ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Impresso: 1983-5175

Mostrando de 1 até 19 de 19 resultado(s)

Busca por : Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa

Estratégias em reconstruções de tórax pós-ressecções extensas de tumores de mama localmente avançados: uma série de 11 casos

Caio Alcobaça Marcondes; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Iana Silva Dias; Naiane Perruci Ribeiro
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(3):339-344 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O câncer de mama representa um dos maiores responsáveis pela mortalidade feminina no Brasil. Os tumores de mama localmente avançados são classificados como estádio III, pois comprometem a mama em toda ou quase toda sua extensão e/ou linfonodos regionais sem apresentar metástase à distância. O tratamento cirúrgico desses tumores avançados consiste na realização de mastectomia radical modificada, que inclui esvaziamento axilar e grandes ressecções cutâneas, levando a grandes defeitos na caixa torácica, necessitando de complexas reconstruções. MÉTODO: Foi realizado um estudo clínico retrospectivo, no período de janeiro de 2006 a março de 2014, de uma série de 11 casos diagnosticados com tumores de mama localmente avançados. RESULTADOS: Foram realizados 3 retalhos fasciocutâneos, 2 enxertos de pele e 6 reconstruções com retalhos musculares para a reconstrução da caixa torácica após a resseção de tumores avançados da mama. Observouse uma cobertura eficaz dos extensos defeitos em tórax. CONCLUSÃO: O tratamento cirúrgico agressivo é viável nestes tumores; diferentes técnicas para a reconstrução do tórax são possíveis; cada caso deve ser avaliado individualmente, devendo ser realizado o reparo que possibilite um menor trauma cirúrgico e menor morbidade, de forma a não retardar o tratamento adjuvante nestes pacientes. As reconstruções apresentadas foram consideradas seguras, os resultados obtidos foram satisfatórios e de acordo com a literatura.

Palavras-chave: Parede torácica; Retalhos cirúrgicos; Mastectomia; Neoplasias da mama/Cirurgia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Breast cancer is a major cause of mortality among women in Brazil. Locally advanced breast tumors are classified as stage III because they compromise the breast tissue in all or almost all of its extensions and regional lymph nodes, without distant metastases. Surgical treatment of these advanced tumors includes modified radical mastectomy, which involves axillary dissection and large skin resection, leading to major defects in the chest cavity that require complex reconstruction. METHOD: A retrospective clinical study including a series of 11 cases diagnosed with locally advanced breast tumors was performed from January 2006 to March 2014. RESULTS: The chest cavity reconstruction methods performed after resection of advanced breast tumors included three fasciocutaneous flaps, two skin grafts, and six reconstructions with muscle flaps. These procedures resulted in effective coverage of extensive chest defects. CONCLUSION: Aggressive surgical treatment is feasible in these tumors; although numerous reconstruction options are available, individual case assessment is necessary to determine the optimal technique to reduce surgical trauma and lower morbidity in order to avoid delays in adjuvant treatment in these patients. The reconstructions were safe, with satisfactory results similar to those reported in the literature.

Keywords: Chest wall; Surgical flaps; Mastectomy; Breast tumor/surgery.

 

Abordagem às fraturas por arma de fogo na mão: Série de casos

Alfredo Lima; Breno Bezerra Gomes De Pinho Pessoa; Juliana Paula Costa Montenegro Carvalho; Francisco de Assis Montenegro Carvalho; Marcela Romero da Frota Levy; Livia Bessa Gomes
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.2):2-4 - 33ª Jornada Norte-Nordeste de Cirurgia Plástica

PDF Português

RESUMO

Introdução: A lesão causada por armas de fogo tem se tornado cada vez mais frequente tendo em vista o aumento da violência global. Destaca-se o acometimento da mão por essa ser uma unidade anatômica importante na realização de atividades cotidianas. Dessa forma, faz-se necessário um tratamento direcionado para a recuperação funcional, o que depende da experiência e habilidade do profissional que realizará tal procedimento para conseguir um resultado satisfatório.
Objetivo: Relatar o tipo de tratamento e evolução dos casos de perfuração por arma de fogo na mão em um hospital da cidade de Fortaleza, Ceará.
Métodos: Estudo descritivo e retrospectivo. Análise de prontuários de pacientes conduzidos no período de janeiro de 2015 a dezembro de 2016.
Resultados: Predominou o sexo masculino (76,9%), a idade média de 33,28 anos, a maioria apresentou lesão unilateral (80,7%). O recurso terapêutico mais utilizado foi o uso de sistema de miniplacas e parafusos 2.0 (53,8%), sendo a rigidez articular a sequela mais prevalente (57%).
Conclusão: Os pacientes operados nesse serviço tiveram como técnica predominante de cirurgia a fixação rígida com placas e parafusos. Ademais, notou-se que, neste estudo, a evolução daqueles pacientes abordados tardiamente foi também satisfatória.

Palavras-chave: Traumatismos da mão; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Ossos da mão; Fixação de fratura; Ferimentos por arma de fogo.

 

ABSTRACT

Introduction: Gunshot wounds are becoming more frequent due to the increase in global violence. The involvement of the hand is highlighted because of its importance to daily activities. Therefore, it is necessary a treatment directed to functional recovery, which depends on the professional that will perform the operation.
Objective: Discuss the type of treatment and the evolution of patients with gunshot wound on the hand in Fortaleza, Ceará.
Methods: This is a descriptive and retrospective study. Analysis of patients medical records was performed January 2015 to December 2016.
Results: Male gender prevailed (76.9%), medium age was 33,28 years, the majority had unilateral injury (80.7%). The most used therapy was microplates and screws 2.0 system (53.8%), being joint stiffness the most common consequence (57%).
Conclusion: Predominant surgery technique was rigid fixation with plates and screws. Furthermore, it was noticed that the evolution of those who were treated later was also satisfactory.

Keywords: Hand injuries; Reconstructive surgical procedures; Hand bones; Fracture fixation; Wounds, gunshot.

