirúrgico de ginecomastia, sob anestesia geral.

Palavras-chave: Edema agudo de pulmão; Ginecomastia; Laringoespasmo; Complicações pós-operatórias.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Secondary pulmonary edema causing airway obstruction is an uncommon condition. Although the physiopathology of edema is still unclear, the predominant mechanism is likely forced inspiration against a closed glottis, generating a negative intrapulmonary and transpleural gradient, which favors fluid transudation from the pulmonary capillaries into the interstitium. CASE REPORT: We report a case of barotrauma and acute pulmonary edema in a young patient after undergoing surgical treatment for gynecomastia under general anesthesia.

Keywords: Acute pulmonary edema; Gynecomastia; Laryngospasm; Postoperative complications.

 

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons