ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Showing of 1 until 4 from 4 result(s)

Search for : Alexandre Faleiros Cauhi

Results in surgical rehabilitation for facial palsy

Kátia Tôrres Batista, Alexandre Faleiros Cauhi
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(3):149-152 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Objectives: To describe results in surgical rehabilitation in a series of cases with facial nerve injury, evaluated over a five year period at Hospital de Reabilitação SARAH. Methods: Retrospective study of a series of cases admitted during the years 2001 at 2006 period, with assessment of the surgical rehabilitation using the House Brackmann scale in 29 (10%), 16 (55%) and 13 (45%) female, were submitted to surgical rehabilitation. The following surgical procedures adopted are direct nerve suturing in 2 (7%), end-to-end neurorraphy, facial-hypoglossal in 4 (14%), temporal muscle transposition in 7 (24%), canthoplasty in 12 (41%) and complementary procedures in 4 (14%) cases. The follow up was three years in average. Results: The improvement in all case was at least one degree in HB score. Conclusion: All patients evolved with a functional improvement with a surgical rehabilitation and can be considered a highly relevant for the paralyzed face rehabilitation.

Keywords: Facial paralysis. Facial nerve/surgery. Treatment outcome.

 

RESUMO

Objetivo: Descrever os resultados da reabilitação cirúrgica de uma série de casos com lesão de nervo facial, avaliados durante um período de cinco anos no Hospital de Reabilitação SARAH-Brasília. Método: Estudo retrospectivo de série de casos admitidos no período de 2001 a 2006, avaliando-se os resultados da reabilitação cirúrgica conforme a escala de House Brackmann (HB), em 29 (10%) pacientes, sendo 16 (55%) homens e 13 (45%) mulheres. Os procedimentos realizados foram microneurorrafia término-terminal em 2 (7%) pacientes, hipoglossofacial em 4 (14%), transposição do músculo temporal em 7 (24%), cantoplastia em 12 (41%) e procedimentos complementares em 4 (14%). O tempo de seguimento pós-operatório foi, em média, de 3 anos. Resultados: Todos os casos evoluíram com a recuperação em no mínimo um grau na escala de HB. Conclusão: Todos os pacientes apresentaram melhora funcional com a reabilitação cirúrgica e esta pode ser considerada um importante componente na reabilitação da face paralisada.

Palavras-chave: Paralisia facial. Nervo facial/cirurgia. Resultado de tratamento.

 

Surgical rehabilitation for facial paralysis

KÁTIA TÔRRES BATISTA, ALEXANDRE FALEIROS CAUHI
Rev. Bras. Cir. Plást. 2007;22(4):253-260 - Review Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Facial palsy is the most common cranial neuropathy. It is expressed clinically as a dysfunction of the facial expression. For many years, the surgical reanimation of facial movements and above all of the facial expression has been a challenge for plastic and microsurgeons. In this article, the authors present a review of the literature on surgical rehabilitation of facial paralysis. Many procedures have been used and still today the results are limited. Despite the need of a multidisciplinary team, the plastic surgeon has prominent role in facial surgical rehabilitation.

Keywords: Facial paralysis. Facial nerve. Facial expression. Rehabilitation

 

RESUMO

A paralisia do nervo facial é a neuropatia craniana mais comum. Clinicamente se observa a disfunção da expressão facial. Por muitos anos, a restauração cirúrgica dos movimentos faciais, principalmente da expressão facial, tem sido um grande desafio para os cirurgiões plásticos e microcirurgiões. Neste artigo, os autores apresentam uma revisão da literatura sobre a reabilitação cirúrgica da paralisia facial. Apesar da necessidade de uma equipe multidisciplinar, o cirurgião plástico tem papel fundamental na reabilitação cirúrgica facial. Vários procedimentos já foram empregados, e ainda hoje os resultados obtidos na recuperação da expressão facial têm se mostrado limitados.