 

Abordagem cirúrgica de faixas constritivas em Síndrome de Vohwinkel

Iana Silva Dias; Salustiano Gomes Pinho Pessoa; José Everardo Macêdo; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Sarah Hanna de Carvalho Andrade
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(3):324-327 - Relato de Caso

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

A Síndrome de Vohwinkel ou ceratodermia hereditária mutilante é uma ceratodermia palmoplantar rara, que se manifesta na infância e se torna mais evidente nas fases de adolescência e idade adulta. Doença de herança preferencialmente autossômica dominante, acomete mais mulheres e caucasianos. A hiperceratose palmoplantar difusa, com aparência de favo de mel; as faixas constritivas digitais conhecidas como pseudoainhum, e as placas ceratósicas em forma de estrela-do-mar no dorso de mãos e pés, podendo acometer cotovelos e joelhos, são os achados clínicos característicos da Síndrome. O presente trabalho trata de um relato de caso de uma paciente com Síndrome de Vohwinkel e a terapêutica cirúrgica realizada nas faixas constritivas.

Palavras-chave: Faixas constritivas; Autoamputaçao; Vohwinkel; Digitais; Pseudoainhum.

 

ABSTRACT

Vohwinkel syndrome, also known as hereditary mutilating keratoderma, is a rare palmoplantar keratoderma that manifests in childhood and becomes more evident in adolescence and adulthood. This preferential autosomal dominant disease affects more women and Caucasians. Its clinical features are diffuse palmoplantar keratoderma with the appearance of honeycomblike constricting rings in the fingers and toes known as pseudo-ainhum, and starfish-shaped keratotic plaques on the dorsal aspect of the hands and feet that can affect the elbows and knees. The present report describes a case report of a patient with Vohwinkel syndrome and surgical correction of the constrictive bands.

Keywords: Constrictive bands; Self-amputation; Vohwinkel; Digital; Pseudo-ainhum.

 

Reconstruções microcirúrgicas em pacientes pediátricos: uma série de 12 casos

Caio Alcobaça Marcondes; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(3):361-367 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A cirurgia plástica reparadora depara-se com defeitos dos mais variados portes e localizações. O advento da microcirurgia possibilitou a reconstrução de defeitos complexos e extensos em um único estágio e com menor morbidade. Apesar de ter sido uma das primeiras aplicações da microcirurgia, a reconstrução pediátrica microcirúrgica só teve grandes series publicadas recentemente. MÉTODO: No período de janeiro de 2007 a dezembro de 2014 foram operados 12 pacientes consecutivos de reconstruções microcirúrgicas pós-ressecção de neoplasias em cabeça e pescoço e traumas complexos em membros de pacientes pediátricos. Os prontuários foram revisados retrospectivamente quanto à localização e etiologia das lesões, tipos de retalhos e complicações. RESULTADOS: Foram realizados 13 retalhos para a reconstrução microcirúrgica em 11 pacientes e uma revascularização microcirúrgica do braço, sendo cinco (41,7%) casos reconstruções pósressecção de neoplasias de cabeça e pescoço e sete (58,3%) casos pós-trauma complexos de extremidades. A taxa de viabilidade no nosso estudo foi de 84,6% dos retalhos realizados. CONCLUSÃO: A reconstrução microcirúrgica em crianças tem particularidades. Nossa experiência inicial e a literatura mostram resultados gratificantes neste grupo especifico de pacientes, o que torna este tipo de reconstrução nessa faixa etária factível e com uma alta taxa de sucesso.

Palavras-chave: Microcirurgia; Retalhos cirúrgicos; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Reconstructive plastic surgery is used to treat defects of different sizes and locations. The advent of microsurgery has enabled the single-stage reconstruction of complex and large defects with lower morbidity rates. Despite being one of the first microsurgery applications, large pediatric microsurgical reconstruction series have been published only recently. METHOD: Between January 2007 and December 2014, 12 consecutive patients underwent microsurgical reconstruction upon the removal of head and neck tumors or complex trauma in the limbs of pediatric patients. The medical records were retrospectively reviewed for injury location and etiology, flap type, and complications. RESULTS: A total of 13 flaps were created for microsurgical reconstruction, including reconstruction upon head and neck tumor removal in five, limb complex post-trauma reconstruction in seven, and a microsurgical revascularization in the arm of one child. CONCLUSION: Microsurgical reconstruction in children is peculiar. Our initial experience and the studies published in the literature to date show that in this particular group of patients, it is possible to achieve rewarding results that render this type of reconstruction feasible and highly successful in this age range.

Keywords: Microsurgery; Surgical flaps; Reconstructive surgical procedures.

 

Cantopexia lateral como procedimento primário em blefaroplastia inferior

José Everardo Macêdo, Salustiano Gomes de Pinho Pessoa, Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa, Glauco Soares Almeida, Nelson Gurgel Simas de Oliveira, Allysson Antonio Ribeiro Gomes
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(1):30-35 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: A retração cicatricial da pálpebra constitui complicação comum do pós-operatório de blefaroplastia inferior. Objetivo: Neste artigo, discute-se a importância de associar sistematicamente a cantopexia lateral à blefaroplastia inferior para reduzir sua incidência. Método: Estudo retrospectivo de 200 pacientes submetidos a blefaroplastia inferior transcutânea ou transconjuntival associada ou não à cantopexia lateral proposta por Lessa, com seguimento de 12 meses. Resultados: No grupo de pacientes submetidos a blefaroplastia inferior com cantopexia lateral observou-se índice de 1% de retração cicatricial, contrastando com 16% dessa complicação no grupo que realizou a blefaroplastia inferior isolada. Discussão: A indicação sistemática da cantopexia lateral associada à blefaroplastia inferior divide as opiniões de diversos autores. Por sua fácil execução, baixa morbidade e eficácia comprovada na prevenção da esclera aparente, do arredondamento do canto lateral do olho e do ectrópio pós-blefaroplastia inferior, os autores defendem a opinião de que a cantopexia lateral deve constituir procedimento primário em cirurgia de blefaroplastia inferior.

Palavras-chave: Blefaroplastia. Pálpebras/cirurgia. Ectrópio/prevenção & controle.

