ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 6 de 6 resultado(s)

Busca por : Fabio Kamamoto

Queimadura em Paciente com Doença de Behçet Associada a Trissomia do Cromossomo 8: Relato De Caso E Revisão De Literatura

Julia Peres, Constante Saliba Valer, Fabio Kamamoto, David de Souza Gomez, Marcus Castro Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2006;21(4):240-245 - Artigo Especial

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

A síndrome de Behçet é uma rara vasculite sistêmica, de etiologia desconhecida, que se apresenta com episódios recorrentes de aftas orogenitais, vasculite sistêmica, tromboses venosas retinianas e sistêmicas. Foram descritos na literatura cerca de 10 casos associados com síndrome mielodisplásica. Neste trabalho, relata-se o caso clínico de um paciente com diagnóstico de doença de Behçet, associada à trissomia do cromossomo 8 e síndrome mielodisplásica, que teve como agravante uma queimadura por escaldadura, com evolução fatal. Também foi realizada uma revisão de literatura sobre a doença de Behçet.

Palavras-chave: Queimaduras. Síndrome de Behçet. Trissomia. Cromossomos humanos par 8

 

ABSTRACT

Behçet's syndrome is a rare systemic vasculitis which etiology is still unknown. It is characterized by recurrent episodes of orogenital ulcers, systemic vasculitis, systemic and retinal venous thrombosis. About 10 cases of Behçet's syndrome associated with myelodisplasic syndrome were described in medical literature. This paper describes a burned patient with Behçet's syndrome associated with chromosome 8 trisomy and myelodisplasic syndrome, with fatal evolution. A literature revision about Behçet's disease is also reported.

Keywords: Burns. Behcet syndrome. Trisomy. Chromosomes, human, pair 8

 

Tratamento de cicatrizes hipocrômicas pós-queimadura com transplante de melanócitos cultivados in vitro

Fabio Kamamoto, Marisa Roma Herson, Marcus Castro Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(1):82-90 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: As cicatrizes hipocrômicas pós-queimadura são um problema frequente, que causa aos pacientes constrangimento social e sofrimento psicológico, uma vez que podem ser bastante evidentes, graças aos contrastes de cores de pele que surgem ao seu redor (diferentes tons de pele entre a pele normal e a área vizinha à cicatriz - normalmente hipercrômica, e a cicatriz pós-queimadura, hipocrômica). As opções de tratamentos atuais para tal problema não são muito eficientes; estão hoje disponíveis: a maquiagem - que apresenta o inconveniente de sair com o passar das horas, ou a tatuagem, que muitas vezes não acompanha o tom da pele normal. Método: Neste trabalho, utilizamos epitélios de queratinócitos autólogos cultivados in vitro como veículo de transporte de melanócitos funcionantes para o tratamento dessas áreas cicatriciais hipocrômicas resultantes de queimaduras. Estes epitélios cultivados serviram como instrumento para a repopulação definitiva destas áreas com células produtoras de pigmento melânico. O método empregado incluiu o cultivo in vitro de epitélios autólogos constituídos por queratinócitos e melanócitos funcionantes, a abrasão superficial das áreas a serem tratadas, objetivando a remoção de epiderme hipocrômica, e o transplante dos enxertos autólogos cultivados. Resultados: Os resultados obtidos com a integração destes epitélios cultivados, ou seja, a restauração e a repigmentação das áreas hipocrômicas, foram avaliados por meio do uso de tabelas colorimétricas e biópsias, que demonstraram a repigmentação das cicatrizes e a persistência dos melanócitos transplantados.

Palavras-chave: Queimaduras. Melanócitos. Técnicas de cultura de células.

 

ABSTRACT

Background: Post-burn hypochromic scars can be the subject of great personal suffering to their victims. Due to the color contrast between the normal and affected skins, they are visible lesions that embarrass the injured subjects and limit their social performance. The available treatment options in the present days are insufficient, and tend to evolve with poor results. Methods: We present in this paper the use of in vitro cultivated keratinocyte epithelium as a vehicle for the transplantation of working melanocytes to repopulate these hypochromic areas in four patients. Results: The results were evaluated with the use of color tables and skin biopsies that allowed us to clearly demonstrate the partial repigmentation of the scar areas and the integration of the transplanted melanocytes. The repigmented skin average after 3 and 6 months of the procedure was of 30.52% and 51.66%, respectively. If we consider the low-morbidity of the procedure, these results are already very encouraging, but we strongly believe that technical refinements could allow even better results.