Palavras-chave: Paralisia facial. Nervo facial. Expressão facial. Reabilitação

 

Hand macrodactyly: a case report

Kátia Tôrres Batista, Alexandre Faleiros Cauhi, Carlos Eduardo Fagotti de Almeida, Edilberto Assumpção de Araújo, Gláucia Ângela Braz de Jesus, Hugo José de Araújo, Odésio Luiz Lunz
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(2):128-130 - Case Reports

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

The authors describe the progress over a ten year period of a single hand macrodactyly digital progressive case and corresponding surgical and rehabilitation procedures used. The female child was first evaluated at the hospital at the age of 10 months, with macrodactyly digital progressive at I and II fingers of the left hand. Afterwards she developed carpal tunnel syndrome, atrophy and lost of thumb opposition. The third ray was amputated at age 2. At age 6 she was realized finger shortening, physeal arrest and at age 9 a carpal tunnel release, II ray resection and proprius extensor tendon opponensplasty. Many interventions and treatment methods were required to relieve the compression symptoms of the median nerve and satisfactory final functional result. The authors recommend amputation as a surgical option and early carpal tunnel release.

Keywords: Fingers/abnormalities. Gigantism/pathology. Hand deformities, congenital/surgery. Finger phalanges/abnormalities.

 

RESUMO

Os autores descrevem a evolução de um caso de macrodactilia digital progressiva na mão ao longo de 10 anos e os programas cirúrgicos e de reabilitação utilizados. Criança do sexo feminino foi admitida no Hospital de Reabilitação aos 10 meses de idade, apresentava macrodactilia digital progressiva no II e III quirodáctilos da mão esquerda. Evoluiu com síndrome do túnel do carpo, atrofia e perda da oponência do polegar. Aos dois anos, foi submetida a amputação do III raio; aos seis anos, a encurtamento do II dedo, epifisiodese e, aos nove anos, a retinaculotomia dos flexores, amputação do II raio e restauração da oponência do polegar com a transferência do extensor próprio do índex. Foram necessários vários procedimentos e métodos de tratamento para o alívio dos sintomas de compressão do nervo mediano e resultado final funcional satisfatório. Os autores recomendam a amputação como opção cirúrgica e o tratamento precoce da síndrome do túnel do carpo.

Palavras-chave: Dedos/anormalidades. Gigantismo/patologia. Deformidades congênitas da mão/cirurgia. Falanges dos dedos da mão/anormalidades.

 

Surgical restoration of the thumb opposition

Alexandre Faleiros CauhiI, Kátia Torres Batista, Hugo José de Araújo, Odésio Luiz Lunz, Edilberto Assumpção de Araújo
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(4):460-465 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Loss of the thumb's ability to oppose the fingertips constitutes serious functional damage. Method: Twelve patients with loss of opposition due to varied causes were submitted to an opponensplasty consisting of either transference of extensor indicis proprius (Burkhalter-Finochietto), abdutor digiti quinti (Huber), or a flexor digitorum superficialis (modified Bunnell). All patients were submitted to preoperative assessment and were followed-up postoperatively using the same protocol. Resultados: Results were evaluated according to Kapandji's score and the Sundaraji and Mani criteria. Functional improvement was observed in eleven patients. Conclusion: We concluded that good results can be achieved irrespective of the technique employed, so long as careful preoperative evaluation is conducted and the basic principles of tendinous transference are respected.

Keywords: opponensplasty? median nerve palsy? opposition transfer.

 

RESUMO

Introdução: A perda da capacidade de oposição do polegar com os dedos longos é um grave prejuízo funcional. Método: Doze pacientes com perda da oponência por diversas causas foram submetidos à oponencioplastia utilizando-se as técnicas de transferência do extensor próprio do indicador (Burkhalter-Finochietto), do abdutor do dedo mínimo (Huber) ou de um tendão flexor superficial do terceiro ou quarto dedos (Bunnell modificada). Todos os pacientes foram avaliados no pré-operatório e acompanhados no pós-operatório seguindo um mesmo protocolo. Resultados: Os resultados foram avaliados de acordo com o escore de Kapandji e os critérios de Sundaraji e Mani. Houve ganhos funcionais em onze pacientes. Conclusão: Concluiu-se que bons resultados podem ser alcançados independentemente da técnica cirúrgica utilizada, desde que seja realizada criteriosa avaliação clínica pré-operatória e os princípios básicos para transferência tendínea sejam respeitados.

Palavras-chave: oponencioplastia? paralisia do nervo mediano? transferência de tendão.

 

Support

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license