 

ABSTRACT

Introduction: The lid scar retraction constitutes usual complication of the postoperative lower lid blepharoplasty. Objective: This article discusses the importance of the systematic association of the lateral canthopexy in lower lid blepharoplasty to reduce its incidence. Method: In this retrospective study, 200 patients were assigned to the transcutaneous or transconjunctival lower lid blepharoplasty linked or not to the Lessa's lateral canthopexy, with a follow-up of 12 months. Results: The patients group submitted to lower lid blepharoplasty with lateral canthopexy had 1% of scar retraction against 16% in the isolated lower lid blepharoplasty group. Discussion: The systematic indication of the lateral canthopexy in association with lower lid blepharoplasty brings different opinions of many authors. For its easy execution, low morbidity and confirmed effectiveness in the prevention of the scleral show, rounding of the lateral canthus and ectropion post lower lid blepharoplasty, the authors conclude that the lateral canthopexy must constitute primary procedure in lower lid blepharoplasty surgery.

Keywords: Blepharoplasty. Eyelids/surgery. Ectropion prevention & control.

 

Modelo prático para treinamento em tenorrafias

Vitor De Vasconcellos Muniz; Salustiano Gomes De Pinho Pessoa; Iana Silva Dias Carvalho; Lívia De Vasconcellos Muniz; Dayanne Nogueira De Amorim; Rafael Jorge Alves De Alcântara; Breno Bezerra Gomes De Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(4):553-556 - Ideias e Inovações

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O treinamento dos residentes de especialidades cirúrgicas representa um desafio, uma vez que as habilidades psicomotoras são, eventualmente, adquiridas e desenvolvidas in vivo já nas primeiras tentativas. A simulação das técnicas com o uso de modelos práticos permite o treinamento prévio do residente, de forma que as habilidades motoras possam ser incrementadas e avaliadas antes da cirurgia in vivo. No âmbito da Cirurgia Plástica, o reparo de tendões, em especial dos flexores, apresenta dificuldades técnicas durante as primeiras tentativas do residente. OBJETIVO O modelo proposto foi idealizado para a prática de tenorrafias, idealizado para ser de fácil reprodutividade e baixo custo. MÉTODO: Foi utilizado um simulador de tenorrafias utilizando suporte fixo, tubos de PVC, tendões de patas de suínos e elásticos idealizados para imitar a tensão natural existente nos tendões flexores. RESULTADOS: O modelo utilizado mostrou-se satisfatório na intenção de permitir a simulação de tenorrafias, devido às semelhanças entre tendões humanos e suínos, além da tensão conferida pelos elásticos. CONCLUSÕES: O modelo propiciou adequado treinamento de habilidades motoras nas suturas tendinosas. Trata-se de uma opção interessante a ser utilizada no início da curva de aprendizado.

Palavras-chave: Suturas. Treinamento. Simulação. Tendões.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The training of residents in surgical specialties is a challenge, since psychomotor skills are eventually acquired and developed in vivo in the very first attempt. The simulation techniques through practical models allows the resident's prior training, so that motor skills can be enhanced and evaluated in vivo before surgery. In the context of Plastic Surgery, the repair of tendons, especially flexors, presents technical difficulties during the first attempts of the resident. OBJECTIVE: The proposed model is designed for practicing tenorraphies, designed to be easy reproducibility and low cost. METHODS: We used a simulator using fixed mount, PVC pipe, pig tendons of legs and elastic envisioned to mimic the natural tension exists in the flexor tendons. RESULTS: The model was satisfactory in the intention of allowing the simulation of tenorraphies, due to the similarities between human and pig tendons, and conferred by the elastic tension. CONCLUSIONS: The model provided adequate training of motor skills in tendon sutures. This is an interesting option to be used in the early learning curve.

Keywords: Sutures. Training. Simulation. Tendons.

 

Reconstrução parcial da língua com retalho microcirúrgico

Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(4):437-440 - Artigo Original

PDF Português

RESUMO

Introdução: A reconstrução em cirurgia oncológica de cabeça e pescoço teve grande avanço com o uso de retalhos microcirúrgicos. Objetivo: O objetivo desse trabalho é relatar a casuística de reconstrução da região lateral da língua e avaliar se os retalhos microcirúrgicos possibilitaram reconstrução funcional da mesma. Método: No período de novembro de 2006 a julho de 2009, oito pacientes tiveram como diagnóstico carcinoma espinocelular (CEC) na região lateral da língua (estadiamento T1 a T3). A indicação cirúrgica foi a hemiglossectomia com esvaziamento cervical e reconstrução com retalho microcirúrgico. Os retalhos utilizados foram o antebraquial (n=7) e o ântero-lateral da coxa (n=1). Foram avaliadas duas funções da língua: a fala e a deglutição. Resultados: Não houve perdas totais ou parciais de retalhos nesta casuística e observou-se um bom resultado funcional em sete pacientes. Conclusão: O uso de retalhos microcirúrgicos preenche os pré-requisitos para reconstrução funcional da língua.

Palavras-chave: Microcirurgia. Retalhos cirúrgicos. Glossectomia. Língua/cirurgia.

 

ABSTRACT

Background: The reconstruction for head and neck cancer had a notorious upgrade with the microsurgical flap transplantation. Objetive: This article purpose is present the experience in lateral tongue reconstruction and evaluate its functional recovery. Method: From November 2006 to July 2009, eight patients had espinocelular carcinoma diagnosed in the hemitongue (T1 to T3 stage). Hemiglossectomy with neck dissection followed by microsurgical flap reconstruction was chosed as therapy. The flaps employed were the antebraquial (n=7) and anterolateral thigh flap (n=1). The functions evaluated were: speech and deglutition. Results: All the flaps survived and intelligible speech with regular oral diet was noted in all patients except one. Conclusions: The microsurgical flaps fulfil the criteria for functional reconstruction of the tongue.

Keywords: Microsurgery. Surgical flaps. Glossectomy. Tongue/surgery.