Keywords: Burns. Melanocytes. Cell culture techniques.

 

Infecções graves de partes moles: relato de caso de fasciíte necrotizante de face utilizando curativo a vácuo e revisão da literatura

Nuberto Teixeira Neto; Enio Giacchetto; Fabio Kamamoto; Marcus Castro Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(2):353-359 - Relatos de Caso

PDF Português

RESUMO

Introdução: Fasciíte necrotizante da face é uma doença muito rara. Este artigo descreve, pela primeira vez, um caso clínico de um paciente com fasciíte necrotizante de face tratada com o curativo a vácuo desenvolvido na Universidade de São Paulo. Relato do Caso: A infecção do paciente iniciou-se na glândula parótida progredindo para os planos profundos na face, gerando repercussão sistêmica. O tratamento foi baseado em desbridamento cirúrgico seriado e colocação de curativo a vácuo. Após a preparação do leito com este curativo, um retalho de couro cabeludo foi realizado. Este estudo confirma a raridade do caso e expõe as peculiaridades do tratamento, enfatizando a importância do diagnóstico precoce e da abordagem cirúrgica, tanto imediata quanto agressiva para este tipo de infecção grave de partes moles. O paciente foi a óbito em decorrência de choque séptico e falência de múltiplos órgãos, embora a infecção da região cefálica tenha sido controlada e a ferida reduzida. Conclusão: O tratamento com curativo a vácuo pode ser implementado em fasciítes necrotizantes de face com benefícios. O vácuo USP [Universidade de São Paulo] mostrou-se efetivo em seu funcionamento, com menor custo. Contudo, maior número de casos deverá ser tratado com o vácuo USP para sua validação científica comparando-o com o produto importado disponível no mercado.

Palavras-chave: Fasciíte necrosante. Face. Vácuo. Desbridamento. Infecções dos Tecidos Moles.

 

ABSTRACT

Background: Necrotizing fasciitis of the face is a very rare disease. This article describes for the first time a case report of a patient with an aggressive necrotizing fasciitis of the face treated with the vacuum dressing developed at the University of São Paulo. Case Report: The patient suffered an infection which began on parotid gland progressing to the deep planes in face causing systemic repercussion. The treatment was based on serial surgical debridement and placement of the vacuum dressing. After bed preparation with this dressing, a scalp flap was performed. This study confirms the rarity of the case and elucidates the peculiarities of the treatment, emphasizing the importance of the surgical debridement with early diagnosis and immediate and aggressive approach to this type of severe soft tissue infection. The patient evolved to death by septic shock and multiple organ failure although the infection of cephalic region had been controlled and the wound had been reduced. Conclusions: The treatment with vacuum dressing can be implemented for Necrotizing Fasciitis of the face with benefits. The vacuum USP [University of São Paulo] was effective in its performance, with low cost, but a greater number of cases should be treated with the vacuum USP for its scientific validation comparing with the imp orted product available.

Keywords: Necrotizing fasciitis. Face. Vacuum. Debridement. Soft Tissue Infections.

 

Relato de caso e revisão da literatura: duas crianças com fasciíte necrosante de face e pescoço tratadas com curativo a vácuo

Alexandre Jin Bok Audi Chang; Fabio Kamamoto, Nuberto Teixeira Neto; Ana Carolina Makino Antunes; José Pinhata Otoch; Marcus Castro Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(3 Suppl.1):53 - Crânio, Face e Pescoço

PDF Português PDF Inglês

Experiência do Hospital Universitário da USP com o curativo de pressão negativa tópica para o tratamento de feridas complexas

Fabio Kamamoto, Jonas Eraldo de Lima Jr, Bernardo Nogueira Batista , Bárbara Zilli, Marcus Castro Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(3 Suppl.1):74 - Extremidades

PDF Português

Cobertura cutânea em pacientes vítimas de acidentes ofídicos

Rafael Galli; Vivian Onoe Hatakeyama; Fabio Kamamoto; Dimas André Milcheski; Paulo Tuma Jr; Marcus Castro Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(3 Suppl.1):93 - Extremidades

PDF Português

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons