ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Showing of 1 until 2 from 2 result(s)

Search for : Carlos López

Autogenous Bone Reconstruction (Bipartition Technique) of Large Secondary Skull Defect - Case Report

JORGE CARLOS LOPEZ MORAN; MARCUS VINICIUS MARTINS COLLARES
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.1):17-19 - 35ª Jornada Sul Brasileira de Cirurgia Plástica

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: The autologous options for reconstruction of the skull defects stand out for their better integration.
Method: Case report. Extensive cranial defect due to trauma. We exemplify the effectiveness of parietal bone bipartition.
Result: Defect with an approximate size of 120 cm2 in the right parietal region. Contra-lateral parietal craniotomy was performed to obtain the donor bone by bipartition. Osteosynthesis of the donor and recipient area with 1.2 mm titanium miniplate and screw system. The procedure was performed in an approximate time of 3 hours, without need of blood transfusion and with adequate closure of the cranial defect.
Conclusion: The success of the technique used is due to the better stability in fixation and excellent tissue compatibility. The use of autologous grafts is associated with a lower rate of complications. The major defects of the skull do not need to be treated with synthetic prostheses if we can reconstruct with autologous grafts.

Keywords: Bone fractures; Parietal bone; Craniofacial abnormalities; Craniotomy; Nervous system trauma; Homologous transplantation

 

RESUMO

Introdução: As opções autólogas para reconstrução dos defeitos do crânio se destacam por sua melhor integração.
Método: Relato de caso. Extenso defeito craniano por trauma. Exemplificamos a eficácia da bipartição do osso parietal.
Resultados: Defeito com uma dimensão aproximada de 120 cm2 na região parietal direita. Craniotomia parietal contralateral foi realizada para a obtenção do osso doador mediante bipartição. Osteossíntese da área doadora e da receptora com sistema de miniplacas e parafusos de titânio de 1,2 mm. O procedimento foi realizado em um tempo aproximado de 3 horas, sem necessidade de hemotransfusão e com fechamento adequado do defeito craniano.
Conclusão: O sucesso da técnica utilizada se deve pela melhor estabilidade na fixação e ótima compatibilidade tecidual. A utilização de enxertos autólogos está associada com uma menor taxa de complicações. Os defeitos maiores de calota craniana não precisam ser tratados com próteses sintéticas, se contarmos com a possibilidade de reconstruir com enxertos autólogos.

Palavras-chave: Reconstrução; Craniotomia; Osso parietal; Traumatismos maxilofaciais; Crânio

 

Prevention of Seroma in Lipossuction Associated Abdominoplasty Without Active Drainage

Everardo Abramo de Oliveira, Fabiana Valera, André Luís Rosenhaim Monte, Carlos López
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(1):41-47 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Objective: We present in this study our experience with lipoabdominoplasty, demonstrating the economic dissection and the Baroudi's stiches importance on prevention of seroma, without use of suction drains in the last four years. Methods: Retrospective comparative study of cases, from January of 1999 to January of 2003, including patients submitted to abdominoplasty associated or not with abdominal lipossuction, with or without close drainage and Baroudi's stiches. Results: The 58 patients submitted to abdominoplasty, 56 were female and two male, with the age between 29 and 73 years. According to statistical analysis, we evidence that we were gradualy removing the suction drains, where 48.3% of the patients had been drained and 51.7% had not. The incidence of seroma was 15.5% (9 cases). In the patients with Baroudi's stiches and without suctions drains (30 patients) in only one occurred seroma. Conclusion: The restricted undermining of supraumbilical flap and its fixation to the aponeuroses, reducing the dead space and consequently the seroma in liposuction associated cases, when the active drains can be now dispensable.

Keywords: Abdomen/surgery. Lipectomy. Seroma.

 

RESUMO

Objetivo: Apresentamos, neste trabalho, nossa experiência em abdominoplastia associada à lipoaspiração, visando a demonstrar a importância de um descolamento reduzido e o uso dos pontos de adesão descrito por Baroudi, na prevenção de seromas, sendo dispensável a utilização de drenagem a vácuo. Método: Estudo comparativo retrospectivo de casos, referente ao período de janeiro de 1999 a janeiro de 2003, abrangendo pacientes submetidos a abdominoplastia associada ou não a lipoaspiração, nos quais utilizamos ou não drenagem fechada e pontos de Baroudi. Resultados: Dos 58 pacientes operados neste período, 56 eram do sexo feminino e 2 do sexo masculino, com faixa etária entre 29 e 73 anos. Segundo o levantamento estatístico, constatamos que fomos gradativamente retirando os drenos a vácuo, sendo que 48,3% dos pacientes ainda foram drenados e 51,7% não foram drenados. A incidência de seroma foi de 15,5% (9 casos). Nos pacientes em que foram realizados pontos de Baroudi sem drenagem ativa (30 pacientes), em apenas um ocorreu seroma. Não houve diferença estatística entre o uso ou não de drenos e a associação da lipoaspiração frente à incidência de complicações. Conclusão: Nessa casuística, demonstramos a importância de um descolamento reduzido do retalho supra-umbilical e a fixação deste à aponeurose, reduzindo-se o espaço morto e, conseqüentemente, o seroma, principalmente nos casos associados à lipoaspiração, sendo dispensável o uso de drenos ativos.

Palavras-chave: Abdome/cirurgia. Lipectomia. Seroma .

 

Support

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license