 

Reconstrução do terço médio nasal em rinoplastia primária

Glauco Soares de Almeida, Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa, Nelson Gurgel Simas de Oliveira, Allysson Antonio Ribeiro Gomes, Márcio Rocha Crisóstomo, Salustiano Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(2):124-127 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

Introdução: A rinoplastia é atualmente aceita como uma operação para remodelamento nasal, e não apenas um procedimento de redução nasal. Como resultado do trabalho pioneiro de Sheen, cada vez mais atenção tem sido dada à preservação da função da válvula nasal interna e à reconstrução do terço médio nasal. A redução da giba nasal pode levar a problemas funcionais e estéticos se realizada de forma inadequada. Possíveis seqüelas incluem o estreitamento da válvula nasal interna, o colapso do terço médio e a deformidade em "V" invertido. Seu tratamento clássico emprega enxertos expansores ("spreader graft"). Objetivos: Avaliar a qualidade da reconstrução do terço médio nasal com a utilização de um retalho de cartilagem lateral superior ("spreader flap") e comparar com o enxerto expansor ("spreader graft"). Método: No período de fevereiro de 2006 a novembro de 2007, 16 pacientes submetidas a rinoplastia primária foram divididas em dois grupos, com oito pacientes cada. No primeiro, foi realizada reconstrução do terço médio com retalho expansor e, no outro, com enxerto expansor. Resultados: Todos os pacientes evoluíram sem queixas funcionais e a inspeção da válvula nasal interna mostrava-se com angulação normal. O resultado estético foi avaliado como satisfatório pelos pacientes. Conclusão: O uso de retalho expansor para reconstrução do terço médio nasal é efetivo na prevenção da formação do "V" invertido e do colapso da válvula interna. Não se observaram diferenças de resultados, estéticos ou funcionais, entre as técnicas.

Palavras-chave: Rinoplastia/métodos. Nariz/cirurgia.

 

ABSTRACT

Introduction: Rhinoplasty is now accepted as a operation of reshaping the nose rather than just nasal reduction. As a result of the pioneering work of Sheen, even more attention have been paid to preserving function of the internal nasal valve and the reconstructing of the middle third of the nose. Dorsal hump reduction can create both functional and aesthetic problems if performed incorrectly. Possible sequelae include narrowing the internal valve, visible fall-in of the midvault, and the inverted "V" deformity. Objective: To evaluated the quality of the nasal middle vault reconstructing with the spreaders flaps and compare with spreaders grafts. Method: Sixteen patients were submitted to primary rhinoplasty with reconstruction of the middle vault were evaluated. Results: Both methods were effective for nasal middle vault reconstructing. Conclusion: In the present paper, the authors used the spreader graft and the spreader flap to reconstructing the middle third of the nose with good results.

Keywords: Rhinoplasty/methods. Nose/surgery.

 

Estratégias em reconstruções complexas do couro cabeludo e da fronte: uma série de 22 casos

Caio Alcobaça Marcondes; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(2):229-234 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A região cefálica está exposta a insultos de ordem variada por parte do meio ambiente. As lesões extensas no couro cabeludo representam um grande desafio ao cirurgião plástico devido à pouca mobilidade da pele nesta região, o que dificulta o seu fechamento. Uma grande variedade de técnicas tem sido utilizada para o fechamento de defeitos no couro cabeludo e na fronte. A técnica ideal deve visar o melhor resultado funcional, estético e baixa morbidade do sítio doador. MÉTODOS: Foi realizado um estudo clínico retrospectivo no período de janeiro de 2006 a dezembro de 2014, de uma série de 22 casos com tumores avançados do couro cabeludo e da fronte e perda cutânea extensa pós-trauma. RESULTADOS: Foram realizados 11 retalhos locais de couro cabeludo (bi ou tripediculados), três retalhos coronais da fronte e oito retalhos livres. Houve um caso de perda parcial tardia de um retalho livre pós-radioterapia. CONCLUSÃO: Diferentes técnicas para a reconstrução do couro cabeludo e da fronte são possíveis, cada caso deve ser avaliado individualmente. Os retalhos apresentados foram considerados seguros e com pouca morbidade da área doadora. Os resultados obtidos foram satisfatórios e estão de acordo com a literatura analisada.

Palavras-chave: Couro cabeludo/cirurgia; Microcirurgia; Retalhos cirúrgicos; Neoplasias de cabeça e pescoço; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The cephalic region is exposed to various insults from the environment. Extensive lesions in the scalp are a great challenge for plastic surgeons, because the low mobility of the skin in this region hampers its closure. A great variety of techniques have been used to close defects on the scalp and forehead. Ideally, scalp closure should provide a better functional and aesthetic outcome, as well as low morbidity at the donor site. METHODS: From January 2006 to December 2014, we performed a retrospective clinical study involving a series of 22 patients with advanced tumors of the scalp or forehead, or with extensive post-trauma skin loss. RESULTS: Reconstructive surgeries with 11 local scalp flaps (bi- or tri-pedicled), three coronal forehead flaps, and eight free flaps were performed. One patient experienced late partial loss of a free flap after radiotherapy. CONCLUSION: Various techniques can be used to reconstruct the scalp and forehead; each case should be assessed individually. The present study indicated that flaps are safe and that they confer low morbidity at the donor area. These results were satisfactory and in agreement with the literature analyzed.

Keywords: Scalp/surgery; Microsurgery; Surgical flaps; Head and neck tumors; Reconstructive surgical procedures.

 

Técnica simples e segura para a reconstrução areolopapilar com tatuagem intradérmica

Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Juliana Régia Furtado Matos; Iana Silva Dias; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Júlio César Garcia de Alencar
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(3):415-420 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A reconstrução do complexo areolopapilar (CAP) constitui o passo final na criação da neomama, com o objetivo de aproximá-la da mama contralateral após a mastectomia. A restauração do CAP tem sido historicamente um procedimento feito em estágios, com a reconstrução da papila realizada por meio de enxertos ou retalhos locais, previamente, e da aréola, posteriormente, buscando a coloração adequada. Atualmente, a utilização da tatuagem areolar está alcançando popularidade cada vez maior, comparativamente às técnicas tradicionais. O objetivo deste trabalho é descrever a técnica e os equipamentos utilizados para a tatuagem intradérmica em pacientes mastectomizadas, realizada no Serviço de Cirurgia Plástica e Microcirurgia Reconstrutiva do Hospital Universitário Walter Cantídio (Fortaleza, CE, Brasil). MÉTODO: O presente trabalho descreve os passos para a realização do procedimento reparador utilizando a tatuagem areolar permanente com equipamento convencional de tatuagem artística profissional. O procedimento foi aplicado em 10 pacientes submetidas a reconstrução mamária pós-mastectomia. RESULTADOS: O método demonstrou as vantagens da simplicidade técnica do procedimento, não requerendo internamento nem resultando em morbidade de áreas doadoras. CONCLUSÕES: A tatuagem do CAP é um procedimento seguro, rápido, com baixa morbidade e bons resultados na finalização da reconstrução mamária.

Palavras-chave: Tatuagem. Mamilos, cirurgia. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: The final step in the creation of the neo-breast is reconstruction of the nippleareolar complex (NAC), which is aimed toward bringing the appearance of the NAC closer to that of the contralateral breast following mastectomy. NAC restoration has historically been a stepwise procedure, in which reconstruction of the nipple by the use of grafts or local flaps was followed by reconstruction of the areola to achieve the correct color. Currently, the popularity of the areolar tattoo is increasing compared to traditional techniques. The aim of this study was to describe the technique and equipment used for intra-dermal tattooing in mastectomized patients at the Plastic Surgery and Reconstructive Microsurgery Service of the Walter Cantídio University Hospital (Fortaleza, CE, Brazil). METHODS: This study describes the steps of the repair procedure by using permanent areolar tattooing with conventional equipment from a professional tattoo artist. The procedure was used in 10 patients undergoing post-mastectomy breast reconstruction. RESULTS: The advantages of this method included the technical simplicity of the procedure, the ability to use this procedure in outpatients, and the lack of morbidity of the donor areas. CONCLUSIONS: Tattooing the NAC is a safe, fast procedure with low morbidity and good results of breast reconstruction.

Keywords: Tattooing. Nipples, surgery. Reconstructive surgical procedures.

 

O uso de retalhos microcirúrgicos em cirurgia reparadora do pé: revisão de literatura e série de casos

Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Lucas Machado Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.2):49-51 - 33ª Jornada Norte-Nordeste de Cirurgia Plástica

PDF Português

RESUMO

Introdução: Pacientes portadores de lesões complexas do pé eram muitas vezes amputados até 1981 quando se iniciaram em Fortaleza as microcirurgias reparadoras. O maior conhecimento da anatomia e de técnicas cirúrgicas avançadas possibilitou trabalho de mestrado no ano 2001 propondo o retalho livre de músculo grande dorsal como forma de mudar essa realidade. Nesses 17 anos, os avanços e as novas opções no manejo dos retalhos microcirúrgicos levaram os autores a questionar quais os retalhos mais utilizados atualmente.
Objetivo: Revisar na literatura os retalhos microcirúrgicos utilizados atualmente na reparação do pé e apresentar resultados de oito pacientes operados em 2017.
Métodos: Foram selecionados 8 casos com lesão do pé em região de suporte de peso operados em hospital terciário em 2017 sendo excluídos aqueles com lesões de outras regiões do pé e membro inferior e realizada pesquisa bibliográfica selecionando 14 trabalhos sobre o tema nos últimos 6 anos no Periódicos Capes.
Resultados: Nos 14 artigos selecionados foram contabilizados 356 pacientes submetidos a reconstrução do pé por microcirurgia sendo o anterolateral da coxa o mais utilizado perfazendo 55,61% dos retalhos. Os 8 casos operados pelos autores foram reconstruídos com este retalho.
Discussão: A escolha pelo retalho adequado para a cirurgia deve considerar, dentre diversos fatores, o tempo cirúrgico total, a capacidade de tolerar pressão na deambulação, a morbidade da zona doadora, a possibilidade de usar calçados e a necessidade de refinamentos secundários. Na literatura e na série observada no estudo, o retalho anterolateral da coxa se mostrou versátil e com muitas vantagens dentre as citadas.
Conclusão: O tecido do calcâneo e do pé é de difícil recuperação pois não há um substituto totalmente adequado, o que acaba por exigir do cirurgião plástico constante formação e preparo para reconstruções cada vez mais complexas e nestas, os retalhos microcirúrgicos, são fortes aliados.

Palavras-chave: Microcirurgia; Deformidades adquiridas do pé; Cirurgia plástica; Retalho perfurante; Ferimentos e lesões.

 

ABSTRACT

Introduction: Patients with complex foot injuries were often amputated until 1981 when reconstructive microsurgery began in Fortaleza. The greater anatomy and advanced surgical techniques knowledge made possible a master's work in 2001, proposing the latissimus dorsi free flap as a way to change this reality. In these 17 years, advances and new options in microsurgical flaps management have led the authors to question what are the most commonly used flaps nowadays.
Objective: To review in literature the microsurgical flaps currently used in foot repair and to present results of nine patients operated in 2017.
Methods: We selected eight cases with foot injury in a weight bearing region operated in a tertiary hospital in 2017, excluding those with lesions in other regions of foot and lower limb and it was carried out bibliographic research selecting 14 works on the subject in last 6 years in Capes Journal.
Results: In 14 articles selected, 356 patients underwent foot reconstruction by microsurgery and the anterolateral thigh part was the most used, accounting for 55.61% of flaps. The nine cases operated by the authors were reconstructed with this flap.
Discussion: Surgical flap choice should consider, among several factors, total surgical time, and ability to tolerate pressure while walking, donor site morbidity, possibility of wearing shoes and the need for secondary refinements. In literature and in the series observed in the study, anterolateral thigh flap proved to be versatile and with many advantages among the cited ones.
Conclusion: Calcaneal and foot tissues are difficult to recover because there is no substitute that is completely adequate, which ultimately requires constant training by the plastic surgeon to be prepared for increasingly complex reconstructions, and in these, microsurgical flaps are strong allies.

Keywords: Microsurgery; Foot deformities, Acquired; Surgery, plastic; Perforator flap; Wounds and injuries.

 

Análise dos resultados estéticos na reconstrução mamária com TRAM ipsilateral vs. contralateral

Juliana Régia Furtado Matos; Iana Silva Dias; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(2):272-276 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A reconstrução mamária com retalho do músculo reto abdominal (TRAM, do inglês transverse rectus abdominis myocutaneous) tem se tornado um procedimento comumente realizado desde a década de 1990. O TRAM ipsilateral vem demonstrando ser tão seguro quanto o retalho contralateral na reconstrução mamária. Entretanto, estudos avaliando o resultado estético com as duas técnicas são escassos na literatura. A proposta deste estudo é comparar os resultados cosméticos entre os retalhos pediculados ipsilateral e contralateral. MÉTODO: Foi realizada avaliação prospectiva de 29 pacientes submetidas a reconstrução imediata com TRAM ipsilateral e contralateral. Os grupos foram comparados entre si, analisando-se os resultados estéticos. RESULTADOS: O estudo incluiu 29 pacientes, com média de idade foi 43 ± 7 anos. O grupo 1 (TRAM ipsilateral) apresentou o sulco inframamário bem definido em 91,7% dos casos, comparativamente a 52,9% no grupo 2 (TRAM contralateral). Observou-se abaulamento na região xifoide em 8,3% dos pacientes do grupo 1 e em 23,5% dos pacientes do grupo 2. A diferença na forma global da mama reconstruída não foi importante, com 66,7% e 70,6% de simetria nos grupos 1 e 2, respectivamente. CONCLUSÕES: O TRAM ipsilateral demonstrou melhor manutenção do sulco inframamário e menor abaulamento na região xifoide. Entretanto, a forma global da mama e a projeção do polo inferior da mama foram similares entre os dois grupos.

Palavras-chave: Mama/cirurgia. Mamoplastia. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos. Retalhos cirúrgicos. Músculos abdominais.

 

ABSTRACT

BACKGROUND: Breast reconstruction by using the rectus abdominis muscle (transverse rectus abdominis myocutaneous, TRAM) flaps is a common procedure that has been performed since the 1990s. Ipsilateral TRAM flaps were proven to be as safe as contralateral flaps for breast reconstruction. However, studies comparing the aesthetic outcomes of the two procedures are poorly described in the literature. The aim of this study was to compare the cosmetic outcomes of ipsilateral and contralateral pedicled flaps. METHODS: We prospectively evaluated 29 cases of immediate reconstruction with ipsilateral (group 1) or contralateral (group 2) TRAM flaps. The aesthetic outcomes were analyzed and the two groups were compared. RESULTS: The average age of the patients was 43 ± 7 years. In group 1 (ipsilateral TRAM), 91.7% of the patients presented a well-defined inframammary fold, as compared to 52.9% of the patients in group 2 (contralateral TRAM). In group 1, 8.3% of patients showed xiphoid bulges, whereas they were observed in 23.5% of patients in group 2. The difference in the overall shape of the reconstructed breast was not significant; symmetry was observed in 66.7% and 70.6% of patients in groups 1 and 2, respectively. CONCLUSIONS: Ipsilateral TRAM flaps allow better preservation of the inframammary fold and cause less xiphoid bulge. However, the overall shape of the breast and the projection of its lower pole were similar between the two groups.

Keywords: Breast/surgery. Mammaplasty. Reconstructive surgical procedures. Surgical flaps. Abdominal muscles.

 

Reconstruções complexas de membros superiores e inferiores com retalhos de fluxo reverso: uma série de 32 casos

Caio Alcobaça Marcondes; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Arthur André Hartmann
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(4):622-625 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: A reconstrução de partes moles após perdas de substância do terço distal dos membros superiores e inferiores, principalmente quando associada à exposição de estruturas nobres (osso, tendão, nervos ou vasos sanguíneos), continua a desafiar a cirurgia plástica. Os retalhos fasciocutâneos de fluxo reverso são uma eficiente opção cirúrgica na cobertura de lesões pequenas e médias nesta localização. MÉTODO: Foi realizado um estudo clínico retrospectivo, no período de janeiro de 2013 a dezembro de 2014, de uma série de 32 casos de traumas complexos em membros superiores e inferiores. RESULTADOS: Foram realizados 24 retalhos de fluxo reverso nos membros inferiores e 8 nos membros superiores, observando-se uma cobertura eficaz dos defeitos. CONCLUSÃO: Os retalhos de fluxo reverso são confiáveis e apresentam arcos de rotação que permitem a cobertura de lesões diversas no terço distal de membros superiores e inferiores.

Palavras-chave: Retalhos cirúrgicos; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Traumatismos da mão; Lesões dos tecidos moles; Traumatismos da perna/cirurgia.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Reconstruction of the soft tissues after loss of substance in the distal third of the upper and lower limbs, in particular when associated with the exposure of noble structures (bone, tendon, nerves, or blood vessels), remains a challenge in plastic surgery. Fasciocutaneous reverse flow flaps are an efficient surgical option for covering small and medium lesions in this location. METHOD: A retrospective clinical study was performed on a series of 32 cases of complex trauma of the upper and lower limbs treated between January 2013 and December 2014. RESULTS: A total of 24 reverse-flow flaps were performed in the lower limbs and eight in the upper limbs, resulting in efficient coverage of the defects. CONCLUSION: Reverse-flow flaps are reliable and present rotation arcs that allow coverage of a variety of lesions in the distal third of the upper and lower limbs.

Keywords: Surgical flaps; Reconstructive surgical procedures; Hand trauma; Lesion of the soft tissues; Leg trauma/surgery.

 

Reconstrução microcirurgica oromandibular após ressecção oncológica: análise retrospectiva em Hospital Público de Fortaleza no período de 4 anos

Aleksandra Markovic; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2018;33(Suppl.2):61-66 - 33ª Jornada Norte-Nordeste de Cirurgia Plástica

PDF Português

RESUMO

Introdução: O tratamento cirúrgico de tumores localmente avançados de cabeça e pescoço deixam como sequelas defeitos extensos e complexos e, dessa maneira, aos cirurgiões plásticos representam grande desafio para a reconstrução. O objetivo do presente estudo é analisar retrospectivamente as reconstruções microcirúrgicas em cabeça e pescoço realizadas no Serviço de Cirurgia Plástica e Microcirurgia Reconstrutiva do Hospital Universitário Walter Cantídio da Universidade Federal do Ceará (HUWC/UFC) no período de 4 anos.
Método: Foram incluídos os pacientes submetidos à reconstrução microcirúrgica de defeitos envolvendo a cavidade oral (mucosa oral, 2/3 anteriores da língua, assoalho da boca, palato duro, trígono retromolar), e/ou a mandíbula, decorrentes de ressecção de tumores de cabeça e pescoço e osteoradionecrose como consequência do tratamento do tumor. Todos os pacientes foram operados no HUWC/UFC pelos serviços de Cabeça e Pescoço e Cirurgia Plástica.
Resultados: Entre outubro de 2005 e dezembro de 2009, foram realizadas 42 retalhos microcirúrgicos em 33 pacientes para reconstrução oromandibular por câncer no HUWC/UFC pelos serviços de Cabeça e Pescoço e Cirurgia Plástica. A idade dos pacientes variou de 11 a 85 anos. Localização do tumor primário mais frequente das lesões foi o assoalho da boca em 44% dos casos. O tipo histológico mais comum foi o carcinoma epidermoide. O retalho mais comumente utilizado foi o retalho de fíbula, em 19 casos. As complicações pós-operatórias foram classificadas em maiores (óbito e perda do retalho) e menores (seromas, fístula salivar, exposição de material de síntese e infecção). 4 pacientes tiveram complicações maiores sendo um óbito e três perdas do retalho.
Conclusão: O emprego de retalhos microcirúrgicos em reconstrução oncológica de cabeça e pescoço mostrou-se segura com índice de viabilidade dos retalhos aceitável. Os resultados funcionais e estéticos demonstram que a reconstrução microcirúrgica possibilita a recuperação da deglutição, fala e mastigação, contribuindo para uma melhor qualidade de vida aos pacientes.

Palavras-chave: Microcirurgia; Reconstrução mandibular; Oncologia; Retalhos Cirúrgicos.

 

ABSTRACT

Introduction: Surgical treatment of head and neck locally advanced tumors leaves extensive and complex defects as sequelae and in this way pose a great challenge for plastic surgeons who have to rebuild them. The objective of the present study is to retrospectively analyze microsurgical reconstructions in head and neck performed in the Service of Plastic Surgery and Reconstructive Microsurgery of Walter Cantídio University Hospital of Ceará Federal University in 4 years.
Method: Patients submitted to microsurgical reconstruction of defects involving oral cavity (oral mucosa, 2/3 anterior of tongue, mouth floor, hard palate, retromolar trigone), and/or mandible, resulting from head and neck tumors resection and osteoradionecrosis as a consequence of tumor treatment. All patients were operated at the Head and Neck and Plastic Surgery Services of HUWC/UFC between October 2005 and December 2009.
Results: Between October 2005 and December 2009, 42 microsurgical flaps were performed in the Head and Neck and Plastic Surgery Services of HUWC/UFC in 33 patients for oromandibular reconstruction due to cancer. The patients age ranged from 11 to 85 years, and most frequent primary lesion was in mouth floor in 44% of the cases. Most commonly used flap was fibular flap in 19 cases. Postoperative complications were classified as major (death and flap loss) and minor (seromas, salivary fistula, exposure of synthetic material and infection), 4 patients had major complications with one death and three flap losses.
Conclusion: The use of microsurgical flaps in head and neck oncologic reconstruction was shown to be safe with acceptable patchability index. Functional and aesthetic results demonstrate that microsurgical reconstruction allows swallowing, speech and chewing recovery, contributing to a better quality of life for patients.

Keywords: Microsurgery; Mandibular Reconstruction; Oncology; Surgical flap.

 

Padronização técnica no treinamento em microcirurgia do serviço de cirurgia plástica e microcirurgia reconstrutiva do hospital universitário Walter Cantídio da Universidade Federal do Ceará (HUWC/UFC)

Caio Alcobaça Marcondes; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Iana Silva Dias; Maria Gabriela Motta Guimarães
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(2):283-288 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTODUÇÃO: A técnica microcirúrgica foi introduzida por Jacobsen e Suarez em 1960, é definida como procedimentos aplicados na manipulação de pequenas estruturas com o auxílio de lentes de aumento. A microcirurgia tem atuação em diferentes especialidades médicas, na cirurgia plástica a microcirurgia reconstrutiva, esta em continua expansão. Portanto, exige cada vez mais cirurgiões habilitados para este complexo procedimento. O artigo propõe a apresentar a padronização e os conceitos técnicos do treinamento realizado no serviço de cirurgia plástica e microcirurgia reconstrutiva do Hospital Universitário Walter Cantídio da Universidade Federal do Ceará. MÉTODO: O treinamento em microcirurgia é realizado através de quatro fases com níveis crescentes de dificuldade, com uma carga horária de 120h para as três etapas iniciais. RESULTADO: Os residentes de cirurgia plástica do HUWC/UFC foram submetidos ao treinamento em microcirurgia, tendo sido contemplado todos os objetivos propostos com resultado satisfatório. CONCLUSÃO: O Treinamento em microcirurgia deverá ser iniciado em laboratórios de microcirurgia reconstrutiva, somente após desenvolver habilidades necessárias, o cirurgião plástico deverá iniciar a prática cirúrgica supervisionada.

Palavras-chave: Microcirurgia; Capacitação; Anastomose microvascular; Cirurgia plástica.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: The microsurgery technique was introduced by Jacobsen and Suarez in 1960, and is defined as the procedure applied in handling small structures with the aid of magnifying glasses. Microsurgery has expanding applications in different medical specialties such as plastic surgery and reconstructive microsurgery, and this complex procedure requires increasingly skilled surgeons. This article aims to present the standardization and technical concepts of the training carried out at the Plastic Surgery and Reconstructive Microsurgery Service of Walter Cantídio University Hospital of the Federal University of Ceará (HUWC/UFC). METHOD: The microsurgery training consists of four phases with increasing levels of difficulty and a workload of 120 h for the first three stages. RESULT: Plastic surgery residents at HUWC/UFC underwent the microsurgery training. All of the proposed objectives of the training were accomplished with satisfactory results. CONCLUSION: Microsurgery training should start in reconstructive microsurgery laboratories, and the plastic surgeon should begin supervised surgical practice only after acquiring the skills required.

Keywords: Microsurgery; Training; Microvascular anastomosis; Plastic surgery.

 

Sistematização do treinamento teórico e prático de técnicas em suturas para acadêmicos de medicina da disciplina de cirurgia plástica da Universidade Federal do Ceará - UFC

Caio Alcobaça Marcondes; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Iana Silva Dias; Maria Gabriela Motta Guimarães; Stephane Nery de Castro
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(2):289-293 - Artigo Original

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

INTRODUÇÃO: O aprendizado de técnicas de sutura é um pilar importante na atuação do médico generalista, porém, muitas vezes o treinamento desses é limitado durante a graduação de medicina. MÉTODO: Através do Curso Teórico-Prático de Suturas, oferecido pela Liga e pelo Serviço de Cirurgia Plástica e Microcirurgia Reconstrutiva, são realizadas atividades teóricas-práticas com carga horária de 20 horas utilizando línguas de boi para treinamento de estudantes de medicina. Tem-se o objetivo neste trabalho de apresentar a rotina utilizada para fornecer embasamento teórico-prático na realização de procedimentos de sutura, como também os resultados obtidos que demonstram o aproveitamento do curso por parte de seus participantes. RESULTADO: Os alunos da 8ºedição do curso de suturas foram avaliados através de questionários, obtendo conceito muito bom em quesitos como motivação e compreensão das aulas, relação teórico-prática e outros. CONCLUSÃO: O modelo deste curso de sutura mostrou-se como uma importante ferramenta na formação acadêmica, cumprindo os objetivos propostos.

Palavras-chave: Suturas; Modelo de treinamento; Técnica cirúrgica; Cirurgia plástica.

 

ABSTRACT

INTRODUCTION: Learning suture techniques is a major pillar in the development of a general practitioner. However, training in these skills is often limited during undergraduate medical education. METHOD: The League and the Plastic Surgery and Reconstructive Microsurgery Service offer a 20-hour course in Theoretical and Practical Suturing for medical students, using ox tongues for training. This study describes the approach to a theoretical and practical basis for suture procedures, and the resulting application by the participants. RESULT: Students in the eighth session of the suturing course were evaluated through questionnaires, yielding good information on issues such as motivation and comprehension, theoretical-practical relationships, and others. CONCLUSION: This suture course model was an important tool in academic education, and met the desired goals.

Keywords: Sutures; Training model; Surgical technique; Plastic surgery.

 

Transplante de grande omento para reconstrução de lesão complexa na mão

Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Lucas Machado Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(3):482-486 - Relato de Caso

PDF Português PDF Inglês

RESUMO

O grande omento, uma larga prega de peritônio, pode ser usado como retalho livre em numerosos procedimentos devido à vasta e calibrosa rede de seu pedículo vascular e à sua versatilidade para ser manipulado. Neste relato de caso, nós apresentamos um paciente vítima de complexa lesão de desenluvamento, cujo retalho de grande omento se provou como a melhor opção para a reconstrução da mão dentre as outras opções terapêuticas. O retalho de grande omento é uma opção viável para lesões complexas da mão, oferecendo boa cobertura da lesão e bom resultado funcional e estético.

Palavras-chave: Traumatismos da mão; Cirurgia plástica; Microcirurgia.

 

ABSTRACT

The greater omentum, a large fold of the peritoneum, can be used as a free flap in numerous procedures due to the extensive network of its broad vascular pedicle and its versatility when manipulated. In this case report, we present a patient with a complex degloving injury, in which an omental flap was the best therapeutic option for reconstruction of the hand. The greater omental flap is a viable option for complex lesions of the hand, and provides good coverage of the lesion and good functional and aesthetic results.

Keywords: Hand injuries; Plastic surgery; Microsurgery.

 

Reconstrução do complexo aréolo-papilar: modelo de treinamento em zona IV do retalho TRAM

Allysson Antonio Ribeiro Gomes, Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa, Salustiano Gomes de Pinho Pessoa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(2):379-380 - Ideias e Inovações

PDF Português

RESUMO

Introdução: A reconstrução mamária está completa quando é realizada a reconstrução do complexo aréolo-papilar (CAP). Modelos de treinamento têm agregado benefícios, sendo exercícios de simulação. Apresenta-se um modelo para treinamento em reconstrução do CAP. Método: Selecionou-se dez pacientes, nos quais a zona IV do retalho miocutâneo transverso do músculo reto abdominal (TRAM) foi utilizada para instrução em duas técnicas de retalhos para confecção do CAP. Resultados: O modelo de treinamento foi aplicado em todos os casos, tendo os residentes adquirido habilidades e domínio da técnica, demonstrando segurança na reconstrução dos casos clínicos. Conclusão: A reconstrução do CAP com zona IV do retalho TRAM é um modelo de treinamento útil.

Palavras-chave: Mamilos/cirurgia. Retalhos cirúrgicos. Capacitação. Cirurgia plástica/educação.

 

ABSTRACT

Background: Breast reconstruction is complete when the nipple-areola complex (NAC) is reconstructed. Models can be used to train young surgeons, it been a simulator exercise. A model of NAC reconstruction training is the purpose of the this paper. Methods: Ten zone IV TRAM flaps were utilized to the purpose of the study. First, the trainee executes the NAC reconstruction using the flaps techniques supervised by a teacher. Afterwards, the technique skills are used on real situation in the operation room. Results: The model was used by all trainees who acquire technique skills, which was used on real situation. Conclusion: The NAC reconstruction in zone IV TRAM flap is feasible.

Keywords: Nipples/surgery. Surgical flaps. Training. Surgery, plastic/education.

 

Uso de tela absorvível de celulose oxidada (Surgicel®) no tratamento cirúrgico da rinofima: relato de casos

Vitor de Vasconcellos Muniz; Salustiano Gomes de Pinho Pessoa; Breno Bezerra Gomes de Pinho Pessoa; Iana Silva Dias; Juliana Régia Furtado Matos
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(3 Suppl.1):59 - Crânio, Face e Pescoço

PDF Português PDF Inglês

Patrocinadores

Indexadores

Licença Creative Commons Todos os artigos científicos publicados em http://www.rbcp.org.br estão licenciados sob uma Licença Creative Commons